Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Ato 02 — Vendeta.

Página 2 de 17 Anterior  1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Ayzen Dom Jun 28 2020, 19:44




Quarta, 01h15min - Rutsboro City
"Lua crescente, poucas nuvens no céu. 19ºC"  


Despistando-se da enfermeira Joy, simpática, dedicada, Nico corria atrás do peso em seu coração que só seria aliviado após concluísse aquela investigação e resgatasse a sua mulher amada. O treinador já estava nas ruas de Rutsboro e talvez demorasse um pouco para Joy notar a ausência dele, que contrariou a “ordem” de espera-la. Andou um pouco até pedir ao seu Dark que procurasse os rastros de Emma, usando a bandana dela... Obediente, Mightyena começava farejar as ruas e assim começou a caminhar com o focinho rente ao chão, procurando qualquer traço, nas desertas ruas da cidade cinzenta.

Ora, Rutsboro fazia frio naquela madrugada. O Pokémon balão rosado virava a sua face para o corpo do garoto, tentando furtar ainda um pouco de calor dele, enquanto a pelagem do Dark deixava-o mais quentinho por dentro. O céu de poucas nuvens e estrelas assistia o avançar do cachorro naquela rua. Bem, a cidade era enorme e passava várias pessoas durante o dia... Encontrar o cheiro de Emma no meio de tantos outros odores era como se fosse um alfinete no meio do palheiro. Mesmo assim, Mightyena não desviava a sua atenção, avançando cada vez mais para longe do Centro Pokémons.

Os prédios comerciais eram deixados cada vez mais para trás, assim como um Colégio enorme que ficava ali... O jovem conseguia caminhando pelas calçadas e passando pelos sinais de trânsito, todos piscando amarelo, pois já não funcionavam mais até que fosse dia. O canino bufava um ar quente de suas narinas, como se fosse necessário para tentar se concentrar de novo. Já tinham se passado alguns minutos em que o jovem decidiu caminhar por ali com o seu Pokémon, afastando-se das construções comerciais e indo mais para as construções residenciais. Mightyena não parava!

O que parecia ser um caminho direcionado até Emma, naquele momento era apenas um susto: um grito! Era feminino e por mais improvável que fosse, era impossível não ligar ao grito de Emma. Mightyena parava de farejar e encarava o seu treinador, em um fronte surpresa, esperando informações, ordens, qualquer coisa... Talvez a sorte estivesse ao seu lado, ou o simples acaso...



Progresso da Rota - Nico:


Lv.19


  

Charmeleon


51/51

     
Lv.20


 

Mightyena


58/58

     
Lv.  
♀  


 

Pichu Egg


[38/60]


   
Lv. 12 
♀  


 

Nincada


30/30

   



Ganho de Experiência:

-  

Capturas:

-  -x-

Itens:

- Recebeu ---


Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Nico' Seg Jun 29 2020, 21:22

A paisagem mudara conforme o trio andava pelas desertas ruas de Rustboro. O faro do canídeo do loiro era, de fato, muito aguçado. Mesmo com o emaranhado de odores que pairava pela cidade central de Hoenn, ainda assim era capaz de guiar a todos apenas com um rastro do cheiro de Emma. Os olhos de Nicholas sempre corriam o ambiente, de um lado para o outro. Atento como sempre, estava pronto para agir para qualquer imprevisto.

O vento sibilava, roubando todo o calor do corpo dos três que andavam pela cidade. A fada pressionava sem rosto contra o peito do treinador, que apenas a fitava com pesar. Por mais que a protegesse, imaginava que seu colo jamais seria tão terno quanto a de sua treinadora. Jigglypuff engatilhava as poucas e recentes lembranças afetivas que tinha da loira, mesmo que não quisesse. Conforme seu cérebro disparasse a todo instante o tão cintilante sorriso quanto uma estrela cadente da jovem, Nicholas apenas afagava a pequena. Ela o tinha como refúgio, e não podia falhar naquele momento.

A imagem do amplo colégio — famoso na região — chamou a atenção do garoto em meio aos seus devaneios. Na rua, apenas aqueles três davam as caras, e o único ruído era o do sapato do treinador atritando contra a calçada, força esta que o fazia andar. Mesmo divagando, suas janelas ainda ziguezagueavam por todo aquele inóspito recinto. Sabe-se o que tem nas ruas. Por mais que sua cidade natal era interiorana, ainda assim, sabia como deveria ser cauteloso, ainda mais em uma situação como essa.

Conforme andavam, um bramido feminino rasgou os ventos até chegar em Nicholas e os demais. Todos os presentes se entreolharam assim que seus sistemas auditivos processavam aquele som, ainda de autor desconhecido. Nicholas engoliu em seco. Seus sentidos traíam sua razão conforme pressionava a fada contra seu peito. Segurou, como muitas vezes, um urro abafado de sua alma, quase partindo para cima de onde viera o grito como um soldado de linha de frente. Fora necessário inspirar mais uma vez.

Estar em uma jornada era muito mais difícil do que havia previsto. Nico jamais premeditaria que o destino lhe faria conhecer alguém que fosse capaz de iniciar a demolição de um muro tão maciço que nem ele mesmo era capaz de sair. Por mais racional que muitas vezes fosse, sentia, cada vez mais, sua emoção reprimida urrar para que não a sufocasse tanto; achava a emoção uma fraqueza, e nessa situação, não poderia recorrer a ela.

Sem titubear, olhou para os dois monstrinhos. Colocou seu indicador direito entre seus lábios, pedindo o silêncio dos dois. Mesmo entre inúmeros conflitos internos, ainda assim memorizou de onde o grito viera. Taciturno e cauteloso, avançava, gradualmente. Tentava abafar ao máximo todo e qualquer soído que viesse dele ou das criaturas que o acompanhavam.

Dizem que quem não arrisca, não petisca. Nicholas não sabia ao certo se tinha a chance de ser a garota estar sofrendo com as ações ardilosas do Rockets, ou apenas um cidadão comum gritando por ver algum Rattatta perambulando pela casa. Sem relutar, apenas seguiu, silenciosamente.
Nico'
Nico'
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Ayzen Seg Jun 29 2020, 22:35




Quarta, 01h15min - Rutsboro City
"Lua crescente, poucas nuvens no céu. 19ºC"  


O som outrora audível, agora era abafado. O jovem treinador não tinha tempo para atitudes emocionais. Muito pelo contrário! Nicholas pensava bem e tentava raciocinar de onde viera aquele fatídico grito. Ele não estava sonhando, embora pudesse estar cansado da longa viagem de ônibus. Talvez ele estivesse até alerta demais, mesmo horas sem comer, afinal, quem é que não sente fome de madrugada quando acordado? Jigglypuff parecia ficar sem ar... Antes o treinador conseguia ouvir a respiração dela com facilidade, enquanto agora, o grito fez com que a Fairy se perdesse em seus pensamentos. Talvez pensasse como Nico: Emma com os rockets ou um cidadão fugindo de um roedor?

Seja qual foi, a decisão do menino fora astuta. Nico se espreitava entre as calçadas, seguindo junto de Mightyena para o local onde pensara ter ouvido o barulho. Cada vez que se aproximava, ele conseguia ouvir barulhos, que não eram facilmente distinguíveis, mas ainda assim vinham de um beco daquelas ruas... Ainda estava no centro comercial, o que significa, que se poderia encontrar ali algum carro de polícia vistoriando as ruas, pois só um doido de andar nas ruas naquela madrugada. Um doido ou Nicholas, mas quem disse que o garoto era 100% certo?!

O loiro aproximava-se do seu local como um predador que está visualizando o seu caminho. Nicholas encarava na esquina o beco sujo e úmido, com dois contêineres cheio de lixos, cujo fedor já era possível sentir. No fundo do beco, cujo chão era esburacado e acumulava poças de água, um homem alto e magro, usando um camisa sem manga branca (em um frio desses? Sim!), calças jeans. A visão do homem de cabelos negros e longos até o fim do pescoço fora a primeira coisa que Nico viu, porque a segunda foi um pouco... Bem... precisava de estômago... Ele estava com a mão na boca de uma mulher de cabelos bem curtos, com de cobre, e abraçava ela com força por trás, impedindo-a de gritar, mas ainda assim ela fazia um som abafado, querendo afastar o homem, visivelmente mais forte, dela.

A mão do sujeito avançava de forma furtiva aos seios da moça, que embora não conseguisse chorar, seus olhos enchiam de lágrimas... O homem encostava sua pelve mais próxima do traseiro da moça, esfregando de forma asquerosa e tendenciosa. Ele parecia ter a satisfação de querer ver a agonia da moça. Enquanto uma mão tampava a boca dela, a outra segurava um braço, mas se aproveitou de um momento para soltar e passar a mão por frente dela, abaixando até debaixo do vestido, tipicamente de um uniforme de alguma cafeteria ou algo assim. Jigglypuff ficava em choque no colo do menino...





Progresso da Rota - Nico:


Lv.19


  

Charmeleon


51/51

     
Lv.20


 

Mightyena


58/58

     
Lv.  
♀  


 

Pichu Egg


[39/60]


   
Lv. 12 
♀  


 

Nincada


30/30

   



Ganho de Experiência:

-  

Capturas:

-  -x-

Itens:

- Recebeu ---


Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Nico' Ter Jun 30 2020, 07:24

A cena mais horripilante que poderia ver. De primeiro momento, ainda relutara de início, sempre se indagando se era possível uma criatura dita racional chegar a tal ponto. O grito da garota abafado pela mão porca do homem que, gradualmente, seguia com suas mãos para as partes íntimas da garota. Sua reação instintiva foi tapar os olhos da fada; não queria que a mesma visse aquilo, afinal, poderia abalar ainda mais seu frágil âmago.

E foi nesse momento em que Nicholas apenas se deixou ser envolvido por todo o ódio que já espreitava a sua alma.

As trevas em seu interior já clamavam pelo seu nome, e pouco a pouco, avançavam, dominando cada milímetro do coração do jovem treinador. A adrenalina disparava em suas veias sanguíneas; seu corpo, antes relaxado, agora tremelicava com aquela sensação de cólera que nunca dantes deixara extravasar. Em seu âmago, seu furor gargalhava sadicamente enquanto seu dominava o loiro por completo.

Cerrou seu punho livre com força máxima. Rangeu seus dentes, como uma besta ao avistar um inimigo. Seu instinto animal uivava para o escuro e pouco estrelado firmamento; avistava aquele asqueroso homem apenas como potencial de liberar todo o seu ódio guardado até aquele momento. Seus lábios pincelavam um sorriso nunca antes estampado no rosto de Nicholas: sádico. O bramido abafado das sombras irrompeu justamente naquele instante, já que aquele riso silencioso era o mais claro sinal de que o treinador já fora corrompido por seus sentimentos mais sombrios.

Conforme as mãos do homem avançavam, a cabeça do garoto já começava a maquinar como acabar com ele, aproveitando-se da vantagem. Possivelmente, diante daquele cenho tão malicioso, Nico até mesmo estaria planejando matá-lo, ou quiçá apenas torturá-lo. Estupro é, com toda certeza, o mais hediondo crime. As lágrimas interrompidas pelos orbes da garota com cabelos cor de cobre denunciavam seu sofrimento e a gravidade da situação; por outro lado, a expressão maníaca do homem de camisa branca selava o seu destino na frágil cabeça de Nicholas.

Agachou-se abruptamente, chegando muito próximo aos ouvidos de seu noturno ainda com aquele sorriso sádico. Murmurou, inaudível até mesmo para Jigglypuff, quais seriam as ordens ao seu canídeo.

— Vá, e imobilize-o, para que eu apareça. Não tem problema se for fazer uns machucadinhos, aliás, pode feri-lo à vontade.

Projetara, então, seu corpo para cima lentamente. Observava aquele homem como uma frágil presa, vítima de todo aquele seu furor acumulado desde a rota 101 até o seu pico ao ver aquela cena escabrosa. Apenas observaria, enfim, o que seu ágil canídeo faria antes de sua personalidade sombria aparecer diante de todos.

off.:
Peço desculpas se saiu confuso ou qualquer coisa, é que eu não revisei, então né, as vezes sai umas bizarrices. q
Nico'
Nico'
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Ayzen Ter Jun 30 2020, 11:00

Off escreveu:Pra mim tá coerente Wink



Quarta, 01h15min - Rutsboro City
"Lua crescente, poucas nuvens no céu. 19ºC"  


O beco se tornava pequeno demais para tamanha aura que se acumulava. Embora os Pokémons não deduzissem aquela barbaridade humana, algo parecia fluir do abusador que era extremamente cruel... Era uma mistura de nojo com desgosto, mas que parecia ser tão perverso quanto o ódio que exalava do moreno, que se transformava como se um demônio que outrora dormisse dentro dele agora estava desperto... O sussurro ao ouvido do seu canino aparentemente o influenciava conforme o seu coração. Era comum Pokémon puxarem traços de personalidade dos seus treinadores... Naquele momento, Mightyena incorporava um verdadeiro cão do inferno comando pelo próprio diabo...

Rosnando enquanto corria naquele beco, o Dark avançava contra o seu alvo... A saliva da hiena percorria o chão, fazendo uma pequena trilha de respingos até a jugular do assassino. Este, que ouviu o rosnado e perdera a sua atenção de sua vítima se virava em segundos antes de Mightyena cair sobre ele. A menina caia para o lado desesperada, com as mãos no chão e joelhos tocavam aquele chão grotesco e áspero. O moreno caia de costas no chão, usando o seu antebraço esquerdo para proteger o seu pescoço. As presas de Mightyena perfuravam a carne viva do homem, que ainda excitado, detinha da maior quantidade de sangue em outro lugar, mais abaixo, e menos nos músculos, o que não evitou de escorrer o líquido rubro pelo membro superior.

Enquanto o loiro protegia o pudor da feérica, a mulher olhava horrorizada para o canino latindo e mordendo braço do seu alvo. Ela não queria esperar para interpretar que fora salva, até porque, a aura emanada de Nico igualmente tenebrosa, embora as razões fossem um pouco mais nobres... Ela se erguia do chão, ainda cambaleando de um lado para o outro, enquanto seu coração acelerado bombeava sangue para que ela pudesse fugir dali... Sim, fugir! Ela não queira, em hipótese alguma, saber o que estava acontecendo, queria a sua casa... Encostou-se na parede do lugar, ainda com ânsia de vômito e saiu correndo, tentando ficar em uma distância segura entre o homem e o menino...

O estuprador tentava socar em desespero o rosto do canino, que permanecia moendo o braço de sua vítima... Já sem o que fazer, sua mão livre avançava no bolso retirando duas esferas bicolores de longe. O flash de luz específico da pokébola iluminou parcialmente o beco escuro, enquanto um Ekans envolvia o corpo de Mightyena, fazendo o Pokémon soltar o homem e lutar contra a cobra de forma ofensiva. Da segunda esfera, saia um Pokémon esverdeado, pequeno, parecendo uma bolsa verde... Abria a sua boca (que parecia ter uma boca maior do que o normal para aquele tipo de situação) e assim soltava uma fumaça roxeada e curta, que envolvia rapidamente o rosto do canino negro e dissipava, deixando-o envenenado... Era possível ver o focinho do pokémon levemente roxeado e hora ou outra uma estática roxa cobria o corpo dele.

- Que p*rra é essa?!- questionava o homem que se colocava agora de pé com seu braço escorrendo sangue e encarava o mandante do “crime”, enquanto Mightyena conseguia finalmente se desvencilhar da ofídia que caia no chão...


Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Gulpin Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Ekans

Progresso da Rota - Nico:


Lv.19


  

Charmeleon


51/51

     
Lv.20


 

Mightyena


58/58

     
Lv.  
♀  


 

Pichu Egg


[40/60]


   
Lv. 12 
♀  


 

Nincada


30/30

   



Ganho de Experiência:

-  

Capturas:

-  -x-

Itens:

- Recebeu ---


Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Nico' Qua Jul 01 2020, 00:34

Era impossível esconder a satisfação no momento em que Mightyena, como uma fera de fome insaciável, depenicava o braço do estuprador. Diante de olhos terceiros, possivelmente estariam atônitos com a ferocidade do ataque do canídeo. Todavia, Nicholas pensava que era apenas uma resposta à altura diante de uma atitude tão horripilante quanto um estupro. A imagem do homem atritando seu corpo contra a vontade da garota enojava-o em tal ponto que não sentiria remorso algum caso seu sopro de vida se exaurisse.

Contudo, o cenário mudou abruptamente. Na ocasião, não se importara com a garota temendo até mesmo sua presença, já envolvida por todo aquele ódio que transbordava de seu ser. A liberação de duas criaturas venenosas arrancava um ranger de dentes de preocupação do loiro, pois as consequências dos ataques de status daqueles malditos poderiam esgotar, gradualmente, as energias de seu pokémon.

E assim se fez.

Primeiro, Ekans utilizou de seu corpo reptiliano para envolver-se contra o corpo do canídeo, utilizando o máximo de sua força. Fora o tempo necessário para que a criatura rechonchuda verde expelisse um gás venenosa, que envolvia o corpo de Mightyena, causando-lhe a condição de envenenamento. Seus olhos cerúleos estreitavam-se na direção do moreno, agora, concentrando ainda mais seu furor naquele asqueroso ser.

Nicholas colocou Jigglypuff sobre seu ombro, pedindo-a calmamente para que não interferisse, e, se possível. Logo em seguida, suas duas mãos repousaram em seus bolsos. Calcorreou, em passos calmos e vagarosos, até uma distância intermediária na direção do infrator. Seus olhos inexpressivos, por mais paradoxal que seja, passavam um ódio nunca dantes visto na vida de Nico. Quiçá, em um leve vislumbre, pessoas pudessem até mesmo se sentirem intimidade ao sentir o ar pesado ao redor do loiro. Ouviu, com nojo, as ríspidas e ascosas do moreno assim que Mightyena se desvencilhara do corpo ofídio de Ekans.

Não desviou seus olhos do homem um ínfimo instante sequer. Seu cenho vazio buscava penetrar o máximo possível no âmago do seu já adversário. Queria que ele sentisse a agonia e o ódio que o cercava, para, quiçá, intimidá-lo.

— Apenas cale essa sua boca nojenta enquanto eu acabo com você — respondeu, rispidamente, estreitando ainda mais suas janelas coléricas na direção do homem. — Você, se quiser ir para casa, vá. Mas posso acompanhá-la se quiser assim que eu punir esse filho da puta pelo que ele fez.

Não precisou desviar seus olhares para se dirigir à garota, assustada, a ponto de levar sua mão à sua boca para reprimir os impulsos de seu estômago expelir tudo diante daquele emaranhado de emoções negativos assim que Mightyena atacara o homem. Cada vez mais, o ódio era direcionado aquela alma repugnante conforme o loiro fitava-o por mais tempo.

Mesmo diante de todo furor, calmamente, arqueou a esfera bicolor que aprisionava seu inseto recém capturado. Partiu-a, e um feixe enérgico alvo iluminou a penumbra do beco por meros segundos. Aquele mesmo brilho materializou a figura de Nincada. Ainda não era possível descobrir se a formiga acataria as ordens de Nico, mesmo depois daquela conversa anterior.

Ela era necessária naquele momento. Nicholas apenas torcia para que todo o seu discurso para seu inseto fosse o suficiente para convencê-la a aceitar seus comandos.

— Mightyena, Howl e Bite sobre o Gulpin. Nincada, duplo False Swipe contra o Gulpin — sem trepidar, ordenou às suas criaturas.
Nico'
Nico'
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Ayzen Qua Jul 01 2020, 11:36




Quarta, 01h15min - Rutsboro City
"Lua crescente, poucas nuvens no céu. 19ºC"  



As palavras diretas e frias chocavam o moreno que estava encarando com o seu braço que gotejava sangue. Nico não poupava a ira dentro de si para com o seu oponente. Depois de manter sua boca aberta, um sorriso malicioso acompanhava a fronte do homem de conduta imoral e insana. Ele não temia mais diante da do ser magro e loiro em sua frente. O que era Nico? Um adolescente sem porte físico? Claro que no mundo Pokémon nem tudo é resolvido na violência direta. - Você quer participar também, não é?- insinuava o homem, fazendo a mulher correr dali sem olhar para trás, até que na curva do beco, ela parava para encarar Nico, sabendo-se lá o que pensara no momento antes de desaparecer na noite da cidade grande.

Agora o jovem tinha uma batalha a se seguir, contra Ekans e Gulpin, dois venenosos, que envenenara Mightyena antes mesmo da batalha propriamente dita começar... Talvez fosse o jeito do moreno contestar aquela mordida em seu braço. - Ekans, o prenda com Glare e Wrap. Gulpin, comece com Yawn em Nincanda e em seguida poison gas.

O moreno deixava claro que iria lutar e ia lutar mesmo. Mightyena rosnava para ele, para Ekans, para Gulpin, só não rosnou para Nincada porque era seu parceiro de batalha, mas aquela forma intimidante do noturno fez com que os Pokémons do adversário se sentissem acuados. Logo em seguida, um uivo de lobo era ouvido, mostrando todo potencial que aquele Dark poderia alcançar. Aquilo revigorava os pulmões e liberava adrenalina no corpo do canino, que sentia seu poder aumentar.

Ekans se movia logo em seguida com seus olhos brilhantes. Tão brilhantes que Glare fazia com que o canino se paralisasse e agora além da estática roxa do veneno, tinha a estática amarelada da paralisia. Gulpin soprava uma bolha que corria pelo campo. Era Yawn, que se estourava no simpático Nincada, que era o menos inteirado naquela batalha, mas que se moveu logo em seguida. Como um inseto se rastejando pelo campo, o Pokémon cigarra deferia o seu golpe cortante. Sua garra passava pelo corpo oleoso de Gulpin, causando danos pequenos, mas ainda sim significantes. [-3 HP| 43]

Agora a ofídia portava a maior velocidade em campo. Ekans saia zigue-zagueando por ali, fazendo Mightyena acompanhar a direção da cobra até que ela começasse a envolver no corpo do Pokémon, fazendo várias curvas e assim contornando cada membro. Era um emaranhado ao redor da hiena, surpreendendo a todos pela extensão da serpente. [-2 HP| 56] O primeiro aperto não era nada tão grave, mas que deixava Mightyena bem incomodada.

Gulpin aproveitava que do lado Mightyena estava ocupado e assim atirava uma fumaça roxa sobre o corpo da formiga.. .Agora era ela quem estava envenenada. Nincada nem se importou! Saltou para fora da nuvem de Poison Gas e assim atingia Gulpin com mais um False Swipe [-3 HP| 40] Mesmo envolto por Ekans, Mightyena corria até o seu alvo e ali ele conseguia deferir uma mordida no Pokémon esverdeado lançando-o longe. [-21 HP| 19]

A batalha mantinha-se bem mórbida... O Pokémon mais forte em campo do loiro estava repleto de status chatos e por isso Mightyena tinha seu potencial freado. Nincada tentava dar conta, mas ainda era jovem demais para a batalha... Por falar nele, ele caia em sono profundo devido ao Yawn de poucos segundos atrás, enquanto o veneno consumia não só o seu casco [-2 HP| 28], como também o corpo de Mightyena. [-4 HP| 52]

- Tsc... Patético... Ekans, aproveite que tá enrolada no Mightyena e use Screech e Bite. Gulpin, mande uma sequência de Pound em Nincada.



       




Mightyena:
Paralysis
Poisoned
[-4 por turn]
+1 Atk
Biding
[1/6; -4 em turn pares]

Nincada:
Poisoned [-2 por turno]
Sleep 0/?

Hold Item 1:
~x~
Hold Item 2:
~x~
Trait 1:
Intimidate
Trait 2:
Compound Eyes

lv20 Mightyena


52/58
lv12 Nincada


28/30
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 MightyenaAto 02 — Vendeta. - Página 3 Nincada
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 EkansAto 02 — Vendeta. - Página 3 Gulpin
lv20 Ekans


44/44
lv15 Gulpin


19/46
Trait 1:
Shed Skin
Trait 2:
Liquid Ooze
Hold Item 1:
~x~
Hold Item 2:
~x~
Ekans:
-1 Atk
Gulpin:
-1 Atk

Campo: Beco escuro com dois contêineres de lixo esverdeado, chão esburacado e úmido, poucas poças de água.

Progresso da Rota - Nico:


Lv.19


  

Charmeleon


51/51

     
Lv.20


 

Mightyena


58/58

     
Lv.  
♀  


 

Pichu Egg


[41/60]


   
Lv. 12 
♀  


 

Nincada


30/30

   



Ganho de Experiência:

-  

Capturas:

-  -x-

Itens:

- Recebeu ---


Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Nico' Qua Jul 01 2020, 20:04

Não surtira efeito algum aquele sorriso oblíquo sobre o loiro. Seus olhos se recusavam a desviar da direção daquele homem que, segundo o senso de justiça — do agora sádico treinador —, deveria pagar por aquela tentativa de crime hediondo. Seus olhos mesclavam repulsa com ódio na direção daquele projeto de criminoso. Não obstante, os olhares de Nicholas acusavam-no de ser um completo burro, que agia por simples e puro extinto — do mais escroto possível —, contrariando todo o conceito de prudência para Nico.

Todavia, sua asserção fora o suficiente para penetrar no frágil espírito da garota, que seguindo as orientações primárias de Nicholas, açodou para longe do beco. E isso era justificável. Sabe-se o que estava fazendo, fora atacada por um maníaco que ameaçava não só sua integridade física, como também mental. Por alguns ínfimos segundos, o loiro tentou se colocar no lugar da dor e ojeriza; mesmo passando por tantas situações complicadas, ainda não conseguia.

Assim que o som dos sapatos da garota já se mostrava distante daquele beco, o loiro deixou escapar um riso um tanto quanto sádico. Seu cenho se transformava, como no momento em que comandara seu canídeo dirigir suas presas contra aquele homem repugnante.

— Agora que estamos só nós dois, eu posso acabar com você sem escrúpulo algum — no momento em que exprimira isso, Jigglypuff atentava-se às palavras do loiro, vislumbrando o cenho sombrio de Nicholas, temendo-o. O loiro não reparara, já que seu foco era completo no embate.

O final daquela sequência fora muito desastroso para o loiro. Rangeu os dentes, xingando mentalmente as criaturas que assentiam com o comando do moreno. Seus olhos cerúleos mantinham-se estáticos em seus pokémons, agora envenenados — soma-se à paralisia de Mightyena e o inseto estar dormindo. Por mais que Gulpin beirasse a exaustão, as condições do inseto e da hiena estavam longe de ser as melhores.

O homem, agora, partia para a ofensiva total, após um primeiro turno dos sonhos. Nicholas via-se em uma situação melindrosa, e pensou rapidamente em tentar tornar aquele combate em um confronto em vantagem numérica; claro, se conseguisse vencer Gulpin rapidamente.

— Mightyena, use um duplo Bite em Gulpin, e caso ele caia no primeiro, ataque Ekans com o segundo. Nincada, acorde logo e utilize um duplo False Swipe em Ekans — comandara prontamente. Seus orbes irascíveis agora procuravam o mesmo contato intimidador de outrora na direção do estuprador. — Assim que isso tudo acabar, você vai me dizer algumas coisinhas.
Nico'
Nico'
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Ayzen Qua Jul 01 2020, 23:05




Quarta, 01h15min - Rutsboro City
"Lua crescente, poucas nuvens no céu. 19ºC"  



O foco de Nico estava em punir aquele que merecia ser punido, conforme o seu senso de justiça. O garoto não deixou que o seu oponente o intimidasse. Na verdade, o próprio loiro seria intimidante, até porque, Jigglypuff, no chão, não sabia o que fazer ali no meio... Era difícil ver aquele garoto em sua frente, embora a feérica sempre desconfiasse que Nico era assim! O olhar da pequena Pokémon para o seu amigo (se assim poderia chamar) era de confusão... Mais confusão era aquela batalha.

O moreno não gostava nada das ameaças do mais novo. Ele fitava com desgosto aquela figura no meio da madrugada. A batalha continuava, mas Ekans parecia longe de soltar o seu alvo, espremendo-o ainda mais entre seu corpo esguio, fazendo o canino ranger os dentes, enquanto um som agudo era disparado pela ofídia. O som de Screech preenchia aquele beco deserto. Era uma área comercial, poucas pessoas estariam ali de noite. Mas a defesa de Mightyena era derrubada.

Gulpin soltava o seu corpo sobre o corpo do seu oponente inseto. Embora Nincada dormisse profundamente, um Pound [-2 HP| 26] não o acordava de jeito nenhum. Era difícil manter aquele sono depois de um ataque. Ekans contorcia o corpo do Dark, causando danos em sua pele que queimava perante o poder e força da serpente. [-4 HP| 48] Mesmo assim, o canino não desistia. Saia correndo e abocanhava aquele Gulpin de jeito. Queria descontar a força com que Ekans espremia o seu corpo e assim ele balançava gulpin de um lado para o outro, pressionando o corpo oleoso dele até que nenhum movimento fosse sentido.

A hiena cuspia o Poison no chão, nocauteado, deixando o homem em uma fúria de ira enquanto retornava o seu Pokémon para sua cápsula. Ekans mordia a hiena, que era pega pela paralisia naquele momento e não conseguia se mover, só recebendo o dano, que era pequeno, comparado ao Bite do Dark. [-5 HP| 45] Nincada dormia, constantemente, mas quando a estática rocha do veneno moveu-se no corpo do pequeno inseto, Nico percebia que  ele estava perto de despertar... [-2 HP| 24]Era hora de contar com um pouco da ajuda do Pokémon da terra!

Enquanto isso, o moreno sacava outra esfera. Não queria perder para o seu oponente e se fosse usar outro pokémon, assim faria. Mightyena mostrava que era muito mais do que um olfato poderoso, era forte em todos os aspectos. Sentia o veneno e se mantinha em pé. [-4 HP| 41] Mightyena mostrava ao seu mestre que ele aguentaria firme até o fim, inclusive, o Drowzee que o estuprador mandava para o campo!

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Drowzee




       


Mightyena:
Paralysis
Poisoned
[-4 por turn]
+1 Atk
-2 Def
Biding
[3/6; -4 em turn pares]

Nincada:
Poisoned [-2 por turno]
Sleep 2/2

Hold Item 1:
~x~
Hold Item 2:
~x~
Trait 1:
Intimidate
Trait 2:
Compound Eyes

lv20 Mightyena


41/58
lv12 Nincada


24/30
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 MightyenaAto 02 — Vendeta. - Página 3 Nincada
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 EkansAto 02 — Vendeta. - Página 3 Gulpin
lv20 Ekans


44/44
lv15 Gulpin


0/46
Trait 1:
Shed Skin
Trait 2:
Liquid Ooze
Hold Item 1:
~x~
Hold Item 2:
~x~
Ekans:
-1 Atk
Gulpin:
Fainted

Campo: Beco escuro com dois contêineres de lixo esverdeado, chão esburacado e úmido, poucas poças de água.

Progresso da Rota - Nico:


Lv.19


  

Charmeleon


51/51

     
Lv.20


 

Mightyena


58/58

     
Lv.  
♀  


 

Pichu Egg


[42/60]


   
Lv. 12 
♀  


 

Nincada


30/30

   



Ganho de Experiência:

-  

Capturas:

-  -x-

Itens:

- Recebeu ---


Ayzen
Ayzen
Ace Trainer III

Ace Trainer III

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Nico' Qui Jul 02 2020, 07:48

Gulpin sucumbira após o ataque de Mightyena. Fora uma mordida poderosa, com seus poderes ampliados pelo uivo que ressoou por aquele vazio beco. No momento em que o primeiro venonoso exauria, um sorriso maquiavélico adornou o cenho já obscuro do loiro, que, ainda com as mãos no bolso, projetou seu tronco para trás suavemente, tentando mostrar claro desdém e superioridade diante daquele homem.

— Facilite as coisas, você já sabe o final — retirou sua mão destra para jogar suas lisas madeixas douras para trás, enquanto seu olhar sádico mantinha-se intacto na direção do estuprador. Claramente, aquele não era o mesmo Nicholas de antes da rota 101.

A fada no ombro do treinador mostrava clara confusão. Era muito diferente daquela pessoa que ela se aliou para enfrentar um perigo maior. A dor pode, de fato, mudar a personalidade de uma pessoa, mas Jigglypuff não entendia bem que Nico era aquele que estava combatendo com aquele homem. Quiçá por medo, abafou seus sentimentos para não os gritar ao loiro, pois somente sua treinadora teria coragem de fazê-lo. Não só isso: sabia muito bem controlar aquele sombrio Nicholas que jazia em seu interior, mesmo sem saber de sua existência.

Tornava-se urgente ter Emma ao seu lado. Com sua afabilidade, a treinadora natal de Kalos sabia muito bem como controlar aqueles fantasmas que residiam no âmago do loiro. Nicholas dissera que sua aventura era também uma cruzada, e seu lado humano digladiava contra sombras que jamais apareceram outrora. Por um acaso, Nico esquecera de todas as palavras de conforto proferidas por Emma, ou mesmo Mightyena assim que o conhecera?

A dor lhe era aguda. Ficava difícil, cada vez mais, entender o que se passava na confusa mente do treinador. Jigglypuff por mais machucada — física e psicologicamente — que estivesse, não sabia exatamente o que sentir em relação ao ser completamente excêntrico que a acompanhava.

Sem muitas delongas, o moreno liberou Drowzee. O ato de tentar nada contra a correnteza satisfazia aquele demônio que, no pátio desguarnecido — provavelmente em outro plano — em que a alma de Nico habitava, já gargalhava com ele. Um ar enegrecido e pesado se instaurava naquele recinto: o que será que acontecera com o loiro que, de alguém de propósitos tão nobres, tornara-se um espectro envolto de ódio em vingança, engatilhados pela perda de Emma?

— Já que quer tanto continuar, te darei a surra que você merece, seu merdinha — suas palavras eram carregadas de furor e desdém, e seu sorriso perverso desenhava ainda mais aquele semblante tão incomum a Nicholas. — Mightyena, acabe com essa cobra de merda: duplo Bite. Nincada, acorde e desfira um duplo False Swipe em Ekans. Caso ela caia antes, desfiram seus ataques contra Drowzee.
Nico'
Nico'
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Left_bar_bleue0 / 100 / 10Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ato 02 — Vendeta. - Página 3 Empty Re: Ato 02 — Vendeta.

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 17 Anterior  1, 2, 3 ... 9 ... 17  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum