Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Happy Ending... Not.

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Dom Out 16 2016, 11:00

Off: Entrar no Underground acompanhado de Pancham. ^^

Lysander finalmente pousara na cidade de Mountrock. De imediato aquele ato causou frustração no jovem rapaz, que ao tentar livrar seu pássaro de suas fitas que o prendiam a sua jaqueta, demorou cerca de quatro minutos para realizar tal feito. Sua mão se movia pelas presilhas de forma que parecia ter desaprendido a como liberá-las. - Jaqueta ridícula! Abra de uma vez!- Emitia o rapaz enquanto ainda tentava liberar Honchkrow, que apesar de ter se mantido silencioso e respeitoso ao momento em que Lysander se encontrava, começava a alcançar o ápice de sua paciência, uma vez que agora agitava suas asas bruscamente na tentativa de se soltar o quanto antes, afinal, a posição em que se encontrara não parecia nada confortável à ave. Assim que conseguira liberar-se, a ave voou imediatamente até um banco próximo a seu mestre, e o ficou a observar por alguns instantes. Não que ele fosse o tipo afetivo de pokémon, ou tampouco demonstrava tanta preocupação com seu treinador, mas estava evidente que havia algo de errado, e isso resultava em sua aparência, que realmente parecia horrível, suas vestes estavam amassadas, seu cabelo despenteado pelo vento, e sua face, levemente avermelhada, mas ele não parecia se importar com nada disso.

Mas, o que lhe chamara atenção para pousar nesta cidade, pela qual nunca havia passado antes? Havia uma grande aglomeração de pessoas na cidade, e sabia que aquilo não poderia ser normal. Havia algo diferente por ali... Haviam muitas pessoas caminhando ao centro da cidade, mas a aglomeração parecia se focar nos cantos da cidade, onde haviam várias formações rochosas, cadeias de montanhas que se erguiam ao redor da cidade, mas em principal, próximo a entrada nestas formações, uma caverna, uma ruína. Mas, mesmo com a grande aglomeração próxima a tal ruína, o rapaz decidira pousar no centro. Ali, pessoas passavam absortas em suas conversas com seus amigos que Lysander nem parecia fazer parte da paisagem, era como se nem ali estivesse, e em cinco minutos que ficou ali parado, ainda sendo examinado por Honchkrow de perto, o rapaz já recebeu uma pequena informação sobre o que estava acontecendo ali... Pessoas haviam vindo de todos os lugares para ajudar em uma escavação. No entanto, esta partícula da informação causou estranheza para Lysander, que nunca acreditara que a mineração fosse uma atividade tão popular assim, no entanto, ao ouvir os próximos boatos, tudo se tornou mais claro. Aqueles que vinham ali, não estavam interessados na descoberta em si, no prazer da mineração, estavam ali simplesmente pela riqueza que aquele lugar poderia lhes trazer. Era como a febre do ouro.

- Bem... Acho que isso não teria nada a ver com ser um treinador, teria? - Dizia Lys consigo mesmo, sem lembrar-se de que Honchkrow ainda estava a seu lado. - Na verdade... Talvez seja bom... Aposto que papai não se importaria se levasse algo de valor quando aceitar a proposta... - Lys se referia à proposta de seu pai, que tentara forçar tal pensamento na cabeça de seu filho ao sequestrá-lo em conjunto com seus amigos, e que agora, após uma série de derrotas e fatos que o desestabilizaram emocionalmente, mais que nunca, estava realmente tentado a desistir da carreira de Treinador. Voltaria para seu pai, onde seguiria com os negócios da família, longe de toda essa história de treinamento e aventuras. Seu olhar então recaia distorcidamente sobre a criatura em seu lado, e ao esticar a mão, agora que lembrara-se que ainda não o retornara, finalmente o retornou para sua esfera, mesmo que a ave demonstrasse algum sinal de resistência. Desta forma, pôs-se a caminhar, lentamente, na direção em que muitas das pessoas a seu redor também iam, para a direção que lembrava-se bem, era onde as ruínas da cidade se encontravam, seu andar parecia estranho, como se suas pernas pareciam poder desabar a qualquer momento, sua aparência era agora, desastrosa e vergonhosa, mas continuava não ligar.

Uma vez dentro do lugar, sua mão mais uma vez se esticou, e ao apertar o centro de uma pokéball estranhamente avermelhada e brilhantes, uma criatura prorrompeu em meio a um lampejo avermelhado e várias faíscas da mesma cor. Não demorou para que sua silhueta se mostrasse como um pequeno ursinho, que não demorara para tentar, como de costume, saltar sobre o ombro do rapaz, que com uma expressão séria, realizou um breve gesto que o impediu de fazê-lo. - Não... Só o liberei por que você é o mais adequado a esta situação. - Talvez sua voz soasse mais séria e seca que o esperado, deixando-o com uma pontada de culpa em seu olhar e expressão que parecia enfim se suavizar. No momento seguinte, numa reação muito diferente da de Honchkrow, o ursinho começou a bravejar, apontando para o rapaz e dando socos no ar, como se o chamasse para uma briga. Lys o encarou por um momento e chegou a se abaixar, sussurrando em baixo tom. - Me desculpe... - Pancham, então, mesmo que contrafeito, realizou um aceno positivo com sua cabeça, mas ainda assim não se sentira tão bem, afinal, não é por que o rapaz não estava bem que poderia descontar isso nele. AO levantar-se o rapaz começou a caminhar então em frente à ruína, Pancham marchando um pouco atrás de seu treinador, sua expressão agora um pouco mais amena. - Me desculpe... Tenho dito muito isso ultimamente... - Sussurrava o rapaz, ainda se sentindo culpado, ainda ferido.
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Ter Out 18 2016, 16:18

Chegando na entrada das ruínas notou que existia muitas pessoas por lá, alguns entrando e outros saindo. Todos falavam dos itens que havia em contado, incluindo stones, wings e até mesmo nuggets! Lysander foi informado que deveria entrar nas ruínas, seguiu por uma longa escada que foi escavada até chegar em um grande Hall. Lá um homem com um capacete parecia instruir as pessoas e equipá-las.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Ter Out 18 2016, 16:51

A iluminação, apesar de não ser mencionada, permitia que sua visão, agora um tanto turva, notasse um homem, ao centro daquele Hall, que mesmo que o rapaz tentasse não notar, realmente não era um lugar parecido com qualquer outro que já passara, e tampouco lhe agradava... Se não fosse pelo que aquele lugar pudesse lhe oferecer, e o que ali pudesse encontrar, ele nunca entraria em tal lugar. Na verdade, a escuridão nunca lhe agradara tanto, e isso combinado com os impensáveis números de caminhos que poderia seguir, lhe causava tal sensação. Mas... O que mais poderia ter a temer? O que mais de errado poderia acontecer em uma escavação? Que diferença faria se perder naquele lugar, se sua própria mente já estava perdida? Já havia se afastado de seus amigos, com o propósito de fortalecer-se, mas até então não havia tido progresso algum. Seus olhos mais uma vez se marejavam, mas logo tratou de limpá-los com as mangas de sua camisa amassada, em estado deplorável, tal como seus cabelos, completamente desajeitados, não havia praticamente fio algum em seu devido lugar.

Com uma expressão abatida, e cabisbaixo, o rapaz seguiu seu caminho pelo Hall ao lado de Pancham, que apesar do breve desentendimento, logo optara por permanecer junto ao rapaz, para que não o perdesse de vista e por ali se perder. Sua expressão parecia mais suave que a pouco, mas ainda parecia emburrado, de braços cruzados. Logo se aproximou do homem que estava servindo como uma espécie de guia, ou ao menos parecia estar aconselhando aos outros a como proceder naquela situação. Parou um pouco atrás das outras pessoas, mas a um canto em que poderia ouvir perfeitamente o discurso do homem, Sem palavra alguma dizer. Que tipo de informações importantes aquele homem poderia lhe proporcionar? Bem... Quaisquer que fossem as instruções que ele fosse lhe dizer, nenhuma lhe corresponderia à expectativa, nenhuma lhe serviria às perguntas mais importantes que havia em sua mente, apenas lhe diria como continuar na escavação, então, apesar de ouvir as palavras deste, sua atenção decididamente não se focava neste, e isso ficava evidente pelo seu olhar perdido que percorria todo o lugar. Ao final do discurso, que a certo ponto lhe parecera infindável, o rapaz pegava os equipamentos necessários para sua breve aventura por ali, e partia para a mesma.
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Qui Out 20 2016, 12:01

- Tenham muito cuidado lá em baixo. Muitas áreas não foram exploradas e podem desmoronar a qualquer momento. Evitem lugares perigosos e se acontecer algo peça para seu Pokémon chamar ajuda de alguém. – O homem fez uma pausa curta. – Quanto ao que vocês podem encontrar é variável. A maioria das pessoas encontram muitas pedras evolutivas, então mesmo que não forem usar, elas tem valor no mercado. Outras pessoas encontram coisas valiosas como Nuggets e as relíquias que são o que os estamos procurando. Quem achá-las pode ganhar um fóssil, então boa sorte!

No fim o discurso não fora muito útil, mas agora Lyssander sabia por onde prosseguir. Seguiu por um corredor que havia 3 postas, a do meio estava à sua frente e as outras duas à sua esquerda e direita.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Qui Out 20 2016, 12:15

No fim, como já era esperado, o homem não lhe disse nada de interessante. Bem, não que Lys também estivesse prestando atenção, mas também não perdera nada em não fazê-lo. Ao ser liberado, e ouvir várias pessoas começar a cochicar e caminhar pelo solo daquele Hall de entrada, o rapaz começou a olhar a seu redor, Pancham ao seu lado, igualmente procurando por algo que sua visão pudesse alcançar, mas dificilmente encontrariam algo por ali. Teriam de seguir em frente para procurar algo. Seguir por caminhos que ainda não foram tão visitados, e com isso em mente, vira três portas a sua frente.

Com um pesado suspiro o rapaz encarava as portas. Qual caminho seria o melhor? Qual lhe renderia o melhor premio? Qual seria o caminho mais seguro? Bem, nada disso percorrera a mente do rapaz, que sem muito protesto ou enrolação, seguiu à porta do meio, a que estava mais perto de si, onde teria que realizar menos esforço. E por ali, o rapaz seguiu seu caminho. - Fique atento, Pancham. - Proferia o rapaz, que soava engraçado, umq vez que ele próprio mal conseguia prestar atenção.
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Sex Out 21 2016, 16:06

Lys escolheu a porta do meio, simplesmente por ela ser a porta de mais fácil acesso. Chegou a uma sala bem iluminada por tochas. Isso significa que alguém já havia passado por ali. Não havia muitas coisas no recinto além de grandes potes de barro de quase seu tamanho. Existia cerca de duas dúzias deles e todos estavam bem lacrados.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Sex Out 21 2016, 18:00

Seus olhos batiam de imediato naqueles potes... Por quem tinha de haver tantos deles? Não poderia ser apenas uma epenas, e com isso já encontrar o que tinha de encontrar e sair o quanto antes daquele lugar? Provavelmente perderia todo o restante da tarde, e muito provavelmente parte da noite, naquele lugar, procurando por malditos objetos, que por sorte poderia vender por uma boa quantia de dinheiro, em igualmente malditos potes barro? Sem dizer que ali simplesmente deveria haver apenas sobras, pedaços de pedra sem utilidade, ou outros objetos assim. Com um último olhar àqueles potes de barro, e resistindo à tentação de chutar todos eles até virarem cacos, entretanto, o rapaz virou-se e com uma expressão emburrada fechou a porta a suas costas. - Não tem nada de bom por aqui. Desculpa. Vamos procurar outro lugar. - Proclamara ele ao pequeno Panda, que tentara olhar o que havia do outro lado.

Desta forma, sem muita demora, o rapaz guiou-se para a próxima porta, a porta imediatamente a esquerda.

_________________
Happy Ending... Not. BfRwn6x
PRÊMIOS!:

Happy Ending... Not. SON6K6W

Happy Ending... Not. NlCiU1z

Happy Ending... Not. JiIZuVC

Happy Ending... Not. YivC9BEHappy Ending... Not. BZCxGBf
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Dom Out 23 2016, 18:23

O mestre dos Dark decidiu ignorar o número enorme de potes, que poderiam até mesmo ter uma relíquia e resolveu voltar escolhendo outra porta. Essa tinha uma escada que descia, chegando ao final descobriu que era apenas um deposito velho cheio de armários destruídos. Não havia nenhum item a vista que pudesse ser útil para qualquer coisa, muito menos vender.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Seg Out 24 2016, 08:16

- "Bem..." - Pensava o rapaz assim que desceu aquelas escadas. Toda aquela sujeira certamente o incomodaria muito a alguns dias atrás, uma vez que certamente sujariam suas vestes sempre bem preparadas, que agora estavam todas amassadas e um tanto sujas, não mais parecia se importar com aquilo. - "Pelo menos não vou ter que ficar deslacrando potes. Perderia o dia todo naquilo." - Encarava o seu redor, e não via nada que demonstrasse tanto interesse. Eram apenas depósitos... Que tipos de coisas boas poderiam ser guardadas num lugar daquele? Onde tantos já haviam passado? Bem, provavelmente nada, mas ainda assim, já havia desistido da primeira porta, então tinha que pelo menos tentar encontrar algo ali, mesmo que estivesse certo, em sua cabeça, que por ali nada encontraria.

- Certo então, Pancham. - Emitira o rapaz, encarando seu Pancham. - Vamos ter de procurar por algo. Qualquer coisa estranha que encontrar... É meu. - O rapaz se esforçava para liberar um fino sorriso em sua face, mas sua tentativa acabara por sair um tanto falha, parecendo mais uma careta. - Bem, você procura por baixo, onde sua visão conseguir chegar, eu vejo nas mais acima. - E desta forma, logo o rapaz se dirigia às prateleiras, em busca de algo que pudesse lhe ser útil de alguma forma, sem muitas esperanças.

_________________
Happy Ending... Not. BfRwn6x
PRÊMIOS!:

Happy Ending... Not. SON6K6W

Happy Ending... Not. NlCiU1z

Happy Ending... Not. JiIZuVC

Happy Ending... Not. YivC9BEHappy Ending... Not. BZCxGBf
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Ter Out 25 2016, 20:57

Como dito antes, não havia nada de útil. O deposito fora abandonada antes mesmo da extinção de civilização antiga, o que significa que Lys só encontraria prateleiras velhas e muito pó. Talvez devesse tentar a outra porta ou se render aos potes.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Qua Out 26 2016, 02:12

Lysander estava correto em seu pensamento desde o início, não havia nada de interessante naquele lugar, nada que pudesse ser vendido para assim tirar algum proveito da situação. - Isso é ridículo. Emitira o rapaz em im baixo tom de voz após ter procurado por algo que evidentemente não havia ali, passando seu dedo indicador sobre uma das tábuas daquelas prateleiras enquanto Pancham lhe fazia um gesto negativo com sua cabeça, ao que o rapaz também respondeu com um gesto positivo e lhe mostrou a ponta do dedo, suja de poeira. Pancham precisou chegar mais perto para que à baixa luz daquele lugar, pusesse ver o que o rapaz lhe mostrava.

- Chegamos atrasados. Todos já levaram tudo de bom que poderia haver nessa porcaria de lugar, nesse fim de mundo... Quem se importa com os antigos mesmo? Já morreram, não?- Esbravejava o rapaz, como se falasse consigo mesmo enquanto subia os degrais daquela escada. Ao olhar pra baixo, encontrou Pancham lhe observando, preocupado, esperando que o rapaz chegasse enfim no piso superior. - Ah! Não me olhe assim. - O ursinho, figindo que não era com ele, bufou e desviou seu olhar, mas logo voltou a encarar seu treinador, que agora lhe estendia a mão, relutante, como se aquele gesto lhe doesse, para que o ursinho subisse em seu ombro. E de igual forma reputante, como se aquilo também lhe rancasse um pedaço, o pequeno saltou do cão ao braço do rapaz, escalando suas amassadas, e agora empoeirada, vestes até seu ombro, deixando marcas das patas do ursinho, marcas estas que o rapaz nem notara. Não estava com ânimo para se preocupar com a aparência ou a forma que as pessoas o viam.

No entanto, uma vez no piso acima, e tendo ultrapassado o obstáculo da escada, Lys colocou o ursinho no chão, que ainda não parecia confiar na estranha atitude de Lysander. A poucos passos, o rapaz estava mais uma vez diante das três portas. Agora era a vez de Lys bufar. - Ah se não houver nada dentro destes vasos ridiculos! É bom que haja! Venha, Pancham. Me ajude a deslacrar essas coisas estupidas. - Liberava o rapaz mais uma vez, impaciente. Era evidente que também havia deixado de lado toda sua personalidade pomposa e aparentemente corretamente correta. Agora, uma vez mais o rapaz adentrava a porta do meio, se rendendo aqueles vasos. Uma vez lá dentro, começaria sua busca ao lado de Pancham.

_________________
Happy Ending... Not. BfRwn6x
PRÊMIOS!:

Happy Ending... Not. SON6K6W

Happy Ending... Not. NlCiU1z

Happy Ending... Not. JiIZuVC

Happy Ending... Not. YivC9BEHappy Ending... Not. BZCxGBf
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Qui Out 27 2016, 16:46

Logo ao se aproximar da porta, Lys escutou sons de vasos quebrando. Ao entrar na sala encontrou um garoto loiro, de orelhas pontudas e que vestia uma capa verde.


Happy Ending... Not. 59e43567be5315a906430044f0d57520


O jovem empunhava um Honedge e havia quebrado o primeiro vaso da sala com ele, o vaso que Lyssander provavelmente teria quebrado primeiro. E agora o jovem empunhava um estranho artefato que havia encontrado dentro do pote.
- Achei uma das relíquias! – Ele exclamou mostrando para o mono. – Agora posso trocar por um fóssil! – E saiu correndo da sala, empunhando sua espada e seu prêmio.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Qui Out 27 2016, 17:31

HASDJKAHSDJHASKJDHAJKSDH

Que que o Link tá fazendo na minha rota? Kkkkkkkkkkkkkkk

Lysander continha-se para não meter o pé no caminho do rapaz escroto e de orelhas pontudas - Que coisa horrível - e derrubá-lo de cara no chão, e com sorte, quebrar o artefato, com a simples desculpa de "Se não posso ter, ninguém pode". No entanto... O rapaz parecia àquele ponto tão decepcionado, mais uma vez, consigo que nem mesmo conseguira meter seu pé na frente do rapaz, não conseguira, para falar a verdade, fazer qualquer gesto que fosse. Demorou alguns instantes para que Lys então retornasse ao seu normal, agora furioso, tanto com os vasos quanto consigo, enquanto fitava aqueles objetos de barro.

- Vasos malditos! - Berrara o rapaz, do nada, já correndo na direção dos vasos. Pancham por um momento pareceu confuso, mas, em frações de segundos decidiu entrar no clima e imitar o rapaz, correndo e agitando seus braços. Que seja. Iriam quebrar todos aqueles vasos. Se nada encontrasse, ou se algo encontrasse, não parecia lhe fazer diferença. No momento, apenas precisava extravasar, para falar a verdade, precisava desde muito antes de entrar neste lugar. O rapaz estava transbordando, suas emoções pareciam nem mesmo se conter em seu frágil corpo. Extravasar, mais que os objetos que ali poderia encontrar, era o que rapaz mais precisava.

_________________
Happy Ending... Not. BfRwn6x
PRÊMIOS!:

Happy Ending... Not. SON6K6W

Happy Ending... Not. NlCiU1z

Happy Ending... Not. JiIZuVC

Happy Ending... Not. YivC9BEHappy Ending... Not. BZCxGBf
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Convidado em Sex Out 28 2016, 13:56

Lyssander por raiva começou a quebrar todos os vasos, os jogando no chão, empurrando ou apenas chutando. Seu Pokémon começou a imitá-lo se divertido com aquilo tudo. Tanto que o Dark-Type nem percebeu que em um deles havia uma estranha pedra. Todos os vasos foram quebrados e no final o jovem não encontrara nenhum item, já que sua Sun Stone estava escondida entre os cacos. Ao menos no fim de tudo seu Pancham parecia mais contente.
Convidado
Convidado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Matt em Dom Out 30 2016, 12:02

Pancham parecia realmente alegre com toda aquela "brincadeira" que se envolvera ao lado de Lysander, chutando e quebrando aqueles vasos. O corpo do pequenino ursinho, apesar de sua altura, era mais preparado para aquelas ações que o de Lysander, que se não fosse por seu estado atual, sentiria uma incomoda dar nas pontas de seus dedos dos pés, de tanto chutar aqueles vasos, que aparentemente não eram tão difíceis de se quebrar. Mas... De que estado atual? Mais uma vez, após ter terminado seu trabalho com os vasos, o rapaz caiu ao chão, de joelhos, lágrimas escorriam por sua face, logo quando acreditara não haver mais reserva de lágrimas em seu corpo.

Lágrimas escorriam por sua face agora vermelha, assim como seus olhos, enquanto dava alguns socos em seus próprios joelhos. Diferente do que pensara, ainda havia mais o que liberar. Ainda havia mais ressentimento, mais dor emocional, para se livrar. As lágrimas despencavam de sua pele, caindo diretamente sobre o chão daquele lugar, por onde agora Pancham caminhava relutante até seu treinador, um olhar agora preocupado em sua face, mesclado com confusão. Não sabia o que fazer num momento daqueles. Se aproximar do rapaz e consolá-lo, ou permitir que ficasse sozinho com seus próprios demônios? Após alguns instantes, no entanto, o ursinho se encontrou diante de seu mestre, que de face baixa, não notou sua presença. - Pan... - Emitiu o pequenino, em um tom baixo, tão baixo que nem Lys, que estava a poucos centimetros conseguira ouvir. - Pan. - Emitiu o pequeno mais uma vez, agora mais alto, o suficiente para Lys, erguer por um momento sua face. O ursinho, mais uma vez relutante, paralisou-se diante do rapaz, que logo começou a falar. - Me dei... - "deixe em paz." É o que o rapaz iria complementar ao que havia dito, mas fora interrompido pelo ursinho, que agora saltara diretamente a seu colo, esticando seu braço ao máximo para envolver o rapaz em um abraço, o que não ocorreu tão bem graças aos braços miúdos do monstrinho. Lys, por sua vez, encarou o corpo do ursinho sem reação, as lágrimas haviam se interrompido.

Passara-se alguns minutos para o rapaz levantar uma de suas mãos até a face, e com a manga de sua camisa, limpar mais uma vez as lágrimas. Buscando se recompor, o rapaz enfim emitiu, com um tom de voz um tanto estranho, como se tivesse alguém apertando sua garganta. - Obrigado. - Devolveu o ursinho ao chão, olhou ao seu redor, e voltou a liberar mais algumas palavras. - Vamos... Vamos continuar... - Seus olhos, agora, percorriam todo o ambiente, que agora parecia não haver nada de muito interessante, uma vez que todos os vasos haviam sido quebrados. Seus pés, no entanto, passavam pelos cacos dos objetos quebrados, tentando empurrá-los aos lados para que pudesse ver se assim algo se escondia por baixo de todas aquelas coisas.



_________________
Happy Ending... Not. BfRwn6x
PRÊMIOS!:

Happy Ending... Not. SON6K6W

Happy Ending... Not. NlCiU1z

Happy Ending... Not. JiIZuVC

Happy Ending... Not. YivC9BEHappy Ending... Not. BZCxGBf
Matt
Matt
Designer

Designer

Alertas :
Happy Ending... Not. Left_bar_bleue0 / 100 / 10Happy Ending... Not. Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Happy Ending... Not. Empty Re: Happy Ending... Not.

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum