001 - Esperanças para uma nova jornada [ Carl Marshall ]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

001 - Esperanças para uma nova jornada [ Carl Marshall ]

Mensagem por Carl Marshall em Sab Abr 23 2016, 13:09

001 - Esperanças para uma nova jornada



Eu já estava de pé quando meu pai bateu na porta do meu quarto pedindo para eu descer e tomar o meu último café da manhã ao lado dele. Treecko passou a noite dormindo em uma pequena cama feita de lençóis que eu havia montado para ele e também já estava de pé e disposto a iniciar o novo dia.

Depois de tomar banho, Carl desceu as escadas e se dirigiu até a mesa para comer o que seu pai havia preparado.

- O que... é isso? – Disse Carl enquanto deixava clara uma expressão de dúvida.

- Café da manhã! Ovos fritos! – Disse seu pai enquanto lançava um enorme sorriso ao rosto.

- Você tem certeza? Ao menos tentou?

- Pare de coisa e sente-se. Tem um pouco para o verdinho também, venha e coma.

Treecko deu um salto e se sentou ao lado de Carl na mesa. O pokemon experimentou a comida feita pelo pai de Carl e adorou.

- Viu só! O verdinho adorou! – Disse ele enquanto gargalhava.

- Corajoso você hein... – Disse enquanto pegava uma garfada dos ovos fritos que o pai tinha feito. – Até que estão bons...

- Eu te disse... – Ele parou e respirou fundo. – Então, por onde você vai iniciar a sua jornada? Vai seguir adiante ou vai dar uma volta por aqui?

Carl terminava de mastigar quando decidiu então responder.

- Eu estou pensando em dar uma olhada pela cidade e depois dar uma volta até Oldale Town.

O pai de Carl se surpreendeu na hora.

- Oldale Town? Mas você vai estar retornando...

- Eu sei, mas acho que seria bom treinar um pouco o Treecko antes de tentar ir direto ao ponto com algo.

- Bem pensado.

O pai de Carl se levantou e se preparou para mais um dia de trabalho na serralheria em que ele trabalha. Carl se dirigiu até a porta e deu os último reparos em frente a um pequeno espelho que estava logo ali próximo. Antes de sair, ele olhou para a foto da mãe dele e sorriu.

Ao abrir a porta, ele sentiu o aroma fresco de Petalburg City impregnar os seus pulmões.

- Bem... É aqui que a gente se despede, filho! Vá para Oldale Town e tome cuidado! – Disse o pai de Carl enquanto dava um forte abraço no filho.

- Calma Calma... Oldale Town é aqui perto... Eu vou lá, treino um pouco e retornarei. – Disse ele quase sufocado pelos enormes braços do pai.

- Eu sei! Mas já estou sentindo saudades...

- Tenha calma, eu já disse... não há com o que se preocupar.

- Sua mãe ficaria orgulhosa. Tenha certeza disso!

- Certeza mais do que absoluta, pai.

Os dois ficaram alguns segundos parados e então se despediram. O pai de Carl se dirigiu até a serralheria enquanto ele seguia até a saída da Cidade em direção a Route 102 com o objetivo de chegar a Oldale Town.

- Treecko! Vamos arrasar não vamos? – Disse ele enquanto o seu pokemon subia em suas costas.

Com o objetivo de ganhar experiência para os seus futuros Contests, Carl e Treecko saem em rumo até Oldale Town onde iniciarão a sua jornada com muitas expectativas e descobertas.
----------

• OFF •:
Objetivo: A busca pela a aparição de algum pokemon ou uma determinada batalha antes de sair da cidade.

----------

Time atual:


Carl Marshall
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 001 - Esperanças para uma nova jornada [ Carl Marshall ]

Mensagem por Ame em Ter Abr 26 2016, 11:29

Off: Olá, futuro coordenador, serei sua narradora, espero que goste da rota. =w=/


10h00min, Ruas de Petalburg

Após um "ultimo" café da manhã na companhia de seu pai, Carl e treecko seguiram pela grande Petalburg, um ultimo passeio antes de irem para Oldale. O centro comercial já estava movimentado mesmo de manhã, as lojas estavam começando a ficar lotadas, assim como os cafés e demais estabelecimentos.

Alguns taillows sobrevoavam a cidade, pousando em algumas das muitas praças da mesma no caminho. Embora houvesse uma movimentação de pessoas já de manhã em Petalburg, pouco podia ser dito de pokemon, o que não era surpresa, visto que dificilmente os selvagens iriam cruzar o caminho das pessoas assim tão cedo, isso era um obstaculo no objetivo do coordenador de treinar um pouco antes de deixar a cidade, o que ele faria para superar isso?

avatar
Ame
Estagiária de Narração
Estagiária de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum