n.0 Prólogo

Ir em baixo

n.0 Prólogo

Mensagem por Die Hard Guy em Seg Jan 08 2018, 12:40


Hell Kaiser


Johan sentava-se em um dos vários becos escuros, agachado, os joelhos levantados enquanto ficava encostado numa parede, e utilizava um pedaço de pedra para marcar o chão à sua frente. Seus olhos vidrados brilhavam, enquanto ele observava alguns riscos abstratos que conseguia arranhar sobre o concreto endurecido. Um leve sorriso distorcido estava no canto de sua boca, enquanto ele não fazia nada mais do que riscar o chão sem nenhum motivo. Uma forma de vida gasosa estava ao seu lado, nomeado Gastly, e observava aquilo tudo com indiferença. Apenas sobrevoava pelo local, sem se afastar muito do homem ansioso. Estava entediado, mas havia decidido seguir aquele homem, por algum motivo qualquer. Talvez pelo fato de seu mestre ter sido morto por aquele homem e agora precisasse seguir um novo, por mais que nunca houvesse sido usado realmente.

Ele esta demorando muito. — Disse Johan, riscando com mais ferocidade o piso envelhecido. — Por onde anda esse desgraçado? Odeio ter que esperar.

Estava esperando por conta própria, por vontade própria, mas não gostava nem um pouco disso. Havia decidido sair do submundo da sociedade e finalmente trilhar seu caminho como um treinador registrado, buscando aprimorar suas forças, e suprimir a todos que pudesse encontrar, algum dia. Não podia evitar, as raízes da loucura já estavam presas nos mais profundos registros de sua mente, ele não pensava em nada mais a não ser brutalidade. Não depois de ter batalhado com Ele. Gastly estava servindo apenas como um observador, enquanto seu breve novo mestre gastava suas forças com banalidades sem sentido para poder se acalmar. Foi o primeiro a notar que um homem chegou, de sobretudo preto, fumando um charuto, baforando uma grande quantidade de fumaça. O beco não era muito iluminado, mas o chapéu do homem não conseguia esconder suas feições grossas, pouco envelhecidas, e uma pele negra. Johan virou seu rosto para a direção de onde estava vindo o homem, e o pequeno sorriso em seu canto da boca se retorceu em um rasgo malicioso. Ele se levantou, e atirou o pedaço de pedra lascada contra o homem, que não se moveu. Por poucos centímetros, a pedra não atinge o seu rosto, ele tira o charuto da boca e olha para Johan com um rosto sério.

Já faz um tempo, Kaiser. — Disse o homem, logo dando um sorriso.
Kaiser? Sim, Kaiser... Atendia por esse nome, mas não mais. — Balbuciou Johan, dando uma curta risadinha, carregada de malícia. — Preciso de sua ajuda novamente, Trader, e provavelmente será a última. Você se lembra que me deve uma, correto?

Trader ficou carrancudo. Não gostava de dar favores de graça, mas logo que Johan falou, ele se lembrou do amargo dia em que dependeu dele para alguma coisa. Puxou mais um pouco do seu charuto, baforando uma grande quantidade de fumaça alguns segundos em seguida, e puxou um bloco de notas de seu sobretudo.

Certo... o que você queria mesmo? Uma PokéDex e alguns itens para treinadores iniciantes? — Disse ele, dando uma tossida logo em seguida, analisando o bloco.
É... é exatamente o que eu quero. Vai demorar muito para conseguir? — Falou Johan, seus olhos brilhando com interesse. — Eu vou me registrar. Sim, é exatamente isso que preciso. Por isso, não posso pegar uma ID contrabandeada, preciso de algo só para mim.
Bem, os itens serão fáceis, eu pego em qualquer lugar. — Trader coçou a barba, um pouco preocupado. — O problema vai ser conseguir a PokéDex. Não sei o motivo de você querer ser um treinador agora, e tanto o desaparecimento tanto seu quanto de seus dados no submundo foi realmente preocupante. Se qualquer informação vazasse... eu não desejaria estar em sua pele.

Johan o observou, e deu uma gargalhada fria, o som de sua voz era gélida. Ela poderia se infiltrar na espinha de qualquer um e causar calafrios, mas Trader continuava mantendo sua postura. Não parecia nem um pouco hesitante, provavelmente já estava muito acostumado com aquele tipo de pessoa, ou mesmo com aquelas transações. Gastly ficou mais interessado na conversa, parecia estar se divertindo um pouco com aquele diálogo. Johan olhou para o negro, misterioso, tragando mais fumaça de seu charuto. Seus olhos vidrados se fixavam nele, e pareciam estar muito interessados no homem, analisando cada centímetro de seu corpo, e, talvez, de sua mente.

Não é como se eu não pudesse me safar, afinal, eu sou o Kaiser! — Disse Johan, triunfante, levantando seus braços. — Ou melhor... Hell Kaiser. Renasci do inferno, entende? É um lance novo.
Sei... bem, esses itens deveriam ser fáceis pra você, mas olhando bem, parece que você não tem nada além desse Gastly te seguindo. — Disse Trader, enquanto observava bem o rapaz. — Está sem as outras Poké Ball de seus Pokémon. Não sei o que você fez com eles, e não me interessa. De qualquer forma, consigo o que você está pedindo, e não vou fazer um preço. Vou acabar com esse favor e nunca mais precisaremos um do outro. Venha comigo.

Johan deu mais uma curta risada, satisfeito. Começou então a seguir Trader, e Gastly seguiu seu informal mestre, seu corpo gasoso serpenteando pelo beco. As ruas do local eram vazias, fechadas, não havia nada de muito interessante nelas, pouco habitadas. Johan não tirava o sorriso retorcido de sua face, enquanto acompanhava o empresário, tampouco dizia qualquer coisa. Estava muito ocupado imaginando o trilhar de sua rota várias vezes, para depois desfazê-las todas e continuar seguindo um nervo impulsivo se saltava em sua mente. Trader dobrou uma esquina, entrando agora em um beco sem saída, e ambos entraram então na porta pequena de um bar pouco chamativo na lateral do beco.
O bar era uma imundice. O mofo empestava o teto e as paredes, o piso de madeira estava gasto, muito usado. Era muito simples, algumas mesas envelhecidas e sujas, e um balcão limpo, pois o balconista vivia passando o pano no mesmo. Garrafas de bebidas estavam em uma vitrine atrás do balconista, assim como copos, taças e cálices de todos os tipos. Não havia nada demais ali, a não ser uma porta atrás do balconista. Trader chegou até o homem de colete e sussurrou alguma coisa que Johan ignorou, e o homem deixou com que passassem pela porta. Desceram uma escada escura, naquele lance mal iluminado por luzes amareladas e fracas, até chegarem em um salão maior, com algumas figuras tratando de alguns negócios.

Você espere aqui, eu vou buscar algumas coisas.

Ele então se foi para um canto mais afastado do grande salão, saindo da vista de Johan. O rapaz observava aquilo tudo com interesse. Não havia muito tempo que esteve ali, mas sua mente deturpada fazia com que ele ficasse um pouco interessado em detalhes sórdidos pouco notados em várias faces. Ninguém se atrevia a se aproximar dele, enquanto ele ficava recostado na parede de tijolos grossos e empoeirados. Gastly pairava pelo ar, parecendo um pouco mais curioso com o que estava ocorrendo, mas não se atrevia a sair de perto de Johan. O ambiente era pouco tenso, muito misterioso e com um cheiro de perigo. Mesmo assim, os olhos selvagens e brilhantes de Johan não deixavam de observar tudo, como se estivesse pensando qual daqueles indivíduos deveria ser predado primeiro.
Levou algum tempo até que Trader voltasse. Cerca de 30 minutos após ter saído, ele voltava com alguns apetrechos em mãos. Segurava uma PokéDex em uma das mãos, e uma sacola com alguns itens em sua outra.

Aqui está, tudo o que um novo treinador precisa. Não sei por que você quer isso. E aqui está a PokéDex, você vai precisar colocar seus dados e fazer o registro você mesmo, não é muito difícil, depois é só ir até um Pokémon Center fazer o resto das burocracias, se você quiser ser um treinador oficial. — Disse Trader, mal olhando nos olhos de Johan, enquanto entregava os itens para ele e esperava que o rapaz fizesse as modificações necessárias com os seus dados. — Boa sorte, foi bom trabalhar com você, Kaiser. Ou devo dizer, Hell Kaiser?

Johan o observou com seus olhos selvagens, e deu um largo sorriso de escárnio. Uma gargalhada cortou o ar, e ele logo tratou de colocar seus itens em seus discos de compartimento. Uma Poké Ball "tocou" a forma gasosa de Gastly, e ele entrou na mesma sem muito esforço. Reduziu-se, e então foi colocada num prendedor dentro do colete do novo treinador, que deu mais um olhar cortante para Trader.

Ah, sim, Hell Kaiser realmente combina comigo, não acha? — Disse ele, dando mais uma fina risada. — Até a próxima, Trader.

Proferindo estas palavras, virou-se e subiu as escadas. Quem sabe o que poderia encontrar durante sua nova trilha como treinador?


Ran - Cupcake Graphics









Inicial: Gastly
Grupo: Treinador
Início: Mu Island
avatar
Die Hard Guy
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: n.0 Prólogo

Mensagem por Artie em Seg Jan 08 2018, 14:37

Inicial entregue e perfil atualizado!

Fique a vontade para postar sua primeira rota em Mu Island ou proximidades! Boa jornada!

_________________
avatar
Artie
Administrador Chefe
Administrador Chefe

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum