Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Qui Dez 28 2017, 00:04






Ruas de Petalburg



Skitty havia dado um bom dano em Misdreavus, mas não tanto quanto esperava. Não podia arriscar agora nenhum movimento especial ou de alteração de Status, provavelmente a gatinha se nocautearia em mais um movimento. Teria que contar com a agilidade da felina e propor o mesmo ataque físico à ela.

— Tudo bem, você foi a melhor em como pode. Tente persistir em dois Tackle, que a sorte esteja conosco.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Qui Dez 28 2017, 21:24


Skitty tentou resistir, mas a velocidade de Misdreavus era claramente uma vantagem e bastou apenas 1 do seu psywave para garantir que a gata do tipo normal fosse derrotada. O rapaz estava em péssimos condições, sem muitos pokemons ainda disponíveis.

- Puff... ainda se chama de treinador. Muito fraco... Agora meu caro, vai tentar encarar ainda. Minha miss ainda esta de pe e cheia de energia e meu Sableye esta disposto a batalhar ainda. Acho que acabarei levando seu dinheiro também em

O rapaz de cabelos brancos riu e encarou de forma superior Tielo. O rapaz teria alguém capaz de vencer do pokemon fantasma atual dele e também de enfrentar o ultimo, garantindo assim que ele pudesse vencer e levar um dinheiro e não perder ele?

O jovem estava ainda cercado, sableye estava atrás dele, pronto para atacar e misdreavus, apesar de visivelmente cansada, estava ainda capaz de fazer grandes coisas.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Sex Dez 29 2017, 10:13






Ruas de Petalburg



O jovem não se rebaixou as provocações do oponente. Estava em uma desvantagem tremenda de tipo. Seus Pokémon não tinham habilidades contra fantasmas. O justo seria usar Mudkip novamente, afinal, já foram os três contra três. Se mesmo que pudesse quebrar a regra, Poochyena não tinha nem Foresight nem movimento a mais do que tipo Normal. Além de dois casulos. Sua tentativa de treinar Pokémons falhou em partes.

A prepotência do adversário logo seria dada conta por Norman, afinal o líder estaria preparado para este tipo de situação.

— Enfim. Justo o dinheiro. Mas eu não tenho muito, e não sei quanto você exatamente merece... - Disse pensativo sobre a quantia.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Ter Jan 02 2018, 21:11


O rapaz, riu descontroladamente sobre aquele fato. Depois de alguns segundos sem nada dizer, apenas rir, parou e encarou o rapaz, que ainda estava cercado pelos pokémons

- Acha mesmo, que você escolhe o quanto eu mereço ou não? Esta achando-se mais do que realmente e meu caro...

Ele levantou e pela primeira vez durante a batalha toda, aproximou-se do rapaz. Muito próximo, de certa forma ate quase deixar ele desconfortável. Parou apenas quando Poochyena latiu. Não parecia ter medo dela, mas decidiu marcar aquilo como seu limite.

- Se me der $150 agora, deixo-o ir e fingirei que nunca vi sua cara patética por aqui. Agora, se ainda quiser batalhar, pode vir... meus pokemons não irão perder para você. E levarei mais ainda de voce.

Misdreavus e o Sableye vinham aproximando-se do rapaz fechando-o. O que faria TIelo?
Off:
Se você quiser, pode tentar usar todos seus 6 pokémons contra ele. Mas como já sabe, não é garantia de vitória. Fica ai a critério o que poderá fazer.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Sab Jan 06 2018, 11:57






Ruas de Petalburg



Tielo fingiu que nem ouviu as provocações. E de fato, mal tinha levado aquilo em consideração. O que tinha pensado em ser um oponente digno, havia se transformado em um poço de arrogância e prepotência. Essas pessoas naturalmente se afundavam, não teria necessidade dele fazer ali e agora.

—150 é muito bem pago. Por mais que eu quisesse, meus Pokémons para derrotar o seu tipo estão em meu Storage, comigo apenas Normais... Aliás, sua estratégia cai por terra com um simples Foresight. - Revidou arrogância com arrogância, jogando o dinheiro, dentro de uma pequena sacola na direção do oponente, enquanto retornava todos os Pokémons e virava as costas. Precisaria ir à um centro Pokémon agora.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Dom Jan 07 2018, 20:12


Jogar os 150 pokédolares foi o suficiente para que o rapaz fosse deixado em paz, portanto, quando o mesmo passou por sableye, ele saiu do caminho. Sorridente e feliz com isso, o rapaz virou-se e sentou de volta em sua pedra, comemorando junto de seus pokémons a vitória.

Chegou rapidamente no centro Pokémon, onde pode recuperar os pokémons que havia usado na batalha e avaliar os resultados da batalha, antes de tomar uma nova decisão de como deveria ser seguir com sua aventura agora.
EXP::
Mudkip – 1050 de EXP upou para o level 15 e 3 de felicidade.
Corphish – 263 de EXP e upou para o 11. Nade de felicidade.
Skitty – 263 de EXP, não upou e ficou perdeu 1 de felicidade.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Qua Jan 10 2018, 22:56






Ruas de Petalburg



Depois de um desaforo, uma batalha, uma derrota. O trovador recuperou seus Pokémons no centro com a competente enfermeira. E olhou para a lua enquanto carregava todos seus pertences.

Precisava de uma companhia. Não poderia carregar os dois casulos. Mas os outros três estavam cansados e Poochyena já havia ficado fora tempo demais. Era melhor atentar-se à esta realidade.

O segundo desejo de sua lista por hora era recuperar o que perdeu. Ou ganhar algum item. Quem sabe? Caminhou pelas ruas sem rumo. Talvez algum trabalho para um artista versátil aparecesse. Ou então aquele cartaz novamente? Por que não?

Mas nem tinha reparado onde era. Se estava no mesmo local, se alguém já havia passado e pego.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Qui Jan 11 2018, 20:42


Preocupado em como iria reunir novamente dinheiro para poder fazer o que desejava, o treinador voltou ao centro Pokémon recuperou os pokémons e além disso, o mesmo, foi atrás de um cartaz que havia visto mais cedo, onde ofereciam uma oportunidade para trabalhar em um show de pop.

Para a felicidade do rapaz, quando procurou o cartaz, o mesmo ainda estava pendurado sobre o mesmo local onde havia visto mais cedo, portanto poderia continuar a aproveitar daquela oportunidade para assim ganhar algum dinheiro.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Qui Jan 11 2018, 21:28






Ruas de Petalburg



O jovem retirou o Pokémon aquático e azulado da Pokébola. Estava agoniante não ter com quem conversar. Conversar era uma ótima estratégia para fazer um brainstorm de criatividades de situações. Afinal ideia parada na mente, empaca a fila. Agarrou o pequeno Pokémon no colo e caminhou com ele.

— Olha, vai se desacostumando à isso. Uma hora você vai evoluir e ficar pesado. E aí será você quem irá me carregar. - Mudkip fez uma expressão confusa quando ouviu isso. Seu treinador havia reparado, e tentou traduzir como uma ansiedade positiva em logo evoluir e ver os lados positivos da evolução, assim como a ansiedade negativa, em ter medo do desconhecido, afinal, era uma mudança sem volta, e se não gostasse, não poderia ser um pequeno e fofo Mudkip outra vez... - Bom, esse cartaz está aqui de novo... Será que esse evento ou festa ainda precisa de um musicista? Preciso me orientar de onde estou e pra onde vamos. - Finalizou procurando um endereço ou algo que pudesse informá-lo do local. Caminhou até o local, analisando a situação.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Sab Jan 13 2018, 09:08


Tielo retirou o cartaz da parede enquanto carregava seu mudkip no colo. Ele procurou informações como endereço e detalhes para a realização do serviço. Detalhes ele não achou, o panfleto era bem sucinto e simples, já o endereço, apesar de não estar completo tinha um ponto de referencia bem claro.

“Nossa loja fica a um quarteirão a esquerda do ginásio de Petalburg”


E foi para lá que ele foi. Passou por onde havia realizado sua batalha a algumas horas atrás e depois pelo ginásio. A noite estava ficando cada vez mais escura e a lua mais brilhante.

Ele passou o ginásio e seguiu conforme as instruções, até que chegou a uma pequena loja de doces, simples, com um letreiro que dizia:

“Doceria Petalwoods – melhores doces da região de Hoenn”


Devido ao horário o local estava fechado para clientes, mas havia uma luz vinda de dentro, que poderia ser vista pelo vidro da vitrine, a luz vinha dos fundos e era fraca, mas poderia significar a presença de alguém.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Sab Jan 13 2018, 19:16






Ruas de Petalburg



O local parecia uma grande penumbra. Uma doceria? Uma doceria contrataria um artista? Para que finalidades? Era difícil pensar no que fazer ali. Bom, era uma apresentação de fato, ou não? Mas para que público exatamente?

O jovem bateu na porta algumas vezes e gritava por alguém, e era acompanhado por Mudkip.

— Oooooooooi. Alguém aqui? - Tentava grudar sua cara no vidro e apertava os olhos em direção à luz ver se alguém aparecia. Talvez o show já estivesse acabado na verdade...



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Sab Jan 13 2018, 22:29


Não demorou para serem atendidos na porta por uma garota baixa, de quase um metro e meio de altura. Era um pouco maior. Cabelos rosa, usava um chapéu de chefe e um avental branco cobria suas roupas casuais, uma calça jeans e uma camiseta vermelha.

- Sem rapaz, o que deseja? – ela olhou para ele e então se tocou do que deveria se tratar – Imagino que tenha vindo para falar sobre a o trabalho no show! Pode entrar.

Ela saiu do caminho e então o rapaz poderia entrar, mas antes que o mesmo pudesse entrar, ela voltou a falar alguma coisa.

- Qual seu nome? E porque esta aqui? O que pretende fazer no show e o que acha que vai fazer?

Cheia de perguntas, algumas talvez desnecessárias ou com respostas ainda difíceis de se dizer, mas enfim, eles poderiam conversar, bastava o rapaz entrar ou não.

Dentro dava para ver algumas mesinhas de madeira redonda, com cadeiras de madeira branca. Uma balcão com parte em vidro e atrás dele um balcão e armários, uma porta estilo velho oeste no fundo e dela vinha a luz provavelmente do recinto em que a garota estivera antes.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo em Dom Jan 14 2018, 12:43






Ruas de Petalburg



Uma jovem dama atendia a porta do estabelecimento. Sua aparência e postura não surpreendia o trovador, era o que esperava de uma confeiteira. Se é que ela realmente fosse uma, pensou no que mais ela poderia ser.

— Oras, parece que temos uma pessoa bem comunicativa aqui. - Disse baixinho para o Pokémon em seus braços, que concordava pronunciando apenas a primeira silaba de seu nome. Enquanto isso o jovem caminhava para junto da moça, enquanto formulava frases e frases em sua cabeça, para depois soltá-las. - Então, pode me chamar de Tielo, e seu nome qual é? - Tentou analisar o ambiente e a decoração, talvez isso ajudasse-o a entender que tipo de público o aguardava. Mas parecia tudo bem simples, porém detalhado. Algo mais aconchegante na verdade do que refinado. - Estou aqui pelo trabalho. Na verdade sou um treinador, porém também sou um artista. Minha família é meio nômade, vivem de atividades circenses de cidade em cidade, em grandes carruagens... Talvez já tenha os visto em algum lugar. Pra saber o que vou fazer, preciso saber pra quem vou fazer. Cada público assimila um pouco melhor alguns tipos de atividades. Fiz um trabalho na escola de Oldale há pouco tempo, para crianças pequenas que envolviam músicas, contar histórias e lendas, e coisas de Pocket Show. Mas então, o que a senhora, jovem dama, esperaria de um artista?



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Fons em Dom Jan 14 2018, 22:06


O rapaz adentrou ao recinto acompanhando a moça e lhe respondendo as perguntas, além de assim que suas respostas foram dadas, realizar algumas de seu interesse.

A garota gostou de que o rapaz tivesse vindo ao encontro dele para buscar informações sobre o trabalho e de enfim poder realizar o mesmo. Sentou o rapaz em uma de suas mesa,s fechou sua porta e foi lhe buscar um copo de agua que colocou a frente e uma vasilha no chão com ração e agua para seu querido Pokémon.

- Bem... Meu nome é Reina, como deixei no anuncio – disse sentando-se a frente do rapaz – Eu não posso lhe informar o nome de meu chefe. Por algum motivo meio banal ele não me deixa divulgar seu nome, mas posso lhe dizer que ele é alguém de suma importância para essa cidade.

Ela se levantou e foi buscar um papel que estava atrás de sua bancada e trouxe junto de uma caneta para entregar ao rapaz.

- Bem... O trabalho não lhe permitiria tocar, antes que ache que sim, já vou quebrar essa sua expectativa. Porém a banda convidada e os DJs, virão e o trabalho e fazer com que tudo no backstage funcione sem problemas e que as estrelas estejam contentes. O pagamento seria avaliado pelo chefe que ficará de olho em nosso serviço o tempo todo e o máximo que poderá receber sera 1000 dependendo de seu desempenho. Se estiver de acordo, pode assinar esses termos e assim poderei lhe dar mais detalhes e como e onde deveremos começar e o que fazer.


avatar
Fons
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Tielo Hoje à(s) 01:50






Ruas de Petalburg



O jovem ouvia meio confuso. Era algo diferente, e poderia ser um trabalho bruto e ao mesmo tempo delicado. Ele seria um produtor? Era isso que tinha entendido?

— Pelo que eu entendi, atuarei como um produtor, é isso? - O jovem questionou, sem muito o que pensar. O trabalho era um trabalho. Geralmente, em palcos, não era conduzido, não tinha ninguém por trás de seu trabalho. Porém sabia como funcionava um show com produtores, horários, esquemas, luzes, visões. Porém não tinha muita experiência nisso. Mas tinha experiência em ser um artista, conseguia compreender um com suas necessidades e interesses. Seria um ótimo aprendizado.

Desde que saiu do seu povoado, sempre achou que aprenderia mais sobre Pokémons do que artes e seus trabalhos em geral. Mas a vida sempre surpreendia. A arte talvez seria infinita? Antes, teria que conquistar a atenção de crianças pequenas, coisa que nunca tinha feito. E agora, algo mais bastidores, ou talvez precisasse se apresentar um pouco. Não sabia os detalhes, mas empolgou-se.

— Ótimo, me diga o que fazer e por onde começar, que eu já estou pronto!
- A empolgação na voz de Tielo tornou-se nítida para Mudkip, afinal, seu mestre sempre disfarçava emoções, para que seus trabalhos ficassem mais dramáticos quando ele definitivamente soltasse elas de seu peito. E com isso, empolgou-se também. Será que haveria espaço para seus Pokémons trabalharem? Pensava em uma maneira de inclui-los em suas energias e universos. Mas não pensava no momento em como. Tudo se encaixaria na hora certa.



_________________
avatar
Tielo
Estagiário de Narração
Estagiário de Narração

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Capítulo 5 - Inconspícuo [Tielo]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum