Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Um dia diferente em Goldenrod!

Página 1 de 18 1, 2, 3 ... 9 ... 18  Seguinte

Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Lix Qui Jun 19 2014, 13:24

off:

Depois de uma longa noite de sono finalmente acordei, era por volta das oito da manhã e depois de fazer minha higiene matinal e tomar um belo café da manhã reforçado no centro Pokémon decidi seguir para um treino na grande cidade. Retirei meus parceiros com a enfermeira Joy, esta falou que todos estavam em um belo estado e o ovo estava prestes a eclodir. Saí do centro e logo na saída deste liberei meus quatro parceiros: Cyndaquil, Hoothoot, Eevee e a recém evoluída Quagsire.

- Bom dia pessoal, hoje nós vamos treinar um golpe novo okay?

Peguei o CD de Round e em seguida pus ele na entrada da Pokédex para que o golpe fosse aprendido.
Lix
Lix
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Miki Mayoke Qui Jun 19 2014, 21:17

Off: Como já sabe, assumirei sua rota, espero que possamos nos divertir ^^ Bem, acho que entendi ao menos o básico, mas peço que me avise caso eu cometa algum erro.



Mais uma manhã se iniciava em Goldenrod, a maior e mais famosa cidade de Johto. Apesar de ainda ser consideravelmente cedo, as ruas já estavam bastante movimentadas, como seria de se esperar da grande metrópole. O fluxo de pessoas circulando pelas ruas era intenso, algumas corriam para não se atrasar para o trabalho, outras corriam mais ainda para não perderem liquidações em lojas, até mesmo os Pokémons urbanos daquela região pareciam especialmente apressados naquele dia, pulando de telhado em telhado enquanto procuravam por alimento. No entanto, em meio a todo aquele tumulto, um jovem se destacava. Thomas Wilkerson, ao contrário da maioria dos seres humanos por ali, não estava interessado em lojas e nem mesmo nas possíveis promoções “imperdíveis” que nelas ocorriam, muito pelo contrário, o que o treinador mais queria no momento era sair daquela confusão típica de cidades grandes.

Após mais dificuldade do que ele julgaria necessário, o rapaz enfim consegue sair do centro da metrópole, logo chegando a uma praça vazia que poderia servir para seus objetivos. O jovem libera seus quatro parceiros, que em breve aumentariam para cinco quando o ovo misterioso eclodisse. O quarteto de monstros de bolso parece gostar da ideia de aprender um novo golpe, e Thomas logo insere a TM na Pokedex.


Pokedex escreveu:Round consiste basicamente na produção de uma canção pelo usuário, a qual causa danos sobre o alvo. O poder desse ataque sonoro aumenta quando é realizado por dois ou mais Pokémons aliados. É importante que os sons estejam em harmonia e que o som seja agudo o suficiente para que as ondas formadas no ar tomem um formato circular, caso contrário o ataque falhará. Os círculos podem adquirir colorações diversas como azul, verde e vermelho.


A voz mecânica oferece as informações gerais sobre o golpe desejado, o treino seria basicamente como uma aula de canto, onde os quatro Pokémons precisariam ter perfeito controle de suas vozes para que elas entrassem em harmonia, caso contrário o Round não seria aperfeiçoado.

Ao voltar sua atenção para os monstrinhos em questão, Thomas percebeu que nenhum deles estava muito concentrado no que dizia a máquina avermelhada. Na falta de objetos redondos pelo local, Néftis tentava segurar Sadie, porém as mãos da Pokémon recém evoluída eram muito escorregadias, de modo que a coruja conseguia escapar sem dificuldades. Frustrada, a Quagsire continuava tentando segurar Hoothoot, mas esta voava um pouco acima da cabeça da aquática, que por ser muito lenta não conseguia pular com agilidade o suficiente para alcançá-la. Enquanto Sadie ria de sua companheira de equipe, Hero gritava para que as duas parassem de se comportar como crianças. No entanto, ao ver que estava sendo completamente ignorado, o Eevee passou a encarar as duas com raiva evidente, parecia prestes a jogá-las longe com o Take Down.

Zuko era o único que ainda prestava atenção em seu treinador, e por se manter um pouco afastado do trio encrenqueiro não participava da confusão. Ele olhava interrogativamente para seu dono, provavelmente perguntando o que deveria ser feito em uma situação como aquela.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Lix Sex Jun 20 2014, 12:19

Off:
Olá Miki, espero o mesmo. Obviamente, qualquer coisa te digo.
Só para constar, você narra muito bem '0'
Ah sim, espero que não se importe, pois vou mudar minha narração para a terceira pessoa.

Depois de alguns minutos de procura o jovem treinador finalmente conseguira achar um local perfeito para o treino de TMs, uma praça que até então estava vazia. Aquilo parecia ser um milagre, já que mesmo cedo a cidade já estava lotada de pessoas que compravam e consumiam coisas dos mais variados tipos. Bem, se formos pensar por esse lado é bem normal que a praça estivesse vazia já que o resto da população estivesse mais ocupado fazendo compras do que passeando em um local como aquele.

Depois de achar o local perfeito Thomas liberava seus parceiros, que pareciam animados até demais para o treino. Néftis e Sadie pareciam brincar ou se estranhar, não sabia ao certo. Já Hero dava um sermão para que as duas parassem com aquilo, o único que prestava atenção em tudo era Cyndaquil.

- Isso acontece meu garoto.

Respondeu o jovem Wilkerson em relação ao rosto de interrogatividade de Zuko, entretanto não se deixou levar por aquilo e logo deu um esporro em seus outros Pokémon.

- Pessoal parem com isso e se concentrem no golpe. - Gritou - Por favor, se comportem bem e deixo vocês brincarem na praça depois. Entretanto vamos nos concentrar agora.

O garoto natural de Mahogany esperava ganhar a atenção dos seus companheiros com aquilo, então começou a dar as ordens para seus amigos.

- Pessoal para aprenderem a utilizar Round terão que cantar, isso mesmo cantar. Quero que comecem a cantar do jeito que sabem, entretanto aos poucos tentem usar um tom parecido com o de seus companheiros. Sadie já conhece o golpe Growl, então pode liderar os outros na cantoria.

Os monstros de bolso pareciam ter uma dúvida sobre como cantar, entretanto Thomas esperava fazer um bom treino com eles e sanar todas as dificuldades de seus amigos.
Lix
Lix
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Miki Mayoke Dom Jun 22 2014, 13:50

Off: Nossa, desculpe pela demora. Meu pai viajou para a serra do meu tio e me arrastou junto, e como lá não tem internet, entrar no fórum era uma tarefa impossível.
Off²: Quanto à narração, se sinta livre para narrar do modo que preferir ^^


Thomas logo interrompe a confusão, prometendo a seus Pokémons que eles poderiam brincar a vontade quando o treino terminasse. Néftis, que após muito esforço finalmente estava com a coruja arredondada em suas mãos, pareceu triste em ter que largar Sadie. A Hoothoot lançou um olhar agradecido ao seu mestre, amaldiçoando mentalmente Arceus por ter feito sua espécie tão semelhante a uma bola, no entanto acabou cedendo aos pedidos da Quagsire e aceitou ficar pousada na cabeça da mesma. Hero apenas assentiu com a cabeça, parecia disposto a se concentrar no treino.

O jovem Wilkerson dava instruções claras aos seus companheiros, inicialmente dando liberdade para que todos tentassem cantar do modo que lhes fosse mais conveniente. Hoothoot foi ordenada a liderar os outros na cantoria, o garoto acreditava que conhecer o Growl poderia ajudá-la a dominar o Round. Hero, prevendo que aquilo não sairia como o planejado, correu para o lado de Zuko, querendo ficar o mais longe possível da coruja. Sadie tentou usar seu Growl para formar uma melodia agradável, no entanto o princípio desse ataque era justamente causar um som que incomodasse seu oponente, de modo que o resultado foi uma sequência de grunhidos desagradáveis que, se fossem usados em uma batalha real, o único efeito seria fazer com que o oponente tapasse os ouvidos.

Para o alívio de todos os presentes no local, pouco tempo depois Hoothoot parou de emitir aquele barulho tão desagradável, permitindo que os outros Pokémons pudessem praticar também. Néftis, que havia retirado a coruja de sua cabeça por não suportar tal som tão perto de seus ouvidos, cantarolava animadamente, porém sua voz era desafinada, o que deixava a melodia um pouco irritante. Hero possuía uma voz doce e harmoniosa por natureza, no entanto o Eevee não sabia direito como controlá-la, de modo que acabava se atrapalhando tanto quanto suas companheiras de time.

Enquanto isso, Zuko apenas se escondia timidamente atrás das pernas de Thomas, sem emitir um único ruído e com o rosto levemente avermelhado. O Cyndaquil não se sentia bem precisando cantar na frente de seus colegas, sua timidez impedia que ele realizasse tal feito.

A primeira etapa do treino fora desastrosa, o treinador ainda teria um longo caminho a percorrer antes que seus companheiros aperfeiçoassem o Round.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Lix Dom Jun 22 2014, 20:10

Off:
Não tem problema. Mas eu já estava ligando pra polícia comunicar um caso de desaparecimento. -q

A primeira parte do treino não havia ido nem um pouco bem, os companheiros de Thomas pareciam muito desafinados e ainda tinha Cyndaquil. O Pokémon de fogo era tímido o que levava este a não cantar por ter vergonha imensa de sua voz, parece que o treino seria bem longo para o treinador.

- Pessoal vamos tentar nos controlarmos dessa vez certo? Hero comecemos com você, sua voz é bonita entretanto você não a controla bem. Tente cantar em apenas um tom, não tente fazer sua voz ficar mais alta apenas porquê seus companheiros de time o faze, cante do jeito mais bonito que conseguir okay?

O jovem natural de Mahogany então foi em direção de Néftis e Sadie, estas pareciam ser as que precisavam de mais treino.

- Garotas vocês duas não estão sendo muito afinadas, Sadie por hora vamos esquecer o Growl certo? Tente apenas cantar. Porquê as duas não tentam imitar Eevee na hora do ritmo e da canção? Digo o mesmo para vocês, não cantem muito alto para não atrapalharem os colegas certo?

As Pokémon fizeram que sim com a cabeça e apesar da Pokémon peixe-de-lama ainda querer pegar Hoothoot essa ainda tentava se concentrar em praticar o movimento. Por último, Wilkerson foi em direção de Cyndaquil e o se abaixou para falar com ele.

- Porque não tenta garoto? Nós somos um time certo? Queremos e precisamos de sua ajuda, vamos lá queremos que pelo menos tente.
Lix
Lix
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Miki Mayoke Seg Jun 23 2014, 11:15

Off: Haha, então voltei na hora certa. Se bem que não acho que a polícia conseguiria me encontrar com tanta facilidade. -q


Após observar o desempenho não muito satisfatório de seus quatro companheiros, Thomas logo chega à conclusão de que dominar o dominar o Round poderia se mostrar uma tarefa mais difícil do que o previsto. Hero, por ter obtido o resultado menos desastroso em sua primeira tentativa, é ordenado a tentar novamente, dessa vez seguindo seu próprio ritmo. O Eevee começou a cantarolar devagar, tentando ao máximo não desafinar, porém não estava acostumado a realizar tal ação e demonstrava ter um pouco de dificuldade. Ao fim de trinta segundos, a raposa havia enfim estabelecido certo ritmo e não desafinava tanto, porém sua canção ainda não era aguda e nem mesmo harmoniosa.

Ao ver que seu colega conquistado um pequeno progresso, Sadie logo se anima e tenta cantar também. A coruja esqueceu momentaneamente o Growl, e apenas tentou piar da maneira mais harmoniosa possível enquanto tentava acompanhar a melodia de Hero. Hoothoot continuava desafinando, porém ao menos conseguia seguir o mesmo ritmo de Eevee, o que já era um avanço.

Logo chegou a vez de Néftis se juntar à cantoria, no entanto esta demonstrava ter mais dificuldades que seus dois companheiros juntos, não conseguindo controlar direito sua própria voz e nem mesmo sincronizando sua canção com a de seus colegas. A Pokémon peixe-de-lama emitia sons agudos e desafinados, que incomodavam tanto a si mesma como aqueles que estavam próximos. Desanimada, a Quagsire se deixou cair sentada no chão, parecia prestes a desistir do novo movimento.

Enquanto isso, Thomas enfrentava uma situação ainda mais problemática, seu tímido Cyndaquil parecia incapaz de cantar enquanto era observado por outros seres vivos, mesmo que esses fossem seus amigos. O rapaz natural de Mahogany tentou incentivar seu Pokémon, e por fim consegue convencer Zuko a fazer ao menos uma tentativa.

O roedor de fogo cantarolava baixinho, de modo que apenas seu treinador podia ouvi-lo. Para a surpresa de Thomas, Cyndaquil conseguia cantar consideravelmente bem, não desafinou uma única vez e mantinha um ritmo agradável aos ouvidos do humano. O único obstáculo que impedia Zuko era sua timidez, e este precisaria ser superado para que o Cyndaquil conseguisse aprender um ataque sonoro como o Round.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Lix Seg Jun 23 2014, 15:08

Off:
Por que? Muito longe da civilização? -q

Mais uma rodada de treinamentos e dessa vez a coisa parecia estar surtindo efeito, Eevee e Hoothoot tinham um grande crescimento no treinamento, já Quagsire não conseguia ter sequer uma nota melhor cantada. A grande surpresa do treinador era na verdade Cyndaquil, que parecia ter uma voz melodiosa, entretanto a timidez do inicial de fogo o impedia de tentar um ataque mais alto. Novamente Thomas foi de um em um aos seus Pokémon e tentou passar-lhes novos comandos.

- Hero preciso que tente não desafinar certo? Quero também que tente usar um tom mais agudo em sua casa. Sadie, tente cantar sempre no mesmo tom, nem mais baixo nem mais alto okay? Quando conseguir fazer isso, tente imitar Eevee no barulho.

Em seguida o moreno foi em direção de Néftis que parecia desanimada.

- O quê aconteceu garota? Por que não tenta novamente? Desistir nunca é a solução. Tente imitar seus coleguinhas no tom de voz certo? Eu sei que você consegue.

Por último o jovem chegou perto de Cyndaquil e lhe disse.

- Zuko, você foi muito bem até agora. Para falar a verdade o melhor de todos, então por que não tenta novamente cantar, só que dessa vez mais alto e agudo okay?
Lix
Lix
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Miki Mayoke Seg Jun 23 2014, 22:11

Off: Mais do que você imagina. -q


Apesar de estar lidando com algo que lhes era inteiramente novo, o quarteto de Pokémons progredia no aperfeiçoamento do novo golpe, apesar de alguns apresentarem mais dificuldade que outros. Hero novamente iniciou sua canção, dessa vez mais concentrado em sua própria voz, procurando não desafinar. A raposa respeitava seu próprio ritmo e aos poucos tentava tornar sua melodia mais aguda, porém sempre retornava ao tom anterior quando sentia seus pulmões protestarem por falta de ar. Eevee progredia lentamente, e após mais algum tempo de prática por fim aprendera como manter sua voz aguda por um tempo considerável.

Sadie então se juntou a canção, emitindo pios longos e inicialmente desafinados, porém que lentamente foram se aperfeiçoando e se tornando um som agradável. A coruja então passa a tentar tornar sua voz mais aguda, o que no começo desequilibrou um pouco sua canção, mas após dez minutos de prática Hoothoot conseguiu reestabelecer o controle e formar uma nova melodia, esta sendo bastante peculiar se comparada à primeira, porém que ainda possuía certa beleza.

Aos poucos as vozes dos dois Pokémons entraram em sincronia, formando juntos uma canção aguda, porém que se desenrolava em perfeita harmonia. De algum modo, os sons completamente diferentes gerados pela dupla pareciam complementar um ao outro, Hero e Sadie estavam perfeitamente sincronizados. Por um momento o ar ao redor das bocas de ambos os monstros de bolso pareceu tremular, porém logo naquele instante Sadie perdeu o fôlego e parou de cantar, fazendo com que o estranho evento cessasse. Hero, no entanto, continuou sua canção por mais alguns segundos, o Eevee parecia enfim ter aprendido a controlar sua voz e agora cantava com suavidade e doçura, porém sempre mantendo o tom agudo, naquele ritmo não demoraria muito para conseguir realizar o Round.

Néftis, por outro lado, continuava enfrentando problemas. Após ser incentivada por Thomas, a Pokémon aquática ficara determinada em dominar aquele movimento, ela não queria sob hipótese alguma decepcionar seu treinador. Quagsire recomeçou a cantar, sua voz continuava tão desafinada como nas ultimas duas tentativas, no entanto a peixe-de-lama não possuía dificuldade em torná-la mais aguda. É claro que isso de nada adiantaria se ela não conseguisse cantar em harmonia com seus companheiros, porém já era um começo.

Enquanto isso, Cyndaquil enfrentava uma dificuldade bem diferente à de seus parceiros. Ao ouvir as palavras de seu mestre e amigo, o inicial de fogo concorda com um aceno de cabeça em tentar cantar novamente, embora fosse visível que isso não alegrava o tímido Pokémon. Zuko novamente cantarola a mesma melodia, dessa vez elevando um pouco seu tom de voz. O som era doce e harmonioso, e logo os outros três Pokémons pararam seus próprios treinamentos para ouvir a bela canção do roedor. No entanto, ao ver o olhar de todos voltado para si, Zuko imediatamente parou de cantar, seu rosto avermelhado de vergonha, e tentou se esconder atrás das pernas de Thomas. Aparentemente fazer com que o inicial superasse sua timidez seria uma tarefa mais difícil do que o planejado.
Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Lix Ter Jun 24 2014, 22:37

Off:
LOL
Vou tentar uma tática um pouco diferente, espero que funcione.

Thomas apenas observava atentamente por longos minutos o treinamento de seus parceiros, os resultados eram bastante satisfatórios. Eevee e Hoothoot tinham um grande crescimento e mais cedo ou mais tarde estes conseguiriam realizar o golpe.

- Hero e Sadie estão indo bem, continuem assim. Néftis, sua voz está bem aguda entretanto tente se concentrar na harmonia.

Enquanto dava algumas ordens Thomas abriu sua mochila e começou a tirar lenços das mais variadas cores de sua mochila. Usou os lenços para vendar os olhos de seus monstrinhos, daquele jeito estes se concentrariam em sua audição e não na visão, além do mais Cyndaquil poderia cantar sem timidez.

- Pessoal com isso vocês se focarão mais na música que os outros e os próprios produzem.

Ditei o que eles teriam de fazer e em seguida sussurrei para Zuko:

- Agora pode cantar.
Lix
Lix
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Miki Mayoke Qui Jun 26 2014, 11:10

Off: E não é que eu estava pensado exatamente nessa tática mesmo antes de ler o seu post? É um bom modo de fazer com que Zuko não se sinta tão desconfortável, uma vez que ninguém estará olhando para ele.






Os resultados positivos de Hero e Sadie animam Thomas, porém este decide mudar sua estratégia ao ver que Zuko e Néftis ainda apresentavam dificuldades, usando lenços para vendar os olhos de seus Pokémons. Hero e Néftis fizeram caretas, pareciam não gostar da ideia de treinar às cegas. Sadie não se incomodou tanto com isso, mas bicou a mão do garoto quando ele tentou lhe vendar com um lenço laranja, exigindo que ele lhe desse o vermelho. Cyndaquil foi o único que não pareceu se importar com a tática, muito pelo contrário, o roedor de fogo ficou aliviado por ter onde esconder o rosto.

Uma vez que todos estavam devidamente vendados, o treinamento recomeçou. Hero logo começou a cantar a mesma melodia de antes, e após exatos cinco segundos Sadie se juntou a ele, ambos novamente cantavam de modo harmônico, não precisavam nem mesmo ver os movimentos labiais um do outro para saber como dar prosseguimento à canção. Assim que o som da melodia ficou mais forte, foi possível perceber que o ar ao redor dos dois Pokémons voltava a tremular, o que era um bom sinal.

Eevee e Hoothoot continuavam tentando insistentemente, porém o fôlego da dupla chegava ao fim de acordo com que eles exigiam cada vez mais de seus pulmões. Por fim, os dois usavam o que restava de seu fôlego para emitir uma ultima nota, esta sendo muito mais aguda e prolongada do que as anteriores. Imediatamente fracas circunferências surgiram ao redor dos dois monstrinhos, as de Eevee eram azuis e as de Hoothoot vermelhas, porém estas apareceram por apenas um instante e depois sumiram.

Néftis continuava enfrentando os mesmos problemas de sempre, porém ao menos ela conseguia se concentrar apenas em sua própria voz, o que fazia com que ela não desafinasse tanto. Apesar de o progresso ter sido consideravelmente baixo se comparado ao de Hero e Sadie, a Quagsire permanecia sem desanimar, continuava cantarolando sua canção aguda e desafinada. No entanto, quando Hero parecia prestes a jogar Néftis longe com seu Take Down por não suportar mais aquele som, a Quagsire subitamente interrompeu sua melodia.

Por alguns instantes o silêncio reinou na praça, porém a Pokémon peixe-de-lama não deixou que ele se prolongasse por muito tempo. Logo Néftis voltou a cantarolar, porém dessa vez baixinho e com maior cautela, e surpreendentemente ela já não desafinava tanto. Por algum motivo, Quagsire parecia ter maior controle sobre sua voz quando cantava mantendo o tom de voz baixo.

Novamente Zuko foi o ultimo a tentar, e para a surpresa de Thomas o roedor já não parecia tímido como de costume. Uma vez que ninguém poderia lhe ver, Cyndaquil não encontrava mais motivos para sentir vergonha, e saltitava animadamente sem sair do lugar enquanto cantarolava a mesma melodia de antes, porém dessa vez mais alto e com maior empolgação. Ao contrário da canção de Néftis, a do inicial de fogo não era desafinada e nem mesmo irritante, muito pelo contrário, o som era agradável aos ouvidos de seus companheiros. No entanto, apesar de Zuko conseguir cantar bem, sua voz ainda não era suficientemente aguda.

A tática de Thomas havia funcionado, porém ainda faltava um pouco mais de prática aos monstrinhos.

Miki Mayoke
Miki Mayoke
Treinadora

Treinadora

Alertas :
Um dia diferente em Goldenrod! Left_bar_bleue0 / 100 / 10Um dia diferente em Goldenrod! Right_bar_bleue


Ir para o topo Ir para baixo

Um dia diferente em Goldenrod! Empty Re: Um dia diferente em Goldenrod!

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Ir para o topo Ir para baixo

Página 1 de 18 1, 2, 3 ... 9 ... 18  Seguinte

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos