Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Easy Breezy?!

Página 1 de 10 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Easy Breezy?!

Mensagem por Druida Dom 8 Nov - 0:20


OFF: Buenos... sei lá qual hora do dia você lerá isso, camarada pessoa-que-vai-narrar-o-rolê! Obrigado pela atenção, primeiramente! ♡
No entanto, precisarei assinalar algumas coisas aqui, que julgo importantes para mim e para quem irá postar comigo aqui em dupla:

1.) Sinalizo aqui quem está em dupla com o Connor é a Madeline, personagem secundária do benino @gustavo ! Deixando bem claro isso de todas as formas registrado devido ao tal beta de secundários.
2.) Não queremos exercer pressão em quem irá narrar, no entanto, queremos finalizar isso com um tempo folgado para irmos ao Swarm, agradeço a compreensão.
3.) Quanto a mim, além do desenvolvimento entre os personagens, estou usando essa rota para desenvolver ambos meus Pokémons em questão de treino, tanto para procurar um belo e excêntrico exemplar de Bellsprout! \o/




永き日やあくびうつして分れ行く



"Se eu transpareço vagar, estar perdido, lembre-se que as verdadeiras histórias raramente seguem uma ordem específica."





Cidade de Goldenrod, Região de Johto
Período da Manhã;




Acordar cedo? Para quê? Lembrava-se do discurso de todas manhãs enquanto estava a permanecer jogado na cama todo desarrumado. O sol havia mal mostrado a cara naquele novo dia. Havia passado na Loja de Departamentos e comprado algumas coisas para guardar em sua bolsa de viagem. É claro que depois parou para comer frituras na rua, nada saudável como sempre, entretanto, voltou até cedo para os fundos onde ficava sua areazinha privativa de hóspede dos Urbina em Johto.

Estava folgado jogado sobre a cama um tanto larga, mas era fácil ver Ignace e Fortune, cada um ocupando certo espaço. O Cyndaquil jogado folgado igual o treinador, de barriga pra cima, próximo dele. Já o Fennekin dormia com um verdadeiro cavalheiro Pokémon em outro canto, igualmente folgado.

Isso fora estragado, os bons sonhos, com um velho relógio despertador que obviamente parecia coisa de seu pai, começou a tocar. Coisa analógica mesmo, de dar corda. Estava numa espécie de criado mudo improvisado. A princípio não havia acordado, foram Fortune e Ignace quem levantaram primeiro e puxaram o treinador para fora da cama, lembrando de seu compromisso com sua doce Madeline Brooke. Ah, Madeline! Cheirava como a brisa dos campos floridos na primavera! Bem, não era pra ser romântico ou poético, sim referências tolas do rapaz.

De praxe, tomou uma ducha, cuidou da higiene, saiu para tomar um café em um daqueles botecos operários que abrem durante o dia para pausas dos trabalhadores. Algo bem improvisado mesmo dado os estágios de reconstrução. Não havia tratado muito de pentear o cabelo, mas o que lembrava era de tomar um copo de café puro – Influência de Madeline, talvez? – e comer um sanduíche reforçado. O rádio do local dizia sobre as notícias do dia, como fatos aleatórios esportivos regionais. Miller era o proprietário do local, um homem um tanto calvo e de conversa fácil, que até as mudanças climáticas conversava sobre. Dizia sobre o Ferroviário de Goldenrod e sua campanha em Kanto. Era talvez o maior time esportivo da cidade. Simbolizado por um Koffing e trilhos, dourado e roxo.

Minerva Urbina disse que Connor deveria era tomar cuidado para não acabar se inscrevendo no campeonato de dominó da “velharada” do bairro, que também frequentava o lugar. Dizia que o campeonato de dominó era try-hard demais por ser a alma do bairro, e sempre terminava com a vitória da senhora da loja de jardinagem. É claro que o rapaz só lembrou desse detalhe quando a morena apareceu no bar, sentando próxima a ele de frente do balcão para tomar café diluído com leite e comer torradas.

O tom da conversa mudou totalmente com a mulher falando sobre trilhas ao norte, indo para o National Park e Ecruteak, pelo que Connor havia contado do seu passeio naquele dia. Outro detalhe, seu pai, Ernesto estava praticamente numa situação complicada resolvendo uns pepinos com o Professor Elm em New Bark. Sempre se metia em outras tarefas para ajudar os outros, dessa vez, em nome de criadores de Azalea. Não havia muito problema nisso, mas Minerva odiava às vezes tocar a Taberna sozinha. O treinador dava uma mão desde que chegou, mas pouca coisa. Minerva odiava pedir muita coisa ao hóspede.

Bem… tinha seu passeio pela rota mais próxima combinado com Madeline, passou um tempo com Minerva num sebo de livros usados, e depois partiu rumo a região norte, mais afastada dos limites da cidade. Havia seguido uma linha com seus Pokémons para ficarem em suas Pokébolas designadas até ser seguro, devido ao caso recente dos Rattatas furiosos, contado por um freguês do boteco. Evitar confusão perto de Madeline, precisava ser sutil. Se tudo desse errado, era pegar ela pela mão e correrem o mais afastado possível!

E ali estava, no exato momento que podemos colocar como o início dessa pequena jornada de hoje, sentado e de expressão tranquila à sombra duma árvore, com os seus fones de ouvido tocando algo que para muitos parecia ser jazz.

— Céus… eu cheguei adiantado, o que raios acontece comigo? — Murmurou, numa pausa de tempo, meio que para si mesmo sobre a situação ali. Terminou com um sincero suspiro, pois ele era sempre o atrasado.




CONNOR veste uma camiseta preta de alguma banda punk obscura abaixo dum casaco jeans não tão claro, desbotado ou grosso, desabotoado. Também está vestindo uma calça jeans cinzenta escura e um tênis-bota escuro e discreto. Possui pulseiras de artesanato dito como nativo de algum continente dadas à ele por seu pai e alguns anéis de metal quase negro. Seu fone de ouvido com abafador, não muito grande, de cor preta com detalhes em verde neon repousa em volta do pescoço, o que combina com alguns bottoms nessa tonalidade em sua bolsa. Carrega consigo uma bolsa de alça um pouco longa de couro sintético escura.


Mencionando Madeline Brooke;
Nota: Começando!





Última edição por Arissien em Ter 10 Nov - 0:33, editado 1 vez(es) (Razão : Troquei imagem na template para testar!)
Druida
Druida
Treinador

Treinador

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por gustavo Dom 8 Nov - 7:15

Off:
Bom dia, boa tarde ou boa noite narrador! Como o Ari disse, o personagem dele está acompanhado da Madeline, minha personagem secundária. Espero que você se divirta narrando esses dois pirados da cabeça

Além disso, nós gostaríamos de sair dessa rota com algum tempinho para ir ao Swarm, mas como pretendemos ir também com o Timothy (meu outro personagem), não faz mal ficar aqui até o final da rota dele!

A ideia da rota é simples; não pretendemos fazer passagem, queremos ficar nos arredores de Goldenrod até o swarm, treinar nossos bichinhos, talvez fazer alguma interação legal, além do bichinho que o Ari quer capturar. Enfim, espero que seja legal pra gente :]

Easy Breezy?! JWQ4DJI

Acordou com um sorrisinho no rosto, seguido pelo bocejo matinal de sempre. Afinal, tinha voltado para a casa dos pais uma terceira vez; que vida de treinador nômade é essa, por acaso? Ora, já estava fazendo da casa a sua base como treinadora, voltando sempre que precisava. De qualquer forma, não é como se os seus pais não gostassem quando ela aparecia de novo, e, além disso, hoje era pra valer. Madeline sairia atrás de Pokémon, tipo... De verdade!

Depois de levantar, fazer a higiene matinal, arrumar suas coisas, Madeline foi tomar café com seus pais, antes de sair mais uma vez. Eles já brincavam sobre como ela não tinha bem saído em viagem como treinadora de fato, mas estavam felizes com o fato dela estar saindo mais de casa. Enfim, a garota continuou a tomar seu café, quando viu Lulu acordar, saindo pela porta do quarto. Sorriu para a pequena, que correu até o seu colo. A jovem passou a acariciar sua testa metálica, conversando com a Pokémon;

- Bom dia, Lulu... Ontem foi legal, né? - Comentava quase que pra si mesma, um suspiro gostoso escapando por entre os lábios, apesar de não ter sido nada relacionado a atividades de treinador, gostou da experiência de ontem. Além disso, gostou de Connor. Era um cara bem legal, além de claramente respeitar o seu espaço. Um parceiro de viagem bastante apropriado! Sua pequena Aron também tinha se dado muito bem com Ignace e Fortune, os dois Pokémon do garoto.

Depois de comer, Madeline já estava pronta para sair com sua amiga. Optou por vestir algo parecido com o que usava no dia anterior; uma camisa branca com detalhes em azul na gola, cujas mangas eram cobertas por um casaco fino, de cor preta no tronco e azulada nas mangas, indo até um pouco depois dos cotovelos. Vestia um jeans simples escuro que ia até as canelas, além de sapatos azuis simples de corrida que ela jurou para os pais que usaria qualquer dia desses para ser menos sedentária. Talvez estivesse falando a verdade?

Enfim, saiu de casa e começou a caminhar em direção a Rota 23 com a sua companheira. Parecia não ser um lugar perigoso demais, até por estar nos arredores da sua cidade natal, então não teriam grandes problemas, ainda mais se evitassem entrar muito floresta adentro. Cobriu a boca com uma das mãos, ainda bocejando, era bem cedo. Quando chegou no ponto que marcava a divisa entre a cidade e a rota, mais ao norte, conseguia ver o menino tranquilo embaixo de uma árvore, aproveitando a sombra, apesar do sol ainda não estar nada quente. Dessa vez, ele tinha sido o primeiro a chegar.

- Connor! - Chamou, se aproximando, com uma das mãos abertas em saudação. Não tinha visto o garoto desde o dia anterior, então encontrá-lo de novo era bem legal. Parecia não ter aquela mesma tensão do dia anterior, até porque ambos vestiam roupas bem mais casuais. Conseguia reconhecer o logo na camisa do garoto, camisa do tipo que você compra em galeria de rock e usa em todo lugar até ela só servir de pano de chão. Talvez ele nem ouvisse ainda, mas já ensaiou um início de interação - Tudo bem?
gustavo
gustavo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


http://www.smogon.com/forums/members/gustavoyay.202363/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Druida Dom 8 Nov - 14:54


永き日やあくびうつして分れ行く



"Se eu transpareço vagar, estar perdido, lembre-se que as verdadeiras histórias raramente seguem uma ordem específica."





Cidade de Goldenrod, Região de Johto
Período da Manhã;




Não prestava atenção nos arredores sendo tocado pela brisa fresca matutina, poderia muito bem ficar ali sem escutar algumas melodias, canções. No entanto, tal opção não era de se cogitar, levando em consideração que poderia facilmente cair no sono. Suas pálpebras ensaiavam certo movimento de fechar, devido ao clima agradável, mesmo sendo uma posição nada confortável de cair no sono, mas lembramos que quando se tratava de Connor, isso poderia acontecer… de dormir ao ar livre, sem conforto.

Jurava que poderia ver o movimento entre o mato, o que lhe fez manter os olhos abertos. Seriam a gangue dos Rattatas furiosos? Pô, só se Ignace tivesse saído da Pokébola para chamar a atenção, já que diziam que o grupo atacava pessoas acompanhadas de Pokémons pequenos. Ah, céus… por favor né, sem Rattatas, só hoje… iria encontrar sua musa inspiradora. (Nota de Observação: Eles se conheceram ontem, mas ok né, nada exagerado, né, Connor?!)  

Pescou com as pálpebras e movimento da cabeça, até captar algo, um ruído… era da música ou de fora? Sua face se moveu, acompanhando o olhar preguiçoso, lentamente, em direção. Foi quando levantou as sobrancelhas e um sorriso tranquilo de canto desenhou-se de forma sincera, espontânea, em sua face.

Madeline, era Madeline!

Esticou um pouco para frente, saindo posição folgada, ainda sentado na grama. Tirou os fones e deu um jeito, mesmo todo desajeitado de pausar a música no celular.

— Maddy! — Seu olhar tranquilo fixou-se na garota, com interesse. Se levantou, esticando-se, como se estivesse se espreguiçando, todo folgado, já em pé.

Caminhou em direção da garota, parando com uma certa distância entre os dois, ajeitando a alça reforçada da bolsa, que estava desajeitada antes, parecendo cair.

— Está tudo bem por aí? Pois acho que comigo está… principalmente agora. — Piscou, com uma expressão divertida, brincando com um flerte leve e manjado. Obviamente parecia não ter escutado o cumprimento e pergunta da garota, mas respondia a questão por meio da maior expressão da força do destino… também conhecido às vezes, como narração.

Meio que se tocou de algo, quando abriu a bolsa e jogou algo, que poderíamos ver que era claramente um produto para humanos. Uma caixa de pocky de chocolate lacrada, igual aquelas que ele carregava consigo sempre. Estendeu a mão com a caixa na mão, deixando claro que aquilo era um presente… um estranho presente, claro. Uma caixa de doce de palitinho de chocolate.

— Sei lá, achei que poderia gostar, eu gosto e tal… é meio que um presente de boas vindas à equipe. — Sorriu, todo infantil, inocente.




CONNOR veste uma camiseta preta de alguma banda punk obscura abaixo dum casaco jeans não tão claro, desbotado ou grosso, desabotoado. Também está vestindo uma calça jeans cinzenta escura e um tênis-bota escuro e discreto. Possui pulseiras de artesanato dito como nativo de algum continente dadas à ele por seu pai e alguns anéis de metal quase negro. Seu fone de ouvido com abafador, não muito grande, de cor preta com detalhes em verde neon repousa em volta do pescoço, o que combina com alguns bottoms nessa tonalidade em sua bolsa. Carrega consigo uma bolsa de alça um pouco longa de couro sintético escura.


Mencionando Madeline Brooke;
Nota: Começando!





Última edição por Arissien em Ter 10 Nov - 0:34, editado 1 vez(es) (Razão : Testando imagem nova na template!)
Druida
Druida
Treinador

Treinador

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por gustavo Dom 8 Nov - 15:40

Easy Breezy?! JWQ4DJI

Quando chegou e chamou o garoto, pode perceber que ele estava bem desligadinho, meio sonolento ainda, afinal, estava sentado à sombra numa manhã, né? Vai lá saber se ele dormiu direito, também. De qualquer forma, o seu reflexo foi rápido pra perceber a vocalização e se levantar, se esticando sem jeito, mas com bastante animação. Aparentemente não tinha dado tudo errado ontem, como ela chegou a pensar.

- Hahaha... Tudo certo, bobo - Reagiu positivamente a interação inicial do garoto, um sorrisinho de canto e o olhar animado, ficou feliz que estava tudo bem. Lulu acompanhava a saudação da garota, emitindo seu som característico em direção ao treinador com um pulinho. - Então, qual é o plano pra hoje...

Foi surpreendida com o objeto arremessado pelo garoto, pegando com as duas mãos por puro reflexo, a caixa por entre os anelares e mindinhos, a expressão meio de surpresa. Quando ajeitou o objeto entre as mãos e olhou a caixa direito, percebeu a tonalidade vermelha, a ilustração no produto e a marca específica: Pocky. Foi absolutamente impossível não franzir o cenho, em uma expressão de desconfiança meio engraçada, as bochechas ganhando uma corzinha inocente, ao identificar o lanchinho dado por Connor.

Veja bem, Pockies são biscoitos gostosinhos, práticos e baratos, mas todo mundo com a idade que eles tinham conhece a variedade de propósitos que eles podem cumprir. Ou talvez seja culpa da cabeça de Madeline pensar besteira associando a livros e fanfics que ela cansou de ler, além dos claros sinais que o menino nunca fez questão de ocultar, mas isso é meramente um detalhe. De qualquer forma, era um presentinho no mínimo... Curioso!

- Ah, valeu - Respondeu, meio sem jeito, ainda observando atentamente a caixinha que cabia bem na sua mão. Sorriu novamente, porque o biscoito lhe lembrava uma garota ruiva qualquer de uma animação que assistiu alguns anos atrás que sempre andava com um desses na boca. Se divertia com isso, guardando a caixa em sua bolsa para depois. Tinha acabado de comer, afinal! O garoto certamente não veria problemas nisso. Enfim, aproveitou a oportunidade para perguntar de novo sobre o plano para aquela manhã.
gustavo
gustavo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


http://www.smogon.com/forums/members/gustavoyay.202363/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Druida Seg 9 Nov - 5:10


永き日やあくびうつして分れ行く



"Se eu transpareço vagar, estar perdido, lembre-se que as verdadeiras histórias raramente seguem uma ordem específica."





Cidade de Goldenrod, Região de Johto
Período da Manhã;




Notou Lulu, a Aron que acompanhava Madeline ao seu lado, o cumprimentando de modo feliz, o que encarou com os olhos, e depois fez uma leve, discreta e teatral reverência na direção da pequena Pokémon. Sorria tranquilamente com o canto dos lábios naquela situação, enquanto alguns fios de cabelo pretos bagunçados caíam um próximo de seus olhos, como de costume.

— Senhorita Lulu, olá! — Voltou a sua postura tranquila como de costume naquela situação.

Avançando no tempo, voltamos a cena após o presente de um de seus doces preferidos às mãos da garota, que em seguida o fez levantar as sobrancelhas, encarando o fato com os olhos, curioso em toda sua tranquilidade. Ela parecia… levemente corada? Afastou os cabelos bagunçados pretos de perto de um de seus olhos, ficando levemente desajeitado. Aquilo era… adorável. E em quantidade, julgava adorável ao extremo. Poderia fazer algum comentário ou principalmente algum leve flerte, mas apenas sorriu com o canto dos lábios, demonstrando serenidade na situação, pelo menos na superfície.

Enquanto ela guardava a caixa após agradecer, Connor, pegou a dele, de um dos bolsos do casaco, como de costume, parecendo um fumante pegando um maço e colocando um dos tais cigarros entre os lábios, e depois, dentes. O que no caso, era um pocky de chocolate, não um cigarro… deixando claro, né? Voltou a se espreguiçar, todo folgado, apertando os olhos. Ela havia perguntado qual era o plano?

O que martelava na sua cabeça oca de garoto era… não havia sido idéia dela ir até aquele lugar além dos limites da cidade? Levantou uma das sobrancelhas, depois normalizando sua expressão levemente tranquila.

— Se fossemos patrulheiros, acho que seria interessante resolvermos um problema territorial Pokémon, mas duvido muito que aqui seja habitat de tais Pokémons… acho que já passamos pelo local de ataque das notícias… das gangues de Rattatas. — Para muitos veteranos, uma gangue de Rattatas parecia uma bela duma piada. Mas diziam que aqueles dentinhos para quem não tem como correr ou se defender é algo… triste. Muito triste. — Então, Maddy…

Sacou duas Pokébolas com extrema leveza e graciosidade, de uma estrutura segura de seu casaco. Acabou por liberar Ignace e Fortune, que reagiram à mudança brusca de ambiente. Principalmente o Cyndaquil, que era mais fácil de ler as reações exageradas, estabanadas à flor da pele… peluda. Enquanto o Fennekin suspirava, o Cyndaquil soltou um protesto em forma de grunhido ao treinador, que apenas sorriu sem jeito, em silêncio. Quando os dois notaram as presenças de Lulu e Madeline, da água para o vinho, se tornaram dois lordes, verdadeiros cavalheiros simpáticos, com cumprimentos.

Aquilo claramente fez Connor soltar um leve risinho curto e discreto, voltando a roer levemente seu doce. Por fim, voltou a atenção para a direção do vento, parecendo guiar-lhe à área da floresta, provavelmente no sentido de outra rota, não era aquela que bifurcava para ir à Violet ou até… Ecruteak? Não era uma boa ideia um passeio longo mas… talvez pudesse dar uma olhada.

— Eu já passei uns maus bocados nesse tipo de floresta quando não tinha passagem para o ônibus. — Apontou levemente, discreto, com a mão e o polegar para a mata ao lado. — O Aipom de nome Jolly, parceiro de um velho camarada nosso conhecia essas florestas e achou uma espécie de segmento com jardins de frutinhas que não são venenosas, se quiser, podemos olhar. Afinal, três Pokémons pra nos defender, taticamente isso não pode dar tanto problema. — Dizia, roendo o pocky todo despreocupado e caminhando em direção da mata como algo o chamasse…

Ignace sabia para o que chamava… o mais puro suco de vacilo e predisposição sobrenatural à desventuras, confusões de Connor Flanagan e seguiu correndo grunhindo como se repreendesse o treinador. Já Fortune suspirou, olhou para Lulu e Madeline, posso garantir que se ele tivesse mãozinhas iria fazer um sinal de birutas ligando ao Cyndaquil e seu treinador. Mas enfim, os seguiu.





CONNOR veste uma camiseta preta de alguma banda punk obscura abaixo dum casaco jeans não tão claro, desbotado ou grosso, desabotoado. Também está vestindo uma calça jeans cinzenta escura e um tênis-bota escuro e discreto. Possui pulseiras de artesanato dito como nativo de algum continente dadas à ele por seu pai e alguns anéis de metal quase negro. Seu fone de ouvido com abafador, não muito grande, de cor preta com detalhes em verde neon repousa em volta do pescoço, o que combina com alguns bottoms nessa tonalidade em sua bolsa. Carrega consigo uma bolsa de alça um pouco longa de couro sintético escura.


Mencionando Madeline Brooke;
Nota: Começando!





Última edição por Arissien em Ter 10 Nov - 0:34, editado 1 vez(es) (Razão : Testando imagem nova na template!)
Druida
Druida
Treinador

Treinador

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por gustavo Seg 9 Nov - 17:20

Easy Breezy?! JWQ4DJI

Ao passo que Madeline guardava seu presentinho na sua mochila, Connor fazia o movimento oposto; tirava uma caixa idêntica do seu casaco, retirando um biscoito daqueles e posicionando por entre os dentes. Algo que certamente expressa atitude, mas é, no mínimo, esquisito. Além disso, foi impossível para a garota não recordar de um livro mais ou menos que ela leu alguns anos atrás, A Culpa é do Jirachi, em que o mocinho da trama andava sempre com cigarros na boca, mas nunca acendia, para "manter o perigo sempre por perto". Pelo menos Connor era family friendly.

Ele fez menção a alguma trama que ouviu falar nos arredores nos últimos dias, mas a realidade é que o contexto daquela conversa era completamente culpa da menina; convidou o menino para visitar a Rota 23 naquela manhã, mas não tinha ideia alguma do que se faz nesse tipo de lugar! Passou muito pouco por lugares do tipo e, obviamente, não tem em seu âmago a cultura de treinador. No fim das contas, o convite acabou sendo uma desculpa para poder descansar seus pés do dia anterior, além de pensar um pouco mais sobre o garoto em um ambiente controlado.

Em seguida, ele liberou seus dois Pokémon, Ignace e Fortune, que reagiram engraçado ao perceber a presença de Lulu e sua treinadora, tomando uma postura bastante cavalheiresca. Madeline sorriu ao perceber aquilo, se direcionando até os dois e se colocando de joelhos para oferecer um carinho como cumprimento à dupla de Fire-types fofinhos.

- Então... Eu nunca andei por uma floresta dessas - Falava, meio sem jeito, com uma das mãos atrás da cabeça. Se levantou novamente, ainda acompanhando a historinha que o rapaz contava sobre um amigo dele. Quanto a sua proposta, Madeline foi bem receptiva, pois o seu argumento fazia sentido. Não tinha com o que se preocupar, né? - Acho que sim... Vamos lá!
gustavo
gustavo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


http://www.smogon.com/forums/members/gustavoyay.202363/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Gugazito Ter 10 Nov - 15:34

Off:
Oi gente, espero que curtem a rota. Como já sabem, é minha primeira narração então peço desculpa previamente por qualquer erro que venha a acontecer

Easy Breezy?! BPHvtGC

Rota 23

O clima estava particularmente agradável naquela manhã e era praticamente impossível encontrar sequer uma nuvem no céu, com certeza um alivio para os treinadores, que se encontravam no inicio da rota 23.

Uma brisa batia na grande arvore em que Connor estava encostado mais cedo, trazendo um ar fresco e fazendo com que algumas folhas caíssem entre os treinadores... de fato uma cena muito romântica para quem observasse de longe, mas a garota de cabelos curtos não via desta forma, para a infelicidade de Connor.

Após alguns minutos de conversa jogada fora, os treinadores traçavam um objetivo em comum, a floresta que cercava aquela área.

Era uma ótima ideia, mas no local onde a dupla estava não era possível encontrar uma entrada acessível para a floresta, devido aos desníveis que tornavam aquela paisagem um tanto propícia para um encontro romântico. De qualquer forma era possível observar um caminho que descia até um vale, com um grande lago localizado no seu centro, quem sabe a dupla de treinadores não conseguiria encontrar uma entrara mais acessível próximo aquele lago.

PROGRESSOS DA ROTA:
POKÉMON de Connor:
Easy Breezy?! Cyndaquil
Ignace Lv.09
Status: Normal

26/26
Easy Breezy?! Fennekin
Fortune Lv.10
Status: Normal

28/28
POKÉMON de Madeline:
Easy Breezy?! Aron
Lulu Lv.05
Status: Normal

20/20
EXP, FELICIDADE, STATS E CAPTURA:
-

ITENS E DINHEIRO:
-

Easy Breezy?! Bottlecap BOTTLE CAP:

Total: 00
-

Easy Breezy?! Goldbottlecap GOLD BOTTLE CAP:

Total: 00
-

Gugazito
Gugazito
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Druida Ter 10 Nov - 16:18

OFF: Hai hai, Gugazito! <3 Prometo não viajar demais... ou tentar não viajar demais. -q


永き日やあくびうつして分れ行く



"Se eu transpareço vagar, estar perdido, lembre-se que as verdadeiras histórias raramente seguem uma ordem específica."





Cidade de Goldenrod, Região de Johto
Período da Manhã;




Era bom ver que tudo parecia bem naquele cenário, principalmente entre Madeline, Lulu, Ignace e Fortune. Pareciam se dar bem, por mais que o Fennekin fosse o mais distante do grupo. Não podia culpá-lo, não é? Mas parecia mais a vontade naquela área de mais contato com a flora local, natureza, ou qualquer outro termo empregado para aquilo. Escapava um sorrisinho de canto dos lábios, sereno naquela situação. Dia tranquilo, o que mais poderia ocorrer de ruim? Bellsprouts furiosos saindo do mato ou algo do gênero? Por isso seguia tranquilo como sempre, despreocupado.

Sempre seguido pelos Pokémons, que como era instinto de Ignace, deveria fiscalizar que Connor não metesse o pé em solo errado sem querer e acabasse pescando algo para terem de correr até um lugar seguro. Porém, o rapaz estava no modo aventura e poderia não correr se julgasse um desafio qual pudesse vencer, taticamente falando.

— Não conhece a natureza de perto, Maddy? O clima lá é bem mais agradável que as áreas tocadas pelos humanos, alteradas, chibatadas pelo sol depois da hora do almoço... — Dizia preguiçosamente, enquanto caminhava, até que… levantou as sobrancelhas, epa, temos um problema. Era o que chegava a conclusão. Descer por ali iria terminar em machucados, energia gasta. Não queria levar seus quatro companheiros à tal horror.

Coçou a cabeça, levemente desanimado, voltou o olhar para onde Fortune encarava, seria mais seguro ir por lá? O Fennekin só encarou seus olhos nos do treinador, voltando-se para ele, ambos estavam serenos. Bicho esperto, muito esperto. Ignace também notou aquilo, grunhindo timidamente.

— Fortune está certo mesmo, Ignace, teremos de descer por lá. — Olhava para o Cyndaquil, que assentiu enérgico com a cabeça, e então encarou Lulu e Madeline. — Podemos nos machucar indo por aqui, Maddy, melhor irmos por lá. — Apontou para a direção onde o Fennekin tinha ido e estava parado os olhando. — Parece que tem um lago por perto, cuidado para nenhuma Magikarp voar sobre nossas cabeças, pegando de surpresa!

Tinha dito aquilo num tom de deboche, bem divertido por sinal, apesar de sua serenidade costumeira. Uma Magikarp dando trabalho era a última coisa que queria, além da história dos Rattata furiosos nos pés deles. Aquilo era para ter um leve tom de segundo encontro, não é? Deveria impressionar um pouco, ser mais escoteiro.

Segurou na alça de sua bolsa, alcançando seus dois Pokémon ígneos e pequenos, esperando o ritmo de Madeline e Lulu, para todos caminharem por ali juntos.

— Meu pai adora esses ambientes, aquele brutamontes consegue abrir caminhos pela mata sem usar um facão sequer, meio que… ele odeia machucar plantas sem motivo, segundo o código de botânico dele. — Dizia meio que em tom divertido, mas nostálgico, pela sua linha de raciocínio atual. — Esses lugares lembram onde ele levava eu e minha mãe, quando eu era menor, para fazermos um lanche em contato com a natureza. Nós acabavamos colhendo uns frutos pequenos não venenosos, quais ele detectava e ensinava como identificar. Ou usá-los para fazermos amizades com os Pokémons locais da mata.

Soltou uma leve risada, curta como de costume, moderada, enquanto dizia aquilo, voltando o olhar para a garota por uns instantes, assim como para o caminho ou para ver como Ignace e Fortune estavam na caminhada.

— Minha mãe ficava ao céu aberto, lendo alguma coisa com o Umbreon dela sempre ao lado, ele se chama Kurohoshi. Às vezes, Kurohoshi seguia com eu e meu pai, porque ele é meio hiperativo como um daqueles Meowth ou Aipom nos telhados nas cidades. — Enquanto dizia, podia se notar certa animação em suas palavras, naquela caminhada, assim como um certo brilho no olhar. — Colhíamos castanhas também nesses passeios, e assim, Ignace ficou viciado nelas, glutãozinho.

Havia voltado o olhar para o Cyndaquil com um tom de deboche um tanto fofo, fazendo o bicho protestar como de costume, enchendo as bochechinhas de ar. Tomara que não solte um bafo de fumaça sem querer, pensou. Ele costumava fazer aquilo às vezes por descontrole.

— E você, qual tipo de passeio fazia pela região, no passado? — Perguntou diretamente à Madeline, curioso.




CONNOR veste uma camiseta preta de alguma banda punk obscura abaixo dum casaco jeans não tão claro, desbotado ou grosso, desabotoado. Também está vestindo uma calça jeans cinzenta escura e um tênis-bota escuro e discreto. Possui pulseiras de artesanato dito como nativo de algum continente dadas à ele por seu pai e alguns anéis de metal quase negro. Seu fone de ouvido com abafador, não muito grande, de cor preta com detalhes em verde neon repousa em volta do pescoço, o que combina com alguns bottoms nessa tonalidade em sua bolsa. Carrega consigo uma bolsa de alça um pouco longa de couro sintético escura.


Mencionando Madeline Brooke;
Nota: Começando!



Druida
Druida
Treinador

Treinador

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por gustavo Ter 10 Nov - 17:53

Easy Breezy?! JWQ4DJI

Enquanto ainda estavam ali no começo do percurso, Madeline aproveitou para respirar bem fundo e perceber um detalhe importante; o ar nessas áreas de floresta era mesmo mais puro que o da cidade? Apesar de já ter passado por esses lugares umas poucas vezes com os pais, nunca tinha tirado a prova conscientemente. Bastou um movimento de contração dos pulmões para chegar a uma conclusão: Com toda a certeza! Era uma maravilha.

Sorriu, observando a vastidão esverdeada que estava na frente dos garotos, além do monte de desníveis que a região possuía, o que podia ser perigoso para a dupla. De qualquer forma, imaginou que várias rotas teriam aquele tipo de estrutura, então era bom ver aquilo ali para se acostumar logo! Em seguida, Connor voltou a fazer as perguntas de sempre sobre a experiência que tinha, provavelmente ciente da resposta que ia receber

- Ah, não muito... No máximo uma passagem aqui ou ali com meus pais, mas eu sempre fiquei muito na cidade, mesmo - Respondia meio sem jeito, pensando em como devia ser estranho para o garoto imaginar que ela era tão caseira. Continuou caminhando até perceber que Connor também tinha parado, tendo em vista o monte de barrancos que aquela porção de terra tinha. Parou e parecia estar pensando em algum jeito de descer, que era indicado por Fortune logo em seguida e corroborado pelo seu treinador, também. Seguiu o caminho dos três, uma vez que o menino disparou atrás dos seus Pokémon.

- Nossa... Esse lugar é muito grande - Mencionava, ao perceber que a extensão de terras e árvores da região parecia não ter fim, ainda mais quando conseguiu ver o lago que estava lá embaixo. Continuou ouvindo o monólogo do seu parceiro com atenção, enquanto dava cada passo com cuidado, tentando seguir a trilha deixada pelo pelotão de frente. - A parte boa é que a gente não vai morrer comendo nada na floresta com a sua ajuda... Né...? - Falava de forma meio desconfiada, mas brincando. Confiava em Connor o suficiente, mas nunca custava zoar um pouquinho.

- Mostra essas castanhas pra Lulu se você achar, tá, Ignace? Ela precisa aprender a comer mais coisas além de ração, pedras e clipes - Alfinetava sua pequena Aron, também em tom de brincadeira, que levava na esportiva, se aproximando mais do grupo de Pokémon para conversar sobre qualquer coisa no idioma que eles falavam. Continuou seguindo os passos do seu amigo enquanto desciam. - Tipo, eu gostava de passear na praia de Goldenrod, visitei Olivine umas vezes, Pallet por causa dos meus avós... Mas tipo, nada demais, sabe? - Era impossível não mostrar como a sua vida era desinteressante. De qualquer forma, continuou falando - Mas tenho vontade de conhecer esses lugares que os treinadores gostam de visitar, sabe? O Lake of Rage, Mt. Silver... Deve ter algo muito legal lá pra tanta gente ir atrás.
gustavo
gustavo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


http://www.smogon.com/forums/members/gustavoyay.202363/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Gugazito Ter 10 Nov - 20:41

Easy Breezy?! BPHvtGC

Rota 23

Enquanto a dupla seguia caminho morro a baixo, a conversa ia e via de forma descontraída, parecendo até que Connor e Madeline já se conheciam a mais tempo. Da mesma forma, seus pokémon pareciam felizes na companhia um do outro enquanto caminhavam na frente de seus treinadores.

A decida era longa, mas a conversa estava tão boa que chegavam no pé da colina antes mesmo de perceberem. Finalmente era possível observar melhor a imensidão daquele local, o lago que carregava uma diversificada de pokémon, a brisa que carregava os Yanmas em uma altitude fora do alcance de qualquer um ali.

Enfim, um lugar sem igual, com um ar romântico para os jovens casais que faziam piquenique ao redor daquele lago imenso. Dentre os casais que estavam aproveitando o momento na companhia de seu amado, um se sobressaia de forma estranha. Aos berros era notável a decepção da garota que saia correndo, deixando seu namorado para trás. O garoto chorava correndo na direção de sua namorada e ambos logo desapareciam na direção da cidade.

O motivo era nada mais nada menos que uma dupla de garotas aparentemente se divertindo as custas dos outros. As garotas se aproximavam de Connor e Madeline, com um sorriso pacifico nos seus rostos - Que casal lindo temos aqui, Mimi. - A garota de cabelos violetas comentava com um sorriso sarcástico em seu rosto e logo em seguida a garota de cabelos negros respondia - Ora Lili, não vá arrumar briga novamente!

Mimi:
Easy Breezy?! SSDisj8
Lili:
Easy Breezy?! Z0XTDbO

O que a dupla de treinadores faria a respeito?

PROGRESSOS DA ROTA:
POKÉMON de Connor:
Easy Breezy?! Cyndaquil
Ignace Lv.09
Status: Normal

26/26
Easy Breezy?! Fennekin
Fortune Lv.10
Status: Normal

28/28

POKÉMON de Madeline:
Easy Breezy?! Aron
Lulu Lv.05
Status: Normal

20/20
EXP, FELICIDADE, STATS E CAPTURA:
-

ITENS E DINHEIRO:
-

Easy Breezy?! Bottlecap BOTTLE CAP:

Total: 00
-

Easy Breezy?! Goldbottlecap GOLD BOTTLE CAP:

Total: 00
-

Gugazito
Gugazito
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Easy Breezy?! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Easy Breezy?! Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Easy Breezy?! Empty Re: Easy Breezy?!

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 10 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum