Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Pela estrada a fora...

Página 2 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Ayzen Qua 6 Out - 13:56

 
Felizmente, o meu RangerPad apontava um contêiner para esses restos de lixo no meio da mata. (Obrigado, Rafa) Com o lixo descarregado, poderia me dedicar mais em outros relances da missão, inclusive, desisti de tentar entender como funcionava aquele LightBall. Como ele apontava para uma direção não sendo nada tecnológico? Eu não sou o melhor expert em tech, mas não parecia nada científico ali. Deixei que essas perguntas se perdessem em minha mente, afinal, o contrato não dizia nada a respeito de desvendar a funcionalidade daquilo, né?

Mas fora fácil não pensar nisso. Afinal, com a explosão que aconteceu há poucos metros de distância dali, eu conseguia pensar em outra coisa mais interessante: a interferência humana! Veja, eu já vi Exploison ou Self-Destruct muitas vezes. E por mais destrutíveis que esses movimentos Pokémons fossem, aquilo parecia ou semelhante ou pior. Considerando o tanto de Pinecos que deveriam existir ali, poderiam, juntos, formar algo parecido, mas não fariam isso naturalmente. Pelo menos eu suspeitava.

Com a lufada de vento quente em nossa direção, meu braço foi direto em meu rosto, região mais sensível dali, e que precisava de proteção. Já me lasquei muito com este movimento, mas não tenho nenhuma cicatriz no meu rosto. Já nos braços? Marcas de queimadura de longa data... Enfim, nada de importante no momento. Exceto o instinto súbito de saber o que aconteceu ali... Mas pera! Estou com civil do meu lado, seria perigoso para ele? - Eu preciso ir ver aquilo. Pode ser perigoso. – era um aviso, não uma proibição que ele fosse. Ambipom bradava do meu lado, como quem dissesse que estava do meu lado.

Não dei muitas opções para Luch. Poderia não ser nada, mas iria pegar o número dele e salvar no meu RotomPhone, para caso fosse necessário. Do meu pulso esquerdo, toquei, e as hélices do drones surgia, desacoplando do meu antebraço e sobrevoando mais perto de mim, como que me seguisse. Era silencioso e veloz, porém, era o que eu tinha para ver o mais veloz possível. No RangerPad, configurei a câmera e a forma em que ele se movia para poder alcançar o mais alto e mais próximo do local do problema, primeiro do que eu.

Enquanto “brincava de videogame”, eu deixei o drone avistar o que era, enquanto parei a passeata pela floresta. Se fossem só Pinecos, não seria digno de intervenção. Mas os contratantes de Azalea não estavam pedindo ajuda sobrenatural, sendo que era uma questão natural...



Obs.: Por se tratar de uma missão ranger também, Ayzen está uniformizado de modo padrão: uniforme ranger, de bota preta de trilha, blusa preta e um colete laranja com o símbolo de Ranger e Capitão, com um boné laranja e óculos escuros. Em seu pulso esquerdo, pouco acimado Z Ring, ele tem um bracelete que é onde o pequeno drone dele está compactado. Nem dá para notar!
Além disso, algumas skill funcionam aqui:
Poder em dobro: Climas induzidos pelas habilidades dos Pokémons do Ayzen não podem ser tirados. Prático
Pistola atordoante: Sim! Ayzen está armado! Pode atordoar humanos ou causar efeitos negativos em Pokémons 1x no inicio de cada rodada. (Burn, Poison, Paralysis, Confusion) Limite de uso: 6 vezes. Interpretativo e prático.
No alvo: no pulso do Ayzen tem um drone pequeno de alta tecnologia que ele usa como espionagem. Ele garante que um Pokémon dele comece a batalha com +2 de Accuracy. Interpretativo e prático.
Bônus de XP: ACE III e Bônus de Pesquisador para todos que tenham +70 Happ.
Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Luch Qua 6 Out - 20:42

Depois de me oferecer para ajudar com a Missão Ranger de limpeza do ecossistema local, a grande pergunta que ficou no ar era onde colocaríamos todo o lixo recolhido. Para essa questão, o Ranger Pad de Ayzen parecia ter a solução ideal, um container devidamente localizado na floresta, exatamente para esse fim. Infelizmente nem todos os transeuntes tinham paciência de usá-la como deveriam, gerando assim o cenário caótico da trilha imunda... — Excelente! Podemos começar a catar esse lixo então.. — Disse ao rapaz, esticando as costas e já começando o serviço. Com a ajuda de Wyetta, é claro.

Durante todo nosso trabalho de catadores, eu alternava minha atenção entre o lixo e a Light Ball. O curioso artefato realmente indicava um caminho com o movimento randômico da energia interna, um tanto mesclada com uma névoa perolada. A bela e intrigante imagem do objeto era tão hipnotizante, que me distraiu de algo muito importante e bizarro que ocorria não tão longe dali. Um estrondo de explosão ecoou pela minha esquerda, sendo seguido por uma onda de choque não tão potente e um calor bem incômodo vindo do Oeste. Wyetta corajosamente tomou a nossa frente e usou suas asas para tentar aplacar o vendaval infernal que vinha na nossa direção, mas no fim acabou sendo arrastada para os meus braços rodopiante. Por sorte a agarrei no ar....

— Caraca! Que loucura foi essa? Já vi Electrode explodindo, mas sei lá... Isso tá com cara de Electrode não. O que tu acha? — Questionei Ayzen, colocando a mão sobre os olhos para proteger do Sol, enquanto tentava focar no horizonte e entender o estrago... Agora eu também sei que há pistas interessantes nas árvores à Leste, com cortes curiosos, mas sinceramente neste instante estava focado demais na explosão para notar. O Ranger afirmou que iria averiguar e que era perigoso se aproximar, mas eu não ficaria parado, então concordei em segui-lo prontamente, passando meu número de qualquer forma, já que poderíamos acabar separados à força. — Perigo é comum... No meu primeiro dia como treinador tive que enfrentar um Sequestrador... No segundo, um grupo de Rockets. Outro dia fui atacado por um Rhyhorn gigante e surrado por um Pokémon metálico beeeem esquisito. Mais recentemente fui eletrocutado por um Zapdos. Então... Estou acostumado. Só vamos!


Resumo escreveu:

- Swablu (Day Care): 48 Posts
Luch
Luch
Especialista Flying I

Especialista Flying I

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por RafaelLuck Qua 6 Out - 21:34

Wyetta fez um vento forte o suficiente para que os danos da onda de calor não chegassem em seu dono e nem em seu amigo mas ao custo de ser levada para trás até encontrar o peito confiável de Luch.

Ambos corriam em direção ao perigo eminente. Com dois treinadores acostumados a lidar com tantos problemas o que mais a vida teria para tentar surprendelos?

Se juntarmos as experiências do dois em um ser só teríamos um criador, pesquisador de felicidade, aprendiz de voadores, capitão ranger e alta patente em duas das maiores sociedades de todos os continentes mas nem eles já deviam ter encontrado algo como o que viria a seguir.

Uma enorme cratera havia recém sido formada na floresta e em sua extremidade mais próxima um homem de cabelos brancos estava caído desmaiado no chão. Seus cabelos estavam arrepiados e as pontas queimadas tais quais os de um Einstein, as extremidades tinham queimaduras leves e seu corpo era magro como o de um esqueleto. O jaleco branco que trazia acompanhava uma calça caqui e uma identificação completamente queimada onde outrora um crachá enfeitava o peito dele.

Nossa dupla heroica podia ou não se aproximar dele ou da cratera mas não conseguiriam ver o fundo do espaço demolido sem chegarem mais perto...isso é claro se não fosse a estratégia de usar o drone para inspecionar previamente area garantindo uma panorama aéreo (Boa Ayzen).

As imagens do drone talvez chocassem pessoas mais sensíveis. Haviam esqueletos humanos carbonizados em partes distintas da cratera e alguns esqueletos de pokemoms espalhados por ela também. Tijolos, restos de vigas e equipamentos de laboratório destroçados também faziam parte do cenário que agora estava coberto pela terra e lama.

Tentativa de mapa 1:
Reto pela estrada principal: Caminho da Light Ball;
Oeste da estrada principal: Explosão misteriosa;
Leste da estrada principal: Madeiras com cortes;

Itens a serem encontrados para o ritual:


  • 2 Placas ritualísticas;
  • 1 Musgo especial (Seivas onde os Heracross se alimentam);
  • 1 Incenso especial (Feito com pedaços das armaduras de Forretress);
  • 1 Light Ball (Pela estrada a fora...  - Página 2 Lightball) -> Apontando para o centro da floresta.;


Progresso Ayzen:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

Progresso Luch:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

_________________
Pela estrada a fora...  - Página 2 GY5mtw0Pela estrada a fora...  - Página 2 9Ik1gPBPela estrada a fora...  - Página 2 7ELOX3YPela estrada a fora...  - Página 2 Y0OFg1n
RafaelLuck
RafaelLuck
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Luch Qua 6 Out - 22:07

Surpreendentemente, não demorou muito tempo até encontrarmos o "epicentro" daquela explosão. O estrago causado por "sabe-se-lá-o-que" foi enorme! Absurdo! Havia uma cratera de proporções titânicas no meio da floresta, no que parecia um Laboratório destruído, com pedaços de grandes computadores e equipamentos de análise espalhados por todo o ambiente chamuscado. As peças eletrônicas dividiam espaço com restos humanos e de Pokémon, num cenário típico de uma hecatombe nuclear — Retiro TUDO o que disse antes! Eu nunca vi algo tão terrível assim... — Comentava, ao observar as imagens do drone. Wyetta até ensaiou um sobrevoo de reconhecimento, mas desistiu ao ver os primeiros sinais de morte...

— Eu não consigo imaginar que isso pode ser real... — Disse, empurrando alguns pedaços de metal que haviam voado tão longe, fora da cratera. Foi nesse instante que vi o homem esquelético largado. Não sabia se valia a pena me aproximar, mas não ficaria apenas olhando... Comentei com Ayzen sobre o achado e já dei meus primeiros passos em direção à ele — Aqui Ayzen! Tem um senhor aqui... Será que tá vivo? Ele tá bem mal, mas com uma explosão dessa é um milagre não estar em pedaços! Será que podemos ajudar? Ou é melhor só ligar para um ambulância? Não é possível, os bombeiros da cidade mais próxima devem ter visto a explosão à distância. Devem vir aqui, não acha? — Comentei, receoso de me aproximar demais do corpo ou da cratera em si. Já começava a duvidar se era uma boa ideia ter vindo até aqui ou se era melhor ter seguido nossa "vida". Aguardaria a decisão do Ranger, afinal ele era o especialistas em catástrofes, né?


Resumo escreveu:

- Swablu (Day Care): 49 Posts
Luch
Luch
Especialista Flying I

Especialista Flying I

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Ayzen Qua 6 Out - 22:50

 
Kabum! Essa explosão estava longe de ser algo simples e de densidade pequena. O impacto fora enorme, o que significava que seria sério. Os achados? Mais sérios ainda! Encontramos no meio do nada, no meio dos relatos de Luch, uma cena de verdadeira guerra – pera, Luch já se encontrou com Zapdos também?? Parecia que os lendários Pokémons eram mais fáceis de achar do que eu tinha pensado... Por que em mais de 5 anos de carreira eu só encontrei vários no último ano? Algo de errado não estava certo, por começar por aquela floresta.

As imagens do drone não eram boas. Eram, sobretudo, assustadoras. O drone rodopiava para o centro da explosão, no qual corpos foram encontrados e vários destroços. Acho que eu perdi uns segundos para poder focar a imagem em minha mente e entender que havia acontecido um desastre ali. Poxa! Até pra mim, desastres deste tipo são complicados. Uma leve corrente de emoção circulava no meio da minha corrente sanguínea. Emoções nada boas, pra constar.

- V-verifique o ambiente. Se é seguro pra você. Depois remova os conscientes. Se houver...- Demorei um pouco para falar. Luch não era ranger. Não tinha obrigação ali. Mas era impossível olhar aquele desastre e ficar parado. Ignorância era uma benção. Ali não éramos ignorantes. E nem eu seria. Apertava o pedido de ajuda urgente do RangerPad, disparando solicitações urgentes de um pelotão para ali. Bombeiro, policais, rangers... Precisaríamos de uma boa equipe, com bons recursos.

Infelizmente, o calor da explosão estava no ar ainda, porém, eu não poderia lidar com isso no momento. Lampent era invocado para fora de sua Pokébola, o que era, no mínimo, irônico. Haveria muitas almas para se levar para o submundo ali, mas a missão de Lampent era salvar as almas ainda vivas. Seu Psychic era usado para remover vigas e aparelhos destroçados mais pesados, enquanto eu socorria outros com a mãozinha de Ambipom. O primeiro? O que Luch estava perto.

O homem esfolado vivo ali no chão era de se surpreender não ter mais danos. Fui direto na carótida pra saber se teria pulso. Claro, com a fumaça e outros estragos, talvez precisaríamos mais da equipe de resgate hospitalar, do que de bombeiros e força bruta. Se é que sobreviveu alguém.... é! Os contraentes de Azalea que me perdoem, mas ali era prioridade. Procurei o básico no homem com trejeitos de cientista, como identificação e saber se estaria consciente, além de ver queimaduras e ofertar água do meu cantil. Lampent era o lanterna que movia os destroços, ao passo em que eu tentava o mínimo, já que não era muito bom nesse tipo de resgate... Precisaria de um workship só disso depois...




Obs.: Por se tratar de uma missão ranger também, Ayzen está uniformizado de modo padrão: uniforme ranger, de bota preta de trilha, blusa preta e um colete laranja com o símbolo de Ranger e Capitão, com um boné laranja e óculos escuros. Em seu pulso esquerdo, pouco acimado Z Ring, ele tem um bracelete que é onde o pequeno drone dele está compactado. Nem dá para notar!
Além disso, algumas skill funcionam aqui:
Poder em dobro: Climas induzidos pelas habilidades dos Pokémons do Ayzen não podem ser tirados. Prático
Pistola atordoante: Sim! Ayzen está armado! Pode atordoar humanos ou causar efeitos negativos em Pokémons 1x no inicio de cada rodada. (Burn, Poison, Paralysis, Confusion) Limite de uso: 6 vezes. Interpretativo e prático.
No alvo: no pulso do Ayzen tem um drone pequeno de alta tecnologia que ele usa como espionagem. Ele garante que um Pokémon dele comece a batalha com +2 de Accuracy. Interpretativo e prático.
Bônus de XP: ACE III e Bônus de Pesquisador para todos que tenham +70 Happ.
Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por RafaelLuck Qui 7 Out - 0:51

A verdadeira índole e carácter das pessoas costuma aparecer diante do caos e desordem. Não era fácil estar ali e muito menos tomar decisões que poderiam impactar em definitivo o futuro da região.

Ayzen enfrentava um novo problema...seus equipamentos eletrônicos (além do drone) não conseguiram conectar com a central para fazer a solicitação por ajuda. Mesmo assim ele conseguiu dar os primeiros socorros com ajuda de seu parceiro Luch adequadamente e juntos encontraram um molho com 3 chaves com as pontas queimadas, um telefone com a tela trincada e um par de pokebolas rachadas.

O homem reagia as ações e palavras de Ayzen e Luch abrindo seus olhos levemente assustado na realidade...muito assustado.

- O que houve????? Eu estava trabalhando e aí...

No olhar dele dava para perceber um atraso em relação a realidade.

- Ah...

A expressão dele era de medo e desespero logo em seguida.

- Droga. Droga. Droga!!!!

Ele batia com seu punho contra o chão macio de grama enquanto apontava para o meio da cratera.

- Tem alguém vivo? Tem que ter alguém vivo!!!!!

Lampent seguia fazendo seu melhor para encontrar almas vivas mas a resposta era negativa até então. Por algum motivo o homem de jaleco começou a escavar com as mãos nuas contra o chão freneticamente até dar um grito de dor e revelar uma caixa metálica ele tentava abrir ela com todas as forças mas a fraqueza enfim vencia e ele caia deitado. Em uma olhada frontal era possível entender o porquê: o homem estava com uma atadura no peito marca de  onde sangue seguia escorrendo para fora. Em um último gesto ele colocava seu dedo em um canto da caixa que finalmente abriu. Seu olhar estava dirigido para Luch.

- Apertem o botão vermelho três vezes... é nossa única chance de salvar a todos.

Já sem forças a caixa caia aberta na frente do criador assim como o homem que caia para trás no chão agora sem vida. O conteúdo da caixa? Um controle simples como aqueles de abrir o portão da garagem. Nele haviam 3 botões distintos de cor vermelha, amarelo e verde. O que nossos heróis fariam?

Tentativa de mapa 1:
Reto pela estrada principal: Caminho da Light Ball;
Oeste da estrada principal: Explosão misteriosa;
Leste da estrada principal: Madeiras com cortes;

Itens a serem encontrados para o ritual:


  • 2 Placas ritualísticas;
  • 1 Musgo especial (Seivas onde os Heracross se alimentam);
  • 1 Incenso especial (Feito com pedaços das armaduras de Forretress);
  • 1 Light Ball (Pela estrada a fora...  - Página 2 Lightball) -> Apontando para o centro da floresta.;


Progresso Ayzen:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

Progresso Luch:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

_________________
Pela estrada a fora...  - Página 2 GY5mtw0Pela estrada a fora...  - Página 2 9Ik1gPBPela estrada a fora...  - Página 2 7ELOX3YPela estrada a fora...  - Página 2 Y0OFg1n
RafaelLuck
RafaelLuck
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Luch Qui 7 Out - 2:08

O cenário de guerra era algo inconcebível para mim. Se eu estivesse sonolento ou sobre efeitos de substâncias tóxicas antes, certamente toda a "onda" teria ido embora em um sopro. Não sabia por onde começar, então meu olhar foi diretamente para Ayzen, ouvindo suas orientações de Ranger. Era notável que ele tinha um protocolo para situações assim, mas a emoção e o desencontro mental com algo tão inquietante ficavam bem claros pela forma como ele balbuciava as palavras. Já eu, nem tive palavras para expressar o desconforto com o cenário ainda quente pelas chamas da explosão. O próximo passo parecia óbvio antes de seguir com o resgate de possíveis feridos — Lira... Nos ajude, por favor... — Disse para a pequena Gyarados que deixou a Poké Ball e já iniciou um sacolejar de corpo, com seu Rain Dance. Talvez a chuva aplacasse um pouco do abafamento do local...

— Eu acho que... Eu... Eu... Não tem ninguém mais... — Desabafei, com os cabelos já molhados e caídos sobre o rosto, olhando o Lampent caminhar ao redor, em vão. Ele não havia sentido nenhuma alma por perto e eu sabia bem que Lampents tinham uma sede bem forte, podendo farejar espíritos e almas humanas e de Pokémon à distância. Mas enfim... Na falta de outros sobreviventes, tínhamos um homem ferido bem na nossa frente e foi ele que comecei a atender. Assim que nos viu e identificou, o senhor começou uma conversa bastante confusa, provavelmente causada pelo choque. Seus punhos cerrados primeiro batiam no chão, em lástima pelo ocorrido. Em seguida, iniciou uma escavação desesperada com os próprios dedos e unhas. Procurava algo...

Comecei a ajudá-lo, talvez estivesse procurando por vítimas e soubesse onde encontrá-las. Entretanto, depois de alguns minutos cavando eu entendi que não era isso. Uma caixa surgiu da terra... A caixa foi aberta o mais rápido possível pela vítima, revelando três botões de cores distintas. Ressalta-se a presença de um vermelho, bem vivo, o qual o homem pedia em súplicas incontroláveis para que apertássemos três vezes. Sua explicação é que isso salvaria a todos, mas... Naquela situação, o que era possível ser feito? Se tinha algo a ser feito, era antes da explosão devastadora — É só uma caixa... O que podemos fazer, senhor? — Disse, rodando a caixa na mão para olhar por todos os lados. Será que um Kit de Primeiros Socorros sairia dali ao apertar o botão? Nesse caso, só poderiam usar com os vivos. Ou seja, O VIVO. — Ei Ayzen... O que fazemos? Ele está em choque, dá pra ver... Apertar o botão será que vai ajudar em alguma coisa mesmo? — Perguntei, estendendo a mão com a caixa para próximo de Ayzen. Ele, como Ranger, certamente deve entender melhor disso do que eu.


Resumo escreveu:

- Swablu (Day Care): 50 Posts
Luch
Luch
Especialista Flying I

Especialista Flying I

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Ayzen Qui 7 Out - 11:06

 
As gotas de chuva caiam sobre meu cabelo, escorrendo pelo meu rosto. Mantinha uma feição mais neutra, séria, tentando me focar, embora o desastre mudasse todo o meu plano de “missão de recruta tranquila”. Parece que onde eu vou, o caos me persegue, que saco! Mesmo assim, tentei fazer o que mandava primeiro: manter em distância segura, procurar vítimas, selecionar vítimas, prestar os primeiros socorros às vítimas. Acontece que a única vítima dali era o cientista desnorteado, que embora desperto, parecia bem abalado e sem sentido.

Lampent “passeava” pelo terreno destruído, enquanto Gyarados mantinha a sua pose de séria. Graças a chuva dela, meus pensamentos foram lavados e me mantive de modo mais claro e objetivo mais uma vez. Nem notei que Luch me chamou de senhor algumas vezes, embora tivéssemos idades bem próximas. De qualquer forma, a esperança era de que encontrasse pessoas vivas, enquanto meu Rangerpad perdia a conexão com o satélite. ”É, acho que vamos ter que voltar à Azalea e chamar as autoridades de lá! “, pensava comigo, mas não falava.

O drone rodopiava a minha cabeça. Quando não tinha comando específico, ele se mantinha mais próximo de mim. Após uma revista mais detalhada pela área e uma tentativa vã de conter o homem, a morte dele parecia ter sido inevitável. Uma hemorragia? Bem, o sangue se exteriorizou e mesmo eu tentando pressionar e tentar parar, não foi o suficiente para deter o inevitável óbito do homem.

A chuva no ambiente trazia uma sensação nostálgica e inevitável de luto. Não conhecia ninguém ali, mas sabia que fora um fim bem triste. Nem sabia os fins daquela instalação. Ilex Forest era enorme, poderia ser uma instalação ilegal, mas que de qualquer modo eram vidas que foram perdidas. Entre as falas confusas usadas como último suspiro do rapaz, sobrava uma caixa milagrosa. Milagrosa porque só um milagre poderia salvar todos. Para um homem da ciência, acreditar em milagres era algo difícil.

- Cara...- ainda meio desnorteado, com minhas mãos cobertas de sangue, eu não sabia o que fazer. Ambipom ao meu lado parecia mais séria. A macaquinha era experiente e sabia lidar com momentos como aquele. Mas me ver mais abalado, fazia com que ela se tornasse mais abalada. - ...Vamos ter que voltar para Azalea e chamar as autoridades. Não há como ignorar o que aconteceu aqui... Estou sem sinal.- olhei descrente para a caixa e seu botão vermelho. Seja lá o que aquilo abrisse, com certeza fora destruído. Como não tinha sinal para mim, certo que não enviaria sinal para coisa alguma.

- Seja lá o que isso faça, talvez seja melhor levar para alguém mais capacitado avaliar. - fechei a caixa e a tomei para mim. Ergue-me com parte das calças sujas de lama, o sangue coagulado em meus pulsos tentava deixar a luva com a chuva que caia. - Eu não posso te pedir pra vir junto, afinal, você não tem obrigação com nada e já ajudou muito. Mas prometo que voltarei após prestar depoimento e pedir para que abra investigação sobre o caso, além de vir uma equipe para retirar os corpos e identificar as vítimas. Essas coisas chatas que normalmente ninguém vê após um desastre. - olhei mais uma vez para caixa, com seu botão vermelho. Em memória do cientista, fora seu último desejo. Mas a que fim levaria este desejo? Não conhecia a sua índole, muito menos o seu fim. Retornaria de imediato para Azalea...




Obs.: Por se tratar de uma missão ranger também, Ayzen está uniformizado de modo padrão: uniforme ranger, de bota preta de trilha, blusa preta e um colete laranja com o símbolo de Ranger e Capitão, com um boné laranja e óculos escuros. Em seu pulso esquerdo, pouco acimado Z Ring, ele tem um bracelete que é onde o pequeno drone dele está compactado. Nem dá para notar!
Além disso, algumas skill funcionam aqui:
Poder em dobro: Climas induzidos pelas habilidades dos Pokémons do Ayzen não podem ser tirados. Prático
Pistola atordoante: Sim! Ayzen está armado! Pode atordoar humanos ou causar efeitos negativos em Pokémons 1x no inicio de cada rodada. (Burn, Poison, Paralysis, Confusion) Limite de uso: 6 vezes. Interpretativo e prático.
No alvo: no pulso do Ayzen tem um drone pequeno de alta tecnologia que ele usa como espionagem. Ele garante que um Pokémon dele comece a batalha com +2 de Accuracy. Interpretativo e prático.
Bônus de XP: ACE III e Bônus de Pesquisador para todos que tenham +70 Happ.
Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por RafaelLuck Qui 7 Out - 13:59

Lira iniciou uma dança que além de chamar a chuva seria uma homenagem aos feridos e vitimas daquele cenário apocalíptico. As gotas caiam enlameando a cratera a tornando uma verdadeira armadilha natural. De certo modo um enterro coletivo estava sendo feito em larga escala para aqueles que talvez seriam esquecidos na história da Ilex.

Em meio a desgraça Valassa deixava que seu companheiro de missão escolhesse o que fazer com a caixa do senhor já que ele deveria ser o mais treinado a lidar com aquela situação. A postura sensata e a ideia de partir certamente era a correta. Haviam protocolos escritos e analisados cautelosamente justamente para auxiliar os Rangers nessa tomada de decisão crítica.

Durante a passagem da caixa para Ayzen um som alto e penetrante cortou o ar indo de encontro ao ombro do Ranger. O impacto poderia dilacerar a lateral de Ayzen e o arremessar do chão mas Ambipom não estava ai apenas para enfeite. Seus reflexos eram bem treinados e assim ela investiu contra o projétil usando seu giga impact. A colisão entre técnicas produziu uma ventania que fez a caixa voar no ar caindo aberta mais uma vez perto de Luch. A seguir mais dois disparos líquidos correram pelo ar mas dessa vez em direção a Lampent e Lira. Os tiros explodiam como mini bombas próximo a eles mas não chegavam a acertar causando danos. Uma voz metalizada e produzida por um megafone se fazia presente.

- RENDAM-SE!!!!! ESTÃO CERCADOS!!!!! NOS DEEM A CAIXA E MAIS NINGUÉM PRECISA SAIR FERIDO!!!!!

Dois homens surgiam em meio a mata com o clássico símbolo do R rosa em seus peitos. Ambos estavam próximos das árvores aproveitando a cobertura parcial que elas garantiam caso nossos protagonistas resolvessem revidar. Seus pokémons atiradores continuavam sem ser vistos mas uma sequência de pegadas anfíbias podia ser encontrada no solo junto de um estranho símbolo vermelho que flutuava no meio do ar que ia gradualmente avançando na direção de Luch e Ayzen.

Tentativa de mapa 1:
Reto pela estrada principal: Caminho da Light Ball;
Oeste da estrada principal: Explosão misteriosa;
Leste da estrada principal: Madeiras com cortes;

Itens a serem encontrados para o ritual:


  • 2 Placas ritualísticas;
  • 1 Musgo especial (Seivas onde os Heracross se alimentam);
  • 1 Incenso especial (Feito com pedaços das armaduras de Forretress);
  • 1 Light Ball (Pela estrada a fora...  - Página 2 Lightball) -> Apontando para o centro da floresta.;


Progresso Ayzen:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

Progresso Luch:
Exp + felicidade + stats:
Itens utilizados ou recebidos:
Bcs:
Condição dos pokémons:
Todos no 100% por enquanto

_________________
Pela estrada a fora...  - Página 2 GY5mtw0Pela estrada a fora...  - Página 2 9Ik1gPBPela estrada a fora...  - Página 2 7ELOX3YPela estrada a fora...  - Página 2 Y0OFg1n
RafaelLuck
RafaelLuck
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Luch Qui 7 Out - 19:04

Eu tentava não fazer nenhum juízo ou tomar decisões que fossem maiores do que eu. Uma escolha errada poderia significar o fim para todos nós e, convenhamos, eu sou o Rei das decisões erradas... Foi por isso, é claro, que pedi o conselho de Ayzen. E por falar em decisões erradas, a chuva feita por Lira já começava a enlamear tudo e deixar a caminhada mais complicada, além de fazer algumas coisas pesadas afundarem no caos em que vivia. O próprio Ayzen não parecia nada bem com a situação e já ensaiava uma retirada estratégica para Azalea, buscando ajuda da corporação, já que não podia se comunicar com a central. Era um desfecho péssimo para a missão, mas nessa altura do campeonato eu não poderia concordar mais.

— Eu entendo... Isso aqui está muito além da nossa capacidade. Acho melhor a gente... — Comecei a sugerir algo, mas fui interrompido. Eu tinha certa experiência de que sempre que uma voz altiva me interrompia com palavras de ordem só poderia significar uma encrenca. Ou talvez, uma encrenca em dobro, no mínimo. Mesmo com os berros de alguma voz desconhecida, me virei lentamente e cerrei calmamente os olhos para tentar enxergar quem nos interpelava. As figuras eram extravagantes, mas familiares... O R no peito indicava claramente seus interesses Rockets... — Disse, suspirando, já segurando mais uma Poké Ball, pensando em como lidaria com essa situação. Já tinha dois Pokémon fora de suas Balls, mas quem sabe se um terceiro seria necessário? Ficaria em stand-by.

Além de berros, um disparou misterioso veio em nossa direção. Parecia um líquido, talvez água mesmo! Mas... Estava em alta pressão, com essa velocidade poderia até arrancar um membro ou furar um olho, por isso não fiquei parado e comecei a me movimentar pelo terreno enlameado. Oh, droga... As decisões ruins, né? Sendo difícil me locomover, acabaria sendo um alvo fácil. Era preciso lidar rápido com a ameaça, mas... Onde estaria? — Ern... Vou fazer o possível, mas aceito qualquer orientação em combate, hein! — Disse para Ayzen, já recebendo Wyetta de volta até meu ombro. — Tem algo se aproximando, mas onde?! — Questionei, mais para mim do que para os outros, caminhando de costas, passo a passo, até ficar lado a lado com o Ranger. Foi então que vi algo... Passos na lama? Marca vermelha... Pokémon Invisível? Keckleon? Ou algo mais... Moderno...? — Wyetta, não vamos errar essa, Aerial Ace bem naquela mancha vermelha ali! — Disse à Pokémon, que felizmente não tinha problemas com a lama.


Resumo escreveu:

- Swablu (Day Care): 51 Posts
Luch
Luch
Especialista Flying I

Especialista Flying I

Alertas :
Pela estrada a fora...  - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Pela estrada a fora...  - Página 2 Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Pela estrada a fora...  - Página 2 Empty Re: Pela estrada a fora...

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Ir para o topo Ir para baixo

Página 2 de 9 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos