O começo de uma vingança... talvez.

Ir em baixo

O começo de uma vingança... talvez. Empty O começo de uma vingança... talvez.

Mensagem por Akstrike em Sab Maio 25 2019, 23:15

"Quem o faz não o usa, quem o compra não precisa e quem o usa não sabe."

    Após 11 anos em sua companhia e muitos pedaços de sua alma remendados, aquele momento tão evitado e negado finalmente chegara. Já faziam 24 horas que Lorrigan assistira a cena daquele maldito caixão sendo descido a sete palmos de profundidade e sendo coberto com terra. Era a segunda vez e ele não se acostumara com elas, afinal, lhe traziam terríveis memórias. Porém, ele possuía plena ciência de que a alma da velha Sadie não voltaria para lhe proteger nem esperava por isso, ela merecia descansar. Também sabia que a animosidade controlada que as pessoas possuíam para com ele era mantida apenas pela convicção e vontade forte da freira em trata-lo como um filho e exigir que as pessoas o respeitassem. Entretanto, com a sua morte, o jovem já esperava que com o tempo passaria a não ser mais tratado de forma normal, a notícia do garotinho amaldiçoado que fora a causa da morte de seu irmão havia possuído 14 anos para se espalhar e ele esperava que esses anos tivessem ajudado de todo modo a esfriar a lembrança das pessoas, afinal, humanos registram suas histórias devido a suas curtas memórias. Contudo, a memória de Lorrigan não esfriara, além do mais, voltara com força total após a morte da única outra pessoa que ele tinha aprendido a amar. Restavam agora, com exceção de Kane, apenas indivíduos que ele não poderia confiar. As suas classificações se estendiam a dois tipos de seres humanos: os que possuíam algo que o jovem precisava, e as que não haviam necessidade de contato.
    Kane, seu Gastly, se mantinha a seu lado em silêncio como era sua preferência a maior parte do tempo, assistindo o agora então mancebo preparar as coisas em sua então casa localizada em Oldale, deixada pela velha Sadie à ele por testamento. Vestiu um casaco branco ao estilo de um sobretudo porém que estendia-se somente até a altura das coxas, contendo em torno de uns dez bolsos sendo quatro na parte interna da vestimenta do jeito que o jovem gostava. Por baixo do casaco, uma camiseta social preta e por fim calças jeans, presas por um cinto sem furos. Seu cabelo negro com mexas roxas reluzia em contraste com o casaco, agora comprido após 14 anos sem corta-lo, enquanto o mancebo reunia seus pertences para ir até a cidade de Littleroot conseguir uma Pokédex no laboratório do professor Birch. Não era uma caminhada extensivamente longa, porém a rota 101 ainda era uma distância a ser considerada. Apesar de todos os preparativos e expectativas de Kane, o trajeto fora relativamente tranquilo, sem encrencas com Poochyenas agressivos e de dentes afiados.
    Lorrigan pretendia passar o menor tempo possível na cidade, o lugar que o tinha chamado de amaldiçoado quando criança somente lhe trazia interesse em relação ao culpado pela morte de seu irmão e a única prova restante, aquele pedaço de pano rasgado que lhe fora entregue era sua única pista 14 anos depois do incidente. A única coisa que havia lhe impedido de partir antes era a necessidade de cuidados da velha Sadie, que o mantiveram nas cercanias de Oldale por 11 anos. Agora seu interesse ali era o breve contato com Birch, sua Pokédex e a busca de pistas através de um lugar onde ele não fosse reconhecido e rechaçado.
    Encontrou o professor em seu laboratório e explicou suas razões omitindo a parte relativa a seu desejo de vingança, apenas demonstrando interesse de ser um treinador como seu irmão fora, já que ele era sua inspiração, deixando claro que não desejava um inicial pois Kane era o inicial digno de sua jornada. O professor concordou sem muitos problemas e lhe forneceu os equipamentos necessários para que pudesse começar a sua jornada como treinador e, Lorrigan pensou para si, para que pudesse iniciar a investigação que levaria a sua vingança. O problema era que haviam se passado 14 anos do ocorrido e ele não fazendo a menor ideia por onde começar, resolveu voltar a rota 101 e começar a tentar adquirir informações por Oldale, afinal, Littleroot é uma cidade muito pequena para que alguem se escondesse.

Akstrike
Akstrike
Treinador

Treinador

Alertas :
O começo de uma vingança... talvez. Left_bar_bleue0 / 100 / 10O começo de uma vingança... talvez. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O começo de uma vingança... talvez. Empty Re: O começo de uma vingança... talvez.

Mensagem por Artie em Dom Maio 26 2019, 18:09

Inicial entregue e perfil atualizado!

Como você citou em seu início de jornada que pretendia adquirir informações em Oldale, a considerei sua cidade de início. Porém, caso prefira que eu altere para Littleroot, basta me enviar uma MP avisando.

Boa jornada!

_________________
O começo de uma vingança... talvez. ZefdeCE
O começo de uma vingança... talvez. 8u2LqQB


Hall da Fama:
O começo de uma vingança... talvez. OHHVZarO começo de uma vingança... talvez. GwgKTzNO começo de uma vingança... talvez. MNDnG6pO começo de uma vingança... talvez. HLlz7A0O começo de uma vingança... talvez. IIs2sihO começo de uma vingança... talvez. 8gzktHjO começo de uma vingança... talvez. XsP5RwP


O começo de uma vingança... talvez. WkE8NFc
O começo de uma vingança... talvez. ORIry71
O começo de uma vingança... talvez. VIjy66Q
O começo de uma vingança... talvez. XOulu7k


O começo de uma vingança... talvez. WQTIOUX
O começo de uma vingança... talvez. OinUoEd
O começo de uma vingança... talvez. FGENpG0
O começo de uma vingança... talvez. PZ16T9O
O começo de uma vingança... talvez. XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
O começo de uma vingança... talvez. Left_bar_bleue0 / 100 / 10O começo de uma vingança... talvez. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum