#001 - Filhos da Lua

Ir em baixo

#001 - Filhos da Lua

Mensagem por Lissandra em Dom Ago 06 2017, 20:01


A Primeira Exploração

#001 - Filhos da Lua
O clima era agradavelmente nublado, um friozinho tomava conta da região, não havia indícios de chuva, apenas ventava regularmente, trazendo algumas brisas gélidas. Lissandra amava esse tipo de tempo, deixava-a mais energética, não se sabe ao certo, apenas executava as coisas de uma melhor maneira. Swain, sua Murkrow, voava cinco metros acima da cabeça da jovem, ela era minha visão na parte de cima, sempre atenta à qualquer coisa. A caminhada para fora da cidade não era feita sozinha, seu irmão Lúcifer, na qual chama carinhosamente de Luci, também estava ao seu lado, junto ao Cérberus, seu Houndour.

Após um tempo caminhando, a menina faz um sinal e chama sua pokémon, que pousa no braço esticado da garota. — Você deve estar cansada, quer descansar? — Swain negou com a cabeça, gostava de impressionar sempre a jovem treinadora. — Como é teimosa... — Lissandra ri. — Pelo menos coma isso para lhe ajudar a ter energia! — Disse, dando uma fruta que foi pega em sua mochila e deu a sua xodó, que comeu e recebeu um breve carinho, depois se pôs a voar novamente. Continuando a andar, começava uma conversa com seu irmão. — Ei, Luci, o que você espera de imediato que aconteça com você? Eu gostaria de alguma batalha ou talvez até capturar um outro pokémon caso eu goste. — Indagou, já respondendo seu questionamento caso futuramente o jovem perguntasse o mesmo. Seguia o caminho para fora da cidade, visando alguma rota e pokémons interessantes, esperava a resposta do rapaz em alta expectativa.

Detalhes sobre Swain:
Altura/Peso: Normal
Particularidade: Na parte de baixo do seu "chapéu" tem uma mancha de nascença de coração, onde possui a cor avermelhada.
Personalidade: Swain é assim como Lissandra, desconfiada de pessoas e pokémons que nunca haviam visto anteriormente, não gosta da ideia de não ser a única no time da jovem e por conta do ciúmes que sente, será um tanto complicado sua convivência com pokémons novos, porém tentará sempre ao máximo para agradar sua treinadora ser imparcial e educada com os novatos. Tem uma boa relação com Cérberus e Lúcifer.
Último Cruzamento: -x-

OFF:
- Esse tópico está sendo feito em dupla, por mim -Lissandra- e -Lúcifer- que no jogo é meu irmão gêmeo, peço que esperem o post do mesmo para que dê continuidade a narração.
- É nossa primeira vez em fórum de pokémon, qualquer dica é sempre bem-vinda =)
- Obrigada pela oportunidade, espero que nós possamos nos divertir bastante!

avatar
Lissandra
Treinadora
Treinadora

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #001 - Filhos da Lua

Mensagem por Lúcifer em Dom Ago 06 2017, 21:41


Clima ameno, sol escondendo-se entre as nuvens, um singelo ar frio que percorria vindo do sul, um tanto quanto entediante. Quando se tem a ideia em mente de sua aventura, você se imagina explorando cavernas, escapando e desviando de labaredas de chamas de pokémons nativos e agressivos, adrenalina tomando conta do corpo e seu cérebro funcionando apenas para te tirar daquela situação. Isso é empolgante, não andar no meio de uma cidade que nada acontece e que ninguém faz nada. Tá, tudo bem que literalmente ACABAMOS de iniciar nossa viagem, mas o tempo de expectativa foi tão alta que seria bom começar com algo impactante, um bandido saindo do meio de um beco avançando para atacar eu e minha e irmã - achando que somos fracos - e acabar saindo carbonizado direto para o pronto-socorro, é, isso seria muito divertido.

Eu e Liss percorríamos o asfalto indo direção para nossa rota e enfim o início da nossa real aventura, com nossos pokémon ao lado. Eu estava ligeiramente atrás, afastado, tomando conta da visão dianteira, enquanto ela da fronteira e Swain da parte aérea. Essa era um pouco da nossa tática para expandir nossa visão e estar preparados para tudo, mas na verdade eu só queria ficar um pouco afastado enquanto conversava com Cérberus em sussurros, não gosto que as pessoas saibam como realmente sou, quando se sabe do desconhecido ele não se torna mais intrigante e a mente não trabalha mais tanto com a criatividade, então enquanto incógnita faz-se parecer mais interessante. Ah, e também amar tanto as pessoas faz isso de uma fraqueza pessoal. O amor é um dos sentimentos mais perigosos, e também o mais impactante.

- Sim amigo, em breve teremos ação, prometo. - Falei com Cérberus, meu Houndour, enquanto caminhamos lado a lado. Ele como um pokémon que um dia já foi selvagem já deve ter experimentado das mais diversas ações, mas após salvá-lo e ele querer ficar comigo, tem desistido de sua vida de caçador. Mas retomaremos isso, juntos, como os melhores amigos que sempre fomos. - Faremos outras amizades também! Quer dizer, acho que você já tem, o que você acha da Swain? - Ele lambeu minha mão no final da primeira frase mas revirou o rosto depois de eu citar o pokémon de minha irmã, ou ele ficava tímido com a presença dela ou não gostava dela. Não escolhemos o que sentir, ou muito menos de quem gostar ou não... simplesmente acontece, nascemos assim.

- Realmente não sei, gostaria de qualquer ação Liss. Mas conhecer e capturar pokémon novos seria legal. - Me aproximei dela após responder sua pergunta, minha irmã era realmente curiosa mesmo que não demonstrasse isso. O início da rota estava cada vez menos distante, das mais diversas coisas poderiam acontecer, agora estávamos em posse de nossos controles do videogame da nossa vida.


Detalhes sobre Cérberus:

Altura/Peso: Normal
Particularidade: Ao  Invés da região da sua boca ser toda vermelha, ele tem uma pequena mancha preta em baixo do queixo.
Personalidade: Depois de um passado turbulento, Cérberus demora a confiar em pessoas e em outros pokémons, mas através da convivência analisa novidades e com isso consegue formular seu gosto. É extremamente leal com quem ama, sendo este seu dono, Lúcifer. Ele gosta de sempre demonstrar seus sentimentos, mas por causa de seu relacionamento com seu líder ele é ciumento. Gosta de Lissandra por seu dono gostar dela e se sente confuso sobre o que sentir com Swain.
Último Cruzamento: -x-

-OFF-:

- Obrigado pela ajuda dos administradores no chat! Eu e Lissandra somos novos jogadores ainda não acostumados com o sistema do fórum, e eu ainda menos por não entender tanto de pokémon quanto ela. Dicas são muito bem-vindas!
- Obrigado a também quem for narrar, espero que nos divirtamos! Pode já postar direto na rota se quiser.
avatar
Lúcifer
Treinador
Treinador

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #001 - Filhos da Lua

Mensagem por Ame em Qua Ago 09 2017, 17:16

Off:
Off: Hello, eu serei a narradora de vocês, espero que gostem da rota. =w=/

Qualquer duvida que tiverem podem dizer por off aqui ou mandar MP, vou me esforçar para ajuda-los da melhor forma possível.

Primeira dica: Vocês podem interagir o quanto quiserem antes do narrador postar, basta depois me avisarem quando eu puder postar.

Os gêmeos decidiam o que fariam em sua volta pela pacata Littleroot, sendo uma cidade calma de pouco movimento, não havia muito o que fazer além de tentar a sorte e tentar encontrar algum pokemon para capturarem, algo que poderia demorar dependendo do empenho da dupla, visto que até então o único pokemon que conseguiam encontrar sem esforço eram Taillows, estes sobrevoavam a cidade e pousavam entre os galhos das arvores que haviam aos montes pelas ruas.
avatar
Ame
Estagiária
Estagiária

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #001 - Filhos da Lua

Mensagem por Ame em Sex Fev 02 2018, 02:40

Rota trancada por inatividade, peça no SAM para reabrir.

_________________
avatar
Ame
Estagiária
Estagiária

Alertas :
0 / 100 / 10


Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: #001 - Filhos da Lua

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum