Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

01 - Farewell, my little town

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Ter 23 Set - 11:43



See ya!


Após receber alguns itens no laboratório do professor Oak, retornei para a fazenda de meu avô para assim dizer adeus aos meus parentes. Não tinha ideia de quando voltaria, mas sabia que não seria cedo. Então, nada podia ser melhor do que passar o final da manhã com minha família.

Após boas e saudáveis gargalhadas e conversas com meus avós, chegou a hora de partir. Fora uma emocionante despedida. Minha avó, cuidadosa como sempre, separou algumas frutas para mim, peguei com carinho e guardei-as na mochila. Ela sempre me dizia para comer coisas saudáveis, era esperado que ela fosse me dar alguma comida assim.

Assim, saí do território da fazenda de meu avô, seguindo pela estrada de terra batida que levava até a cidade, com uma mochila nas costas e vestindo minha roupa padrão, também com meu companheiro inseparável, o cão Lancelot.

Acabei me lembrando que ainda nem havia pego a minha pokédex. Rapidamente coloquei a mão em meu bolso e puxei a máquina rubra, curioso para futricar em suas configurações e descobrir tudo que havia nela. Mas, de repente, me decepcionei, pois estava praticamente vazia.

Havia uma enorme lista a ser completada, separada por linhas em branco e em uma única coluna. "Mas que diabos? Isso aqui tá com defeito?" Me perguntava sobre o aparelho, que talvez estivesse com alguma avaria. "Bom, não vai funcionar se eu não testar."

Me agachei perto do pokémon de fogo, apontando o apetrecho para o mesmo. Growlithe rapidamente aproximou seu focinho da máquina, farejando-a e identificando seu cheiro. O cão saltou para trás com o susto que levou quando a pokédex aptou e passou as informações do pokémon.

Growlithe
Gardie


01 - Farewell, my little town 58

Um pokémon naturalmente leal, fiel e obediente. Ele permanece imóvel até receber ordem de seu treinador. Se ordenado, ele não hesitará em atacar inimigos maiores e mais fortes, porém seu senso de justiça impede que ele ataque imediatamente oponentes mais fracos e menores.

- Hahahaha. Acalme-se, Lancelot. - Acalmava o pokémon, que rosnava para a máquina. - Ela apenas pegou os seus dados e gravou eles em algum sistema de armazenamento próprio. Incrível. Lancelot, você tem uma habilidade que se chama Justified, pelo menos é o nome descrito aqui na máquina, que te faz ficar mais forte quando recebe ataques do tipo Dark. Bacana!

Então, junto com meu parceiro, segui caminhando pela estrada de terra, visando alcançar logo a cidade.



Ao narrador: espero que possamos nos divertir bastante ;D
E aqui as anotações de meu Growlithe (Lancelot)
Altura/Peso: 0,7m/20kg
Personalidade: É um cão muito fiel e extrovertido e, assim como seu treinador, é curioso e explorador. Vive farejando as coisas e gravando o cheiro das tais. Possui grande afeto e amizade por Ryan. Apesar de ser do tipo fogo, adora brincar na água, mas apenas brincar. Pois prefere ficar longe de batalhas contra tal tipo. Lancelot adora rolar e coçar suas costas no chão e de morder coisas macias. É um pokémon justiceiro, não gosta de atacar inimigos já enfraquecidos, a menos que seja extremamente necessário.

Também queria pedir gentilmente para mudar o nome na barra de spoiler do pokémon, deixando apenas "Lancelot".
Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qua 24 Set - 1:13

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!



Depois de sair da casa de seus parentes, deixando a dependência de lado e partindo para a vida ''adulta'' em busca da realização de seu sonho, escrever um livro pokémon e o seu começo não podia ser o mais brilhante possível, pois mal havia saído de casa e dava de cara com um pokémon nunca visto antes na região de Kanto ou Johto, um pokémon que não era natural dali, era branco com listras avermelhadas, claramente um Zangoose das notícias atuais, porém havia algo de diferente neste, algo que não estava presente nos que foram mostrados nas notícias, ele possuía um ar de inocência, não parecia ser violento e muito menos tinha cicatrizes, de fato, também era um pouco menor que o normal, mais roliço talvez, e suas garras não eram tão grandes quanto as de um adulto.


Estava claro a situação, tratava-se de um bebê, ou melhor dizendo, uma bebê Zangoose, muito provável uma recém-nascida abandonada por seus pais, uma situação bem semelhante a de Ryan, uma vez que esta, apesar de estar perfeitamente saudável, não parecia ter condições de lutar ou sobreviver sozinha e por isto, apenas se mantinha sentada, perto de uma árvore, choramingando.





OFF: Meus posts em gerais são curtos, mas tento colocar conteúdo, espero que possamos fazer uma boa rota.

BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qua 24 Set - 2:34



Hey!


Enquanto divagava pela estrada batida de terra, avistava um pokémon, aparentemente bebê, chorando sentado diante de uma árvore. Fiquei preocupado com aquele selvagem, não parecia ter condições de se manter vivo ali. Rapidamente me aproximei.

Growlithe também chegava perto, com cuidado, afinal não sabia como aquela criatura reagiria. Aproximei-me mais do selvagem, agachado e com a mão estendida, a outra segurava a pokédex. Por mais que a situação fosse triste para o pokémon, meu espírito curioso ainda queria saber quem era ele.

Ao chegar na frente do filhote, coloquei a mão na sua cabeça e acariciei-a, tentando consolar o pequenino. Sem medo deste me atacar, pois não parecia ofensivo. Lentamente, apontei a máquina rubra para o selvagem, coletando alguns dados.

Zangoose
Zangoose


01 - Farewell, my little town 335

Geralmente anda sobre as quatro patas, mas fica de pé quando estende suas garras para atacar. Durante várias gerações este pokémon vê Seviper como seu inimigo mortal.

- Zangoose? Este é seu nome? Bom, você não parece com o da imagem. E muito menos parece ser rival de Seviper. Você é um filhotinho. Onde estão seus pais? - Nesta última pergunta, senti calafrios no corpo e uma breve ânsia. - Vamos ver se não está machucado.

Olhava em volta do pokémon, para saber se havia algum ferimento. Caso encontrasse algum, utilizaria a poção para curá-lo. Agachei-me novamente e tentei levantar a criatura. De repente, me lembrava das frutas que minha avó recém me dera. Rapidamente puxei minha mochila e peguei uma, oferecendo-a para a pequenina.

- Quer uma fruta? É deliciosa! Venha, levante. Ficar sozinha aqui é perigoso, Zangoose. - Lancelot latia e abanava sua cauda, como se estivesse me dando apoio moral.



Oi Meme. Obrigado por assumir minha rota, vamos nos divertir \o
Nem esquenta com os posts, cara ;p

Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qua 24 Set - 16:48

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!




A pokémon parecia reagir bem ao humano, talvez nunca tivesse encontrando nenhum antes, talvez sequer tenha visto seus pais que a abandonaram, agora ainda mais perto da Zangoose, o treinador podia notar que ela não tinha machucados evidentes, era saudável e até mesmo um pouco energética, pois quando via Growlithe começava a se balançar, parecia querer brincar, talvez seu único defeito, seria seu tamanho pequeno demais para ser considerado ''aceitável'' entre Zangooses? Ou talvez seu temperamento que não condizia em nada com o de sua espécie?


Até que o jovem resolvia lhe oferecer uma fruta, então esta tentava ficar em pé, sobre duas patas, para agarra-la, porém era ai que toda aquela aparência desmoronava, ela mal conseguia manter-se em pé, mesmo com as quatro patas no chão e usando toda sua força, não tinha nenhuma aparência de desnutrida então, provavelmente, seu defeito se encontrava nas pernas traseiras desta, talvez fosse aquele o real motivo para ter sido abandonada?





OFF: :uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu Coitadinha da Zangoose.


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qua 24 Set - 17:55



Hey!


Ficava assustado ao ver a condição daquela pequena criatura, que precisava urgentemente de cuidados médicos, talvez. Usei um pequeno canivete que carregava comigo para retirar a casca da fruta, então agachei-me até a pokémon e apoiei-a em meu braço, estendendo a fruta.

- Pegue, tente comer, que depois vamos te levar para o centro de descanso. Tenho certeza que a Daisy Oak vai conseguir te curar! Mas primeiro, amiguinha, você tem que comer, ou tentar. Vamos, se esforce.

A pokémon estava bem próxima de mim, talvez não fosse difícil para ela comer a fruta. Lancelot ficava empolgado ao ver que alguém queria brincar, mas ao notar a real situação da pequena, ficou um tanto preocupado. O cão se aproximou de nós e começou a cheirar o corpo da selvagem. Falei.

- Boa ideia, Lancelot. Usando o cheiro dela nós podemos provavelmente encontrar os seus pais! Mas primeiro precisamos tratá-la, para depois voltarmos aqui e procurar os pais dela. Não acredito que eles deixaram-a sozinha neste estado, não pode, pais devem cuidar de seus filhos... - Desabafava com um ar de tristeza.

Aguardava a pokémon comer a fruta, após isso, pegaria-a no colo e levaria-a até o centro de descanso de Pallet, para poder, provavelmente, tratá-la com cuidado.



Tadiinhaa T^T

Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qua 24 Set - 18:35

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!




Depois que a pequena conseguia se alimentar aos poucos, Ryan tentou pega-la no colo, com sucesso, apesar de que ainda era uma Zangoose, ela também era um bebê recém-nascido praticamente e estava em condições precárias, provavelmente pesando algo em torno dos vinte e poucos quilos, o suficiente para deixar a caminhada de Ryan um pouco mais lenta que o normal e cansa-lo mais rápido, apesar de que não demoravam muito para chegarem ao Centro de Descanso.


- Oh, meu deus, finalmente a achamos! -
Disse Daisy ao ver a pequena sendo carrega por Ryan, parecia conhece-la, apesar de que a Zangoose demonstrava um pequeno desgosto ao ouvir a voz da humana - Pfft, finalmente a achamos, essa Zangoose aí, saiu do ovo ainda ontem e os pais dela a abandonaram, por isso estavamos cuidando dela, mas hoje de manhã, ela resolveu fugir, ufa. Que milagre a acharmos, isso pode parecer meio forçado, garoto, mas poderia deixa-la comigo?


A mulher esticava seus braços para a pokémon, porém esta parecia não querer voltar para o Centro de Descanso, mesmo que necessitasse muito, por isso, acabava por fincar suas garras na camisa de Ryan e até mesmo a fazer um corte superficial, que não causava dor alguma ao treinador, mas que ainda resultava numa pequena ardência no peito.





OFF:


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qua 24 Set - 20:34



Hey!


Era notável que Zangoose não queria retornar para o centro de descanso somente em ver as suas reações. Não sabia o que tinha acontecido com ela ali, mas não deixaria Daisy pegá-la tão facilmente.

- Ela está bem ferida e parece não gostar muito de voltar para cá. Poderia gentilmente me trazer algum remédio ou algo para melhorá-la? E depois me explicar o motivo da fuga dela? Porque não há motivos de alguém fugir de um lugar que é bem tratado.

Não queria acusar ninguém, muito menos gerar alguma discussão. Apenas queria ver aquele pokémon saudavelmente bem, mas mesmo assim, era estranho a pequena bebê não querer ficar por lá, onde, basicamente, seria bem tratada. Lancelot estava do meu lado, um pouco atento por me ver investigando algumas coisas, suas orelhas estavam empinadas e seus olhos observavam a jovem Daisy.

- Se acalme, Lancelot. Não há motivo para ficar assim.





Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qua 24 Set - 21:13

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!




- Ah, sim, tudo bem - A mulher fazia um sinal para um dos assistentes do Centro de Descanso, um estagiário atrapalhado, que não tardou em trazer a medicação a qual estava usando no dia anterior com aquela Zangoose - Veja bem, meu caro, ela fugiu por birra. O remédio tem um péssimo gosto, mas é necessário, porque ela nasceu prematuramente, tem uma má formação nas pernas traseiras, nada que o remédio não consiga arrumar, se o tratamento continuar, até o fim do dia, ela já vai estar saudável para libertar ela.


Daisy retirava os remédios que o estagiário havia pego a mando desta, era um frasco amarronzado e com uma tampa verde, com uma colher uma seringa de plástico retirava a dose necessária, porém não era uma seringa com agulha, e sim uma destina a ser usada nas bocas dos pokémon, de forma que obrigasse estes a engolir a medicação.


Zangoose virava sua cabeça para os lados, tentando fugir da seringa, com sucesso, até que escondia seu rosto, pressionando-o contra o peitoral de Ryan, que já estaria por sinal, bem cansado por conta de estar carregando ela já fazia algum tempo.


- Ah, vamos lá, por favor -
Disse Daisy, em um tom preocupante.





OFF:


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qua 24 Set - 22:52



Hey!


Entendia perfeitamente a situação, e agora, mais relaxado, retirava Zangoose de minhas costas, deixando-a sentada próxima a mim, enquanto ficava agachado. Olhava para o pokémon e pegava outra fruta, talvez pudesse fazer algo para chantageá-la a comer.

- Hey, você gostou dessa fruta? Que tal mais uma? Mas primeiro terá que tomar aquele remedio ali, entendeu? Aí você come essa saborosa fruta e pronto, não vai mais sentir o gosto ruim daquela coisa! - Encarava o pokémon com um sorriso, torcendo para que este se convencesse. - Acredite, é para seu bem.

Lancelot aproximava-se e latia brevemente, tentando apoiar a selvagem bebê a aceitar beber o remédios. Enquanto isso, fitei Daisy e o remédio em suas mãos, havia uma ideia em minha mente, talvez pudesse ser colocada em prática.

- Daisy, esse remédio.. tem como misturar com a fruta? É mais ou menos isso, se for em comprimido a gente podia dar um jeito de entregar junto com a fruta. Assim Zangoose nem sentiria o gosto ruim do medicamento.





Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qui 25 Set - 0:37

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!




- Bem, ela esta em péssimas condições, mas acho que podemos tentar adocicar o remédio, já que não temos como produzir um comprimido ou algo do tipo - Daisy levava a mão até o queixo, pensativa, dava então a seringa de volta para o estagiário, que voltava correndo para dentro do Centro de Descanso, por fim, ela batia ambas as palmas das mãos, como se tivesse uma ideia - Bem, já que ela parece apegada a você, pode leva-la contigo, mas ela ainda é nossa responsabilidade por enquanto, por isso você vai ter que me trazer 5 Oran Berries, isso deve ser o suficiente para criarmos um novo remédio e fazer com que ela se recupere. Assim poderá ficar com ela, o que acha?


Oak fazia um cafuné na cabeça da pequena Zangoose, que parecia gostar daquilo, apesar de que tentar bancar a durona e fingir que nada daquilo lhe agradava, assim virava a cara e novamente escondia seu rosto no peito de Ryan, logo depois a mulher recuava a mão, cruzando os braços e então olhando para o viajante, esperando uma resposta.





OFF:


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qui 25 Set - 0:52



Hey!


A bela moça pedia-me para ir atrás de algumas frutas que poderiam ser úteis para a fabricação do remédio de Zangoose. Ao ver que havia outra solução, não me contive em abrir um sorriso para a enfermeira, e me empolgando para em busca dos ingredientes.

- Sério mesmo? Que ótimo! Se é assim, Zangoose vai poder ter uma cura sem precisar sofrer. É claro que Lancelot pode me ajudar nessa! - Neste momento, o cão latia empolgado e rodopiava nas suas quatro patas. - Daisy, você tem algo que possa dar para o Lancelor para ele ter o cheiro dessas frutas?

Perguntava para a enfermeira, enquanto segurava novamente Zangoose nas minhas costas. Caso ela tivesse algo para servir de amostra para Lancelot, pediria para o mesmo farejar a essência. De qualquer modo, sairíamos do centro de descanso para buscar as frutas.





Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qui 25 Set - 1:14

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!



- Bem, eu não tenho nenhuma Oran Berry ou informação que lhe possa ser útil, apesar de que acho que se procurar com atenção nas árvores, poderá rapidamente encontra-las - Daisy apontava com o dedo indicador esquerdo para o que seria uma floresta no meio-termo entre Pallet e a Rota atrás da cidade - Creio que dá pra achar algumas por lá, sem falar que não tem muitos pokémon, então não vai dar correr perigo enquanto a carrega.


Depois disso, Daisy virava de costas e voltava para o Centro de Descanso, aos berros, aparentemente, ela estava tendo problemas com Sevipers e Zangooses assim como todo mundo na região de Kanto. Agora só restava para Ryan ir atrás da berries e procura-las para que então pudesse cuidar de sua mais nova e possível parceira pokémon.






OFF:


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qui 25 Set - 1:24



Hey!


Pegava então Zangoose e a colocava em minhas costas. Indo em direção ao caminho que Daisy me indicara, pensava sobre o que se passava na mente da pequena filhotinha, que fora abandonada por seus pais por simplesmente ter uma doença curável.

"É estranho, será que pais só aceitam filhos perfeitos? Que sejam conforme eles quiserem?" Pensava. Já Lancelot caminhava do meu lado, farejando o chão e observando atentamente cada árvore do caminho. Eventualmente, o cão virava seu olhar para Zangoose, para certificar-se de como estava o pokémon. Falei.

- Lancelot, você ouviu o que a Daisy disse? Se nós conseguirmos as frutas, poderemos ficar com a Zangoose. Isso é demais! Quer dizer que ela não vai precisar ser posta na selva de novo. Amigo, vamos cuidar muito bem dela e torná-la forte. - Lancelot latia empolgado, abanando seu rabo. - Isso aí! Vamos atrás dessas frutas!





Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Lelê em Qui 25 Set - 17:39

HEY!
HEY!
HEY!
HEY!
HEY!



Conforme Ryan ia se aproximando, percebia que perto das árvores, haviam alguns pokémon insetos e aves, disputando por comida, apesar de que os Pidgeys também atacavam os Caterpie e Weedle, tentando devora-los, simples cadeia alimentar, apenas a natureza fazendo seu trabalho, o garoto não deveria se intrometer ali, apesar de que, o fato de que haviam aves e insetos na área, tornava óbvio o fato de que haviam árvores frutíferas pela região.


Era possível ver que em algumas árvores, haviam insetos na base do tronco, mas como não haviam aves naquela, também estavam presentes Beedrills e Kakunas, ambos agindo de forma bem violenta e territorial caso alguém chegasse perto, enquanto em outras, haviam apenas alguns insetos em sua base, porém sem suas respectivas evoluções, pois era evidente que tinham Pidgeys e Spearow nas copas, a espreita, esperando para dar o bote em suas presas. Em outras, algumas raras árvores, não haviam nenhum pokémon, e que pareciam estarem seguras para serem ''recolhidas'', caso ouvesse alguma berry por ali.





OFF:


BABY, COME BACK~~

CREDITS @
Lelê
Lelê
Banido

Banido

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Dinho em Qui 25 Set - 17:58



Hey!


Vendo que o perigo se espreitava a cada passo que dava, decidi parar e observar cada árvore novamente. Precisava bolar alguma ideia e colocá-la em prática logo, Zangoose dependia dessas frutas e uma batalha, nesses momentos, não seria nada bom.

Lancelot ficava agitado, afinal, era seu primeiro encontro com pokémon selvagens. O cão já estava acostumado a lidar com outras criaturas, pois ajudava a mim e a meu avó na fazenda. Entretanto, lidar com os silvestres poderia ser diferente para o canino.

Fiz um sinal com a minha mão para acalmar meu parceiro, sabia que ele não atacaria ninguém, mas fiquei preocupado com o fato de ele nunca ter batalhado antes, além do mais, aquelas Beedril pareciam perigosas.

Estava indo contra o meu instinto, por motivos maiores, que eram salvar aquela Zangoose, talvez mais tarde voltaria ali e estudaria um pouco. As brigas por comida, coisas que me chamaram a atenção.

Pedi para Lancelot me seguir e, furtivamente, carregando Zangoose nas costas, me aproximei das árvores que não havia nenhum pokémon, sem esperanças de que pudesse encontrar alguma fruta por lá.

"Se eles querem frutas, eles vão ter.." Arriscava um plano mirabolante na minha mente, e, até certo ponto, perigoso. Levava a mão até minha mochila e retirava duas frutas dela, as minhas últimas, e atirava no meio entre as duas árvores que haviam os insetos ferozes e as aves. Aguardava se haveria alguma reação para, então, me aproximar de alguma árvore e coletar alguns frutos.





Made by 'Hunter, bitches.
Dinho
Dinho
Treinador - Criador

Treinador - Criador

Alertas :
01 - Farewell, my little town Left_bar_bleue0 / 100 / 1001 - Farewell, my little town Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

01 - Farewell, my little town Empty Re: 01 - Farewell, my little town

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum