Primeiro golpe conjunto

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Qua Out 25 2017, 22:56


Oddy caminhava feliz pelas ruas de Sootopolis, tinha recém capturado um pokemon dragão de fogo raro e estava doido para vê-lo em ação. Porém uma ligação tomou conta de seus pensamentos, era Larissa Block, sua namorada que o jovem viu poucas vezes desde que saiu em jornada em Johto. Ela soube que um tal de Dias tinha capturado um Turtonator no Safari em Sootopolis e ligou para avisar que também estava na cidade, para eles se encontrarem. O ruivo ficou emocionado com o encontro, passaram a noite juntos no CP e acordaram cedo para discutir um assunto que a loira queria muito falar com Oddy.

Ela estava na cidade porque iria aplicar um golpe em um homem que tinha muito dinheiro e uma certa queda por meninas jovens. Era sua especialidade, mas ela sabia que a quantidade de dinheiro envolvido era grande e ela podia precisar de ajuda caso o homem fosse precavido. Depois de muito tempo conversando, os dois decidiram que a partir de hoje fariam sua jornada juntos aplicando golpes por ai. Dialogaram sobre muitas coisas inclusive sobre seus pokemons atuais, Oddy resolveu então lhe dar de presente Tróia, afinal ele já tinha guardado o lugar de Turtonator no time e o cavalo ficaria esquecido, podia ser útil para Larissa. Foram juntos então para o Centro Pokemon onde o ruivo entregaria a pokebola de Ponyta de presente a ela e pegaria seu Turtonator no Storage.

- Agora vamos falar sobre o golpe. - Disse enquanto caminhavam em direção ao um banco afastado onde ninguém pudesse ouvir.

Off:
Olá, narrador! Esse tópico é importante para o desenrolar da minha história, é a primeira rota com a NPC e queria que fosse bem legal, sem pressa ou nada do gênero. Busco primeiramente ganhar dinheiro tanto para Oddy quanto para Larissa, e treinar os pokemons se possível. Quanto a dar Ponyta a ela, nas Regras e orientações de um NPC, diz que se pode presentear o NPC com itens e pokemons. "Ponyta->Larissa" "Turtonator->Box" Off²: Sinta-se a vontade para narrar a Larissa.
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Seg Out 30 2017, 14:16

Depois de se encontrar com sua namorada, Oddy a acompanhou até o Centro Pokémon, onde passaram a noite. Eles conversaram sobre os motivos de ela estar ali em Sootopolis. Ela tinha planos de dar um golpe em um senhor rico, e queria muito a ajuda de Oddy, já que tinha muito dinheiro envolvido ali. Os dois então decidiram dar uma volta para poder conversar, já que o Centro Pokémon não era um lugar muito aconselhável para aquele assunto.

Depois de muito conversar eles resolveram voltar ao Centro Pokémon, Oddy aproveitou para presentear Larissa, com Tróia, o cavalo de fogo. E logo depois trouxe Turtonator para sua equipe, tomando o lugar de seu ex Ponyta. Logo depois disso, os dois foram até um banco mais reservado, e se sentaram.

O Centro Pokémon naquele dia, estava um pouco agitado, e quando Oddy pronunciou aquelas palavras, Larissa olhou para os lados, para ter certeza de que ninguém os estivesse ouvindo. Talvez fosse melhor voltar a conversar lá fora, talvez em uma praça ou até mesmo na praia.
Off: Agora é minha vez rsrs
Sobre a NPC, pode ficar à vontade para Narrar as ações dela, eu só vou assumir de vez em quando, quando eu achar necessário, ou/e em alguma batalha que seja em dupla. Fora isso, pode fazer o que quiser rsrs. Deixe fluir o diálogo entre os dois, e me passe uma ideia básica sobre o golpe, que vou criar um plote em cima disso.
E pode me dar um toque se eu fizer alguma coisa errada... ando muito distraído esses dias rsrs.


avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Ter Out 31 2017, 14:32

Percebendo que aquele não era um bom local para discutir um assunto dessa natureza, os dois caminharam até a praça mais próxima e buscariam um local afastado que ninguém pudesse ouvir o que seria falado. Olharam para todos os lados e começaram a dialogar.

- O nome dele é Richard, 42 anos. Um nerd que criou algum programa doido e ganhou muito dinheiro com isso. Agora que está rico não quer saber mais de trabalhar, vive a vida tomando drinks em uma cobertura em frente a praia e saindo com garotas jovens nas noitadas.


- Normal, falta de ambição é um pesadelo.


- Né?! Já estou a quase um mês o estudando, sua rotina, seus passos, seus amigos. Ele vive sozinho no apartamento da praia mas sua casa sempre está cheio de gente por causa das inúmeras festas que ele faz lá em cima. Já percebi alguns homens que estão sempre junto com ele, não sei se podem ser seguranças ou algo do gênero.


- Entendo, mais qual é a ideia? Como vamos roubá-lo?


- Então, esse programa de computador é comandado por um dispositivo eletrônico, porém ainda não descobri aonde ele o guarda. Consegui um comprador no mercado negro mas ele disse que tenho até o final da semana para entregá-lo o dispositivo, caso contrário ele sairá da cidade e não será mais possível encontrá-lo.


- Faz sentido.

- Ai meu plano é o seguinte, vou tentar dar um jeito me encontrar com ele, irei me apresentar e fazer meu jogo. Tenho certeza que ele vai ceder, não precisamos nos preocupar com isso, conheço esse tipo de homem. Porém eu não sei se ele guarda o dispositivo na casa dele ou em outro lugar, além do fato de que ainda não tenho certeza se os homens que estão sempre com eles são seguranças ou apenas mais nerds. Ai que você entra, eu vou ser responsável pela extração da informação e de distrair o nerd. Você vai ser o responsável por ficar de olho nesses tais homens e se o dispositivo não tiver na casa, você terá que correr até o outro lugar para roubá-lo enquanto eu o distraio.

- Obviamente não é tão simples assim, mas conforme eu for descobrindo as coisas com ele eu vou te informando e nós vamos aprimorando o plano. O principal é não fazer nada antes do meu comando, até lá estamos seguros dentro da lei. Porém quando a ação começar teremos que fazer tudo o mais rápido possível.


Era bastante coisa para o ruivo absorver mas ele tinha entendido bem, ele seria o efeito surpresa, o responsável por tomar uma decisão de acordo com as informações que Larrisa lhe proveria.

Off:
Hahhaha, vamos lá! Primeiro só deixando avisado que to entrando em semana de prova e to com muita coisa pra fazer, por isso até dei uma reduzida nas narrações, então já peço desculpas se atrasar algum dia. Dei uma intro pro golpe, mas se quiser que eu estenda mais pode falar que eu faço no próximo. #Partiu
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Seg Nov 06 2017, 09:48

Larissa fez um resumo do plano para seu namorado, e assim, ele ficou bastante pensativo sobre o assunto, já que era muita informação para processar.

- Mas não se preocupe, estou pensando em executar o plano na quinta feria. Como hoje é terça, quero que você observe um pouco a rotina do alvo. Assim, você poderá ter uma ideia melhor de como executar sua parte do plano. – Ela disse depois de um tempo. - Venha, vamos até o local que eu uso para o observa-lo. Fica bem ao lado, e como é um local público, não temos problemas em entrar.

Ela o guiou até uma grande escadaria que ficava bem próxima da parede da muralha natural que cercava a cidade. Eles subiram as escadas, e chegaram em um mirante, onde haviam vários turistas observando as coisas com binóculos e câmeras fotográficas. Como o apartamento de Richard ficava na cobertura do prédio em frente à praia, e o prédio só tinha cinco andares, o local que Larissa usava para observa-lo, era perfeito. Perfeito até para o disfarce, já que ninguém a acharia suspeita com um binoculo na mão.

A jovem se posicionou no peitoral do mirante, apoiando os dois cotovelos. Ela segurava um belo binoculo, bastante moderno. Depois de alguns movimentos para os lados, ela finalmente encontrou alguma coisa. - Ali. Ele sempre fica dormindo até tarde, e depois que acorda, faz uma hora de esteira, para manter a forma. - Ela dizia em voz baixa, e passava o binoculo para Oddy. - Ele já deve estar acordando. Fique observando aí um pouco, que eu vou ligar para os compradores.

Oddy deveria observar o local com bastante atenção, para não ter problemas para se infiltrar lá se necessário. O prédio não era muito grande, mas era bastante luxuoso, e com um apartamento por andar, com exceção da cobertura que ocupava dois andares, o acesso ao local parecia ser bastante restrito, exceto nos horários de festa na cobertura. Larissa parecia saber que haveria uma festa na quinta feira, já que foi o dia escolhido para executar o plano. Oddy observava o local, e via que o prédio só tinha duas entradas além da escada de incêndio, uma era a porta principal, e a outra uma entrada lateral, que era só para funcionários e precisava de um crachá para acessa-la.

A cobertura de Richard, era enorme. A parte residencial ficava toda no andar de baixo, e o andar de cima, era dividido em uma academia com piscina, e um grande salão de festas com telhado retrátil. O salão era muito bem mobilhado, e de onde Oddy estava, ele tinha uma ótima visão do local. Um grande balcão formava o bar que tomava conta de uma das paredes do salão, e vários sofás com mesas centrais cercavam a pista de dança. A área da academia era bastante simples, tendo apenas alguns aparelhos ergométricos, e uma grande piscina aquecida.

Enquanto Oddy percorria o binoculo por todos os lados da área de lazer da cobertura, um homem de estatura mediana, apareceu. Ele percorreu todo o salão de festas, e foi até a academia. Ele se vestia com um short e uma camiseta mostrando seu belo corpo, não chegava a ser todo definido, mas ele passava longe de um nerd sem ambição, pelo menos na aparência. Será que era ele mesmo? Não tinha erro, já que ele fez exatamente o que Larissa disse. Ele subiu na esteira, e começou a correr.

Nesse momento, Larissa retornava. - E aí? Ele já começou a correr? – Ela dava uma risadinha e complementava. - Não se engane pela aparência... Ele é um idiota que só pensa em esbanjar. Veja essa foto que tirei semana passada... - Ela tirava uma câmera de dentro de sua bolsa, e mostrava uma foto para Oddy.


- Os homens que sempre estão com ele, sempre aparecem depois do meio dia. E além deles, só existe mais uma pessoa que sempre está no apartamento, mas ela só fica pela manhã, e só aparece aí na parte de cima no dia seguinte às festas. A faxineira. - Ela o encarou e perguntou. - O que me diz sobre o plano? Como acha que devemos executa-lo?


Última edição por Andros em Qua Nov 08 2017, 09:11, editado 1 vez(es)
avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Ter Nov 07 2017, 14:54


Oddy prestava bastante atenção na cobertura e nas palavras de Larissa, não queria perder nenhum detalhe, sabia que entender o layout do local e a rotina dos envolvidos era o primeiro passo para uma entrada e fuga furtiva. Por isso, pegou um pedaço de papel em sua mochila e começou a rasurar um desenho e escrever algumas coisas.
prédio de cinco andares
dorme até tarde depois vai pra academia
acesso restrito ao prédio
acesso principal, porta lateral (com crachá) e escada de incêndio
parte residencial no 4º andar (possível localização do objeto)
lazer na cobertura com um telhado retrátil
homens aparecem depois de 12h
faxineira fica pela manhã

O ruivo anotou tudo que achou importante, e quis conferir algumas coisas antes de bolar um plano efetivo. Conferiu seu relógio para saber a hora aproximada que o alvo acorda e vai para a academia. Depois deu mais uma olhada na escada de incêndio para ver se ela tinha acesso a todos os andares do prédio e se era possível acessá-la pelo lado de fora com a ajuda de algum pokemon.

- Ele me parece mais divertido do que eu tinha imaginado nessa foto rs. Me conte sobre os dias de festa, essa rotina dos homens só aparecerem ao meio dia, continua nos dias de evento também?

Oddy voltou a olhar o binóculo para saber o que tinha no entorno do prédio, ruas, lojas, residências. Tudo envolta do local poderia ser importante na hora de se bolar um plano.

- Ainda bem que temos dois dias, ainda temos muita informação para descobrir. Em relação ao plano acho que ainda é cedo para bolarmos um definitivo. Mas acho que a faxineira e a entrada lateral vão ser pontos chaves. Você acha que consegue entrar pela porta da frente, se fingindo de convidada com suas roupas e perucas?



Off:
Dat Tony Hahhahahah
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Qua Nov 08 2017, 09:27

Depois de fazer algumas anotações, Oddy deu mais uma olhada em alguns detalhes que lhe pareciam importantes. Primeiro, o horários que o homem costumava acordar, ele olhou no relógio e viu que eram 9:35 da manhã. Vendo o que ele fazia, Larissa o interrompeu.

- Ele nunca acorda no mesmo horário, mas sempre é entre nove e dez e meia. - Depois ela respondeu a pergunta que ele fez em seguida. - Eles sempre aparecem no mesmo horário, mas nos dias de festa, eles vão embora mais tarde que de costume. Nos outros dias, eles costumam ficar até por volta das oito da noite, mas quando tem festa, eles ficam até de madrugada, mas sem um horário especifico. Mas nunca viram a noite, por que as vezes Richard fica com alguma jovem bonitinha para passar a noite.

Oddy também olhava alguns detalhes da escada de incêndio. Ela tinha acesso a todos os andares, assim como as normas nacionais exigiam. E no fim, o último lance só tinha acesso por um mecanismo que só poderia ser acionado por quem estivesse descendo a escada, para poder desce-lo até o chão. Talvez algum pokémon pudesse ter acesso, um Psychic ou Flying talvez. Outra coisa que ele observou, foram as construções ao redor, mas a maioria eram residenciais, do mesmo estilo, exceto uma pequena construção na parte de trás do prédio do alvo. Uma pequena loja de conveniência, que de acordo com a placa na porta, estava aberta 24 horas por dia.

- Sobre entra pela porta da frente no dia da festa, acho que consigo sim, apesar de ser um pouco difícil conseguir um convite. Mas essa parte eu já arrumei. Os compradores conseguiram um convite da festa de quinta, e vão deixar no correio pra mim amanhã. - Ela observou o prédio e continuou. - O plano vai ficar muito mais fácil, se o objeto estiver aí no prédio. Mas de qualquer forma, você vai precisar arrumar um crachá de funcionário do condomínio... Não podemos confiar na escada de incêndio para a entrada, ela deve ser usada apenas na fuga. Então de hoje até amanhã, você deve conseguir um crachá, não importa como... Tem muito dinheiro envolvido. E quinta durante o dia, podemos definir o plano final. Acha que consegue? - Ela deu mais uma olhada para o prédio. - E se o objeto não estiver aí, precisamos descobrir onde está e pegá-lo na sexta. O comprador disse que temos até sábado de tarde para entrega-lo. O navio dele sai às três da tarde no sábado, e temos que entregar a mercadoria nesse momento.

avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Qui Nov 09 2017, 13:28


O ruivo prestava bastante atenção nas palavras de Larissa, afinal ela era a especialista ali. Após anotar todas as informações que queria na folha novamente, Oddy concordou com o plano parcial.

- Concordo, preciso arranjar um cartão daquele. - Falava enquanto observava o prédio e a entrada de funcionários.

Agora a questão é como Dias conseguiria aquele cartão, primeiro pensou em subornar algum funcionário para conseguir deixá-lo entrar, mas a probabilidade de escolher o cara certinho e ele estragar o plano o incomodava. Restou conseguir o cartão a força.

- Vou ter que pegar na marra o cartão de um deles, não podemos correr o risco de alguém descobrir o plano e não cooperar. Vou bolar uma armadilha para algum deles e emboscá-lo, depois que conseguir o crachá eu estou pensando em esconder ele em algum lugar e obrigá-lo a ligar para a administração do prédio comunicando que ele está muito doente e está impossibilitado de ir ao trabalho até sábado. Assim ninguém dará a falta dele até sexta.


Dias começava a imaginar o plano na sua cabeça enquanto olhava a movimentação de saída dos funcionários. Depois olhou novamente para as residências e para a rua, em busca de algum local abandonado ou uma tampa de boeiro que desse no esgoto, assim teria algum local para realizar a ameça e fazer a vítima ligar, precisava de algum lugar confiável para escondê-lo.

- Então, o que acha?
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Seg Nov 13 2017, 08:06

Larissa ouvia o plano do namorado com atenção, mas fazia algumas caretas enquanto ele falava, como se as ideias dele não fossem muito boas. Depois que ele perguntou o que ela achava, ela não demorou nem meio segundo para responder. - Tem muitas possibilidades de falha.... – Ela disse sem cerimonias. - Se ele conseguir fugir quando você tentar o sequestro? Se ele disser que foi sequestrado quando você o obrigar a ligar? Se ele conseguir fugir do cativeiro? São coisas que você deve sempre levar em conta. – Ela moveu os binóculos para as ruas ao redor do prédio, e mostrou os bueiros. Oddy pôde ver que seria impossível usa-los em seu plano, já que eram muito rasos, e de onde estavam já dava para ver o fundo.

- O seu plano não é ruim, mas você tem que ter certeza que dará tudo certo. E tomar cuidado para que ninguém te veja com o crachá do funcionário raptado. Mas esse plano é muito arriscado, e se der alguma coisa errada, nosso plano principal irá por água a abaixo... Ela dizia enquanto pensava em alguma ideia para ajudá-lo. - Tive uma ideia que talvez possa te ajudar, e você pode tentar executá-la antes do seu plano. O que você acha de roubar o crachá sem o alvo perceber? Você pode aborda-lo de maneira que ele não perceba e pegar o crachá. Ou até mesmo simular um acidente, e aproveitar a situação. Mas você é quem decide. Por que você deve fazer o que achar que vai se dar melhor.

avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Qua Nov 15 2017, 10:05


- É uma ideia boa mesmo, mas não tenho esse talento de pegar algo sem a pessoa perceber. Pera, Jiraiya tem! Vou fazer assim então, tentarei pegar sem ele perceber, caso não de certo, eu parto para uma medida mais drástica.

Dias tinha pensado em ficar perto de um local de passagem enquanto esperava alguma vítima que tivesse com o cartão amostra, seja segurando ou pendurado no pescoço. Em sequência correria e trombaria com a pessoa, mas seria uma distração para Nuzleaf, que estaria escondido, pegar o cartão. Jiraiya era treinado em Ninjusto e poderia sem problemas aproveitar a situação para entrar em cena, pegar o cartão e sumir novamente. Ele já tinha feito isso inúmeras vezes, entrava em cena pegava algo e sumia em sequência, ninguém percebia seus passos leves. Porém dessa vez o objeto estaria junto com a pessoa e Oddy não sabia se o gramíneo conseguiria.

Caso a pessoa percebesse que Nuzleaf tinha roubado seu cartão, Oddy gritaria que ele tinha roubado sua pokedex e por isso trombou com ele, em seguida correria atrás do gramíneo. Se a vitima resolvesse segui-lo para recuperar o cartão, Jiraiya levaria o crachá para um local combinado, enquanto Dias em uma das ruas, correria para a direção errada, dando a impressão que tinha perdido ele de vista.

- Faremos assim então. Estou indo. Vai ser fácil, relaxa. - Disse o ruivo enquanto se despedia de sua namorada.

Depois sairia daquele local e buscaria alguma rua perto do prédio para que pudesse colocar seu plano em prática.
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Qui Nov 16 2017, 09:00

Oddy gostava da ideia de sua namorada. Seria bom usar seu pokémon para fazer aquilo, e assim o plano poderia ter sucesso sem muitos problemas. Depois de pensar nos passos de seu novo plano, ele foi logo se despedindo para poder executa-lo o mais rápido possível.

- Não vá ainda meu amor. Tenho que retribuir o presente que você me deu. – Ela disse com um sorrisinho no rosto. Tentava ser bastante carinhosa naquele momento, já que queria retribuir o presente que ganhou. Ela mexia em sua bolsa, e retirava um pequeno disco. - Aqui. Ensine essa TM a Jiraya. Com isso, o plano funcionará perfeitamente. Mas lembre-se de aperfeiçoar a técnica o mais rápido possível.

Larissa emprestava a TM 46 para seu namorado, para que ele pudesse ensinar o movimento Thief a seu pokémon, e assim ter sucesso garantido no plano. Depois disso, ele poderia ir para onde quisesse, enquanto ela tomaria conta de sua parte no plano.

Off: Tomei a liberdade de presentear sua NPC com uma TM que é a cara dela rsrs. Ensine ela pro Nuzleaf pra ajudar no plano.
avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Qui Nov 16 2017, 17:08

- Um presente? - Se intrigou Dias.

Era o TM Thief, um ataque noturno que gerava um dano razoável e permitia o usuário roubar o item de um adversário. Era perfeito, tanto para batalhas quanto fora delas, um movimento digno de uma golpista.

- Valeu gata! Vou ensiná-lo agora, até mais tarde.

Assim o ruivo liberou seu Nuzleaf, mostrou o vídeo do movimento, devolveu o TM para Larissa e se dirigiu para um local menos povoado. Não queria que seu treinamento de roubar itens causasse suspeitas, esse golpe poderia ficar conhecido mais tarde e ele não queria nenhum intrometido ligando esse fato ao golpe.

- Vamos lá Jiraiya, hora de treinar o movimento, é sua especialidade então não deve ser difícil. - Oddy tirou um cartão de crédito que tinha na carteira e pendurou numa cordinha em volta do pescoço. Em seguida liberou Turtonator para ajudar na simulação. - Eu farei o papel do alvo, Turtonator virá na minha direção e vai esbarrar em mim, você tem que aproveitar esse tempo em que eu tiver distraído para conseguir roubar esse cartão de mim.

- Turtonator, tudo certo? Gostando da vida fora daquele vulcão? Vamos treinar uma coisa aqui beleza? Quero que me ajude e corra na minha direção tentando me derrubar. - Não seria difícil para um monstro daquele tamanho.

- Vamos lá! Thief Jiraiya!


Off:
Show! Combina muito com a situação toda em si, e muito com a NPC Smile - Tira Feint Attack pls
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Seg Nov 20 2017, 10:52

Oddy ficou surpreso com o presente que recebera, e não pensou duas vezes para aceita-lo. Ele agradeceu, e logo liberou Nuzleaf de sua pokébola, o mostrando o vídeo da TM, que o ensinava como a técnica deveria ser executada. Logo depois, ele a devolveu a Larissa, e se despediu.

- Até mais. Nos encontramos a noite no Centro Pokémon. - Dizia a loira enquanto guardava a TM de volta em sua bolsa, e depois seguia de volta para as ruas da cidade.

Os dois se separavam novamente, mas dessa vez não seria por muito tempo. Oddy procurou um local tranquilo e afastada, para treinar o movimento do roubo. Ele teve que seguir até o outro lado da cidade, onde não haviam mais casas e um grupo de árvores tampava a visão. O local era bastante ermo, e a grande sombra da muralha ao redor da cidade, o deixava protegido do Sol, era o lugar perfeito. Ele liberou Turtonator, e passou as instruções aos dois. E depois de pendurar um cartão em seu pescoço, como se fosse um crachá, ele deu sinal para começarem.

Não parecia uma tarefa difícil, apesar de estarem treinando o movimento e roubo ao mesmo tempo, mas poderia demorar um pouco para que saísse perfeito. Jiraya observava atentamente os movimentos dos outros dois, enquanto Oddy vinha de uma direção, Turtonator vinha do lado oposto, e seguia correndo na direção do treinador. Oddy fingia estar distraído e recebia um forte golpe do dragão, que o fazia cair no chão. Nesse momento, Nuzleaf corria na direção dos dois, e dava um puxão no cartão, mas o mesmo não se soltava da corda com facilidade, e assim, Nuzleaf ficava exposto enquanto puxava o cartão.

A primeira tentativa não tinha dado muito certo, mas ainda era a primeira, e estava em fase de aperfeiçoamento. Talvez eles precisassem mudar alguma coisa, ou talvez fosse apenas necessária uma repetição. O que Oddy faria agora?

Jiraya
Thief




avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Sex Nov 24 2017, 17:15


- Foi um bom começo. Vamos de novo!

Assim os três se levantaram e se colocaram em suas posições. Oddy sabia que era um movimento muito propício para Nuzleaf aprender, ele só tinha que saber como maximizar o aprendizado.

- Dessa vez, tente usar a folha em sua cabeça para cortar a corda antes de puxá-la.

Dias acreditava que seria possível fazer o gramíneo realizar o corte e ainda roubar o cartão. Afinal ele é um ninja treinado.

Off:
Mals a demora. Finalzinho tenso da semana de provas.
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Andros em Seg Dez 04 2017, 12:35

Depois da primeira tentativa não ter ido muito bem, Oddy decidiu mudar um pouco a estratégia. Seria mais fácil, se Jiraya pudesse cortar a corda para pegar o cartão, assim não poderia ser visto.

Então, depois de mudar os comandos, os três se posicionaram, e partiram para a ação. O treinador vinha de um lado distraidamente, e Turtonator vinha do outro em alta velocidade. No momento em que os dois trombavam, Oddy caía no chão e Nuzleaf vinha correndo na direção deles. Com a folha de sua cabeça, ele tentava cortar a corda, mas junto com a corda, ele acabava cortando a blusa de Oddy fazendo um leve corte abaixo do seu pescoço. Jiraya não havia sido muito rápido, e pôde ser visto novamente, mas apesar disso, o desempenho foi muito melhor que o anterior.

Oddy, além de ter sido cortado pela folha de Jiraya, ele ainda ralou os dois cotovelos quando caiu no chão.

Jiraya
Thief



Off: Desculpe a demora... Tava na correria também...
avatar
Andros
Narrador
Narrador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por OddyDias em Qui Dez 07 2017, 12:27

- Isso não deveria ser tão difícil pra vc, Jiraiya. Preciso de mais foco, temos que fazer isso de um jeito perfeito. - Disse o ruivo enquanto passava a mão no novo corte no pescoço e verificava se estava tudo ok.

Oddy amarrou a corda novamente e pendurou no pescoço. - Vamos de novo! Corte a corda, roube e desapareça rapidamente. Thief!

E lá ia Turtonator novamente.
avatar
OddyDias
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Primeiro golpe conjunto

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum