Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Chapter One: Vermillion pt. 2.

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Sab Fev 07 2015, 21:55

    Wild adventure.

    Shanna parecia indignada com meu plano de apenas ter um líder louco para colocar as mãos no lendário Latias – graças aos bramidos da morena. Olhei para seus olhos enquanto uma pequena gargalhada. Era um símbolo de autoconfiança; tinha grandes expectativas nesse plano e de que o chefe seria capturado com êxito.

    Corri os olhos em todos. Pareciam apreensivos, me pressionavam, para que fizessem algo que surtisse efeito, e eu o faria. O líder começava a dar passos tardios olhando para todas as direções possíveis buscando possíveis pistas do paradeiro de Latias – um lendário Pokémon que, caso capturado, conseguiria girar milhões e milhões no mercado negro.

    Podem ficar tranquilos, sei muito bem o que estou fazendo. —murmurei para todos tentando confortá-los. — Agora, temos que tentar propagar bem o bramido de Shanna para direções diferentes tentando separá-los. Assim, quando forem separados, encurralamos o líder e pronto. Libertamos os pokémons e ligamos para a polícia para que os bandidos sejam punidos. Vocês têm alguma dúvida?

    Terminada a indagação, fiquei esperando todos responderem e já seguir como arquitetei. O tempo era pouco e o plano era um tanto complicado, mas tinha certeza de que daria certo.

    OFF.:
    Caram foi mal n ter postado. Sabe como é, começo das aulas e é horrível mesmo, vou tentar postar mais regularmente. E prossigamos com a rota ^^
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Seg Fev 09 2015, 09:01

Off escreveu:Sei como é, também sofro bastante com a mudança de rotina. Não ligue para a demora, poste no seu tempo e acima de tudo com a qualidade de todos os seus posts. Sou um narrador paciente-q




Shanna ouviu calada assim como todo o resto do grupo, porém quando Hugues parou de falar, a morena começou a fazer algumas perguntas, meio exaltada, como de costume:

- Plano explicado, agora me fale. Como propagar o som? - Disse, tentando se controlar. - E outra, devemos preparar alguma armadilha com cordas ou até um buraco antes, que tal dividirmos a equipe?

Em meio ao planejamento inacabado do plano, o grupo nem ao menos percebeu a vinda de um dos capangas em sua direção, ele estava sozinho, provavelmente o chefe estava em outra direção e os capangas se dividiam para cobrir toda a área em volta do acampamento. O homem com um facão e duas pokébolas estava chegando cada vez mais perto. O que fazer?
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Seg Fev 16 2015, 19:13

    Wild adventure.

    As sugestões da garota da floresta não eram ruins. De fato, o plano principal era poder propagar o som nos dividindo em equipes bramindo de diferentes direções. Contudo, não havia pensado em armadilhas utilizando cordas – ou os cipós, abundantes na região – ou com buracos – o que acho menos provável, pois as ferramentas necessárias para se cavar um não estava disponível.

    Gostei da ideia. Uma armadilha com os cipós para prender os assistentes seria ótimo, e,  modo de propagar o som é justamente nos separando para localizações diferentes. Eu gravei bem o som que você reproduziu e acho que consigo fazê-lo. — murmurei, assentindo com a opção. — Agora, se você quiser, deixo Mr Mime com você e eu e Ann vamos para um outro local também não muito longe daqui. Conheço bem pouco da floresta, e devemos estabelecer um lugar para nos encontrarmos depois. Já que vive aqui há mais tempo e conhece melhor a Rota 29, qual o melhor lugar para nos encontrarmos?
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Seg Fev 16 2015, 20:29

O plano estava sendo arquitetado aos poucos, Shanna e Aaron tinham belas ideias juntos e isso estava bastante claro no decorrer do plano. Mr Mime avisava a eles sobre um homem que se aproximava, mas aparentemente ele estava sendo ignorado pelas duas mentes atentas sobre o plano arquitetado.

- Acho melhor ficarmos juntos, eu conheço a Rota 29 melhor do que ninguém, porém não sabemos nada sobre eles, apenas que estão aqui por um tempo. - Shanna estava concentrada no plano e não percebeu a aproximação, então quando menos esperava ela via o homem com o facão pronto para acertar Hugues.

Por sorte, Mime o ajudava e usava seu poder psíquico para parar o ataque e joga-lo para longe. O homem então pegou suas duas pokébolas e liberou dois monstrinhos.


Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Ledyba-f Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Spinarak


- Spinarak, use Scary Face nesse palhaço e depois use Poison Sting! - Falou o homem. - Ledyba, use Supersonic seguido de Tackle. Façamos da forma rápida então!
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Seg Fev 23 2015, 20:34

    Wild adventure.

    No momento em que murmurávamos, senti uma respiração às minhas costas que deixava no ar o quão terrível seria o que acontecesse a seguir. Bruscamente, virei meu pescoço para trás sentindo um leve estalido partindo dele. A única coisa do qual vi e fiquei espavorido foi do cintilo da lâmina do facão que o bandido brandia. Por sorte, ela foi envolta na aura psíquica de Mr Mime que a jogou longe.

    Por extinto, eu e Shanna saltamos para trás tentando nos afastar do homem que acabara de tentar me matar. A adrenalina era muito forte, meu coração disparava como se fosse prorromper a qualquer instante; com uma longa respiração, pude recobrar minha sã consciência.

    Tudo dera errado. As ideias discutidas eram realmente ótimas para capturar o bandido e agora tudo ia abaixo por algum motivo incógnito para nós – o volume o qual murmurávamos era baixíssimo, e a hipótese mais plausível seria o cabelo do Pokémon palhaço para cima.

    O homem então jogou duas Pokéballs para o ar, libertando um Spinarak, uma pequena aranha verde do tipo venenoso e inseto junto de um Ledyba, uma joaninha apenas do tipo inseto. Aqueles pokémons, apensar de bem treinados, possuíam várias desvantagens em relação aos que eu possuía. Logo, ao tinha alternativa senão entrar em um embate com aquele para que o líder fosse capturado.

    O homem então efetuou os comandos para suas criaturas. O tempo era pouquíssimo, já que eu precisaria de uma reação imediata para aquilo. Olhei para Shanna enquanto balbuciava algumas palavras rapidamente:

    Não interessa o que fez com que fôssemos pegos ou não. Se ver o chefe, vá atrás dele e deixe coordenadas para que eu te dê suporte futuramente; agora eu vou cuidar desse aqui. — os ataques já vinham de encontro com os meus pokémons, a reação fora imediata e sem pensar muito em um contra ataque. — Mr Mime, rebata todos os ataques e ele usando Magical Leaf e Confusion!

    Durante essa intersecção de tempo, olhei para Ann, que imediatamente saiu de meu ombro, preparando-se para o combate.

    Ann, utilize dos Tackel, um em cada um! — ela saiu de meu ombro, fazendo o que requisitei. Dentro de mim, havia uma mescla entre segurança e confiança.
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Ter Fev 24 2015, 20:58

Off escreveu:Desculpe, só vi agora sua narração =/

Aproveito para pedir desculpas, to com dor de cabeça e por isso esse n é meu melhor post =/




Hugues estava inconformado com o fato de ter perdido todo o efeito surpresa devido a um descuido. O capanga lançava sua dupla de insetos em campo e já dava comandos, os golpes já estavam sendo cumpridos quando Aaron pensou rápido e ditou comandos para Ann e Mr.Mime, que mesmo não sendo um Pokémon de Hugues, cumpria seu papel.

Mime era mais rápido e lançava multíplas pétalas de rosas das mais diversas cores, que pareciam seguir a aranha e a joaninha como se fossem guiadas, dessa forma, acertaram os alvos e as deixaram enfraquecidos. Ledyba usou Supersonic no palhaço e o deixou confuso, facilitando para que o bandido conseguisse uma vantagem.

Spinarack tentava atacar, todavia era interceptada pelo Tackle de Ann, que o nocauteou. Por fim, apenas a joaninha permanecia em campo, mas Mime se recuperava da confusão e acabava com ela usando Confusion...

O capanga viu que não era forte o suficiente para ganhar do loiro, então recolheu seus Pokémons e fez menção de fugir e até gritou alto o suficiente para ecoar pela floresta. O que fazer já que o esconderijo estava descoberto?
Hora da Batalha
Campo: Gramado alto cobrindo os joelhos de Hugues, algumas árvores espalhadas e um acampamento a 50 metros.



Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Cyndaquil

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Mr._mime
Vs.
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Ledyba-f

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Spinarak

Cyndaquil (♀)
Trait: Blaze
Lv. 05
19/19
Status: Normal

Mime (♀)
Trait: Filter
Lv. 06
21/21
Status: Normal

Ledyba (♀)
Trait: Swarm
Lv. 03
K.O
Status: K.O

Spinarak (♂)
Trait: Swarm
Lv. 06
K.O
Status: K.O
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Sex Maio 01 2015, 11:21

    Wild adventure.

    A minha vitória fora decretada diante do capanga. Sem dúvida, seus pokémons ainda eram fracos para combater diante de minha equipe, rendendo-se apenas na primeira rodada. Visto que não conseguiria, o capanga começara a correr floresta adentro gritando, com sua voz ressoando pelas copas das árvores, quem sabe até acordando as criaturas que residiam na floresta tentando dormir.

    Até tinha vontade de agradecer à minha equipe, contudo, ainda tinha muito trabalho a ser feito, como por exemplo, encontrar Shanna que buscava o comandante do bando deixando coordenadas no ponto em que nos desencontramos. A iluminação do ambiente era lânguida, sendo apenas o fogo que chamuscava nas costas da pequena Cyndaquil. Corri meus olhos por todas as direções e, mesmo com a vista precária, avistei a direção para que a garota partiu, seguindo até lá.

    Foi questão de segundos para chegarmos ali. Tanto Mr Mime quanto Ann sabiam que seria perigoso adentrar a penumbra a nossa frente – principalmente agora que o nosso “lampião” era Ann. Todos relutaram, mas a vontade de ajudar os pequenos pokémons contrabandeados pelo bando e vingar as vítimas posteriores se sobressaiu. Partimos, então, comigo na frente e Cyndaquil no meu ombro, oferecendo iluminação; o Pokémon mímico permanecia ao meu lado vigiando a retaguarda, e eu, claro, atento aos sinais deixado nos caules grossos das árvores da rota 29.

    Os sinais eram singelos, consistindo em meras setas que indicavam para onde a garota tinha ido. Seguíamos pela trilha indicada por Shanna o mais rápido possível, a fim de encontrar rápido o chefe, já que temíamos que a garota perdesse ante a um combate diante do comandante da facção criminosa.

    OFF.:
    E aí, Kaze, tudo bem? Acho que já esclareci com vc por chatbox o pq da minha inatividade, mas vou tentar buscar entrar regularmente para que prossigamos a rota. Ah, e não se esqueça da experiência no próximo post. u.u
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Sab Maio 02 2015, 14:07

EXP escreveu:250 de EXP para Cyndaquil. Passou para o nível 07, aprendeu Smokescreen e ganhou 10 de felicidade.




Após vencer o capanga com relativa facilidade, Aaron adentrou floresta adentro e buscou Shanna, a mulher estava investigando o líder daquela quadrilha e estava em sério risco, pois o homem não aparentava ser uma pessoa misericordiosa.

Hugues andou pelo matagal vendo os direcionamentos feitos pela mulher, ela conhecia muito bem a floresta e por isso deixava algumas marcas que apenas os dois poderiam entender. Mr.Mime andava atrás atento a qualquer movimentação estranha.

Chegando cada vez mais perto do local, Aaron percebeu uma fogueira, e, ao ver melhor, pode ver Shanna observando tudo ao longe, o jovem se aproximou da mulher. Um pouco surpresa pela rapidez, e brava pelo susto que levou a mulher começou a falar:

-Não faça isso novamente, entendido. Agora olhe isso, eles fizeram aquela fogueira e estão ameaçando jogar alguns Pokémon nela. – Disse com uma expressão de preocupação. –O que podemos fazer? Nos entregar?

E agora?


Off escreveu:Hey Aaron. ^^
Estou feliz que tenha voltado a jogar. Boa continuação de rota pra nós . -q
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Sab Maio 02 2015, 23:41

    Wild adventure.

    Sem dúvida, a trilha era um pouco extensa. Ao andar mais um pouco, percebi uma luz cálida cintilando um pouco mais a frente, proporcionando-me uma melhor iluminação; e a partir das luzes da chama me deixou ver Shanna, próxima a um arbusto com feição preocupada. Sem dúvida, não era uma das melhores notícias que eu receberia a seguir.

    Acheguei-me da garota, e a mesma pulou para trás – silenciosamente, claro – com o sobressalto de minha chegada. Respirou um pouco, pedindo-me para que não repetisse tais chegadas surpresas e evitasse esses sustos. Abri um sorriso discreto, me divertindo coma colocação que a garota fizera. A seguir, seu semblante já me dera um spoiler sobre o que viria a seguir.

    Shanna pediu-me para que observasse a fogueira feita pelos bandidos, que em seguida ameaçaram arremessar pokémons dentro da mesma. Naquele instante, senti uma fúria descomunal despontar de dentro de mim, uma sensação que jamais senti na minha vida; respirei fundo e me acalmei, tomando controle da situação. Ela indagou-me se deveria continuar com o plano ou nos render, e nesse instante, gargalhei com a sugestão que Shanna deu.

    Nos entregar? E para que viemos tão longe? Não foi para resgatar esses pobres pokémons presos nas garras desses covardes? Se tem uma coisa que não burlo nos meus princípios é iniciar algo sem terminar; e se começamos com esse plano, iremos terminar. — respirei um pouco, falei tudo aquilo sem pausa alguma, e agora, tínhamos de pensar em algo para resgatar os pokémons. Em um lapso de tempo, senti uma lâmpada acender em minha cabeça com uma ideia que, apesar de não muito boa, poderia servir. — Bom, não temos muito tempo e nesse instante essa estratégia idiota é o nosso maior recurso. Mr Mime irá apagar a fogueira com seus poderes psíquicos, e aí damos as caras, enfrentando os dois em u combate direto. Diga-me rápido: está de acordo?

    Aguardava a resposta correndo os olhos para a fogueira, esperando não apenas o feedback de Shanna, mas também o líder do bando trazer as pobres criaturas presas para serem arremessadas na labareda como mártires – se dependesse da situação, agiria sozinho sem a resposta da garota, pois naquele instante, apenas o pior passava em minha cabeça.

    OFF.:
    Devo estar imaginando como é horrível ter de repensar toda uma rota. E cara, obrigado por essa paciência de ter que repensar tudo. Estou esperando bastante dessa rota e sei que tem potencial para que essa seja uma rota aprazível para nós dois. ^^
    Agora, bora continuar. :3
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Dom Maio 03 2015, 20:52


Hugues era bem claro com suas palavras, iria salvar a todos de qualquer maneira, mesmo que tivesse que arriscar sua vida. Shanna não discordou, suspirou fundo e fez uma expressão que dizia bem o que ela queria falar, “por que eu perguntei?” , era o que dizia. Mr.Mime se preparou enquanto esperava o homem pegar um Pokémon, se tratavam de vários Pidgeys que estavam prontos para serem queimados.

A fogueira acesa, os Pidgeys não mão. O homem não tinha motivo para não soltar, porém antes fez questão de gritar um “ Eu avisei”. Que foi o estopim para que Mime usasse seus poderes e apagasse o fogo misteriosamente assustando o robusto homem...

- Quem fez isso?

Não foi necessário a pergunta, Aaron e shanna saíram do matagal comprando briga e claramente preparados para uma batalha. O gorducho dispensou alguns capangas e pegou duas Pokébolas, estava pronto para usá-las, mas esperaria o garoto. Estratégia talvez...

- Vamos garoto, mostre sua força. Parece que derrotou um dos meus homens mais cedo, quero testar sua força...
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Dom Maio 03 2015, 21:33

    Wild adventure.

    Pequenos Pidgeys com semblantes chorosos estavam nas mãos dos criminosos prontos para serem atirados na fogueira. O líder, um homem corpulento gritava ao vento – dirigindo-se a nós – que avisara sobre arremessar as pobres criaturas para serem queimadas até uma morte cruel. Ao tomarem um único pássaro, o Pokémon mímico fez o requisitado e então utilizou seus dotes psíquicos para apagar as chamas, dando lugar a um completo blackout. Então, o comandante urrava tempestuoso aos céus quem fizera tal coisa.

    Como combinado, saímos de dois arbustos, com nossas faces iluminadas apenas pelas costas de Ann, respondendo a indagação do bandido. Ele deu uma breve gargalhada sarcástica dispensando o único servo que estava ao seu lado, arqueando duas Pokéballs de seu bolso. Afirmara, então, que eu havia derrotado um de seus servos mais cedo e com extrema facilidade – o que realmente ocorreu – e que estava a fim de testar minha força como um treinador. O delator fez questão de esperar a minha jogada para tentar contra atacar talvez.

    Olhei para Ann e para Mr Mime. Era possível ver em seus olhos a determinação queimando, estavam com vontade de entrar em um embate ante o contrabandista. Aquilo era o suficiente para que eu deduzisse que sairíamos vitoriosos naquele combate que, apesar de ser um dos meus primeiros, seria, ao mesmo tempo, um dos mais irrefutáveis.

    Primeiramente, não ataquei o bandido, apenas desbloqueei meu smartphone e enviei mensagens à polícia Pokémon, requisitando que viessem a coordenada que fora enviada junto ao pedido. Coloquei minha mão para trás com o dispositivo, entregando-o para Shanna.

    Não deixe que esse aparelho caia nas mãos deles. Pedi ajuda à Polícia para que prendam esses merdas; apenas o proteja enquanto eu mantenho o líder deles ocupado. — sussurrei para Shanna, em seguida, voltava minha atenção ao homem gordo pronto para a batalha.

    Não foi necessário pronunciar uma palavra para que Cyndaquil e Mr Mime saltassem a frente tomando uma pose para o combate, apenas aguardando quem o líder utilizaria para a batalha.

    Muito bem, lance seus pokémons e aproveite bem sua última batalha no mundo exterior. Algum pronunciamento? — dissera ao inimigo, com o rosto queimando de pura determinação.
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Qua Maio 06 2015, 12:00


O homem gordo apenas riu da cara de Aaron, estava tão acostumado com aquele tipo de coisa que mais um jovem querendo bancar o herói não faria mais tanta diferença. O líder avaliou a equipe de Hugues, e, vendo que era algo intermediário resolveu apelar para um único Pokémon:

- Vamos ver garoto, espero que tenha seguro de vida para seus Pokémon. - Disse zombando da equipe do loiro.

Da esfera do ladrão um cão de fogo se materializou, parecia bravo e tinha várias marcas de chicotadas na pele. Shanna estava espreitando pronta para salvar todos os monstrinhos dali, só estava esperando a hora certa para agir.

- Houndour, use Ember duas vezes no Mr. Mime! Aproveite e fuja dos ataques vindos daquele Cyndaquil!
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Qua Maio 06 2015, 14:57

    Wild adventure.

    A gargalhada do bandido corpulento me soou como o insulto – e descobri, segundos depois, que realmente se tratava de um. Seria talvez por eu estar tentando impedir seu contrabando de uma maneira muito heróica para alguém que estava apenas no empecilho da caminhada para se tornar um Mestre. Seus olhares foram fixados à Ann e a Mr Mime.

    Não tardou muito para que dissesse palavras ásperas, caçoando de minha equipe como seu eu não fosse páreo para o mesmo. Senti uma raiva ainda maior crepitar dentro de mim, mas tinha de me conter, nem tudo se resolveria desse modo – tinha vontade de lhe desferir um único soco a fim de que desmaiasse apenas pela minha ira no instante, contudo, ele tinha muito mais força que eu; era necessário ter paciência, principalmente no clímax da “operação”.

    Margeando o campo de batalha, estava Shanna, pronta para poder libertar as criaturas nas mãos dos homens, juntamente com meu aparelho celular que entregava minha localização à Polícia. Corri meus olhos para ela, voltando rapidamente para o homem gordo quando senti o clima pesar.

    Da esfera que ele segurava, libertou-se um cão lúgubre com presas afiadas, capazes de arrancar pedaços de carne em uma única mordiscada. Sua pele era marcada por hematomas, provavelmente causado por chicotadas esparsas por todo o seu corpo. Rosnava furiosamente para mim e minha equipe. Contudo, consegui perceber bem no fundo de seus olhos que estava com aquele bandido apenas para ter um lar; as cicatrizes não mentiam sobre o quão pesaroso era o pobre cachorro que, talvez, estava louco para ser ver livre das garras do bandido. Fiquei entretido fitando a criatura, acordando quando ouvi a voz do contrabandista rasgar o silêncio da arena.

    Eram as primeiras ordens de ataque. Era incrível como Houndor era ágil, deixando bem claro o obstáculo que teríamos de enfrentar antes da chegada da Polícia. Respirei fundo, jazendo parado por segundos até conseguir pensar em algum estratagema para vencer o embate. Ao abrir meus olhos, bradei as ordens necessárias a um contra ataque a altura.

    Prestem muita atenção onde Houndour está, gravem a localização dele. Ann, antes mesmo do ataque dele, lance um Smokescreen e os dois se movimentem constantemente, fazendo com que ele erre o ataque. Agora, Ann, lance-se contra ele utilizando o Tackle. Mr Mime, no momento em que Ann for atacar, utilize seu Confusion nela, para que consiga avançar contra o inimigo mais rápido e claro, causando mais impacto e dano. Por fim, ataque Houndor com Magical Leaf.

    Depois das ordens, olhei para Shanna, avisando para que corresse e salvasse as criaturas ainda presas enquanto a fumaça tomava conta do local. Meus sentidos aguçaram-se para prestar mais atenção na batalha que agora desenrolava-se na jatância liberada por Ann, preparado para lançar um ataque ou perceber ataques do inimigo.

    OFF.:
    Eu acho que a ordem de ataque do meu personagem ficou meio difícil de entender, mas antes de qq conclusão, me procura por MP ou chat que eu esclareço melhor o movimento. Vlw :3
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Zephyrmon em Sab Maio 09 2015, 21:46

Off escreveu:Omg, tive que olhar os arquivos do chat pra ver que tinha narrado. Mals ai. =/


Houndour era bem mais rápido, parecia aaté mesmo uma máquina de atacar, pois, seus olhos furiosos ficaram brandos e o cão sumiu. Ann e Mime ficaram confusos, mas logo descobriram a localização do inimigo quando o psíquico foi acertado pelas chamas que rebuscaram do cão. Ann não se desesperou e encheu o campo com fumaça.

Houndour poderia não parecer confuso, mas isso era apenas fachada, pois, com certa facilidade o Pokémon de fogo lhe acertou com uma poderosa batida de corpo impulsionada pelo Confusion do palhaço. O noturno não desistiu por ai, e, após ser acertado pelas milhares de pétalas mágicas, atacou com Ember.

Shanna pareceu bem tranquila sobre aquele fato, e, dessa forma, com muita calma, começou a tentar abrir o cadeado... Parecia complicado.



Hora da Batalha
Campo: Floresta com pouca iluminação.



Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Mr._mime

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Cyndaquil
Vs.
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Houndour

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Poke4

Mr.Mime (♂/♀)
Trait: Filter
Lv. 08
19/25
Status: Normal

Cyndaquill (♀)
Trait: Blaze
Lv. 07
23/23
Status: + 1 evasão

Houndour (♂)
Trait: Early Bird
Lv. 11
17/31
Status: Normal

Pokémon 4 (♂/♀)
Trait: XXX
Lv. XX
XX/100
Status: Normal
Zephyrmon
Zephyrmon
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Aaron. em Sab Maio 09 2015, 23:01

    Wild adventure.

    Corri meus olhos para o lado, percebendo Shanna tentando destrancar as criaturas, contudo, um cadeado estava como uma pedra em seu caminho. A Polícia tardava em chegar e quando a batalha acabasse, o líder iria notar de alguma maneira. Por enquanto, tinha de mantê-lo ocupado para evitar danos aos pokémons e à própria garota que tentava os resgatar.

    O Pokémon noturno fizera movimentos consideráveis, mostrando um pouco de sua força e superando a jatância expelida por Ann, causando poucos danos no palhaço. Entretanto, parecia já estar um tanto exausto pela sequência de ataque. Muitos fatores, ao parar alguns instantes para analisar, me favoreciam fervorosamente – servindo como mais um sucinto aviso de que, provavelmente na próxima rodada, já teria perdido a batalha.

    Houndour tem ataques impressionantes, capazes de nocautear inimigos fracos com apenas um ataque. Ann ainda não tinha atributos muito bons, contudo partilhava o mesmo tipo Fogo com o cão, ou seja, seus ataques seriam ineficazes; o único ataque capaz de causar danos consideráveis em Mr Mime era o seu Ember, entretanto, trata-se de um Pokémon psíquico com altas estatísticas de defesa especial, ou seja, suas ofensivas não surtiriam efeito. Em questão de ataque, ambas as defesas do Pokémon noturno não o favorecem muito – especialmente a física –, propiciando uma derrota mais rápida.

    Voltei ao mundo real dentro de segundos, deparado diante da cortina de fumaça liberado por Cyndaquil posteriormente. Meus pokémons estavam prontos para dar a investida final e acabar enfim com o reinado vil do homem, ao recitar as demais ordens de ataque.

    Ann, ataque com o Tackle duas vezes; Mr Mime, Magical Leaf duas vezes também.
Aaron.
Aaron.
Treinador

Treinador

Alertas :
Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Chapter One: Vermillion pt. 2. - Página 3 Empty Re: Chapter One: Vermillion pt. 2.

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum