Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Página 1 de 12 1, 2, 3 ... 10, 11, 12  Seguinte

Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Sex Jun 29 2018, 15:08

Off::
Olá, narrador!
Segue aqui os meus objetivos nessa rota:
- Participar do swarm em todos os biomas da rota.
- Fazer os pokémons com felicidade negativa ficarem mais felizes.
- Treinar um pouco, pro Allan poder ficar mais forte (e o Nagisa também).
- E talvez encontrar algumas berrys raras...

Estava um dia bastante agradável, já que eu gostava bastante de dias chuvosos, e Nagisa parecia também não se incomodar com a água caindo. Como hoje era um dia atípico, eu me vestia com uma capa de chuva transparente, e Nagisa carregava um guarda-chuva azul claro que tinha comprado na feirinha de Slateport. Nós andávamos bem devagar, para não escorregarmos por causa da terra molhada, e também não estávamos com muita pressa para chegar em Oldale.

A paisagem da Rota era bastante bonita, haviam lagos interligados por rios com pequenas quedas d’água, e uma densa vegetação ao redor da trilha. O clima mais chuvoso havia deixado o ar bastante úmido, e o cheiro da vegetação se intensificava, deixando o ar com aquele cheiro gostoso de natureza.

- Allan! – Nagisa disse alto, me fazendo virar com pressa, já que eu estava em sua frente. - Acho que devem ter bastante frutas para colher. E também eu ouvi falar que podemos encontra alguns pokémons de outra região por aqui esses dias. Acho que devíamos entrar no meio da mata. - Ele disse sorrindo.

Eu o encarava com cara de assustado. - Ah, achei que tinha acontecido alguma coisa. – Eu disse aliviado. - É uma ótima ideia. E eu também queria treinar um pouco, se você não se importar... podemos tentar encontrar um local onde dê para se proteger da chuva, assim posso treinar e você fica protegido.

Continuamos andando, mas dessa vez começamos a entrar no meio das árvores. Para muitas pessoas, isso não era uma coisa muito legal de se fazer na chuva, mas para aventureiros como nós, fazia parte da rotina. Continuávamos conversando enquanto andávamos, eu estava contando a Nagisa sobre o pokémon que havia saído do ovo, e como ele poderia nunca mais querer olhar para minha cara de novo. Aquilo me deixava um pouco chateado, mas Nagisa tentava me consolar dizendo que seu inicial o odiava, já que evoluiu contra sua vontade. Nós dois rimos um bocado com a situação.

Continuamos andando seguindo para o noroeste, já que não queríamos nos desviar muito do caminho. Mesmo conversando, eu não deixava de observar a vegetação ao redor, afim de encontrar alguma arvore frutífera para colhermos.

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Dom Jul 01 2018, 18:15

OFF:
Olá Andros! Há alguns meses você narrava minha primeira rota e agora é minha vez de narrar a sua. Captei as sugestões e vamos ir encaixando elas conforme o decorrer das postagens. Vou deixar já avisado que essa semana e a próxima eu não estarei 100% presente como antes, mas vou tentar postar pelo menos uma vez por dia. Depois do dia 11 tudo fica livre, aí posso maratonar à vontade. Vamos lá? o/


Man-Eater Bugs

Um clima ameno, típico de outono, fazia com que uma neblina sedosa cobrisse todos os corpos de água da Rota 105. Sob a névoa, Pokémon frágeis protegiam-se de predadores e perigos se ocultavam em busca de uma vítima descuidada. Entretanto, em meio à selva fechada e úmida em que Allan e Nagisa se metiam a visão era outra... A trilha que seguiam, neste instante descendente, era uma das partes mais descampadas daquele bioma, permitindo que a chuva acertasse em cheio os dois rapazes. O caminho que traçavam, uma mistura de lama e folhas secas arrancadas das árvores, era lixiviado pela água formando um rio de barro que obrigava Allan a andar passo-a-passo guiando o amigo. Vez ou outra o imenso guarda-chuva do outro rapaz acertava a cabeça do treinador, mas Allan sabia que não era culpa de Nagisa, então só continuou a andar.

Em certa etapa da descida, o menino loiro na retaguarda gritou o nome do amigo, fazendo-o virar-se assutado e quase escorregar na lama. Contudo, não era qualquer perigo e sim uma sugestão, que talvez fosse melhor adentrar a mata em busca de algo mais interessante. Aparentemente Nagisa estava atento às notícias em Slateport e não queria ficar de fora das novidades que a chuva trazia para Hoenn. Com a concordância de Allan, os dois treinadores passaram a explorar a selva, empurrando galhos e folhas, tomando cuidado com espinhos que vinham diretamente da terra e com pedras e raízes em que poderiam tropeçar. Batalhando contra o som natural daquele bioma com assovios agudos e guinchos exóticos, os dois amigos continuaram conversando sobre a vida e as desventuras com seus respectivos Pokémon. A conversa estava bem divertida, então o tempo passava voando...

Seguindo para Noroeste, a dupla não parecia encontrar qualquer árvore frutífera que os alimentasse ou aos seus Pokémon, mas o que acharam era bem estranho e não se via todo dia. Pendurado em um dos galhos de uma árvore alta havia uma espécie de tecido branco fino e comprido. À distância poderia ser confundido com uma teia, mas Nagisa se aproximou primeiro, adiantando-se em relação a Allan e tocou o material com a mão abrindo um largo sorriso no rosto ao virar-se novamente — Allan! Eu sei exatamente o que é isso! É exatamente sobre o que estavam comentando em Slateport — Comentou animado, levando um pedaço rasgado daquele "pano" até o amigo — É um pedaço de pele antiga... do Man-Eater Buuuuug! — Disse Nagisa, fazendo uma voz fantasmagórica e forçando uma expressão de terror ao citar o "nome" do tal ser misterioso. Em seguida, o rapaz de cabelos loiros gargalhou para Allan, esperando um sorriso ou uma reação qualquer para a sua óbvia piadinha. O que Allan decidiria fazer afinal, continuar procurando árvores frutíferas, um lugar para treinar ou investigar melhor do que se tratava aquele "pano" alvo e fino?

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Seg Jul 02 2018, 09:48

Off::
Obrigado por assumir minha rota.
E não preocupa com a frequência, tem dia que eu não consigo tempo pra postar.

Depois de praticamente escorregarmos por todo o caminho, acabávamos encontrando uma coisa estranha. O que no início se parecia com uma teia, se mostrou ser um pedaço de seda de inseto. Nagisa pegou um pedaço do tecido, e fez uma cara bastante engraçada para me dizer que aquilo se tratava da pele de um ser macabro. Eu não aguentei, tive que rir.

- Nagisa, eu já disse que você podia trabalhar como ator? Ou talvez em um circo... – Eu disse em meio as gargalhadas. E depois de me recompor, eu continuei. - Isso parece interessante, e talvez seja de algum pokémon que não costuma viver nessa região. – Eu peguei o pano, e analisei mais de perto. Fiz uma cara de surpresa. - Mas acho que você tem razão, isso é um pedaço de pele do Man-Eater Bug... Ouvi dizer que depois que ele troca de pele, ele costuma ficar bem faminto, e devora pokémons e pessoas descuidadas. – Fiz uma cara de espanto, e olhei ao redor, como se esperasse ser atacado. Mas ao contrário de Nagisa, eu não ri, apenas esperei para ver sua reação.

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Seg Jul 02 2018, 10:45




Man-Eater Bugs

Para o bem daquela dupla de aventureiros, Allan era o mais sensato dos dois. O que não significava ser totalmente isento de senso de humor. Depois de "sobreviver" àquela piadinha de Nagisa, de forma muito teatral, o rapaz simulou acreditar mesmo no mistério do Man-Eater Bug, alterando sua expressão para a mais séria possível ao analisar o pedaço de seda. Neste instante o rapaz loiro ainda se mantinha cético, afinal tudo aquilo era invenção dele. Entretanto, ao prosseguir com a interpretação e aproveitando-se dos sons indistinguíveis e naturais da selva, Allan parecia conseguir tirar seu inocente amigo da zona de conforto. — Ah cara! Faz isso não, eu sou cardíaco... Epa! — E assim que o treinador olhou para trás como se assustado com algo, o de guarda-chuva azul simplesmente ficou pálido como papel, tentando achar alguma coisa estranha na copa das árvores também, andando para trás, tropeçando em uma raiz, depois em uma pedra e terminando por rolar por um declive felizmente não muito íngreme.

Allan, ainda sem ter visto seu amigo cair, fingia estar olhando o tal Man-Eater Bug. Nesse momento um leve relâmpago por trás das nuvens mais escuras fez a floresta entrar em um contraste de iluminação obscuro. Acima das árvores uma revoada de Taillows partiu em disparada, talvez afetados pelo som do trovão que acompanhou o raio. Além disso, mesmo que não estivesse procurando enxergar alguma coisa, o menino de capa de chuva, conseguiu ver pelo canto do olho um vulto mais ou menos da altura das árvores, mas que parecia estar vivo e ser dotado de dois olhos vermelhos em seu longínquo e diminuto topo. A imagem durou menos de um segundo, tempo suficiente para ficar marcada na cabeça de Allan, mas rápido demais para que pudesse parecer real. De todo modo, Nagisa agora vencia os sons da floresta e o próprio trovão, gritando pelo companheiro — Allaaaaan! Parece que o Explorador Nagisa aqui descobriu algo bem legal! Desce aqui pra ver! E me ajudar a levantar também... — Comentou o extrovertido rapaz. Allan, caso se aproximasse do declive, poderia ver seu amigo estatelado lá embaixo sobre um guarda-chuva destruído, enquanto inclinava a cabeça para o lado e mantinha um sorriso faceiro ao descobrir algo.

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Seg Jul 02 2018, 11:40

Off::
Luch, só não esquece de postar as rotas que você está narrando e estão participando do swarm nesse tópico: https://pokemyrpg.forumeiros.com/t18913-orientacoes-do-novo-swarm-unova-bugs.

Eu ainda não tinha visto o que havia acontecido com Nagisa, mas no instante em que eu decidi parar minha encenação para ver a reação dele, o céu se escureceu e brilhou com um forte raio, seguido de um alto estrondo. Antes que eu pudesse me virar, olhei para a direção em que os Tailows voaram, e para minha surpresa, um vulto passou pelo canto do meu olho. Havia sido rápido demais para identificar o que era, mas pude ver dois olhos vermelhos. Tentei pensar em algum pokémon que eu conhecia, para poder identifica-lo, mas não consegui. A imagem borrada ficou na minha cabeça, e parecia ser um mistério que eu começava a querer resolver.

- O que? – Eu disse curioso quando meus pensamentos foram interrompidos pelo chamado de Nagisa. - Onde você está? – Ao me virar eu o procurei, mas não o vi. Então fui andando com cuidado, na direção em que havia ouvido sua voz. E lá estava ele, caído no meio da lama. - Você está bem? Espero que não tenha sido minha culpa... – Eu disse com um sorriso.

Eu precisava ajudar Nagisa a se levantar, então tentei descer com bastante cuidado para não me juntar a ele no chão. Caso conseguisse, eu o ajudaria a se levantar. Mas enquanto eu descia, eu me desculpava. - Desculpa por isso. Depois que saímos daqui, vou te comprar outro guarda-chuva, ou se preferir, pode ficar com uma das minhas capas de chuva. Que são bem mais uteis para situações como essas... - Eu disse. E assim que eu conseguisse colocá-lo de pé, eu perguntaria: - E aí, o que encontrou?

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Seg Jul 02 2018, 14:14

OFF:
Já confirmei lá sua rota! o/


Man-Eater Bugs

Allan mantinha um sorriso no rosto ao ver o amigo despencado lá embaixo, afinal ele parecia bem apesar da queda. O treinador de Kanto então procurou uma forma segura de descer até lá, não demorando muito para encontrar uma trilha acessível. Nagisa estava deitado ainda, com as mãos sobre o corpo e a mesma alegria de sempre estampada ao ver o companheiro. Allan então pediu desculpas pelo ocorrido, caso fosse culpa dele e prometeu lhe dar um guarda-chuva novo ou uma capa de chuva para o amigo em uma próxima oportunidade — Relaxa! O Guarda-Chuva só entortou um pouco, mas posso consertar...  — Dizia Nagisa, enquanto tentava desentortar o acessório, que possuía um claro rasgo em uma das laterais. Enquanto ele trabalhava nisso, seu amigo lhe perguntou o que havia lhe chamado a atenção como uma tal grande descoberta. O menino loiro então se lembrou e, sem tirar o foco do seu trabalho com o guarda-chuva, apontou para o lado oposto ao barranco de onde vieram.

Antes, as grandes árvores não haviam permitido que Allan visse, mas bem próximo deles havia uma estrada asfaltada que subia um morro até bem alto. Essa via terminava em um paredão de concreto bem extenso horizontalmente e com pelo menos 4 metros de altura. Dali eles certamente não conseguiriam identificar do que se tratava aquela construção e precisariam caminhar morro acima. Isso se realmente quisessem descobrir, afinal Allan havia visto algo misterioso anteriormente e poderia lhe parecer mais interessante do que visitar ruínas. Enquanto pensavam no que fazer, Nagisa finalmente havia conseguido desdobrar o pano do guarda-chuva para a posição correta, apesar dos amassados e é claro, do rasgo. — Essa Selva é uma loucura, cara! Quem diria ter essa rua aqui. Que tal a gente dar uma olhada? Lá de cima deve ser bacana da gente ver a rota toda! Partiu?  — Comentou o rapaz de Sinnoh, já se adiantando pela estrada. O que Allan faria?

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Seg Jul 02 2018, 15:13

Depois de eu ajudar Nagisa a se levantar, ele me mostrou o que havia achado. Havia uma rua, sim, uma rua de asfalto no meio da selva. Aquilo não fazia muito sentido, o que me deixava perplexo. Segui a estrada com os olhos, até onde eles alcançavam, e vi que ela terminava no alto de um morro, bem na frente de um paredão de alvenaria. Eu tinha uma expressão confusa no rosto, e as informações na minha cabeça começavam a entrar em conflito.

- É claro que vamos dar uma olhada. Mas tome cuidado pra não cair de novo. E tome aqui minha capa de chuva reserva, não quero que fique doente. – Eu tirei uma outra capa idêntica à que eu estava usando, e a entreguei a Nagisa. - Depois você termina de concertar o guarda-chuva. Eu tenho agulha e linha na minha mochila...

Eu queria muito descobrir o que era aquele vulto que eu havia visto, talvez fosse um pokémon raro, ou algo parecido, mas por outro lado, também poderia estar ligado a essa estranha construção no meio da selva. Então, nossos planos haviam mudado, não estávamos mais procurando por frutas, estávamos indo atrás de alguns mistérios da Rota 105. Eu olhava para Nagisa, e via que ele estava bastante empolgado com tudo que acontecia, e no fundo, eu também estava.

- Vamos lá!

O primeiro passo era seguir pela estrada, em direção ao alto do morro, mas assim que chegássemos lá, precisávamos descobrir uma maneira de atravessar o muro. Assim que nos aproximássemos o bastante para ver os detalhes, eu analisaria se seria possível subir por ele naquela chuva sem o risco de cair, mas se esse não fosse o caso, tentaríamos dar a volta.

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Seg Jul 02 2018, 22:05




Man-Eater Bugs

Allan cuidava de Nagisa como se fosse um irmão mais novo, com bastante carinho e atenção, o que fazia o menino loiro sorrir como uma criança. O treinador de Kanto também ofereceu sua capa de chuva reserva para, deixando evidente que o guarda-chuva torto e rasgado não poderia ser utilizado, pelo menos não nesse estado — O que eu faria sem você, não é mesmo?  — Disse o rapaz de Sinnoh, guardando o seu apetrecho quebrado na mochila e vestindo a capa ofertada. — Ei, eu vou na frente, certo? Juro que não vou cair em cima de você... — E estalando os dedos, o garoto partiu na frente de Allan, inclinando o corpo para frente a fim de não escorregar no asfalto molhado e sujo de barro. Conforme a dupla subia ficava claro que aquele lugar não era visitado há algum tempo, pelo menos não por automóveis e talvez por humanos também. A estrada subia em zigue-zague, tentando se tornar o mais plana possível, em "andares" talhados na montanha. Não era muito alto, mas levou cerca de 25 minutos até a dupla alcançar o topo pela trilha. Estando finalmente debaixo do muro era possível ver que ele não era tão alto, talvez medindo uns dois andares de uma casa comum em altura.

— Que massa, não é?  — Perguntou Nagisa, com as mãos dentro dos bolsos da capa de chuva, enquanto observava a estrutura encantado. Aquele muro na verdade era realmente um edifício com certa profundidade. A palavra que melhor descreveria aquela estrutura seria um escudo, pelo formato que tinha horizontalmente. Não haviam portas ou escadas visíveis e tentar escalar poderia ser impossível sem um equipamento decente. Talvez eles pudessem utilizar seus Pokémon para ajudar se houvesse algum que servisse ao propósito — Olha Allan, esse muro vai até o meio da mata e faz tipo uma curva... Por que você não vai pela esquerda e eu vou dar uma olhada pela direita? — sugeriu o rapaz loiro, observando o caminho que poderia seguir. Realmente essa estratégia faria com que eles ganhassem tempo, desde que não cometessem algum deslize enquanto estivessem sozinhos. Allan poderia concordar com seu amigo Nagisa ou tecer e sugerir seu próprio plano. O que ele faria?  

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Ter Jul 03 2018, 08:30

Depois de colocar a capa, Nagisa disse que queria ir na frente, ele realmente estava muito empolgado. Sendo assim, eu não o contrariei. - Não preocupa. Se você cair, eu te seguro. - Eu disse com uma risada. E assim nós fomos andando.

Demorou um pouco para alcançarmos o nosso destino, e foi bem cansativo por causa das curvas constantes. Mas agora finalmente estávamos em frente ao muro. Ele não era tão alto, mas nas atuais condições não seria possível subirmos nele. E antes que eu pudesse dizer qualquer coisa, Nagisa deu a ideia de nos separarmos. Pessoalmente eu não gostava muito da ideia, já que se acontecesse alguma coisa com um, o outro não ficaria sabendo. - Ok. Mas vamos fazer o seguinte. Vamos seguir um pra cada lado, e se encontrarmos alguma coisa, ou se acontecer alguma coisa ruim, vamos enviar um de nossos pokémon para chamar o outro. Então tome cuidado. – Eu disse sério. - E não faça nada até eu chegar.

Depois de decidido o plano, eu acenei para Nagisa e segui para a esquerda. Eu observava o muro com atenção enquanto andava, mas mesmo assim eu não deixava de observar as árvores. Tentava me manter em alerta para não ser pego de surpresa, já que não sabia o que poderia ter ali. E além disso, estava curioso com o vulto que tinha visto.

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Qua Jul 04 2018, 01:10




Man-Eater Bugs

Apesar de não concordar muito com a ideia de se separar do amigo, Allan aceitou a sugestão de bom grado, mas fez questão de deixar bem claro para Nagisa que ao encontrarem alguma coisa ou se algo de ruim acontecesse, deveriam usar seus Pokémon para imediatamente avisar ao outro sobre o ocorrido. O rapaz loiro deu um risinho em resposta à preocupação do amigo de Kanto, pegando duas de suas Pokébolas em mãos e liberando seus companheiros elétricos, Minun e Plusle — Vou até deixar os dois preparados para te avisar se algo acontecer... — Comentou Nagisa, abaixando para acariciar as cabeças dos ratos elétricos. Plusle, de braços cruzados, olhava tudo com certa desconfiança. Enquanto isso Minun ignorava a situação e puxava a calça do rapaz loiro, esfregando a própria barriga em um pedido por comida. Assim que tudo parecia resolvido, os dois amigos puderam enfim se separar, cada um para um lado, enquanto percorriam a extensão do muro/construção.

Allan não estava completamente seguro sobre o que poderia ou não ter visto anteriormente, então mantinha um olho aberto constantemente nas árvores próximas do muro, caso alguma coisa resolvesse surpreendê-lo. Entretanto, depois de alguns bons metros caminhados, nada de muito diferente havia surgido. Era um bioma comum, barulhento como uma selva deveria ser, apenas com o agravante de ser castigada por uma constante e insuportável chuva, que insistia em se chocar contra rosto do treinador, mesmo com a cobertura vegetal densa sobre ele.

Após cerca de dez minutos andando, o rapaz de Kanto chegou em uma estrutura diferente da mesmice do resto do muro. Não haviam janelas ou portas, mas havia uma inscrição bem grande: 01, indo do chão ao topo da construção. Eram apenas dois dígitos que por si só não diziam nada.... Porém, ao seu lado havia uma espécie de escada, formada por barras de ferro presas ao concreto. Todos estavam extremamente enferrujadas e as últimas três estavam ausentes ou simplesmente penduradas por apenas uma das pontas. Com um pouco de observação, Allan notaria que se esticasse os braços a partir do último degrau "bom", ele poderia alcançar o topo e, com certo esforço, conseguir subir. Até então ele não havia tido sinal de Minun ou Plusle trazendo informações de Nagisa... Valeria a pena então já avisar sobre o que encontrou? Ou o rapaz tentaria escalar primeiro a escada para dar uma espiada lá em cima e assim enviar uma mensagem mais concreta sobre o que teria no topo para Nagisa? O que ele faria?

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Qua Jul 18 2018, 07:38

Off::
Desculpe a demora...
Finalmente tive tempo de postar.

Com a minha ideia de avisar se encontrássemos algo, Nagisa já deixou Plusle e Minun preparados, e assim nos separamos para vasculhar o local. Como combinado, fui para a esquerda. Ao mesmo tempo em que seguia o muro, eu observava a selva, para ter certeza de não ser surpreendido por nada.

Depois de alguns minutos andando, e sem ver nada na selva, acabei encontrando uma construção diferente ligada ao muro. Um grande “01” se estendia do chão até o topo da construção, mas não parecia ter como entrar, não visivelmente. Mas um pouco mais pro lado, havia uma espécie de escada de ferro. Essa construção deveria estar ali a bastante tempo, já que as barras de ferro que formavam a escada estavam bastante enferrujadas, o que poderia ocasionar um belo acidente.

Depois de pensar um pouco no que eu faria, decidi enviar um de meus pokémons para avisar Nagisa de que eu havia encontrado alguma coisa. Peguei a pokébola de Shinx, e o liberei. - Olá amiguinho. Desculpe de liberar nessa chuva, mas eu preciso da sua ajuda. - Shinx olhou em volta enquanto se encolhia um pouco. E depois de perceber que não havia nenhum provável oponente, ele relaxou um pouco. - Não se preocupe, só preciso que você encontre meu amigo Nagisa. Você deve conseguir fazer isso bem rápido, é só seguir o muro naquela direção. - Eu terminei apontando para o lado direito do muro. - Quando encontra-lo, faça ele te seguir até aqui. Entendido? – Ele balançou a cabeça, confirmando.

Agora era só esperar, enquanto encarava as árvores se mexendo com a chuva. Eu me escorei no muro e fiquei admirando a chuva.

_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Qui Jul 19 2018, 01:16

OFF:
Sem problemas com o tempo, eu também ando bem ocupado, mas agora vou ficar livre até agosto, então vou tentar dar uma boa acelerada sempre que possível! o/


Man-Eater Bugs

As informações obtidas por Allan naquele lado do muro pareciam bastante preciosas, mas o treinador não acreditava que valeria a pena subir agora pelas perigosas escadas e julgou que seria uma boa hora para enviar um de seus Pokémon atrás de Nagisa. Para essa missão escalou Shinx, seu Pokémon recém-chocado e com quem ainda não havia tido uma relação tão profunda assim. A criaturinha parecia assustada, pois se encolheu um pouco ao sentir o ar fresco do exterior de sua cápsula. Contudo, logo relaxou e ouviu a ordem de Allan, prontamente executando-a e sumindo pelo mesmo caminho que o treinador veio. Restava agora ao rapaz esperar...

Allan se escorou no muro e ficou observando a chuva que caía sobre a mata como um spray, em pequenas gotículas. O vento bem friozinho varria essas gotículas, espalhando-as ao redor, inclusive no rosto do treinador de Kanto, fazendo leves coceguinhas. Havia apenas o som das folhas sacudindo e galhos se chocando. Se o rapaz estivesse com um pouco de sono, certamente acabaria apagando. Porém antes do treinador ter tempo de descansar, um zumbido lhe chamou a atenção vindo bem do alto, som este que foi seguido por um baque no solo após um rastro passar pela visão de Allan. Se o treinador olhasse para baixo, logo atrás de umas raízes bem conspícuas, notaria um embrulhinho feito de folha no chão, que se movimentava lentamente.

Assim que o tal embrulho rolou um pouco no chão, Allan pôde ver melhor do que se tratava. Era um Pokémon inseto, mas um bem raro na região de Hoenn. Ele possuía o rosto amarelado, com proeminências em sua testa e dentes pontiagudos. Parece que as folhas formavam uma "roupa" para ele e estas folhas possuíam rasgos bem evidentes. O Pokémon como um todo parecia bastante ferido e não tinha muitas forças nem para andar... Possivelmente havia desmaiado no alto de uma árvore e caiu no chão, piorando ainda mais seu estado. Apesar de todo o estrago, era notável depois de uma análise mais minuciosa, que os ferimentos não eram tão profundos, mas requeriam uma atenção especial, bastante cuidado e descanso. Até então o treinador não havia visto sinal algum de Nagisa ou de Shinx, então acabaria tendo que esperar mais um tempo por ali. Será que algo havia causado isso ao inseto? Talvez outro Pokémon ou humano? O que Allan faria?

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Qua Jul 25 2018, 11:35



Enquanto aguardava Shinx retornar na companhia de Nagisa, eu apenas observava a movimentação das folhas das árvores que eram banhadas com a água que caía do céu. Quando as gotas entravam em contato com a pele do meu rosto, dava uma sensação bem gostosa, e aquilo me relaxava um pouco. Mas mesmo tudo parecendo que estava bem, um som me tirou de minha pausa. Um zumbido estranho vindo de cima de uma das árvores, seguiu-se de um som de algo caindo. Eu havia apenas visto um volto passando do primeiro ponto para o segundo, mas não foi possível ver o que era. Olhei ao redor, e tudo havia ficado quieto novamente, então me desencostei da parede, e corri até o local da queda.

Ao chegar perto das notáveis raízes, olhei por cima delas, e vi um pequeno bolinho de folhas, que por sinal era muito bem feito. Depois de observar o objeto por um tempo, ele rolou para o lado e se estendeu, se mostrando ser um pokémon. A criaturinha era desconhecida para mim, talvez fosse uma das espécies de outra região, que estavam perambulando por Hoenn. Como eu não sabia do que se tratava, eu peguei minha PokéDex e o analisei. As informações carregaram na tela do aparelho, e descobri que aquele era um Sewaddle. Ele estava um pouco ferido, e eu precisava fazer alguma coisa para ajudá-lo. Mas o que eu faria? Eu tinha que esperar Shinx e Nagisa voltarem.

Depois de pensar um pouco, eu decidi pegar o pequenino no colo, e tentar descobrir o que aconteceu até que os outros chegassem. - Com licença amiguinho, vou te ajudar a sair daí... – Eu disse me aproximando mais e estendendo os braços em sua direção para pegá-lo. Esperava que ele não tentasse me atacar, e se eu conseguisse pegá-lo, eu o levaria até o muro e usaria um de meus Potions para curar seus ferimentos.

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Luch em Qua Jul 25 2018, 13:28




Man-Eater Bugs

Allan parecia indeciso sobre o que fazer, afinal estava esperando a volta de seu próprio Pokémon trazendo Nagisa e não poderia ir longe dali. Contudo, não poderia também deixar um Pokémon ferido desamparado, portanto recolheu o pequeno inseto com cuidado, ainda dentro de suas folhas e o levou para próximo do muro. Sewaddle não reagiu, até porque estava muito fraco para isso, apenas observou o treinador com seus olhinhos perdidos e depois voltou a fechá-los, descansando. O rapaz então buscou uma de suas poções na bolsa e apontou para as feridas que pareciam mais severas, espirrando uma certa quantidade do produto, até todo o frasco se esvaziar.

O efeito daquela medicina era imediato, tanto visualmente pela cicatrização dos ferimentos abertos, como pela reação do Pokémon, que parecia ter despertado bem mais e agora abria os olhos com total clareza. Ao ver Allan, o Sewaddle ficou temeroso por alguns segundos, ameaçando saltar de seu colo, mas acabou estático, tremendo um pouco e encarando o treinador. Como notou que o rapaz não lhe causaria mal, começou a relaxar, bocejando longamente e ajeitando-se nos braços dele. Neste instante uma ventania iniciou-se vindo de frente para o muro onde o rapaz se encontrava, fazendo algumas folhas se desprenderem das árvores e sacudindo galhos mais finos, além de arbustos mais rasteiros. Este evento não durou muito, parando logo em seguida. Entretanto, um dos arbustos continuou sacudindo bastante, mesmo sem vento para afetá-lo.

Antes mesmo do treinador notar a movimentação, o inseto no colo de Allan já tratou de levantar a cabeça assustado, emitindo um som de espanto. Quando o rapaz também olhou não viu nada demais, mas uma aura azulada começou a envolver o corpo de Sewaddle, fazendo-o girar de ponta-cabeça e flutuar para longe de Allan. Ele se debatia desesperadamente e a movimentação estranha nos arbustos agora acontecia também nas árvores próximas. Alguma coisa grande estava se aproximando. Como o rapaz de Kanto reagiria?

Progresso da Rota:
Itens:

- Usou 1 Poção. [-1 Potion]

Luch
Luch
Administrador Bronzeado

Administrador Bronzeado

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Andros em Qua Jul 25 2018, 15:20



Depois de eu conseguir cuidar do Sewaddle, ele finalmente pareceu notar a minha presença. Ele se espantou um pouco no início, mas logo depois se acalmou, se aconchegando nos meus braços. Enquanto eu me distraia com o belo pokémon inseto, algo acontecia a nossa volta, um vento forte soprava da mata em direção ao muro. O vento não me pareceu estranho, sendo assim não dei muita atenção, mas o que aconteceu em seguida foi bem estranho. Sewaddle se espantou e começou a guinchar, e antes que eu pudesse acalma-lo, uma aura azul se envolveu em seu corpo e o fez levitar para longe de mim.

Por um momento eu fiquei sem reação, apenas olhei envolta. Depois de uma rápida olhada, percebi que a copa das árvores se moviam de forma estranha. Peguei as pokébolas de Spartos e Colossus, e rapidamente as lancei à minha frente. - Spartos, pule e segure aquele pokémon que está voando. Proteja-o com seus braços! – Eu disse apontando para o inseto. - Colossus, preste atenção nas árvores, se sair algo de lá, ataque. – Depois de dar as instruções, eu também fiquei atento para não ser pego de surpresa.




_________________


Horários de Narração:
Segunda à sexta: dia todo.
Fim de semana e feriado: ocasionalmente.


Spoiler:

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos 9ibJsnl
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos XBZWvTx
Obrigado a todos que votaram!

Andros
Andros
Mestre

Mestre

Alertas :
Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Left_bar_bleue0 / 100 / 10Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

Capitulo 10 - Caçadores de Insetos Empty Re: Capitulo 10 - Caçadores de Insetos

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 12 1, 2, 3 ... 10, 11, 12  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum