Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Sex 27 Jun - 12:08

Ao ver aqueles olhos vermelhos fitando o pequeno e agora indefeso Wooper, o primeiro sentimento que invade a mente do treinador é o medo. Aquela situação não era favorável ao menino, ele não tinha conhecimento sobre a identidade e nem mesmo os poderes daquele ser escondido nos arbustos, porém qualquer um que conseguisse incapacitar Pokémons com tanta facilidade representaria uma grande ameaça a um humano, que não possuía nem a metade da resistência dos monstros de bolso. O fato de Daisuki possuir apenas seu inicial, ainda em um nível baixo, também não o favorecia, no entanto a indignação logo venceu a prudência, de modo que o treinador desafiou o misterioso ser sem nem mesmo pensar nas consequências.

Drowww... – Era difícil ter certeza, porém a resposta do desconhecido era levemente semelhante a uma risada. Os arbustos novamente se mexeram, dessa vez abrindo passagem para um Pokémon maior que Charmander, sendo levemente humanoide e possuindo uma coloração amarelada, embora alguns detalhes marrons pudessem ser encontrados em seu corpo.

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Drowzee

Drowzee inicialmente ignora o humano, mantendo seu olhar fixo em Wooper, que no momento se debatia no chão e choramingava baixinho, uma indicação de que o pequenino estava tendo um pesadelo. Um leve sorriso se estampou no rosto do Pokémon psíquico, porém este não tentou se aproximar mais do aquático, apesar de parecer tentado a fazê-lo, apenas ergueu o olhar e encarou Daisuki nos olhos, parecia perguntar-se mentalmente que tipo de sonho o humano teria quando fosse colocado para dormir.

Charmander naquele momento não parecia o Pokémon tímido que geralmente era, o lagarto estava ainda mais indignado que seu dono com aquela situação, e apenas não atacara Drowzee no mesmo instante que o vira por não ter recebido autorização para tal. O lagarto pulou dos ombros do menino, colocando-se na frente do treinador em uma atitude protetora. O Pokémon psíquico não parecia tão ansioso para lutar, mas pareceu perceber que não tinha muitas opções naquela situação, e após lançar um ultimo olhar tristonho para Wooper também se colocou em posição de combate.

Enquanto observava com atenção cada movimento de Drowzee, Daisuki acabou por se lembrar de algo que sua mãe lhe dissera há alguns anos. De acordo com ela, aquela espécie era conhecida por colocar pessoas e Pokémons para dormir e em seguida se alimentar de seus sonhos. Seria aquela a intensão do Pokémon psíquico? Estaria ele apenas com fome? Infelizmente, apenas sonhos poderiam saciar o humanoide, o que explicaria o motivo pelo qual ele usara seu Hypnosis em todos aqueles Pokémons. Se esse fosse o caso, era provável que os sonhos de Rattata, Pidgey e Spearow já tivessem sido roubados, e Wooper seria a próxima vítima. Caso o treinador quisesse proteger o Pokémon aquático, e também a todos os outros que poderiam se tornar futuros “alimentos” de Drowzee, seria necessário derrotar o psíquico.


Hora da Batalha
Campo:
A batalha ocorre na estrada de terra típica da Rota 1, com algumas pedrinhas espalhadas de forma aleatória por sua extensão. Em ambas as laterais da estrada se encontram várias árvores de porte médio e alguns arbustos grandes o suficiente para ocultarem um Pokémon não muito alto. Rattata, Pidgey e Spearow estão caídos na margem direita da estrada, enquanto Wooper se encontra na margem esquerda.



[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Charmander

Vs.

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Drowzee
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Sex 27 Jun - 18:28

Finalmente o indivíduo que atrapalhara o meu caminho apareceu e este era um pokémon psíquico conhecido por Drowzee, ele ainda encarava o Wooper adormecido que agora se debatia com se estivesse tendo um pesadelo. Poucos segundos depois o Pokémon me encara e eu o encaro de volta.

- Então finalmente apareceu né coisa feia...

Charmander simplesmente mudou sua expressão de um pokémon tímido para um pokémon irritado, sua expressão séria me espantava um pouco, mas isso me trazia confiança e de certa forma uma pequena excitação por ser minha primeira batalha.
Drowzee entrou em posição de combate, o que significa que estava pronto pra apanhar. Foi então que me lembrei que minha mãe disse que pokémons desse tipo eram devoradores de sonhos e isso começou a fazer sentido, vista a situação.


- Charmander, espere ele fazer o primeiro movimento, vamos ver o que ele sabe.

Se Drowzee fizesse um ataque direto, nós atacaríamos também, esperaria o momento certo para desviar e diria para Charmander desferir um soco em sua barriga, o pokémon era maior e mais pesado que Charmander, então, provavelmente, mais lento.
Se ele tentasse usar o Hypnose eu diria para Charmander fechar seus olhos, pois até onde sabia o golpe funciona se você estiver olhando e então eu o guiaria com os meus olhos.
Caso o pokémon psíquico tentasse usar outro golpe que ainda fosse desconhecido por nós do tipo especial então pediria para Charmander correr do golpe e se esconder em um dos arbustos ao redor, assim teria a chance de avaliar a situação e criar uma nova estratégia.
E caso ele ignorasse o Charmander e tentasse me atacar de alguma forma ele ficaria com a sua guarda baixa o que seria o suficiente para Charmander acertar um Scratch certeiro ou se fosse um ataque físico contra mim, eu não mediria forças para acertá-lo com um belo chute, como se ele fosse uma bola.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Ter 1 Jul - 21:06

Off: Desculpe novamente a demora, mas meu pai decidiu viajar outra vez. Queria saber o que ele tem contra passar uma semana inteira em casa...


Daisuki precisaria confrontar o responsável por toda aquela confusão, no entanto mesmo estando em clara desvantagem o treinador novato em nenhum momento sequer processou a possibilidade da derrota. O garoto possuía plena confiança no poder de seu Charmander, mesmo que este ainda fosse muito inexperiente, no entanto prefere não arriscar a segurança do lagarto, optando por primeiro analisar a capacidade de seu oponente antes de atacar diretamente.

Apesar de geralmente ser calmo e tímido, Charmander não suportava desonestidades, logo ver Drowzee se aproveitar de Pokémons visivelmente mais fracos fora mais do que o suficiente para enfurecer o inicial de fogo. A raiva era visível no olhar do lagarto laranja, no entanto ele fazia o possível para manter a calma, sabia que jamais venceria caso deixasse que a irritação lhe tornasse imprudente. Seguindo as ordens de seu dono, Charmander espera que Drowzee realize o primeiro movimento.

O psíquico, por sua vez, não deixa que a espera se prolongue por muito tempo. Os olhos de Drowzee assumiram um brilho arroxeado, e logo todo seu corpo foi envolvido por uma aura da mesma cor. Com um rápido movimento em uma das mãos, o devorador de sonhos lançou ondas cinéticas contra Charmander. Daisuki mal teve tempo de identificar o ataque como um Confusion antes de ver seu inicial ser lançado longe pelo poder mental de Drowzee, o lagarto não conseguira se esconder a tempo.

Apesar de ter recebido danos consideráveis, Charmander logo se reergueu, não seria derrotado com tanta facilidade. O Pokémon psíquico tentou repetir seu Confusion, porém dessa vez o lagarto laranja conseguiu correr até o conjunto de arbustos mais próximo, se escondendo em meio às folhagens antes que as ondas cinéticas lhe alcançassem.



Hora da Batalha
Campo:
A batalha ocorre na estrada de terra típica da Rota 1, com algumas pedrinhas espalhadas de forma aleatória por sua extensão. Em ambas as laterais da estrada se encontram várias árvores de porte médio e alguns arbustos grandes o suficiente para ocultarem um Pokémon não muito alto. Rattata, Pidgey e Spearow estão caídos na margem direita da estrada, enquanto Wooper se encontra na margem esquerda.



[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Charmander

Vs.

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Drowzee
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Qua 2 Jul - 12:20

Off: Não tem problema ^^
Off 2: Eu não sei como funciona o esquema dos narradores, mas eu li algumas aventuras aleatórias pra ter algumas ideias e melhorar minhas postagens e reparei que na "Hora da Batalha" os outros narradores colocavam o HP, os golpes e etc embaixo dos pokémons que batalhavam. Aí não sei se você não pode por ou é complicado, enfim se puder colocar pelo menos o HP dos pokémon eu agradeceria, pois assim acho que ficaria mais fácil para ambos administrarmos melhor a batalha.


Charmander obedeceu minhas ordens e esperou o adversário atacar, de repente seu corpo foi envolto por uma aura roxa e num rápido movimento com as mãos ele lançou ondas cinéticas.
Reparei que aquele golpe não era um Hypnose.


- Charmander, corra para os arbustos.

Ele tentou correr, mas o golpe o acertou e o derrubou, porém ele se levantou rapidamente. Vendo que Charmander já estava de pé, Drowzee lançou novamente o golpe anterior, só que dessa vez o lagarto conseguiu desviar e entrar nos arbustos. Durante esse segundo golpe pude analisá-lo e percebi que era um Confusion.

"Então esse cara sabe Confusion e Hypnose, pelo menos é o que sabemos, ambos são golpes que podem modificar o status, mas apenas um causa dano físico.
Espera um pouco, se ele usa Hypnose e depois se alimenta dos sonhos dos outros pokémon, então ele sabe Dream Eater.
Ele deve estar centrado em achar o Charmander e talvez esquecido minha presença, mas isso é o de menos, preciso distraí-lo.


Então eu pegaria uma pedra, andaria na direção oposta de onde o Charmander se escondeu e a jogaria nele, acredito que sua atenção se voltaria pra mim e suas costas ficarão de frente para Charmander, assim eu daria o comando para usar o Scratch e ele poderá acertar o ataque em cheio. E se ele não se virar pra mim ficarei jogando todas as pedras que estiverem ao meu alcance, elas também causam danos. Caso ele se virasse e tentasse me atacar, também correria para dentro da floresta, mais precisamente para trás de uma árvore e de lá ordenaria para o ataque de Charmander.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Sex 4 Jul - 0:11

Off: Bem, originalmente nós usávamos esse modelo onde as informações ficavam logo abaixo da imagem do Pokémon. No entanto, o código era complicado de se administrar e causava uma grande dor de cabeça quando precisávamos usá-lo em batalhas em duplas ou de mais integrantes. Então foi criado um novo modelo, mais simples e que pode facilmente ser manipulado em confrontos que envolvem uma grande quantidade de Pokémons. Para visualizar os status do Pokémon basta deixar o mouse sobre a imagem dele. No entanto, caso você prefira, posso voltar a usar o antigo modelo durante a sua rota.


Drowzee não parecia nem um pouco preocupado com o desaparecimento de seu oponente. Muito pelo contrário, o olhar tristonho que ele lançou a Wooper indicava que o psíquico estava unicamente em não poder realizar sua refeição. Com um suspiro, o Pokémon amarelo passa os olhos pelo local onde Rattata, Pidgey e Spearow repousavam, provavelmente lembrando-se dos doces sonhos que aqueles três tinham pouco antes de estes terem sido roubados.

Drowww... – Sussurra de modo desanimado, era perceptível que apenas os sonhos dos três pequeninos não foram o suficiente para saciar Drowzee. Infelizmente, caso quisesse os sonhos de Wooper teria que primeiro derrotar aquele humano que decidira se por em seu caminho. Um sorrisinho se estampou no rosto do hipnotizador, ele provavelmente se perguntava qual gosto teria os sonhos de um humano. Aquele pensamento animou Drowzee, de modo que ele logo voltou a se concentrar na batalha.

Por um instante os olhos do Pokémon psíquico pareceram brilhar, ele estava prestes a realizar outro dos seus truques psíquicos. No entanto, naquele momento Daisuki encheu-se de coragem e decidiu distrair por conta própria o criador de toda aquela bagunça. O treinador atirou uma pedra contra o ser amarelado, com o intuito de assim chamar sua atenção. A pedra por um par de segundos voou na direção de Drowzee, porém este não teve a menor dificuldade de pará-la com seus poderes psíquicos, deixando-a flutuando no ar cercada por uma luz arroxeada.

A tática não funcionara como o treinador previra, no entanto Charmander conseguiu se aproveitar daquele curto momento de distração por parte do psíquico para atacá-lo. Surgindo de algum lugar por entre os arbustos, o lagarto correu contra o ser amarelo, já erguendo o braço direito. Com um rápido movimento, Charmander arranhou violentamente as costas de Drowzee, que apenas viu um borrão laranja indo em sua direção antes de sentir as garras de Charmander contra si.

Percebendo que seu ataque havia sido bem sucedido, o inicial de fogo logo aproveitou para acertar um segundo arranhão, um pouco acima de onde acertara o primeiro. Indignado, Drowzee virou-se bruscamente e acertou em Charmander uma forte pancada com uma das mãos (Pound). O lagarto foi jogado contra alguns metros para trás, porém logo se levantou.

Drowzee parecia aborrecido, e logo apontou um de seus dedos para a mesma pedra que Daisuki tentara jogar contra ele, esta ainda estava flutuando pelo poder de seu Confusion. Usando apenas o poder de sua mente, o psíquico usou a pedra para escrever uma mensagem no chão, de algum modo ele conhecia a escrita humana. O recado era simples, uma única frase, porém que resumia completamente aquele confronto.


Drowzee escreveu:“Eu ainda estou com fome”



Hora da Batalha
Campo:
A batalha ocorre na estrada de terra típica da Rota 1, com algumas pedrinhas espalhadas de forma aleatória por sua extensão. Em ambas as laterais da estrada se encontram várias árvores de porte médio e alguns arbustos grandes o suficiente para ocultarem um Pokémon não muito alto. Rattata, Pidgey e Spearow estão caídos na margem direita da estrada, enquanto Wooper se encontra na margem esquerda.



[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Charmander

Vs.

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Drowzee
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Sex 4 Jul - 15:08

off: Ah eu não sabia disso, então não precisa não, obrigado ^^


Enquanto Charmander se escondia, eu resolvi distrair Drowzee e lhe joguei uma pedra, porém o pokémon psíquico usando seus poderes mentais a parou em pleno voo, mas o objetivo principal foi concluído que era fazer ele baixar a guarda e nesse momento dei meu comando.

- Charmander use o Scratch!

Saindo dos arbusto de onde se escondia, Charmander corre em direção ao pokémon amarelo e arranha bruscamente suas costas e logo em seguida arranha novamente. Irritado por ter recebido golpe Drowzee se vira rapidamente e acerta uma pancada com suas mãos em Charmander o jogando para longe, mas rapidamente meu pokémon se levanta.
Então o pokémon inimigo apontou um de seus dedos para a mesma pedra que eu tentei jogar nele e com ela escreveu algo no chão, algo que eu pude entender.
Ele escreveu uma frase que dizia que ele ainda estava com fome.
Eu não sabia se respondia o pokémon ou se mandava Charmander continuar a atacar, realmente fiquei meio desconcertado com aquilo.


- Você só se alimenta desse modo? Não dá pra comer comida normal?

Eu tentei iniciar um diálogo, mas estava atento a qualquer movimento que o pokémon fizesse, eu poderia estar confuso, mas não baixaria minha guarda. Comecei a pensar que se ele só se alimentasse desse modo, se ele não conseguisse comer comida normal, ou seja, se seu organismo não se saciasse com frutas e essas coisas, eu estaria brigando com um pokémon por ele não comer da mesma forma que eu, apesar de ser algo que eu não aceitasse bem. E isso não teria muito sentido. Mas lembrando da expressão de medo feita pelo pequeno Wooper não daria pra aceitar algo assim.

- Ah droga! - Eu colocava as mãos na cabeça e puxava meus cabelos, mas sem muita força.
- Quer saber... se quiser comer vai ter que comer comida normal.

Se Drowzee me ignorasse ou reagisse de forma negativa, mandaria Charmander atacá-lo novamente com o Scratch, mas se ele também tentasse dialogar de alguma forma ou explicar sua situação ou qualquer coisa parecida, não daria ordens de ataque para o meu pokémon a não ser que este atacasse primeiro.
Caso a segunda opção ocorresse faria o que fosse mais sensato no momento.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Sab 5 Jul - 19:54


Apesar de todos os problemas que Drowzee causara, Daisuki fica desconcertado ao ver a mensagem que ele lhe mandara. Na determinação de tentar proteger o pequeno Wooper, o garoto se esquecera completamente de ao menos tentar entender o lado do psíquico, que apenas atacara os outros quatro selvagens por precisar de alimento. Uma guerra de ideias ocorria na mente do rapaz enquanto ele tentava decidir se continuava a batalha ou tentava iniciar um diálogo, e percebendo a indecisão do humano Drowzee logo escreveu outra mensagem.

Drowzee escreveu:“Eu não queria machucar ninguém... Mas sentia tanta fome e eles tinham sonhos tão doces...”

Com um infeliz suspiro, Drowzee voltou sua atenção para os três Pokémons que ele mesmo hipnotizara. Pidgey e Spearow continuavam profundamente adormecidos, no entanto Rattata começara a se debater, parecia prestes a acordar. O roedor abriu seus olhos lentamente e se colocou de pé, no entanto ainda estava sonolento demais para perceber o que acontecia à sua volta.

Enquanto isso, Daisuki continuava imerso em seus próprios pensamentos. Caso Drowzee realmente não pudesse comer comida normal, aquela batalha estaria ocorrendo apenas porque dois seres vivos de espécies diferentes não se alimentavam da mesma maneira, o que seria um motivo no mínimo fútil. O garoto enfim decidia responder ao ser amarelo, perguntando se ele não poderia se alimentar de outra maneira. Por um momento Drowzee pareceu refletir, porém logo balançou a cabeça, e com um rápido movimento com a mão direita fez com que a pedra recomeçasse a escrever.

Drowzee escreveu:“Poder eu até que posso. No entanto, comida normal não satisfaz minha espécie como às outras, precisamos de sonhos para nos mantermos fortes e saudáveis. Seria como se você precisasse sobreviver comendo apenas alface, seu organismo jamais se satisfaria apenas com isso.”

Char... – Ao acabar de ler a mensagem, toda a raiva de Charmander pareceu se dissipar. O lagarto olhou para seu treinador, aparentemente não lhe agradava lutar por um motivo como aquele. Drowzee não atacara aqueles Pokémons por maldade, ele simplesmente não tinha escolha.

Droww. – Drowzee ergueu as mãos em sinal de desistência quando o inicial de fogo se aproximou dele, no entanto Charmander não queria atacar. Ele apenas permaneceu a alguns metros do psíquico, seu olhar demonstrava algum sentimento entre a pena e a compreensão. Percebendo que o Pokémon de Daisuki não lhe faria mal, ao menos não naquele momento, o humanoide amarelo escreveu outra mensagem.

Drowzee escreveu:“Há aqueles que dizem que sou mau, não entendem que me alimento de sonhos apenas por falta de opções. Por isso me temem, por isso me odeiam e tentam me atacar sem pensar duas vezes, exatamente como você fez há alguns minutos.”
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Dom 6 Jul - 15:38

Minha tentativa de iniciar um diálogo deu certo, como eu pensara aquele pokémon fazia aquilo pra se alimentar da única forma que podia para seu organismo de saciar. Eu e Charmander não encontramos mais motivos para batalhar e o pokémon psíquico também não. Após ele ter respondido a minha pergunta e dito que não sou o único que age de tal forma com sua espécie fiquei ainda mais desconcertado, porém tive duas ideias que poderiam resolver o problema daquele pokémon.

- Bom...agora te compreendo. Como você disse, você não queria machucar aqueles pokémon, mas não havia outra forma. Eu acho que posso te ajudar, tenho duas ideias pra isso.
- Primeira, existe um homem especialista em pokémon em um lugar bem próximo daqui, ele tem um laboratório de pesquisa e é um grande amante dos pokémon, eu posso te levar lá e resolveremos esse problema, talvez ele tenha ou até crie uma maquina que produza sonhos pra você se alimentar.
- Segunda, eu sou um treinador de pokémon, um aventureiro, e quero me tornar muito forte, se você se tornar meu pokémon posso lhe oferecer um pouco dos meus sonhos, porém como você disse meu corpo não se sustentaria apenas com alface, mas também não se sustentará apenas com carne, é preciso um equilíbrio, um pouco dos dois, com isso quero dizer que posso lhe oferecer sonhos e depois você complementa com comida.
- Você escolhe.


Durante a conversa eu nem percebia que o Rattata despertara de seu sono.

Se ele escolhesse a primeira alternativa perguntaria se ele gostaria de se tornar meu pokémon do mesmo jeito, antes de irmos até o Prof. Oak que era de quem eu falava ou se ele apenas me seguiria até lá como um pokémon selvagem.
Se ele escolhesse a segunda eu o levaria comigo e como prometido permitiria que ele se alimentasse dos meus sonhos desde que isso não me prejudicasse mais pra frente de alguma forma.
E caso ele não quisesse nenhuma, então, eu perguntaria se ele teria alguma ideia melhor.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Seg 7 Jul - 0:43


Daisuki e Drowzee optaram por resolver aquilo de maneira civilizada, preferindo iniciar um diálogo e interromper aquele combate sem sentido. Agora estava claro para o humano que Drowzee possuía um bom coração, mas infelizmente ele necessitava de sonhos para se alimentar, de modo que o psíquico precisava “caçar” seu próprio banquete. O treinador iniciante ficou ainda mais desconcertado diante da afirmação de Drowzee de que todos os humanos reagiam de maneira agressiva ao se deparar com alguém de sua espécie, e Daisuki não fora uma exceção. No entanto, mesmo tendo atacado o psíquico sem nem mesmo procurar entender seus motivos, o garoto parecia determinado a se redimir com o Pokémon amarelo, dando-lhe algumas sugestões que poderiam solucionar seu problema.

Drowzee fica pensativo por alguns instantes, refletia sobre cada uma das propostas para tentar identificar tanto seus pontos positivos quanto os negativos. Charmander continuava observando o devorador de sonhos, parecia curioso para saber qual decisão este tomaria. Por fim, o psíquico novamente manipula a pedra com seus poderes paranormais, voltando a escrever.


Drowzee escreveu:“Não sei, sonhos artificiais não me parecem tão atrativos. Quando dormem, os seres vivos costumam despejar seus sentimentos mais profundos em seus sonhos, é por isso que eles são a única coisa capaz de saciar completamente a minha espécie. Máquinas não pensam, não sentem, consequentemente seria impossível para uma fornecer a energia de que preciso.”

Drowzee logo descartou a primeira sugestão do humano, todavia ainda não havia respondido a segunda proposta.

Enquanto isso, Rattata continuava um pouco sonolento, no entanto já conseguira recuperar o bastante de sua consciência para reconhecer o causador do estado em que ele se encontrava. O roedor mantinha o olhar fixo no Pokémon psíquico, parecia dividido entre a vontade de atacá-lo e de fugir, no entanto acabou decidindo tomar a atitude mais sensata e virou as costas para o trio que trocava mensagens na estrada, tentando correr para longe dali. Infelizmente, Rattata ainda não estava completamente desperto e acidentalmente tropeçou em Spearow, caindo por cima do mesmo.

Para a infelicidade do camundongo, aquilo foi o suficiente para despertar a ave rapina, que ao perceber sua situação passou a encarar o rato arroxeado com raiva evidente. Este, por sua vez, apenas se levantou e saiu correndo para outra parte da rota, sumindo completamente em meio ao gramado, e com um furioso Spearow em seu encalço. Pidgey e Wooper continuavam dormindo, sem nem mesmo reparar no pequeno “desentendimento” que houvera entre o rato e o pássaro.
Voltando para o trio formado por humano e Pokémons, Drowzee escrevia outra mensagem.


Drowzee escreveu:“Bem, você parece ser um bom garoto, e também foi o único a me oferecer seus próprios sonhos... No entanto, vivi nesta rota durante tanto tempo... Não sei o que responder, por um lado me adaptei a viver aqui, por outro estou cansado de ficar sempre sozinho...”

Acidentalmente, Drowzee acabara deixando escapar o quanto se sentia solitário. A maioria dos Pokémons daquele lugar tinha medo do psíquico, e com razão, de modo que este nunca tivera um amigo. Acompanhar Daisuki parecia uma ideia convidativa, porém aquela era uma decisão que não poderia ser tomada com tanta rapidez.

Drowzee escreveu:“Façamos o seguinte, lhe acompanharei até a saída da rota. Você claramente é um treinador, então suponho que esteja indo para Viridian, correto? Ainda falta um algum tempo até lá, então irei com você até a fronteira que liga Viridian à Rota 1. Quando chegarmos, lhe darei a resposta. Isto é, se você não se importar de caminhar com uma ‘coisa feia’.”

Com sua ultima frase, Drowzee acabara demonstrando um pouco de ressentimento pelo modo como o garoto lhe tratara antes, embora parecesse disposto a deixar aquilo no passado. Entretanto, ainda faltava saber se Daisuki aceitaria a proposta do psíquico.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Seg 7 Jul - 14:44

Após eu apresentar as duas propostas que tinha, Drowzee, descartou a primeira dizendo que maquinas produziriam sonhos artificiais e não seria a mesma coisa. E então partiu para a segunda opção. Essa lhe parecia mais atrativa, mas o pokémon parecia ter um certo receio de sair daquele lugar no qual vivera tanto tempo, por outro lado seria interessante ter um companheiro, o pokémon dizia que era solitário e aparentemente não tinha amigos.
Drowzee estava incerto do que fazer diante da proposta e decide que irá me acompanhar até o final da rota e lá me dará sua resposta, desde que eu não me importasse de caminhar com uma "coisa feia".


- Err... Você lembrou disso é... - Eu fiquei completamente sem graça depois daquilo.
- Olha... foi algo dito da boca pra fora, os humanos dizem coisas idiotas quando estão bravos e não pensam direito. Foi mal... - Eu dava um sorriso sem graça e colocava a mão na nuca enquanto dizia isso.
- Eu não me importo de você me acompanhar, mas antes temos que esperar aqueles pokémon acordar. - Eu já estava um pouco mais sério.
- Eu irei pegar o Wooper enquanto vocês esperam juntos dos outros três - Nesse momento eu me virava pros três que eu achava que dormiam.
- Mas hein? Cadê o Rattata e o Spearow? Será que foram levados? Ou acordaram? Drowzee você os viu?
- Charmander fique perto do Pidgey e veja se não tem ninguém por perto que eu vou pegar o Wooper!


Nesse momento eu pegaria o pokémon azul adormecido e depois iria em direção ao Drowzee e Charmander, sentaria ao lado do Pidgey e diria para o meu pokémon ficar alerta caso Drowzee nem Chrmander tivessem visto o que aconteceu com o rato e o pássaro.
Se estivesse tudo bem perguntaria ao Drowzee se não se importaria de esperar a não ser que ele soubesse algum truque para acordá-los. Caso ele soubesse pediria para usá-lo e que tomasse cuidado, pois os pokémons poderiam ficar irritados já que foi ele o autor daquilo tudo.
Se ele não soubesse esperaria os pokémon acordar e durante este tempo conversaria com os dois que estavam acordado principalmente Drowzee, pois se ele não escolhesse vir comigo pelo menos teria um dia com quem conversar como se fosse um amigo.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Qua 9 Jul - 21:33


O último comentário de Drowzee deixa Daisuki encabulado, afinal o treinador o havia insultado. Ele colocou uma mão em cima de sua cabeça enquanto tentava se desculpar com o psíquico, afirmando que ele o chamara de “coisa feia” em um momento de raiva, as palavras foram apenas da boca para fora. Abrindo um sorriso um pouco tristonho, o humanoide amarelo escreve outra mensagem.

Drowzee escreveu:“Não faz mal, sei bem como a espécie humana pode ser impulsiva quando está irritada. Mas insultar seu oponente antes mesmo de saber qualquer coisa sobre ele é muito imprudente, sabia? Pode magoar um inocente ou enfurecer alguém violento. De maneira geral, é uma péssima ideia.”
Ao ler tais palavras, Charmander olha significativamente para seu mestre. Felizmente Drowzee era um Pokémon pacífico, no entanto ficara bem claro durante a curta batalha que ele era mais experiente do que o lagarto. Caso o psíquico fosse perverso, Charmander não queria nem imaginar as consequências que esse insulto, apesar de leve, poderia trazer. Daisuki, no entanto, não percebia o olhar de repreensão que seu Pokémon lhe lançara, o garoto no momento estava mais concentrado no repentino desaparecimento de Spearow e Rattata.

Enquanto o grupo estava distraído, o roedor e a ave desapareceram “magicamente”, sem que o humano percebesse. Surpreso, Daisuki pergunta aos dois únicos Pokémons despertos por ali se eles tinham alguma ideia do paradeiro dos selvagens. Charmander balançou a cabeça negativamente, parecendo tão surpreso quanto seu dono, no entanto Drowzee apenas emitiu um som levemente semelhante a uma risada enquanto voltava a escrever.


Drowzee escreveu:“Ah, não precisa se preocupar com aqueles dois. Digamos apenas que o Rattata provavelmente pensará duas vezes antes de tropeçar em um Spearow adormecido novamente. Mas não se preocupe, ambos ficarão bem.”

Com isso tanto o lagarto quanto o humano se acalmam, felizmente Rattata e Spearow não corriam nenhum risco. Isto é, se ser perseguido por um pássaro psicótico não fosse considerada uma situação perigosa.

Drowzee escreveu:“Ok, ficamos por aqui até que eles acordem. Eu acho que tenho alguma coisa comigo que possa ajudar, espere por um segundo.”

E, sem dizer mais nada, Drowzee se levantou e começou a caminhar na direção de um conjunto de arbustos, desaparecendo em meio a eles por alguns instantes. Quando voltou, o psíquico segurava consigo uma fruta azulada de formato estranho, mais comprida do que arredondada.

Drowzee escreveu:“Esta é uma Chesto Berry, ela possui a capacidade de despertar Pokémons adormecidos. Sempre guardo algumas comigo para emergências, todavia hoje tenho em minha posse apenas uma... Podemos acordar Pidgey ou Wooper, o outro precisará despertar por conta própria.”

Apesar de possuir poderes psíquicos, Drowzee achou mais prático apenas jogar a fruta para Daisuki, que a segurou sem dificuldades.

Drowzee escreveu:“Escolha qual você quer despertar agora, deixo a decisão em suas mãos.”
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Qui 10 Jul - 16:18

Drowzee me desculpa por ter lhe insultado e me avisa que não é muito prudente xingar os adversários sem nem mesmo conhece-los.
Rattata e Spearow sumiram e eu fiquei preocupado com seus desaparecimentos, mas Drowzee diz que ambos estão bem e logo me acalmei. Eu disse ao pokémon amarelo que teríamos que esperar os outros dois acordarem e ele concordou, ainda disse que tinha algo para ajudar, então ele entrou em um arbusto e rapidamente voltou com uma fruta na mão, esta era uma Chesto Berry utilizada para acordar pokémons adormecidos. O pokémon psíquico joga a fruta em minha direção e eu a pego, o mesmo então diz que tem apenas uma e que o pokémon a ser acordado deve ser de minha escolha.


- Acho que então não teremos problemas, antes mesmo de você aparecer eu estava querendo capturar este Pidgey. Sabe, quanto mais variados são os pokémon em uma equipe, melhor ela será, pelo menos é isso que eu penso. Logo o que sobrou foi o Wooper, então darei a fruta para ele. Mas antes...

Eu tiraria novamente uma pokébola da minha bolsa e a lançaria de encontro ao Pidgey, com este dormindo a captura provavelmente será mais fácil.
Depois que eu o capturasse, se eu conseguisse o capturar, pegaria a fruta e colocaria na boca do Wooper adormecido. Procuraria acalmá-lo de alguma forma logo que ele acordasse, pois vendo o Drowzee ele sentiria vontade de fugir ou atacá-lo.


- Não tentarei pegar esse Wooper, pois parece que ele ainda é muito jovem e talvez tenha até família. Melhor soltá-lo.
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Sex 11 Jul - 1:31

Off: Essa história está tomando um rumo meio estranho...


Daisuki decidia despertar Wooper, uma vez que o humano ainda pretendia incluir Pidgey em seu time e seria mais simples capturá-lo enquanto estivesse adormecido. Charmander mantinha o olhar fixo em seu mestre, parecia desaprovador diante do plano do rapaz de capturar um Pokémon visivelmente indefeso, no entanto não tomou nenhuma atitude. Apesar de seu senso de justiça gritar para que fizesse algo, o lagarto jamais contrariaria seu treinador. Percebendo a indignação de Charmander, Drowzee se aproximou do menor e sussurrou algo para ele em sua própria língua. Como o psíquico não se dera o trabalho de escrever a tradução, Daisuki não entendeu o que ele disse, no entanto ao terminar de ouvir o inicial de fogo ergue a cabeça, olhando para o Pidgey com um sorrisinho travesso que não combinava com o lagarto, parecia conter uma gargalhada a muito custo.

Sem perceber a estranha atitude de seu companheiro, o humano sacava uma Pokébola vazia e a jogava contra o pombo. No entanto, antes mesmo que a esfera bicolor pudesse atingir o alvo, o universo pareceu conspirar contra o garoto. Drowzee rapidamente escreveu uma única palavra, dessa vez usando apenas letras maiúsculas.

Drowzee escreveu:“ESPERA!”

O Pokémon amarelo usou seus poderes psíquicos para interceptar a Pokébola em pleno ar, fazendo com que ela voltasse para as mãos do garoto. Antes mesmo que Daisuki pudesse ter qualquer reação, o menino percebeu que logo naquele momento Pidgey enfim começava a despertar. O pássaro abriu seus olhos lentamente, no começo pareceu confuso ao fitar os estranhos que estavam à sua volta, porém logo seu olhar se fixou em Drowzee, e a confusão imediatamente foi substituída pela raiva.

Se fosse possível matar apenas com o olhar, Drowzee já estaria jogando cartas com Giratina diante do modo como o pombo lhe olhava. O psíquico ergueu as mãos em sinal de desistência e disse algo para Pidgey, provavelmente um pedido de desculpas, fazendo uma leve reverência para ele logo em seguida. Apesar de pertencer a uma espécie conhecida por sua gentileza, o pássaro marrom não parecia muito amigável no momento, ele virou as costas para o devorador de sonhos, dirigindo sua atenção para o pequeno Wooper.

Sem que Daisuki percebesse, Charmander tirara a Chesto Berry de suas mãos e àquela altura já estava dando-a para o aquático. Wooper despertou lentamente, ainda parecendo um pouco sonolento. Pidgey se aproximou do pequenino, parecia perguntar se ele estava bem, e piou de forma aliviada ao receber uma resposta positiva. Os dois trocaram mais algumas palavras, e aos poucos Wooper, que até então estava apavorado, se acalmou.

Drowzee aproximou-se da dupla, fazendo outra reverência enquanto repetia seu pedido de desculpas. Pidgey ainda parecia irritado, porém Wooper sorriu para o psíquico, indicando que por parte dele não havia ressentimentos. O trio conversou por mais alguns minutos, tempo em qual Daisuki tentava absorver os recentes acontecimentos, e por fim firmaram um acordo de paz. Virando-se para Daisuki, o hipnotizador escreveu outra mensagem.


Drowzee escreveu:“Garoto, Wooper está perdida e não sabe encontrar o caminho de casa sozinha. A propósito, ela é uma garota, certo? Pidgey quer ajudá-la, e ele diz que é a minha obrigação fazer o mesmo, já que eu sou o responsável por tudo. Bem, admito que realmente sou o culpado por essa grande confusão, e quero me redimir de alguma forma. O que me diz, vai nos ajudar a encontrar a casa de Wooper? Ela ainda é pequena, não conseguiria se virar por conta própria.”
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Daisuke em Sex 11 Jul - 14:31

Off: Novos problemas vão surgindo um atrás do outro, acho que ficará no mínimo interessante.


Antes de eu tirar a pokébola da bolsa vejo os dois pokémon que estavam acordados cochichando algo, mas não dei muita importância. Quando tiro a pokébola da bolsa e a lanço contra o pássaro, Drowzee para minha cápsula no ar e trás de volta a minha mão. Quando olho pro chão e vejo escrito "ESPERE!".

- O que foi? Porque isso?

Quando olho de volta para o Pidgey, este já estava acordando, meio confuso, mas quando o pokémon viu o rosto de Drowzee o olhou de uma maneira como se fosse matá-lo, porém o psíquico fez um sinal de desistência e disse algo que deve ter sido um pedido de desculpas e logo o pássaro se virou para o Wooper adormecido.
Sem me dar tempo de reação Charmander pula e tira a Chesto Berry da minha outra mão e rapidamente a dá para o Wooper.

- Hey!

Assim que o pokémon começou a acordar o Pidgey se aproximou mais e os dois começaram a conversar, então Drowzee se aproximou também e fez uma espécie de reverência e disse algo. Então os três começaram a conversar.

- Mas o que é isso? Conspiração?

Drowzee se virou pra mim e escreveu:

- Garoto, Wooper está perdida e não sabe encontrar o caminho de casa sozinha. A propósito, ela é uma garota, certo? Pidgey quer ajudá-la, e ele diz que é a minha obrigação fazer o mesmo, já que eu sou o responsável por tudo. Bem, admito que realmente sou o culpado por essa grande confusão, e quero me redimir de alguma forma. O que me diz, vai nos ajudar a encontrar a casa de Wooper? Ela ainda é pequena, não conseguiria se virar por conta própria.

- Ela é uma garota? Bom, eu ajudo vocês sim. Muito legal da parte de vocês, aliás. E então Charmander vamos ajudá-os?
Daisuke
Daisuke
Treinador

Treinador

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Miki Mayoke em Qua 16 Jul - 13:18

Off: Bem, vamos ver como essa história vai acabar ^^

Off²: Não é legal quando o modem quebra e deixa a pessoa sem internet em plenas férias? ç.ç


Daisuki prontamente aceita ajudar a pequena Wooper, elogiando Pidgey e Drowzee por sua iniciativa. Ao ouvir isso, a aquática começa a pular no mesmo lugar, alegre por receber ajuda para encontrar o caminho de casa. Pidgey pareceu surpreso, não esperava que o humano concordasse em ajudá-los, mas Drowzee apenas sorriu, aparentemente já esperava por aquilo. Com um novo objetivo em mente, o grupo começou a caminhar em uma direção aleatória, uma vez que ninguém sabia onde Wooper morava.

Drowzee escreveu:“Ei, você... Eerrr... Humano? Argh, eu não sei o seu nome! Bem, o importante é que nós estamos procurando pela casa de um Pokémon aquático, então o melhor a se fazer seria ir até um lago. O que acha?”

Drowzee, que andava do lado do humano, perguntava a opinião deste. De todo o quarteto de Pokémons, o psíquico fora o único que aceitara de bom grado andar durante todo o percurso, uma vez que Charmander, Wooper e Pidgey não pareciam dispostos a se desgastarem dessa maneira. Os Pokémons de água e de fogo decidiram que seria muito mais confortável deixar que Daisuki fizesse o trabalho pesado, o lagarto subira em sua cabeça enquanto a Water/Ground se acomodara no colo do menino. Pidgey, ou “General”, como Drowzee começara a chamá-lo, voava um pouco acima do grupo, assim tendo um campo de visão mais ampliado do que os outros e podendo observar tudo ao seu redor com maior facilidade.

Os minutos se passaram, Pidgey continuava vigiando tudo o que acontecia por cima, e quando Daisuki se deu conta tanto Wooper quanto Charmander adormeceram, não deixando outra escolha para o garoto exceto carregá-los. Nenhum Pokémon selvagem perturbava o grupo, todos fugiam assim que avistavam Drowzee, o que fazia o psíquico soltar um suspiro desanimado. O que ele dissera ao humano anteriormente se comprovava como verdade, nenhum ser vivo ousava se aproximar do hipnotizador.

Após quase vinte minutos de caminhada, Pidgey finalmente diminuiu a altitude, piando apressadamente alguma coisa para Drowzee. O psíquico franziu a testa, parecia pensativo.


Drowzee escreveu:“Maravilha, o General trouxe duas notícias, uma boa e outra má, qual você quer ouvir primeiro?”

Para o azar de Drowzee, o pombo compreendia a escrita humana, e lhe deu uma dolorosa bicada ao ver o modo como ele lhe chamara. Era óbvio que a ave não gostava nenhum pouco do apelido que o devorador de sonhos lhe dera.

Drowzee escreveu:“AI! Se não quer que eu lhe chame de General, então pare de agir como um militar! Enfim, a boa notícia é que existe um lago a cerca de vinte metros daqui, basta seguir para o norte. A má é que existe um grupo de humanos exatamente nessa direção, e não tem como prever suas intenções. O que nós fazemos agora, humano? Aaahhh, você pode me dizer o seu nome?”
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Rota 1] Começa a aventura de Daisuke! - Página 2 Empty Re: [Rota 1] Começa a aventura de Daisuke!

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum