Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

# 01 - O Colecionador

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Ter Maio 06 2014, 11:04



Rota 01!


"Mas que droga!!! Esses fios são bem resistentes mesmo!" - O garoto tentava usar sua pouca força, mas era inútil. Provavelmente o Kakuna teria usado boas doses de sua habilidade para manter o inquieto Aipom parado. Pode perceber também que as palavras sobre Lucy, deixou o Pokémon um pouco sensível. Talvez a sensação de ter alguém te esperando ou simplesmente saber do quanto ela se importa. - "Já que não consigo soltá-lo, vou deixar ele perto de mim." - Voltou pra sua posição inicial a tempo ainda de ver sua Pokémon fazer seus movimentos.
A atmosfera já estava completamente diferente. Parece que a luta tava em seu ápice, e ambos estavam levando extremamente a sério. Os pokémons colocando o ideal de seu treinador em jogo. A Squirtle escapava de todos os ataques em uma bela coreografia de dentro de seu casco. O Rocket havia ficado furioso com isso, enquanto Nikora, estava encantado com a situação. Um sorriso orgulhoso aparece na face da criança. Mas logo tem de retornar sua atenção para o Rocket.

- Squirtle, você foi extremamente bem, por favor tente usar o Tackle duas vezes novamente, e continue de olho nos ataques dele!


Thanks @ Solaria Magnum CG

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Ter Maio 06 2014, 18:06

Nikora se esforça para libertar o pequeno Tsuyio, porém não obtém resultados positivos, no fim tudo o que conseguiu foi deixar suas mãos doloridas. Amaldiçoando os fios de Kakuna por serem tão resistentes, o garoto decide apenas manter o macaquinho perto de si, ao menos desse modo teria certeza de que nada de mal voltaria a acontecer com o primata. Aipom parecia incomodado por estar amarrado há tanto tempo, mas felizmente os fios não o machucavam, apenas deixavam o primata ainda mais deprimido por ter sua liberdade restringida.

Enquanto isso, a Squirtle do humano demonstrava grande habilidade ao usar o casco para desviar de todos os ataques de Kakuna e ainda conseguir causar danos no casulo, o que deixa seu dono orgulhoso. A criança elogia sua amiga, e em seguida pede que ela tente obter resultados semelhantes ao da ultima partida, ou seja, desviar dos ataques do oponente e acertá-lo duas vezes consecutivas com seu Tackle.

Não podemos deixar que isso se repita! Kakuna, tente ser útil para alguma coisa dessa vez e use o String Shot no chão, não quero ver um mísero centímetro do solo que não esteja coberto por suas teias!  Depois aproveite que ela não vai conseguir se mexer para usar o Harden, precisamos aumentar sua defesa para que essa tartaruga não consiga mais causar tantos danos em um único turno! – O Rocket estava tão irritado pelo desempenho maravilhoso da inicial aquática que nem mesmo parecia mais se lembrar de Aipom, para o alívio do macaco roxo. Entretanto, era visível que o homem ruivo não voltaria a subestimar Squirtle, e pareceu finalmente começar a levar aquela batalha a sério.

Squirtle tinha descoberto uma nova maneira de usar seu casco, e logo se encolhe dentro do mesmo, começando a rolar na direção de Kakuna logo em seguida. Porém, daquela vez o casulo estava preparado. Ele usou seu mais potente String Shot, dessa vez mirando no chão, o que fez com que uma camada de teias começassem a tomar conta do campo, mas seu ataque só teve poder o suficiente para cercar com fios brancos a área ao redor de si.

Ao ver aquela imensidão branca no chão ao redor de Kakuna, Squirtle tentou frear, porém já era tarde, e seu casco acabou ficando preso em meio àquela imensidão de fios. O casulo aproveitou que sua oponente estava incapacitada de atacar e usou Harden, aumentando ainda mais sua defesa. Por fim a tartaruga outra vez sofre danos pelo envenenamento.

Aquele turno não havia sido tão bom para Nikora, e o treinador precisaria pensar rápido em algo  para libertar sua Pokémon, caso contrário as consequências seriam graves.


Hora da Batalha
Campo: Um campo de terra, cercado por grama baixa e por árvores para todos os lados, o que dificulta a passagem de luz solar, o que tona o lugar escuro. Há também alguns pontos onde a grama fica alta o suficiente para esconder um Pokémon de porte médio. Algumas árvores frutíferas também são encontradas ao redor, porém estas são mais raras. O chão ao redor de Kakuna está coberto pelas teias resultantes de seu String Shot.

# 01 - O Colecionador - Página 3 Squirtle
Vs.
# 01 - O Colecionador - Página 3 Kakuna

Squirlte ♀
Trait: Torrent
Hold Item: ~X~
Lv. 05
27%
Status: Presa por teias/ Poison



Kakuna ♂
Trait: Shed Skin
Hold Item: ~X~
Lv. 06
22%
Status: + 2 Defense



Última edição por Miki Mayoke em Sab Maio 10 2014, 11:34, editado 1 vez(es)
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Qua Maio 07 2014, 17:33



Rota 01!


"Como esse cara consegue ser tão insuportável?" - Indignou-se de ver um homem tendo aquele tipo de atitude desprezível com o próprio Pokémon.
Aparentemente estava tudo bem, a Pokémon Aquática havia se dado completamente bem no último Round. Ambos pareciam confiante, e Aipom parecia menos apavorado.
O rocket inimigo estava se remoendo de raiva, e colocando toda a culpa do inseto por ter perdido na performance. O Inseto nessa hora joga sua teia pelo chão ao seu redor, fazendo assim como se fosse uma armadilha. Squirtle em seu impulso não consegue parar a tempo, mas adentra o seu casco, ficando preso somente por ele.

"Droga! Agora sim estamos perdido, minha Pokémon conhece apenas dois movimentos... " - Sua expressão ranzinza agora, estava frustrado com a situação. Observou ao máximo, pensando em possíveis saída, mas nada vinha a sua cabeça.
- Squirtle, não saia do casco agora. - Tentou analisar melhor mas, ideias boas, em um momento difícil, estava complicado... - Tire sua cauda pra fora com cuidado, e use ela como um ponto de equilíbrio pra sair, jogando seu peso pra frente e pra trás ou tentando apoiar ela na terra e se arrastar, como você achar que consegue. - Mordeu seu lábio, apenas observando tudo. - Se conseguir sair dai, corra, olhando para o chão branco evitando-o. Tente subir na arvore próxima a ele e use o Tackle em um galho que possa cair em cima dele, e use outro Tackle com o impulso lá de cima. - Teria de dar certo, estava tudo em jogo com esse movimento.


Thanks @ Solaria Magnum CG

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Sab Maio 10 2014, 12:45

Off: Demorei porque o modem que eu usava quebrou. Além disso, se importa se eu colocar a experiência que Squirtle ganhou apenas no próximo post? Ainda vou precisar ir atrás de alguma tabela para saber a quantidade exata que ela deve ganhar após essa batalha.

Off²: Sua Squirtle está com 16% de HP, estou avisando isso pois precisei retirar o código da batalha por alguns "problemas técnicos".




Nikora olhava fixamente para sua Squirtle, que ainda se debatia inutilmente para tentar se livrar das teias em que estava presa, era difícil de acreditar no quanto o rumo da batalha havia mudado em tão pouco tempo. O Rocket, que há pouco tempo estava zombando do próprio Pokémon em uma atitude desprezível, agora gargalhava alegremente, parecendo satisfeito pela primeira vez desde que o confronto começara.

Você está perdido, garoto, agora vou lhe mostrar o quanto tartarugas são inúteis fora da água! – O homem voltou a gargalhar, deixando Nikora ainda mais irritado. Até mesmo Kakuna, que não possuía a capacidade de rir, parecia zombar da Squirtle com os olhos. – Até que enfim conseguiu fazer alguma coisa direito, Kakuna, agora finalize com dois Poison Stings!

O casulo não pareceu incomodado com a atitude de seu mestre, provavelmente já estava acostumado a receber aquele tipo de tratamento, e se concentrava apenas em usar todo o seu poder nesses dois ataques, que ele esperava serem suficientes para encerrar o combate.

Enquanto isso, Squirtle ouvia as ordens de seu treinador atentamente, apegando-se ao único fio de esperança que lhe surgia naquele momento crítico, o plano de Nikora precisava dar certo, ao menos era aquilo o que ela rezava para acontecer.

O duelo recomeçou, a inicial de água tentava usar sua cauda como alavanca para puxar seu pequeno corpo para fora das teias, porém estas eram muito resistentes, e não se partiriam com tanta facilidade. O pânico da pequenina aumentava a cada segundo que se passava, ela sabia que estava completamente vulnerável naquele estado, e seu oponente também sabia, de modo que não hesitou em lançar seu primeiro Poison Sting. A rajada de agulhas venenosas atingiu-a diretamente, porém teve os danos minimizados pelo casco que servia como proteção para o restante do corpo da pequenina.

Felizmente, algumas agulhas acabaram atingindo os fios que prendiam Squirtle, assim libertando a tartaruga, que seguindo as ordens de Nikora, usou sua cauda para puxar a si mesma para fora daquela imensidão branca. Ao se ver completamente livre e cercada apenas pelo verde do gramado, a Pokémon aquática se sentiu revigorada. Ela sabia que seria impossível se aproximar de Kakuna pelo chão, então rapidamente correu até uma árvore de porte médio, porém que possuía uma enorme quantidade de galhos, o que poderia facilitar sua tarefa de escalá-la.

Squirtle pulava de galho em galho, no começo bastante desajeitada, mas logo pareceu se familiarizar com aquilo o suficiente para não cair com tanta facilidade. De algum modo, ela conseguiu pular até estar bem acima de Kakuna, e em seguida usou seu Tackle para quebrar um galho abaixo de si, que foi puxado pela força da gravidade até colidir com o casulo amarelo, que nem mesmo conseguiu desviar, e assim machucando um pouco o mesmo. Entretanto, o impacto de seu próprio ataque acabou sendo o suficiente para que Squirtle se desequilibrasse, e a tartaruga acabou sofrendo o mesmo destino do pobre galho ao descer em queda livre na direção do chão. Por coincidência, ela cairia justamente em cima de seu adversário, e aproveitou essa oportunidade para mergulhar usando seu Tackle. O poder do ataque foi maximizado pela altura e velocidade consideráveis em que ele se encontrava, e atingiu Kakuna diretamente, causando-lhe danos críticos, mas a arriscada estratégia acabou machucando um pouco Squirtle também.

A tartaruga quase ficou presa novamente nos fios que estavam ao redor do casulo, porém aquilo não seria mais tão relevante. Kakuna, que já estava com as energias bastante reduzidas antes do início do turno, acabou por não aguentar o golpe da inicial aquática. O inseto amarelado tombou para frente, e ali permaneceu, imóvel como uma pedra.

O quê? Levante, seu inútil, é melhor não perder se sabe o que é bom para você! – Berrava o Rocket, porém de nada adiantou, seu Pokémon continuava desacordado e não demonstrava sinais de que iria despertar tão cedo. – Você teve sorte dessa vez, menino, mas não pense que vai ser tão fácil da próxima!

Sem mais opções, ele retornou o inseto derrotado para dentro de sua Pokeball, então se virou e fugiu, mas acabou derrubando 200 Pk$ na fuga. Squirtle correu até o dinheiro, e então o entregou para seu treinador. A tartaruguinha tinha novamente sofrido danos pelo envenenamento, porém parecia não se importar mais com aquilo, a alegria por ter vencido sua primeira batalha tinha feito a pequenina se esquecer completamente da dor que o veneno lhe causava.

Enquanto isso, Tsuyio tinha recomeçado a tentar se libertar, porém os fios continuavam igualmente resistentes mesmo após a derrota de Kakuna. Talvez fosse melhor pensar em algo para libertar o macaquinho, e parecia não suportar mais ter sua liberdade restringida daquela maneira.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Seg Maio 12 2014, 11:09



Rota 01!



O garoto apenas observava o Rocket zombando-o, e o casulo que parecia antes não demonstrar reações ou emoções, parecia rir com os olhos da Pokémon aquática que estava presa.

▬  Não ria da minha Pokémon, você vai pagar por isso… E vê se trate melhor o seu Pokémon. – O treinador estava ficando altamente irritado com aquele tipo de atitude do Rocket, mas a lição seria dada, porém com poucas chances de que aquele Rocket fosse realmente aprendê-la. Apesar de que, esse era o primeiro contato com um Rocket, antes o garoto apenas ouvia rumores de suas maldades.

O plano de Nikora era ótimo, mas na teoria. Apesar de ser bolado na hora em um ato desesperado, os fios de Kakuna eram extremamente resistente como demonstrado até agora. A Pokémon não podia fazer mais nada além de tentar se desvencilhar daquilo. Felizmente, a onda de ataques de agulhas de Kakuna havia cortado os fios em diversas partes. Deixando-a mais móbil para ataques. Rapidamente Squirtle segue o resto do plano. Corre em direção a uma árvore tomando impulso e usando Tackle em um galho, e logo após, novamente no Pokémon embaixo.

Isso! Deu certo! O Kakuna quebrou o próprio ataque e o plano no final foi um sucesso.” – O garoto comemorava interiormente a vitória, já que o casulo havia tombado e parecia que dali não sairia tão fácil.

Pare de maltratar sua Pokémon seu idiota! – Vociferou novamente para o Rocket enquanto recolhia sua Pokémon e fugia.

A Squitle corre até o dinheiro que o Rocket havia deixado cair e rapidamente corre com ele em suas pequenas patas e entrega a Nikora. O garoto guarda o dinheiro em sua mochila, pega a tartaruga e lhe da um abraço apertado e afetuoso e um beijo em sua bochecha azul.

Você foi… INCRÍVEL! – Neste momento um desespero toma conta do garoto. A tartaruga parece não demonstrar, mas ainda estava envenenada. O Rocket não havia deixado cair nenhuma fruta ou nada que pudesse salvar sua Pokémon. – Squirtle! Nossa! – Novamente mais pânico. Ainda tinha o Aipom pedindo ajuda. – Aipom! Calma, os dois… - Pareceu pensativo mas ainda desesperado. Apesar da situação do Aipom não ser nada boa, a da Squirtle parecia ter prioridade. Olhou ao redor procurando uma árvore de Pecha Berry. Se achasse, trataria logo de dar à sua Squirtle e depois daria atenção ao Aipom, procurando um galho afiado ou uma pedra pra soltá-lo dos fios, se não, apenas colocaria ela de volta à sua Pokébola, pegaria o primata no colo e correria com ele de volta à Lucy, talvez ela soubesse melhor o que fazer com os fios, enquanto Nikora pudesse correr à procura de ajuda, um antídoto ou um centro Pokémon.



Thanks @ Solaria Magnum CG


Off:
Estou mudando minha narrativa pra tentar deixar o texto mais produtivo... Então, gostaria do Feedback. Quanto aos problemas da batalha a e exp, fique tranquila.

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Qui Maio 15 2014, 16:07

Off: Squirtle ganhou 342 de experiência e passou para o lv 7, ganhou 6 pontos de felicidade e aprendeu o Water Gun no processo. Estarei atualizando sua Box dentro de alguns minutos.


Nikora parabenizava sua Pokémon pelo desempenho surpreendente na batalha, parecendo tão animado como ela por ter vencido sua primeira batalha. Entretanto, nem tudo é um mar de rosas, e o garoto logo se lembra que Squirtle continuava envenenada, mesmo que a mesma não demonstrasse isso. Aquilo era perigoso, a saúde da inicial estaria ameaçada enquanto o veneno continuasse correndo por seu organismo, e a ultima coisa que Nikora queria era perder sua amada Pokémon.

Desesperado, o garoto olha ao redor, procurando por alguma árvore que pudesse abrigar Pecha Berries, entretanto a fruta em questão não se encontrava por ali. Até mesmo Aipom permaneceu em silêncio, parecia perceber que a situação da tartaruga tinha prioridade. O primata olhava ao redor, e, por ter sentidos mais apurados que o humano, acaba perceber algo que passara despercebido aos olhos do treinador. Um súbito movimento balançara alguns arbustos que se encontravam ali perto, o movimento fora muito leve, mas ainda perceptível. Não havia brisa soprando naquele momento, então aquilo só poderia ter sido obra de um ser vivo.

Aipom, aipom! – Tsuyio tentou chamar a atenção do menino, usando os dedos da mão que possuía na cauda para apontar na direção dos arbustos. – Aipom, ai!


Do! – Como se respondesse ao chamado do primata, uma ave estranha saiu do meio dos arbustos. Apesar de a formação vegetal não ser alta o suficiente para cobrir tal ser, a vegetação ao redor dos arbustos era densa o suficiente para que a presença do pássaro não fosse revelada antes. Ele era razoavelmente alto, possuía pelugem marrom que cobria apenas parte de seu corpo, as pernas e os pescoços não eram cobertas por pelos. Porém, o detalhe mais peculiar do Pokémon era, sem dúvidas, o fato do mesmo possuir duas cabeças. – Doduo!

# 01 - O Colecionador - Página 3 Doduo

Aipom! – Tsuyio não parecia confiar no convidado inesperado, e parecia pedir para que Nikora desse um jeito de resolver aquela situação. No entanto, o macaco foi completamente ignorado pelo garoto, que teve a atenção atraída para dois objetos que o Pokémon pássaro gêmeo segurava. No bico da cabeça esquerda, Doduo segurava uma fruta azulada, claramente uma Oran Berry. Já na cabeça direita, ele segurava uma fruta diferente, de coloração arroxeada. Se tratava da tão procurada Pecha Berry.


Última edição por Miki Mayoke em Qui Maio 15 2014, 17:51, editado 2 vez(es)
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Qui Maio 15 2014, 17:31



Rota 01!



Aquele Pokémon se aproximava de Nikora sem ao menos ele perceber. O garoto estava estasiado em preocupações devido à sua Squirtle. O Aipom compreendia que a situação da Pokémon era prioridade, tanto que se reconfortou esperando o garoto ter uma solução para isso. Talvez, um pouco de seu silencio foi o alívio por já estar seguro, ou parecer que estava seguro, agora só faltava ser entregue para sua dona, e ele teria certeza que o garotinho ruivo faria isso.

O Aipom começou a ficar agitado, mas o garoto parecia estar perdido em pensamentos. Até que sente uma presença, com o barulho da grama alta e arbustos balançando, e passadas na terra fofa, essa presença, agora, tinha acabado de passar por Aipom. O garoto olha assustado e fica estagnado ali. Jamais tinha visto um Pokémon que seria maior que ele, apesar de ainda ser uma criança. Fica estagnado, seus pensamentos eram de proteção, já que olhava para o Pokémon roxo com preocupação, mas seu corpo não se movimentava para poder ajudar.


▬ Aipom… Tente sair dai… - Sibilou baixinho.

Olhando mais de perto, podia notar duas frutas naquele Pokémon de pelagem marrom. Uma em cada uma das cabeças. Certamente se tratavam de uma Pecha e uma Oran. Mas e quanto ao Pokémon? O garoto retira de seu bolso sua Pokédex abrindo-a diante do Pokémon, esperando receber uma informação.

Já que não havia nenhum movimento brusco, e o garoto estava desesperado, o mesmo tentou resolver apelar para um diálogo, pacífico para barganhar as frutas.


▬ Ei… Doduo? – Pegou a Squirtle no colo. – Por favor, preciso dessas frutas na boca de vocês para salvar esta minha Pokémon… Veja. – Não sabia se a Squirtle estaria com a cara desanimada para dar uma encenação, mas certamente estava um tanto surrada e marcada da recente batalha. – Por favor…  – Aproximou-se mais um pouco, ainda que com calma. Mesmo que fosse perigoso, aproximaria, não tentaria tirar a fruta a força, apenas negociar. – Olha, agente pode ser bons amigos, mas antes, me ajude a salvar minha Pokémon… E quem sabe não podemos nos tornar uma família? Ela está pequena agora, mas podia aumentar... – Esperava que o Doduo aceitasse sua súplica de ajuda, afinal, estava realmente desesperado, e era uma ótima chance de ter um novo Pokémon.



Thanks @ Solaria Magnum CG

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Qui Maio 15 2014, 18:25


Nikora se assusta pela presença daquele Pokémon, o garoto nunca tinha visto nenhum daquela espécie, e sem dúvida a ave marrom era o maior monstro de bolso que a criança já vira em sua curta vida. Procurando descobrir mais informações sobre aquele Pokémon que ainda lhe era desconhecido, o menino apontou sua Pokedex para o pássaro.

Após receber os dados, o menino guardou a máquina avermelhada. Ele estava ciente de que poderia correr perigo ao se aproximar praticamente indefeso de um Pokémon selvagem, porém o desejo de proteger sua Squirtle acabou falando mais alto. Nikora se aproximava com passos cautelosos do Pokémon pássaro gêmeo, implorando para que ele cedesse sua fruta para o treinador. Por mero acaso, as dores que Squirtle sentia pelo envenenamento se manifestaram justamente quando seu dono a mostrou para Doduo, fazendo com que a mesma derramasse algumas lágrimas que se recusara a deixar cair durante a batalha.


Doduo
Dodo


# 01 - O Colecionador - Página 3 84

Doduo, o Pokémon pássaro gêmeo. Os cérebros de sua cabeça compartilham emoções por telepatia. Eles também compartilham a fome e estão constantemente brigando entre si por comida.

Dod... – No início, o Pokémon selvagem ficou um pouco desconfiado. Ele olhou para a tartaruga azulada, que lutava para não chorar na frente de seu dono, depois fitou Aipom, que ainda estava amarrado e de aparência infeliz, embora estivesse um pouco mais calmo por saber que logo voltaria para Lucy. Por fim, Doduo fitou a criança ruiva, e percebeu que a preocupação em seus olhos era verdadeira. – Doduo.

Para a sorte de Nikora, Doduo era um Pokémon muito gentil, e ao reparar que o grupinho estava realmente necessitando de ajuda, se aproximou devagar do menino e entregou-lhe ambas as frutas. O pássaro emitiu um som amigável, aparentemente tinha simpatizado com o garoto, mas logo voltou sua atenção para Tsuyio.

Ai... Aipom! – Ao ver que as frutas que curariam Squirtle tinham sido entregues à criança humana, o primata tinha voltado a se concentrar apenas em tentar partir aqueles fios que limitavam sua liberdade. Apesar de saber que todos os seus esforços seriam inúteis, o macaco parecia não suportar ficar preso.

Do, dodu do. – Doduo se aproximou de Aipom, parecia pedir que o mesmo ficasse parado. Tsuyio estranhou o pedido, mas parou de se debater. – Dod...

O Pokémon marrom aproximou ambas a cabeças dos fios que prendiam o corpo do macaquinho, e, usando ambos os bicos, conseguiu facilmente soltar Tsuyio da teia que tanto o incomodava. Ao se ver livre, o primata abriu um grande sorriso e literalmente se jogo em Doduo, abraçando a ave fortemente e parecendo se esquecer da desconfiança que sentia até pouco tempo atrás.

O Pokémon pássaro gêmeo usou uma de suas cabeças para retribuir o abraço de Aipom, e com a outra lançou à Nikora um olhar amigável. As frutas que curariam Squirtle estavam com o humano, Tsuyio estava livre, e Doduo tinha se mostrado um Pokémon muito amigável. Qual seria a reação do treinador?
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Qui Maio 15 2014, 19:23



Rota 01!



“Um Pokémon pássaro gêmeo...!!! Legal!” – Obteve a informação desejada da Pokédex.

A Squirtle havia derramado algumas lágrimas com sua dor, mas tentava prender o choro devido ao seu orgulho, ainda com a pequenina no colo, diálogava com o Pokémon, e esse parecia compreender a situação. As duas cabeças aproximavam-se do garoto dando a entender que era para pegar a fruta dos bicos. O garoto com cuidado leva sua mão até eles, que um por um abrem seus longos bicos para pegar a fruta.


▬ Muito obrigado…! – Disse ainda receoso.

Aipom tinha se acalmado mais em relação a presença do Doduo, estava apenas fitando a cena de maneira que havia esquecido de seu problema, queria saber o desfecho da história. Após alguns segundos, que viu que o garoto e o Pokémon estavam se acertando, Aipom começa a se contorcer. Empurrava, se debatia. E nada, os fios estavam um pouco deteriorado de tantas tentativas mas, todas elas estavam cansando o Pokémon.

O alto pássaro se aproxima dele, e trocando algumas palavras, e uma cabeça empurrando o bico para que ele se comporta, o Aipom entende o recado, e permanece estático. Não sabia ao certo porque mas vindo daquele grandalhão, era melhor obedecer. O bico de Doduo era bem afiado, tanto que com algumas bicadas já havia livrado o macaco dos fios. Aipom alegremente abraça o Doduo, essa era uma peculiaridade daquele Pokémon, sempre extrovertido e brincalhão, e para sua surpresa, o Doduo devolve o afeto. Até ai o sorriso de Nikora quase ia parar na orelha, aquilo estava extremamente bom. Aproximou-se dos dois, com a Squirtle no colo, que a essa altura já devorava as duas frutas e mantinha a boca toda lambuzada.


▬ Então… Doduo? – Com sua mão livre acariciou uma cabeça do Pokémon, e depois partiu para a outra. – Você gostaria de ser parte da minha família? Junto com a Squirtle? – Disse em um tom pacífico e amigável. No seu tamnho, estava esticando-se para poder acariciar o Pokémon. – Se você quiser, agente pode ter uma batalha por isso… Mas minha Pokémon está ainda bem fraca e eu não queria te machucar. Mas, o que você decide?

Diante disso, o garoto esperaria uma reação do Doduo. Caso o Doduo mostrasse querer uma batalha, ele tentaria, com a Squirtle, mesmo sabendo que a derrota era uma grande hipótese na situação. Se o Pokémon mostrasse querer por boa vontade, apenas jogaria a Pokébola, esperando que funcionasse.



Thanks @ Solaria Magnum CG

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Qui Maio 15 2014, 20:34

Off: Squirlte foi curada do envenenamento, e a Oran Berry curou 40% do HP dela, deixando-a com 56%.


Doduo encantava Nikora com sua atitude tão gentil e amigável, aquele se tornaria um ótimo integrante para a família do garoto. No momento, o pássaro se aproveitava do fato de ter duas cabeças para conversar com Aipom ao mesmo tempo em que observava Squirtle, parecendo conferir se a tartaruga estava se sentindo melhor. Ao ver treinador se aproximar, ele abaixa a cabeça, permitindo que Tsuyio escalasse seu pescoço e se acomodasse em suas costas, e olha simpaticamente para o humano.  

Nikora fez carinho em ambas as cabeças do Pokémon pássaro gêmeo, mesmo precisasse se apoiar na ponta dos pés para alcançá-las, e calmamente convida Doduo a entrar em sua família. A ave ouvia atentamente a proposta do treinador, e por um momento fica pensativo, parecia considerar a ideia. No entanto, antes que Doduo pudesse tomar uma decisão, Tsuyio pula das costas dele e sobe no ombro de Nikora, provavelmente lembrando-o que eles primeiro precisavam voltar para Lucy.

Aipom, ai ai pom ai! – Dizia ele, parecendo não suportar mais passar tanto tempo longe de sua querida amiga. Apesar de seu comportamento ter sido deveras inadequado para a situação, o primata estava certo, Lucy estava muito preocupada com seu amigo, e Nikora havia prometido que levaria Tsuyio de volta o mais rápido possível. Seria preciso primeiramente fazer com que aqueles dois se reencontrassem, a criança precisaria esperar mais um pouco para aumentar sua família.

Doduo! – Felizmente, Doduo se ofereceu prontamente para ajudar o trio. Uma caminhada de volta até o local onde a garotinha se encontrava seria desgastante, porém o pássaro gêmeo possuía porte para carregar todos os três, e parecia disposto a fazer isso, caso pedissem.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Qui Maio 15 2014, 20:51



Rota 01!



Doduo encarava Nikora e a Squirtle com uma cabeça, enquanto a outra se entretia com Aipom. O Pokémon parecia pensativo nas propostas, ambas cabeças pareciam pensar e debater silenciosamente o que deveria fazer. Aipom estava também muito amigado dos Doduo, para quem tinha um pé atrás a alguns momentos, isso era ótimo.

Antes que o Pokémon pudesse dar uma resposta, o primata o interrompe, pulando do Doduo para Nikora, e dizendo algumas palavras.


▬ Está certo! Está certo! – Sorriu. – Você deve estar louco de saudades da sua dona! Vamos indo então.

Sem ao menos perguntar, o Pokémon se manifesta se voluntariando para ir junto na caminhada. Squirtle e Aipom vai nas costas do Doduo, interagindo entre eles. Estava uma grande farra. O garoto ia ao lado andando enquanto participava de uma ou outra brincadeira. Afinal ele precisaria estar atento ao caminho para guiar.

Chegando perto da onde tinha encontrado a garota novamente, Nikora já começa a gritar por ela.


▬ Lucy!!!!! Nós voltamos! – Anunciava sua chegada. Estava feliz por devolver o Aipom, e ainda esperava uma resposta de Doduo.



Thanks @ Solaria Magnum CG


Spoiler:
Desculpe, não sabia mais como prolongar. Como não sei se vou poder ficar com o Pokémon, não quis narrar além.

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Sex Maio 16 2014, 18:56

Off: Já eu acabei exagerando. Desculpe, acho que me empolguei um pouco demais.

Nikora aceitava de bom grado a companhia do Pokémon pássaro gêmeo, que parecia feliz em acompanhar o grupinho. O começo da caminhada foi silenciosa, Squirtle tinha deitado nas costas de Doduo e observava o céu azulado, aparentava gostar do azul, uma vez que essa era a principal cor que coloria seu corpo. No entanto, Tsuyio não deixou que o silêncio se prolongasse por muito tempo, o macaquinho logo começou a brincar, pulava de uma cabeça à outra de Doduo, fazia palhaçadas, tentava a todo custo manter o grupo entretido e de bom humor. A ave marrom também entrou na brincadeira, exemplo que logo foi seguido por Squirtle. O trio parecia se divertir, até mesmo o humano se contagiava pela animação dos Pokémons e entrava em uma ou outra brincadeira.  

Cerca de vinte minutos se passaram, agora Squirtle e Aipom estavam montados cada um em uma cabeça de Doduo e pareciam brincar de cavalinho, o pássaro continuava alegre e aceitava de bom grado a brincadeira, começando a balançar ambas as cabeças para dar um pouco mais de emoção no jogo.  Alguém que observasse a cena de longe pensaria que Nikora era o único que realmente prestava atenção por onde iam, mas o garoto conseguia perceber que Doduo também observava a estrada, apesar de fazer isso de um modo tão discreto que a ação passava despercebida para quem não estivesse prestando atenção.

Quando a caminhada finalmente chegou ao fim, todos os três Pokémons exibiam sorrisos radiantes, pareciam ter se divertido imensamente.  A criança humana percebeu que estavam se aproximando do local onde Lucy aguardava, a silhueta da menininha já estava visível ao longe, porém ela ainda não parecia ter notado a presença do grupo.

Lucy!!!!! Nós voltamos! – Nikora anunciou a chegada do quarteto, sua voz chamou a atenção da garota, que olhou na sua direção e pôde vê-los se aproximando.

Você voltou mesmo! – Exclamou ela, rindo e pulando no mesmo lugar.

Aipom! – Ao ver sua querida amiga, Tsuyio não pensou duas vezes antes de se jogar nos braços da mesma, seus braços curtos envolveram o pescoço da menina em um forte abraço, que foi correspondido em igual entusiasmo por parte da criancinha.

Tsuyio! Você voltou! – Ela jogou o macaquinho para cima, o aparando de novo em seus braços logo em seguida. Ambos sorriam como uma criança que abria seus presentes de natal. – Eu senti sua falta, Tsuyio!

Aipom! – Respondeu o primata, pulando para o ombro de sua dona e começando a fazer as mesmas palhaçadas de sempre, conseguindo arrancar uma risada da menina. Apenas uns três minutos depois os dois se lembraram da presença de Nikora, e Lucy se voltou para ele, parecendo um pouco constrangida por ter se esquecido do menino.

Ops, desculpe. Enfim, muito obrigada por trazer meu Tsuyio de volta! Muito obrigada mesmo! – Disse ela, e o treinador não pôde deixar de reparar que aquela garota sorridente não lembrava nem um pouco a menina infeliz que ela parecera ser quando perdeu seu inicial. – Foi muito difícil derrotar o casulo? Eu disse que você conseguiria! E quem é esse pássaro com você? Sua Squirtle se machucou muito? Se quiser, pode ficar aqui um pouquinho, posso ter alguma coisa útil comigo.

Pela primeira vez Nikora notou uma bolsa rosada que estava ao lado da menina. Talvez Lucy tivesse algo que pudesse ter utilidade para o menino, e Squirtle parecia querer brincar um pouco mais com Doduo e Aipom.


Última edição por Miki Mayoke em Sab Maio 17 2014, 08:17, editado 1 vez(es)
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Sab Maio 17 2014, 02:30



Rota 01!



Lucy dava saltos, pulos de alegria. O garoto já nem reconhecia direito aquele semblante, que antes era tristonho.

▬ Sim, voltamos. – Sua boa ação estava completa, havia trazido Aipom para sua dona. O garoto olhava para o macaco pulando e abraçando sua dona, e após para a Squirtle sorridente observando a cena, mal podia pensar que cogitaria a ideia de deixar isso para lá e seguir em frente sem ajudar. Não podia negar isso, sua Pokémon havia o mudado um pouco, mas parecia que ela ainda tinha muito trabalho à fazer. O garoto não conseguia confiar completamente em um humano, preferia por todas as vezes ter de lidar com pokémons do que com humanos. E certamente ele os amava, e protegia, afinal, é e sempre foram sua família.

▬  Na verdade… Passamos por uns mals bucados. Mas estamos bem. Este é um Doduo, ainda é selvagem, ele ajudou o Aipom no final. Uma longa história… – Tentou terminar logo a conversa, não gostava de diálogos grandes. Após o garoto notar a bolsa daquela garota, talvez uma viajante também, não hesitou em dizer. – Na verdade nós já estamos de partida, mas se tiver algo, qualquer coisa que possa me ajudar, eu agradeceria. – Esperaria da garota qualquer coisa que fosse, já estaria conformado com o mísero dos itens, mas que no inicio de sua jornada, a probabilidade disso ser útil era enorme. Após receber ajuda ou não, trataria de partir. – Você fica bem agora? Estou indo! Vê se você cuida dela, e ela de você. – Olhou diretamente para Aipom.

▬ Ei Squirtle! Vamos? – Esticou os braços para pegar a Squirtle de cima do Doduo. – Agente tem muito caminho ainda pela frente. Estamos mais perto de Palet do que de Viridian.  – Pegou a Squirtle no colo e olhou para Doduo.  – E você…? O que me diz?



Thanks @ Solaria Magnum CG


Spoiler:
Bom, ao meu ver se empolgar nunca é um problema nesse tipo de RPG. Ah, queria dizer algumas coisas.

Não estou querendo forçar nenhum tipo de encerramento da aventura, apesar de ter parecido isso (eu mesmo percebi, estava apenas seguindo o que meu personagem faria). Eu notei que a média das aventuras é de 3 à 5 páginas, então estamos bem.

Queria dizer também que, independente do desfecho eu saio totalmente satisfeito daqui, só queria avisar que, se por acaso você tiver algo a mais, programado para aventura e quiser prolongar mais ela, é só você dar uma insistida que eu entendo o recado, independente do que planejar, eu topo.

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Miki Mayoke em Dom Maio 18 2014, 12:15


Off: Na verdade, eu poderia simplesmente lhe deixar sair da rota agora, mas decidi que talvez não fizesse sentido que o Doduo já confiasse em você o suficiente para deixar o lugar em que viveu durante toda a sua vida apenas para  segui-lo em sua jornada. Porém, eu também não queria forçar uma batalha entre ele e a Squirtle, então criei uma pequena situação para ajudar seu personagem a ganhar a plena confiança da ave. Explicarei melhor no final do post.


Nikora havia enfim completado sua boa ação, apesar de todos os imprevistos, e Tsuyio estava novamente com Lucy. Grande parte do mérito era de Squirtle, a tartaruga conseguira mudar um pouco seu treinador, mas a inicial aquática ainda teria muito trabalho pela frente, Nikora continuava incapaz de confiar plenamente em outros humanos, o garoto se sentia muito mais à vontade na presença de Pokémons. Ele encerrou a conversa o mais rápido possível, sabia que não poderia ficar ali caso desejasse chegar depressa em Viridian, se despedindo rapidamente de Lucy e Tsuyio.

Aipom, ai! –  O macaquinho estufou o peito ao ouvir o que Nikora lhe dissera, e respondeu algo em sua própria língua, provavelmente prometendo que cuidaria de Lucy. Squirtle correu para o lado do primata, parecendo um pouco tristonha, e começou a se despedir do novo amigo.

Enquanto isso, Nikora perguntava à Doduo se ele já tinha tomado uma decisão. A ave inclinou um pouco a cabeça esquerda, parecia pensativo, olhou para trás, fitando a enorme rota que por tanto tempo fora seu lar. Estaria mesmo disposto a abandonar sua casa para prosseguir na companhia do treinador?

Enquanto o pássaro marrom refletia sobre qual decisão tomar, Lucy procurava em sua bolsa algo que pudesse ser útil ao treinador.

Ahn... Eu tenho alguns doces e a Pokébola do Tsuyio, mas não acho que vai lhe interessar... Além disso, também tenho isso aqui, ó! – A garotinha estendeu as mãos na direção do menino, mostrando-lhe os itens que segurava. Era basicamente uma poção arroxeada, duas frutas rosadas e uma avermelhada. Bastou um olhar para que Nikora as identificasse como uma Potion, duas Pechas Berries e uma Cheri Berry. Eram itens simples, porém que poderiam ser crucias para um treinador iniciante.

Após acabar de se despedir de Tsuyio, Squirtle voltou para o lado de seu dono, parecia pronta para seguir viagem. Doduo percebeu que seu tempo estava acabando, e tratou de tomar uma decisão imediatamente. A ave se aproximou mais um pouco de Nikora, e parecia prestes a lhe dar uma resposta, porém naquele momento o Aipom voltou a chamar a atenção de todos. O primata também tinha decidido que queria recompensar a criança ruiva de alguma forma, e tinha ido até a árvore mais próxima para tentar encontrar alguma Berry. Entretanto, o que ele pretendia ser um favor prestado a um amigo, acabou virando uma verdadeira fonte de problemas quando uma ave saiu por entre as folhagens e colidiu violentamente com o macaco, assim jogando-o para fora da árvore.


# 01 - O Colecionador - Página 3 Spearow


Por sorte a queda não machucou Aipom, mas este se virou para o pássaro, parecendo irritado pela agressão. Aparentemente, a ave agressiva considerava a árvore em questão sua área particular, e não ficou nem um pouco feliz ao ter seu espaço invadido pelo Pokémon arroxeado. Por um momento pareceu que Tsuyio começaria uma batalha ali mesmo, porém logo dois outros pássaros pássaro, idênticos ao primeiro, se juntaram ao seu agressor, fazendo o macaquinho ter receio de atacar. Ele podia ser orgulhoso, mas não era suicida a ponto de enfrentar três oponentes furiosos sozinho. Entretanto, as aves não o deixariam escapar tão facilmente, e não hesitaram em avançar contra Aipom, os três parecendo prestes a usar o Peck.

Tsuyio! – Lucy gritou, parecendo preocupado com seu amigo. Todavia, os Spearows não conseguiram atacar o primata, pois antes mesmo que se aproximassem dele Doduo se colocou no caminho. O Pokémon marrom não parecia disposto a deixar que seu novo amigo se machucasse, e estava disposto a lutar contra todas as aves se isso significasse poder protegê-lo.

Porém, até mesmo o grande pássaro gêmeo teria dificuldades em encarar dois oponentes sozinho. Aquela poderia ser uma boa oportunidade para Nikora ganhar a plena confiança do Pokémon que desejava ter no time. O garoto ajudaria Doduo ou simplesmente desistiria do Pokémon e prosseguiria seu caminho ignorando aquela situação?




Off²: Ok, explicando: Normalmente Pokémons selvagens não seguem ordens de humanos, mas essa será uma exceção. Você poderá comandar tanto Squirtle como Doduo, e se tudo correr bem, ao final da batalha poderá ficar com o Pokémon pássaro gêmeo.


Última edição por Miki Mayoke em Ter Maio 20 2014, 16:58, editado 1 vez(es)
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Tielo em Dom Maio 18 2014, 13:22



Rota 01!



▬ Isso é ótimo, Lucy! Muito obrigado. – Recolhendo os itens, e guardando-os em sua bolsa. Antes disso, aplicou a dose do spray dado pela garota na sua Squirtle, que parecia se sentir bem melhor com o efeito revigorante que aquilo lhe causara.

Enquanto isso, Aipom querendo ser bem útil, e também presentear, parte para uma árvore próxima, em uma tentativa de arranjar um fruto para seus heróis. De repente um barulho, Nikora vira-se bruscamente para olhar o que havia acontecido. Aipom estava no chão, e um Pokémon ave estava no meio das folhas berrando, provavelmente reclamando da situação. Pelo que parecia, aquela árvore era o território da ave, e que fizera questão de demonstrar isso jogando o macaco para fora dela.

Aipom irritado, desafiou-a, mas ela pareceu não estar sozinha na árvore. Logo uma gangue deles. Agora Aipom estava contra três.


▬ Uau! Isso será que isso são Pidgeys ou uma espécie parecida? – O garoto logo recorreu à sua Pokédex para obter informações dessa espécia que ele ainda desconhecia.

Os pidgeys tentaram usar algumas sequencias de golpe porém o macaco conseguiu se safar. Lucy parecia desesperada. Aquela era uma encrenca da grande. Apesar das intenções de Aipom serem as melhores.

Doduo havia visto a cena, e como havia compreendido a situação, e sabia que a intenção de Aipom não era causar problemas, tomou partido e se juntou ao lado do macaco, enfrentando as aves.

Nikora não precisava nem dar o comando, quando menos esperava, a Squirtle já estava posicionada ao lado deles encarando-os. Mas os Spearows não pareciam ser do tipo de desistir.


▬ Cuidado, vocês três. - Observando melhor, a Squirtle parecia mais confiante após ganhar a última luta. O seu dono notava a diferença, até percebendo que a pequena tartaruga parecia ser mais forte. -  Squirtle, se prepare, na hora certa inicie com Tackle.

Inesperadamente, a tartaruga lança um jato d'água de sua boca na direção de um dos Spearows. O garoto olhava curioso. Apesar de a Pokémon ser aquática, ela ainda era muito fraca para usar um tipo de ataque como esse.

“Não sabia que a Squirtle podia usar um Water Gun… Acho que ela realmente ficou mais forte após a batalha do Kakuna.”

▬ Doduo, você vai ter que confiar em mim agora. Se você conseguir, usar a habilidade Peck duas vezes no Spearow que a Squirtle atacar… Seria de grande ajuda. Squirtle, tente focar sempre os que parecerem mais fraco. – A estratégia de Nikora, era analisar qual seria o capitão ou o chefe deles, e deixá-lo por último, tentando tirar peças mais fraca da luta primeiro. – Lucy, por favor, ajude com o Aipom!



Thanks @ Solaria Magnum CG


Spoiler:
Certo, bom, como não sei o level nem os ataques do Doduo, chutei o básico que seria o Peck. Se não era hora ainda de eu usar habilidades ou iniciar a luta, por favor desconsidere.

O caso do Water Gun, a intenção era acertar, e não foi um comando porque, na minha concepção é estranho o treinador apenas dizer para o Pokémon usar um comando novo, sendo que nunca viu ele utilizando (como saber então que ele tem?). Então essa foi uma forma de mostrar isso, mas se quiser desconsiderar também, ta tudo bem eu entendo, é que se não tivesse isso eu não ia fica tranquilo xD

Quanto à questão da confiança, achei totalmente coerente também.

_________________
# 01 - O Colecionador - Página 3 MYoXC1d
Obrigado a quem votou. Quem não votou... Coisas ruins podem acontecer...
Tielo
Tielo
Mestre

Mestre

Alertas :
# 01 - O Colecionador - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10# 01 - O Colecionador - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

# 01 - O Colecionador - Página 3 Empty Re: # 01 - O Colecionador

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum