Prova de Fogo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Sab Abr 09 2016, 15:51

Corria, corria que nem um louco, naquele momento só queria fugir de Littleroot Town. Quase havia sido descoberto pelo professor Birch e isso era algo que não poderia permitir, pois não queria voltar a prisão em que vivi toda a minha vida.
Agora estava livre e queria continuar. Quando paro, por estar cansado, dou por mim na route 101. Não estava naquela cidade em que recebi o Mudkip, mas podia dizer que já tinha conseguido alguma distancia. Por isso podia descansar. Nisto pego na pokebola do Mudkip e começo a olhar para ela, pensado:

- No meio desta brincadeira toda, acabei por me tornar num treinador de pokemons....

Nisto iria atirar a pokebola ao ar. Havia muita coisa que não sabia sobre este Mudkip e sem descobrir, não tinha noção do que poderia ou não poderia fazer. Desta forma, o pequeno pokemon que saltou para os meus braços no Laboratório, iria aparecer a minha frente. Provavelmente a olhar para mim sem perceber o que eu queria ou o que tinha de fazer.
Assim que ele aparece-se, eu iria pegar na pokedex que aquele homem me havia dado e iria aponta-la para o Mudkip. Queria saber tudo sobre o Mudkip, habilidade, qualidades, tipo, ataques, fraquezas, etc. Tudo e mais alguma coisa.
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Ame em Ter Abr 12 2016, 00:21


15h00min, Rota 101

Determinado em conhecer melhor seu inicial, Stiles o libera e já usa sua recém adquirida pokedex.
Mudkip



Mudkip pode respirar debaixo d'água usando as brânquias de suas bochechas. A barbatana em sua cabeça é muito sensível, tanto que ele a usa para captar movimentos no ar ou na água quando submerso, através disso, Mudkip é capaz de "ver" o ambiente sem o uso de seus olhos.

Com esta simples analise, Stiles agora tinha algumas informações interessantes sobre seu monstrinho, o qual encarava o rapaz com alguma curiosidade, mas logo sua expressão tornou-se desinteressada, as arvores com folhagem levemente amarelada lhe pareciam mais interessante do que o treinador diante de si.

avatar
Ame
Estagiária de Narração
Estagiária de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Qui Abr 14 2016, 18:58

Assim que a pokedex acaba-se de dar as informações que tinha, eu ficaria um pouco pensativo. De certa forma esperava uma resposta um pouco diferente desta maquineta, mais propriamente o que faria com ele. Com isto, tenho que admitir que estava um pouco desapontado, mas mesmo assim inspirava e depois expirava fundo dizendo, enquanto guardaria a pokedex na minha mala:

- Com que então um tipo de água. - Fazendo uma pequena pausa. - Agora a pergunta é: O que é que eu vou fazer contigo.

Nisto iria começar a olhar para ele. Nunca tinha planeado ser um treinador pokemon, alias, não sabia se queria isso para mim. Nunca tive grande contacto com pokemons, ou seja isto tudo estava a ser uma experiência nova para mim.
Assim que olha-se para ele, iria vê-lo a olhar para algum sitio. Dessa forma iria, olha para a mesma direcção em que ele estava a olha, dizendo:

- O que foi?

Assim que visse as folhas que o Mudkip estava a olhar, iria ficar um pouco intrigado, ao mesmo tempo que ficaria um pouco hesitante.
Não estava-mos na cidade, mas sim numa rota. Apesar de não ter tido muito contacto com estas criaturas, sabia que as rotas estavam cheias de criaturas como a que tinha recebido, por isso iria dizer, enquanto iria retirando a pokedex outra vez:

- Era só o que faltava! - Fazendo uma pausa. - Saio de um problema e meto-me noutro.

Enquanto retirava a pokedex iria mexendo as minhas mãos muito rapidamente e um pouco atrapalhado. Quem me visse, diria que iria deixar a pokedex cair a qualquer momento, mas felizmente graças ao treino que os meus pais haviam-me dado desde pequeno, tinha alguma destreza com as mãos, alias com todo o corpo, visto que a maior parte do treino que me deram, foi fisico.
Assim que volta-se a tirar a pokedex, apontaria para as folhas dizendo:

- Por favor, que não seja uma besta gigante... - Fazendo uma pequena pausa com algum receio. [color=#0066ff]- Ou um extraterrestre.... - Fazendo já uma expressão de mais preocupado.

Estando apontada para a as folhas, tinha a certeza que a maquineta conseguiria detectar que pokemon estava atrás das folhas que o Mudkip estava a olhar, isto é se tivesse algum. Mas acreditava que se aquela pequena criatura azul estava a olhar para ali, é porque tinha algum motivo para isso e eu queria descobrir, fosse como fosse.
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Ame em Qui Abr 14 2016, 22:50

Off: Quer dar um nome e personalidade para o Mudkio, Stiles? =w=


15h00min, Rota 101

Nervoso por seu pokémon ter começado a encarar um ponto qualquer sem motivo, Stiles aponta sua pokedex para aquela direção, temendo que ali houvesse algum pokemon enraivecido ou algo pior. Um minuto que mais pareceu uma hora se passou, a pokedex nada registrou, o que só dizia que Mudkip apenas não estava interessado em seu dono realmente, mas logo Mudkip começou andar ligeiro, a barbatana em sua cabeça tremia levemente, para o lugar que tinha fitado, como o treinador não se moveu, o inicial se virou e emitiu um grunhido, talvez ele quisesse ser seguido? Como Stiles reagiria a essa reação de seu pokemon?

avatar
Ame
Estagiária de Narração
Estagiária de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Sab Abr 16 2016, 19:42

A ver que a maquineta que aquele homem me havia dado não estava a funcionar, ficai um pouco surpreendido.
Nada estava a acontecer, nem por parte da maquineta, nem por parte do local onde o pokemon de agua estava a olhar. Com isto só soltei um ligeiro " Uhm? ".  Não estava perceber no que se estava a passar e por isso levantei a pokedex de forma a ficar a frente da minha cara e abanava-a ligeiramente, enquanto dizia:

- Será que esta coisa esta estragada. - olhando para ela - Bonito... Aquele homem deu-me uma maquina avariada.

Nisto baixaria a minha mão, começando a guardar a pokedex na minha mala. Enquanto fazia, estava a pensar na situação. Ela tinha-me dado as informações sobre o Mudkip. Se tivesse ali algum pokemon, ela tinha-me dado as informações dele. Ou seja, era o bicho azul que estava a fazer pouco de mim.
Nisto começa a olhar para ele, com uma cara de quem tinha descoberto a gracinha, mas que não estava a gostar, enquanto diria:

- Muito engraçadinho... - Fechando os olhos e levantando a cabeça. - Eu sabia que devia ter escolhido o de fogo. - Dizendo para mim.

Voltando a olhar para o Mudkip, este estava a andar ligeiramente, enquanto abanava a sua barbatana.
Ao ver aquilo, lembrei-me do que a pokedex havia dito. A barbatana dele servia como radar e provavelmente ele estava a detectar alguma coisa que estava longe.
Era um misterio e isso estava-me a encantar. Nisto o bicho azul iria virar-se para mim e grunhir.
Agora tinha a certeza, ele tinha detectado alguma coisa e eu queria saber o que era, já não conseguia pensar noutra coisa em descobrir o que ele detectou. Dessa forma, sorri e disse:

- Lidera o caminho. Eu vou atrás.

Sendo assim, ira deixar o Mudkip guiar-me. Era ele que sabia que onde estava o que ele havia detectado, por isso, ele era o único que me podia levar lá. Dessa forma, se ele começasse a correr, eu iria atrás, mas se ele começa-se a caminhar calmamente, eu iria tentar manter o mesmo ritmo. O que queria era não perde-lo de vista.



Off:

Nome para o mudkip não..... No que diz respeito a personalidade, queria que ele tivesse uma personalidade um pouco brincalhona, ao mesmo tempo que emocional. Ou seja, que se apega facilmente as pessoas e esta sempre a mostrar os seus sentimentos, mas também aproveita para usar os seu sentimentos de forma a fazer umas piadas e " brincar " com que está a sua volta
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Ame em Dom Abr 17 2016, 04:19


15h00min, Rota 101

Stiles decidiu seguir seu inicial pelo caminho que este apontava, assim eles adentraram na rota, saindo do caminho delimitado por terra. Indo por fora do caminho, a vegetação tornava-se densa e alta. Mudkip andava devagar, mas nunca parava, sua barbatana começava a abanar mais forte até que enfim chegaram num lugar que parecia ter sofrido com uma explosão, pois a grama tinha sido queimada e uma arvore estava quebrada bem no meio da cena, mas isso não era tão chamativo quanto outro detalhe: um pokemon caído, inconsciente no meio de onde deveria haver grama.

avatar
Ame
Estagiária de Narração
Estagiária de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Sex Maio 27 2016, 15:37

Ao ver aquele lugar, fiquei sem reação. Apenas olhava chocado e espantado, pois um lugar que deveria ser coberto de uma vegetação de um verde que transmiti-se calma e tranquilidade, estava em tons de cinzento e preto, devido a ter sido aparentemente queimado numa explosão.
Enquanto via este cenário, que para mim, parecia estar a ver o inferno com os meus próprios olhos, caminhava lentamente perguntando-me a mim mesmo:

- Mas que... - Fazendo uma pausa, ainda tentando assimilar o que estava a ver. - Que raios é que se passou aqui?!

Enquanto caminhava por aquele local a dentro, se saber o que pensar, olhava a minha volta. Talvez algo ali pode-se dar-me alguma pista do que se havia passado, mas deixei de o fazer muito rapidamente.
Apenas procurei por alguns segundo, pois algo havia entrado no meu campo de visão. Conseguia ver uma criatura deitado no chão. Percebi logo que esta deveria ter sido apanhada na explosão, dessa forma, deveria estar ferida. Sendo assim, comecei a correr na direcção dela e quando chega-se ao pé dela, iria baixar-me dizendo:

- Ei! - fazendo uma pausa. - Estas bem?

Nisto ira pegar nela ao colo e assim que já a tivesse ao me colo, iria pegar na maquinela que aquele homem me havia dado, apontando-a depois para o bicho.
Se o queria ajudar, tinha que ter o máximo de informação possível sobre aquele pokemon, e não havia nada melhor que a pokedex para me fornecer essa informação.

off:

Sorry! Sorry! Sorry! Eu sei que tive off durante muito tempo, mas não tive como entrar. :S

Se tiveres desistido da minha aventura, eu percebo. Peço é desculpa por não ter dito nada. :S
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Ame em Sex Jun 03 2016, 03:57

Off: Oi! Precisa de desculpa não, eu também estive bem ausente por questões pessoais. =w=/ Bem vindo de volta.


15h00min, Rota 101

Espantado e surpreso, o treinador se aproxima do pokemon abatido e o acolhe em seus braços enquanto perguntava se estava bem, mas este não podia lhe responder, afinal, estava inconsciente. A pokedex informava que o pokemon era um Pineco, o conhecido inseto que se auto destruía para se defender de inimigos. Isso explicava o estado do local, provavelmente, Pineco havia explodido para espantar alguma ameaça ou encerrar uma batalha, graças a isso, o pokemon estava totalmente indefeso. O que o treinador faria diante disso?


avatar
Ame
Estagiária de Narração
Estagiária de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Qui Out 19 2017, 20:01

Assim que a pokedex identificou aquela criatura como um Pineco, algo em mim não batia certo. Apesar de não ter gostado da minha infância, tinha que admitir que aquelas lições intensas tinham servido para alguma coisa e neste caso o saber que não era normal estar aqui um Pineco.
Nisto iria pensar para mim mesmo:

- Mas o que é que eles está aqui a fazer? - fazendo uma pausa - Se bem sei, não é normal ver um Pineco aqui. Talvez tenha um treinador.

Isso agora não importava, o que importava era fazer com que este Pineco voltasse a recuperar os sentidos.
Dessa forma, iria colocar a minha mão direita na minha mala de cintura. Sabia que tinha uma poção, dessa forma iria conseguir ajuda-lo... Mas assim que a tirasse da mala, iria olhar para ela com alguma excitação, dizendo:

- Esta é a única que tenho...

Com isto iria começar a olhar para o Mudkip e a pensar. Se usasse agora esta poção no Pineco, não iria ter mais nenhuma e se algo acontecesse ao Mudkip, não tinha como o curar. Em contra partida não conseguia deixar este Pineco aqui, sem o ajudar. Nisto iria respirar fundo e dizer para mim mesmo, olhando para a criatura inconsciente:

- Que se dane, seja o que os deuses, o karma ou o " what ever " quiseres....

Dessa forma, iria usar a poção no Pineco. Não saiba se ia resultar ou não, mas não podia deixa-lo alia, sem mais nem menos. Assim que acabasse de usar a poção, iria olhar em meu redor.
Achava estranho estes Pineco ser selvagem, mais depressa acreditava que ele tinha um treinador ou treinadora. Dessa forma, enquanto esperava para ver se a poção fazia efeito, ia falando em voz alta a ver se alguém me ouvia:

- Está ai alguém?! - Fazendo uma pausa. -Respondam! Bolas!

avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Bedendo em Seg Out 23 2017, 22:23


O treinador ia ao amparo do pokémon inseto, preocupado com a situação, cogitava utilizar sua única poção em Pineco. Ele falava em voz alta tentando encontrar o dono do pokémon.

De algumas árvores, surge um garoto carregando algumas frutas em seus braços.

 - Quem é você? - Perguntava o garoto - Saia de perto do meu Pineco agora! - Falava pegando uma pokébola de sua cintura.
avatar
Bedendo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Ter Out 24 2017, 14:09

De súbito comecei a ver a ver alguém. Tenho que admitir que ver aquele garoto deixo-me aliviado, pois já não estava sozinho e talvez ele consegui-se ajudar em alguma coisa, mesmo sendo o garoto.
O problema, foi a reação dele, pois ele mal me viu, disse:

- Quem é você? - Fazendo uma pausa - Saia de perto do meu Pineco agora!

Ao ouvir aquelas palavras, comecei a ferver de raiva. Sou muito calmo e amigável, mas não suporto que me façam de bandido, especialmente quando o garoto já estava a por pegar uma pokebola da sua cintura.
Sendo assim, levantei-me, mantendo o Pineco ao meu colo e olhei para ele friamente, como a única coisa que sentisse era raiva e que queria matar alguém. Nisto ia começar a caminhar lentamente, dizendo:

- Agora é que preocupas?! - Fazendo uma pausa de 1 ou 2 segundos. - Enquanto tu estavas a fazer não sei o que, o teu Pineco estava aqui inconsciente! Se não fosse eu a usar a minha poção nele... Nem quero imaginar o que tinha acontecido.

Assim que chega-se ao pé dele e fica-se frente a frente com ele, iria entregar-lhe o Pineco. Apesar de não gostar da atitude dele, ele era o treinador desde pokemon, por isso tinha que lho dar.
Mas mesmo assim, não ia deixar de lhe dar um bom sermão pela estupidez dele. Dessa forma, assim que lhe desse a criatura, iria dizer:

- Eu posso me tornado um treinador há coisa de minutos, mas posso dizer que eu preocupo-me mais com os pokemons que tu. - fazendo uma pausa. - Pois eu nunca deixei, nem nunca vou deixar o meu Mudkip, como fizeste com o teu Pineco.

Agora que já tinha descarregado toda a minha raiva, já me iria sentir mais aliviado. Talvez tivesse exagerado nas minhas palavras, mas era impossível controlar-me. Dessa forma, iria acrescentar para ver se acalmava um bocado a situação:

- Eu não sei se a poção funcionou ou não. Vai já para o pokecentro mais próximo para o curar.

Agora eu já não podia fazer mais nada, tinha de ser ele a decidir o que fazer e para onde ir. Não sei se iria valer a pena ou não ir com ele, pois se ele começa-se a correr para o pokecentro mais próximo, eu iria seguir o meu caminho e deixa-lo ir. Se ele me pedisse parar ir com ele, não tinha outro remédio se não ir, pois era sinal que ele não conseguiria chegar ao pokecentro sozinho.

Off:

Sorry, Sorry. Estive a estudar até agora. XD Mas já está. XD
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Bedendo em Ter Out 24 2017, 23:06


 
 - Eu não o abandonei! - Dizia o garoto - Eu apenas não tinha como carrega-lo enquanto procurava por frutas para ele. - Pequenos sinais de lágrimas surgiam de seus olhos, porém ele engolia o choro.

O garoto falava e Stiles acabou notando que ele ainda era uma criança, provavelmente por volta de seus oito anos.

Percebendo que apenas estavam com os ânimos pegando fogo, a criança recolhias as frutas que havia deixado cair e se dirigia a Stiles.

 - Por Favor, coloque-o no chão - Enquanto pedia isso, se sentava e tirava um pequeno pilão, uma faca e uma tábua, onde começava a cortar as frutas, uma Sitrus e uma Lum berry, após picar em cubos, jogava dentro do pilão e os amassava até formar um suco concentrado que era administrado ao pokémon.

Aos poucos as feridas de Pineco começavam a melhorar, no momento ele apenas dormia profundamente, se recuperando de uma intensa batalha.

 - Meu nome é Ariel, me desculpe pela minha reação, não pude evitar. Eu sou um aspirante a criador, moro na cidade vizinha, em Odale. Quem é você? - Terminava perguntado.
avatar
Bedendo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Qua Out 25 2017, 13:43

Depois desta trapalhada toda e da reação do rapaz, tive a certeza que exagerei no que lhe disse. Mas de certa forma não me arrependia, pois tive de o fazer para descarregar. De qualquer forma, assim que ele acaba-se de falar, eu ia dizer:

- Uhm... Não há stress. Eu também exagerei um pouco. - Soltando um pequeno eheh - Sou o Stiles e este é o Mudkip. - Apontando para o meu recente parceiro

Nisto iria olhar para o Pineco. Pelo que estava a ver, as feridas estavam a desaparecer e era algo incrível de ver. De certa forma, estava a começar a ficar com um sorriso, pois isto era sinal de que ele iria melhorar e que foi mais o susto que o Dano.
Assim, ia sentar-me e perguntar:

- Mas... O que é que se passou aqui? - colocando a minha mão no queixo e deixando o meu Mudkip ir para o meu colo. - Quando chega-os o Pineco já estava ferido, será que alguma coisa o atacou e para se defender, ele auto-destruiu-se?

Nisto iria olhar para o pokemon outra vez. O que me passava pela cabeça é que uma criatura que se auto destruia para não receber danos do adversário só poderia ser muito burra, pois era mais o dano que recebia com esse ataque, do que com os ataques inimigos.
Nisto eu ia dizer:

- Acho que é melhor ensinares ataques novos ao Pineco, já deu para ver que ele ter o Self-Destruct não é boa ideia.

Nisto iria rir-me.
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Bedendo em Qua Out 25 2017, 23:03


 - Muito prazer! - Dizia Ariel, que recolhia seu pokémon para sua pokébola - Bem nós estávamos lutando com um pokémon selvagem, porém o Pineco é meio medroso, então quando ele se assusta acaba usando seu Self-Destruct instantaneamente. Estávamos tentando trabalhar isso.

Ele guardava algumas frutas que haviam sobrado e alcançava outras para Stiles.

 - Essas são Orans e Pechas berry, tenho bastante delas, pode ficar, podem ser bastante uteis durante sua viagem. Hoje em dia se pode fazer tudo com ela, só ter um pouco de habilidade.

Off escreveu:Vai querer participar do Friend Safari?



avatar
Bedendo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Stiles em Qui Out 26 2017, 16:41

Assim que estes me estava a tentar dar as frutas e explicou o que eram, eu aceitei. A verdade é que agora não tinha nada contra o garoto e até estava a aprender alguma coisa, por isso iria dizer:

- A serio?! - fazendo uma pausa - Obrigado.

Nisto iria soltar um sorriso, como se fosse uma criança que acaba-se de receber um brinquedo novo. Ia guardar as frutas na minha mala e assim que o fizesse, iria pegar no meu Mudkip e mete-lo no meu ombro, levantando-me de pois.
Assim que já estive-se de pé, iria olhar para o garoto e dizer:

- Pelo que vejo, é um criador experiente. - fazendo uma pausa. - Eu vou andando. Quero ver se chego a Oldale Twon, o mais rápido possível. - fazendo uma pausa e começando a andar para Oldale. - Tenho a certeza que não há problema em deixar um Criador experiente como tu sozinho.

Enquanto diria esta frase, ia estar a olhar para ele com um sorriso e piscaria o meu olho direito. Com isto, queria que ele percebe-se que estava a seguir o meu caminho e deixa-lo, não porque não queria estar ao pé dele, mas sim porque sabia que ele ia ficar bem que que a melhor forma de se tornar num criador de pokemons era ao resolver os problemas ele sozinho.
Ou seja, eu só iria atrapalhar. Dessa forma, iria soltar um " Adeus " e continuaria a andar para Oldale com o meu Mudkip.

OFF:

Epa, se der tempo, ya. Até tava a pensar fazer. Se não der não faz mal, pelo menos quero conseguir um Wurmple nesta aventura. XD
avatar
Stiles
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prova de Fogo

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum