Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

n.1 Jeepers Creepers

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Bedendo em Qua Jan 24 2018, 16:38


Off escreveu:Entrando na rota para te ensinar as tms e depois vou partir, a batalha fica pra uma próxima.
Então eu estava de volta a Mu Island, não gostava muito da cidade, porém queria visitar o artesão de pokébolas, assim me obrigava a voar para cá. Enquanto caminhava pelas ruas da ilha, me deparo com algo que me chama a atenção, em um beco, entre dois prédios, vi um garoto batalhando contra um Grimer, porém estava bem claro a dificuldade do garoto naquela batalha, principalmente por só ter acesso a apenas um movimento, ao que tudo indicava.

Me aproximei e fiquei observando apenas, até a batalha terminar
Bedendo
Bedendo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Fons em Qua Jan 24 2018, 23:45


O rapaz deu suas ultimas ordens para o seu pokemon, para poder enfim capturar a criatura, mesmo que com desgosto, afinal a criatura havia o feito apenas perder tempo.

Gastly atacou com um lick que foi um de seus mais poderosos ate então. Causando dano critico ao selvagem e deixando-o em situação critica para se levantar. Não paralisado e sem muito o que fazer, tentou aumentar sua defesa e conseguiu, so para que o rapaz lancasse uma pokebola um pouco depois para tentar capturar a criatura.

Girou uma... duas... três vezes e então... a esfera se fechou e piscou vermelha, concluindo a captura daquele espécime.

Logo atrás, um rapaz parou e passou para olhar o que acontecia no beco. Ele era um treinador veterano e mais experiente e o rapaz via o sofrimento do outro naquela batalha. Parou atrás do rapaz, a pocos metros, para assistir a captura ser concluída.
Off:
Podem fazer o que tem que fazer e depois eu edito no final. EXP e talz apenas no final também.




Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Bedendo em Qui Jan 25 2018, 00:42


Vendo o garoto capturar o pokémon, aproveitei para me aproximar e logo puxar assunto.

- Parece que foi uma luta dificil - Dizia para tentar chamar a atenção do garoto - Meu nome é Robin. 

Falava estendendo a mão para o garoto.

 - Enfim, de qualquer forma, eu sou uma Criadora, estou de passagem pela cidade e por acaso vi você sofrendo nesse beco, tenho algumas técnicas que podemos ensinar para seu Gastly que, por sinal, salvariam sua pele por enquanto.  Te ensino cada golpe por 100$, pegando dois golpes, ganha um terceiro de graça. O que me diz? Podemos encontrar um centro pokémon para iniciar o treinamento, geralmente eles possuem espaços para treinos.

Assim listava os golpes que eu possuía e que ele poderia escolher.
Bedendo
Bedendo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Qui Jan 25 2018, 01:09


Hell Kaiser


A última lambida. O último ataque. O último Lick que resultou em um Critical Hit bem aplicado contra o Poison Pokémon. O golpe foi realmente forte, mas não foi o suficiente para derrubar Grimer. Ele continuava desesperadamente tentando aumentar suas defesas com seu sucessivo uso de Harden, tentando o máximo possível continuar vivo. Desnecessariamente, ele ainda não iria cair por terra por causa de Johan, simplesmente pelo fato de que ele estava impaciente com aquela luta. Lançou a esfera bicolor, denominada Poké Ball, contra o Pokémon de físico viscoso. Ele entrou na mesma, e, após relutar por alguns segundos, a esfera se trancou, mostrando sucesso na captura do Pokémon. Johan foi até ela e a agarrou com desprezo, guardando-a logo em seguida.

Assim que virou, deparou-se com uma menina menor do que ele, de certa forma mais jovem também. Estava trajando roupas bem simples e leves, diferente da realidade daqueles que vivam em Mu Island, que sempre estavam formais demais ou mesmo tinham roupas tão boas para sequer ficarem nas ruas. Ela era simples, e parecia não ser dali. Ele a observou, com seus penetrantes olhos amarelos, selvagens, analisando melhor sua aparência, enquanto sua face era inexpressiva. Gastly, ao seu lado, fazia o mesmo, mas ficava dando voltas pelo ar para passar o tempo. Ao final, Johan limitou-se a fazer um estalo com a ponta da língua, até que a garota resolveu cumprimentá-lo, erguendo a mão e explicando o propósito de estar ali.

Oh? Então você estava observando tudo, não estava? Que triste, senhorita Robin, estou aborrecido com essa batalha que ocorreu em um ritmo tão lento. — Diria Johan, agora com um sorriso distorcido no rosto. — Contudo, sua oferta realmente é interessante. Claro, isso facilitaria muito minha vida. Qualquer TM que você possa ensinar para meu Gastly por esse valor? Eu tenho dinheiro comigo, sim... isso pode ser ótimo realmente. Gastly vai crescer muito mais rapidamente aprendendo novas técnicas que realmente sirvam para ele do que utilizando essas que mal causam dano, e não precisarei perder todo esse tempo num simples batalha. Agora me diga, o que tem aí?

Johan estava tremendamente interessado na garota e em sua oferta. O aprendizado de Technical Machines para o seu Gastly era crucial, ainda mais sendo tão cedo no começo de sua carreira. O fato de que os Gastly normalmente não aprendiam movimentos bons fora os vindo de alterações externas ou vindo apenas tardiamente deixavam Johan aborrecido e certamente ficava apreensivo com as batalhas. Mas, agora que alguém oferecia algo, ele estava melhor, muito melhor, certamente era o melhor que ele podia pedir no início deste novo objetivo para ser o mais forte e temeroso dos treinadores.

Dito isso, Johan observaria os TM's que a garota Robin possuía para que fossem alugados por um preço deveras razoável. Após escolhidos, ele pegaria o dinheiro em um de seus bolsos, contando as cédulas, verificando se estava tudo correto, antes de se virar para a moça e lhe fazer uma proposta.

Aliás, senhorita Robin, você parece ser uma treinadora muito interessante... Infelizmente, eu não posso batalhar com você agora, o pensamento de ser derrotado tão cedo me deixa muito aborrecido, porém, visto que está aqui agora, o que acha de trocarmos contatos? Eu pagarei Pk$400 por 6 TM's, mas ainda restará 1 para ser ensinado... — Diria Johan, com seu sorriso rasgado e distorcido em sua face, os olhos penetrantes, observando Robin. — O que me diz de você ensinar o TM que restou futuramente? Talvez até possamos ter uma batalha, não? Não seria interessante essa parte?

Dito isso, Johan pegaria os TM's que desejava e começaria a ensiná-los, 1 por 1, em seu Gastly, esperando que o fantasma gasoso absorvesse todas as informações para que logo pudessem aprender com o seu próximo treinamento, sem muitas dificuldades. Era de crucial importância o ensinamento de novas técnicas para seu Ghost, sendo que isso ajudaria no crescimento de Gastly e auxiliaria muito durante suas batalhas.



Ran - Cupcake Graphics






Atualização de Box:
Ensinar os TM's Toxic, Taunt, Double Team, Energy Ball e Dazzling Gleam para Gastly, substituindo Lick e Spite durante o processo, deixando apenas o Hypnosis no moveset junto com esses demais.


Última edição por Die Hard Guy em Qui Jan 25 2018, 05:07, editado 1 vez(es)
Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Bedendo em Qui Jan 25 2018, 01:25


O garoto era alto, não havia percebido até ele se aproximar de mim, sem contar que possuía uma aura bastante intimidadora, porém também se mostrava bastante educado, o que me deixava mais calma.

Ele era bastante receptivo a minha oferta, assim começava a caminhar para fora do beco, mais precisamente para o centro pokémon, lá seria um lugar melhor para treinarmos os movimentos. 

- Combinado então, ensinarei os 5 golpes para seu Gastly e futuramente nos encontraremos novamente para batalhar e para o ultimo movimento ser ensinado. Aqui, pegue meu contato. 

Passava meu contato parar ele e fazia sinal para que me seguisse.

- Vamos para o centro pokémon, lá e melhor para trabalharmos.

Assim que chegamos no lugar, me dirigi direto para uma área onde pudêssemos fazer a primeira parte do treinamento.

- Gastly venha aqui, preciso que se concentre por que serão várias informações. - Falava para o pokémon de Johan - Johan, você também, já que você precisará entender como os golpes funcionam.

Assim pegava minha pokédex e um por um mostrava como funcionavam os movimentos, começamos por Taunt, depois, Double Team, Energy Ball, Toxic e por fim Dazzling Gleam. 


Com o básico de cada golpe aprendido, restava agora Johan aprimorar os golpes até que seu pokémon aprendesse por completo todos.

 - Ufa... Acho que por enquanto é isso. Certo Johan?! - Falava com um sorriso no rosto - Agora é contigo, treine ele bem e espero que na próxima vez que nos encontrarmos ocorra uma batalha emocionante. Até breve!

Me despedia recebendo meu pagamento pelos golpes e entrava no Centro Pokémon.

Off escreveu:> Trocar contatos com o Guy
> Ensinar as TMs para o Gastly
> Receber os $400


Bedendo
Bedendo
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Qui Jan 25 2018, 05:07


Hell Kaiser


A treinadora com seu vestido parecia estar intimidada por Johan, mesmo que aos poucos ela fosse se tornando tranquila e mais segura de si. A presença daquele homem, alto e com uma aura de loucura e sofrimento era capaz de fazer qualquer pessoa se sentir estranha, visto que aquele era sempre reconhecido como um corpo desconhecido, maligno em essência. De qualquer forma, a jovem preferiu fazer o trabalho em frente a um Pokémon Center. Provavelmente por ser um pouco mais movimentado, talvez desconfiasse do que o rapaz de olhos selvagem poderia fazer, visto que na verdade ele apenas se importava com a vitória e o prazer em esmagar seus adversários. Sem relutar, foi junto dela até um Pokémon Center, lugar onde Robin estava mais preparada para fazer o ensinamento dos novos movimentos.

Chegando até onde havia sido combinado, em frente ao edifício onde a saúde dos Pokémon era restaurada e a maioria dos treinadores fazia pausa em viagem por algumas horas, talvez até mesmo uma noite, Robin se preparou para ensinar à Gastly os seus Technical Machine. Conhecendo bem a personalidade de Gastly, Johan logo disse algumas palavras.

Gastly, apenas deixe que ela ensine os movimentos à você. Isso aumentará seu poder em grandes proporções. — Falaria Johan, dando uma risadinha sombria logo em seguida.

Após o ensinamento de todas as técnicas necessárias para o Pokémon gasoso, Johan faria questão de entregar o dinheiro diretamente na mão de Robin, de maneira a apertar ela enquanto passava as cédulas para ela, junto de seu contato. Agora que era um treinador, não poderia continuar escondendo seu nome sobre as sombras. Deveria divulgar para aqueles que o treinador "novato" conhecia, eventualmente usufruindo de seus contatos para conseguir algo a mais. Johan entendia muito bem sobre essa troca de contatos. Era o ato mais útil entre treinadores que poderia haver.

Feito isso, Johan daria um sorriso de escárnio para a menina, colocaria uma de suas mãos em seu peito e levantaria a outra, como se fosse fazer uma reverência, mas longe disso. Apenas esses gestos de maneira a parecer estar muito agradecido, com seus olhos vidrados e brilhantes mirando os de Robin, sem que vacilassem.

Obrigado pela ajuda, senhorita Robin. Futuramente nos encontraremos,
novamente, e deste próximo encontro deveremos estar afiados, sim?
— Johan proferiria, dando risadinhas pontudas e curtas, logo continuando seu discurso de despedida; — Boa sorte no restante de sua jornada. Até mais ver, espero que dure até o próximo momento. Vamos, Gastly.

Após tais palavras, deixaria que a menina fosse e começaria a observar o horizonte, caminhando com desejo em direção aos Correios da cidade em Mu Island. Tinha um pressentimento sobre haver alguma coisa neles, algo que precisava ser urgentemente retirado. Um Pokémon, talvez? Ele não tinha certeza, apenas sabia que deveria retirar um Pokémon por lá, provavelmente vindo do submundo. Talvez do Global Trade Station? Também não sabia. Seu instinto apenas dizia que era para lá que ele deveria ir.

Chegando até o local, entraria sem hesitação e iria diretamente até alguma recepcionista ou algum local onde deveriam ser retiradas as ofertas no GTS, já com o dinheiro em mãos. Mecanicamente, com seus olhos vidrados, retiraria o Pokémon e depositaria o dinheiro, logo em seguida se preparando para os próximos treinamentos de Gastly. Antes disso, colocaria o Pokémon que provavelmente estivesse na Storage e o deixaria em sua equipe, composta por apenas 1 participante, visto que o outro era um filho bastardo que deveria ser colocado no Storage enquanto era tempo.

Vamos começar esse treinamento, Gastly? Eu sei que você está muito ansioso para isso... bem, ao menos eu estou. — Diria Johan ao seu fantasma.

Logo em seguida, após dizer isso, Johan sairia à procura de algum lugar em aberto para poder começar a treinar os novos Technical Machines ensinados por Robin para o Ghost Pokémon. O fato era que ele precisava de um local espaçoso para que pudesse treinar seus novos movimentos com sucesso e fazer com que eles não tivessem falhas em meio à batalhas ou em outras situações que eles fossem requisitados. Johan tinha total conhecimento do que deveria ser feito para que Gastly conseguisse com maestria aprender todos os novos movimentos, e não iria descansar até que todos estivessem ao seu gosto.



Ran - Cupcake Graphics






Atualização de Box:
Pagar os 400$ para o Bed
Trocar contatos
Pegar Scizor nos Correios e pagar tanto a taxa de retirada como a taxa de troca como diz no GTS ( https://pokemyrpg.forumeiros.com/t14558-global-trade-station ) Taxa de troca: 50$ (Observar último post de Lollipop no tópico, situado na página 11.)

Obs: já adiantei algumas coisas pra facilitar na hora de narrar e não ser um post perdido, mas se for de sua preferência por algum motivo impedir essas ações, não faz mal. Aliás, caso elas estejam certas, a Scizor provavelmente vai cair na Storage, enquanto coloque direto na Box, enquanto coloque o Grimer na Storage, deixando meu time apenas Gastly e Scizor.
Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Fons em Sex Jan 26 2018, 19:46


Apôs o termino da captura de grimer a pokebola rapidamente desapareceu indo para o sistema de armazenamento. O Mesmo não teria acontecido normalmente, devido a espaços vazios em seu time, mas como o treinador o quis, acionou um comando em sua pokedex para que o mesmo fosse enviado rapidamente para o sistema.

Logo em seguida o iniciante, teve sua atenção chamada por uma linda jovem, que se apresentou como Robin, sendo uma criadora de pokémons e ofereceu ensinar alguns movimentos para o Pokémon do treinador, com uma pequena taxa.

Crente de que aquilo lhe ajudaria muito, o rapaz aceitou a oferta  e junto da jovem seguiu para o centro Pokémon para realizarem os ensinamentos e depois que tudo foi ensinado contatos foram trocados no pokenav e no celular do garoto e ambos seguiram caminhos diferentes.

Ele foi até os correios, onde alguma intuição lhe dizia que havia algo para ser retirado lá, já Robin seguiu para o centro Pokémon, onde faria suas próprias coisas particulares.

BEDENDO PODE PROSSEGUIR.

Off:
Gastly recebeu 338 de EXP, upou 2 leveis e ganhou 3 de felicidade.
TMs ensinados e valores pagos, pode prosseguir Bed.
Box editada.

Quanto ao Scizor, por questão de organização e melhor controle do GTS, assim como o artie disse, e para não acontecer nenhuma espécie de problema durante a atualização, peço que vá ao tópico na cidade em que está e faça os pedidos e pagamentos. Com isso feito, depois volte a postar aqui e poderemos prosseguir.

Só ignorei o seu final sobre o treino, por causa da questão do GTS, caso contrario, teria respeitado e levado em consideração o que você pediu.
OBS: Isso do grimer ir direto par ao storage so foi possível pois você esta na cidade, ok? Fique ciente que caso esteja em rota, mesmo que queira, não sera possível que isso aconteça devido as regras de não acessar o storage em rotas convencionais.



Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Sab Jan 27 2018, 04:30


Hell Kaiser


Robin, a treinadora que havia ajudado Johan, já partia caminhos junto do treinador selvagem, indo para o Pokémon Center. O treinador pensava nela como uma moça muito interessante. A sua chegada e seus ensinamentos foram ótimos, nada a ser criticado, e ela não poderia ter vindo em hora melhor. Naquele início da longa jornada do ex-contrabandista, aquela pequena ajuda foi um impulso gigantesco. Gastly logo poderia ser utilizado de maneira melhor e cresceria muito mais rapidamente se não houvesse aprendido movimento algum, e demoraria muito até que aprendesse algo que realmente fosse útil. Agora sua série de vitórias poderia iniciar, logo que os movimentos fossem aprendidos e Johan começasse a encontrar oponentes. Johan tinha um leve incômodo em não ter enfrentado a menina em uma batalha pelo fato de que infelizmente está em um novo início, mas batalharia assim que tivesse oportunidade de mostrar a sua força. E disso ele tinha certeza de que iria fazer.

Independentemente, ele logo caminhou até os correios. Algo em sua mente deturpada e corrompida pela loucura dizia para que pegasse uma encomenda. Algum Pokémon vindo de algum lugar estava esperando por ele no correio. O que seria? Seria algo enviado pelo submundo para auxiliá-lo? Dificilmente seria, tinha cortado todos os vínculos com o mundo dos crimes, exceto por alguns poucos para que pudesse utilizá-los em algum momento da sua vida, — o que era uma perda de tempo, visto que tinha o pensamento individualista de querer continuar seguindo sem precisar da ajuda de seu antigo trabalho —. Em todo caso aproximou-se dos correios até que pudesse entrar, e utilizando de seu dinheiro para poder retirar a entrega, recebeu uma Great Ball, uma esfera bicolor, um pouco diferente da Poké Ball, com a parte azul no lugar da vermelha e o que pareciam ser 2 vergões vermelhos em seu topo. Um novo Pokémon para a equipe de Johan, e ele sorria com maldade em sua face, até que foi capaz de sair daquele lugar, logo em frente ao estabelecimento de estregas.

Com seus olhos vidrados, fixos em uma Great Ball que continha um novo Pokémon, o sorriso contorcido de escárnio na face pálida de Johan não poderia ser de maior loucura do que naquele momento. Observava a Great Ball como se fosse um instrumento valioso e raríssimo, os dedos retorcidos segurando a esfera enquanto o seu portador dava pequenas risadas maníacas. Após um longo suspiro, Johan resolveu o que deveria fazer. Tocaria o centro da Great Ball e esperaria o Pokémon revelar-se à sua frente, e quando o fizesse, veria uma Scizor, um Bug e Steel-Type, reluzindo à sua frente, o corpo vermelho metálico refletindo as luzes de Mu Island, o formato insectóide, alto, porém não tão alto quanto o seu novo treinador, e com uma expressão de maldoso, como quem não deseja ser incomodado. Johan sorriu ao ver aquele Pokémon. Para ele, era mais uma conquista de poder, e um passo ainda mais largo para continuar sendo vitorioso. Os Scizor eram conhecidos por serem fortes, e Johan tinha conhecimento disso.

Ora ora, veja o que temos aqui. Então é uma Scizor que veio até mim? Por meio de quem? Parece ser muito forte, não é mesmo? Vai ser uma grande aquisição para a equipe,
sim, isso sim...
— Diria Johan, dando pequenas risadinhas entre as palavras, a observando com um brilho de loucura em seus olhos. — Bem, não posso saber de onde você veio, mas estou muito... excitado para poder ver o seu poder. Mal posso esperar, já no início e consigo algo assim. E então, doçura, você parece realmente muito poderosa, mas vamos com calma, certo? Mais tarde lhe chamo e você vai poder se exercitar a vontade. Sim, vai poder lutar o quanto quiser. Eu sei que é isso que você quer. Seus olhos brilham e pedem por isso, não é? Sim, você vai ter o que deseja...

As palavras de Johan eram imbuídas em loucura e maldade. Ele realmente observava aquela Scizor com desejo, com um desejo profundo de fazer com que ela lutasse junto dele, e com um desejo de que ele pudesse treiná-la para se tornar uma poderosa combatente. Disso ele não tinha dúvida de que iria cumprir essa promessa. De qualquer forma, não teve muitos problemas para chamá-la de volta para a sua devida Great Ball, logo reduzindo-a e colocando e um suporte adequado dentro de seu sobretudo. Usaria mais tarde este belo presente dos deuses, mas agora precisava focar em outra coisa mais importante. Gastly ainda continuava como um observador, olhando as loucuras de seu treinador, enquanto não opinava em nada sobre elas.

Falta você, querido fantasma, o que acha de procurarmos algum local para treinarmos esses movimentos novos que você possui? Não vai demorar muito, ao menos é o que estou pensando. Logo trataremos de fazer você ter uma batalha realmente interessante, diferente daquela última com o Grimer, que prefiro que seja esquecida... — Falaria Johan, com amargura ao mencionar o capturado anteriormente, mas logo voltava à sua expressão novamente. — E então, vamos? Não deve ser difícil encontrar algum lugar como esse por aqui.

Ensinar os novos movimentos de Gastly que ele havia conseguido devido aos TM's de Robin deixavam Johan ansioso. Ele poderia criar mais estratégias com uma gama maior de movimentos, podendo fazer Gastly se tornar um combatente tão poderoso quanto esta nova integrante na equipe de Johan. O treinador selvagem mal podia esperar para poder usar sua nova equipe em batalha, conhecia o potencial de seus Pokémon, e iria extrair isso deles até que a última gota pingasse dentro de seu elixir de poder. Sendo assim, com o fantasma gasoso ao seu lado, procuraria em Mu Island por algum lugar onde pudesse treinar seus movimentos sem que fosse interrompido. Talvez em algum terreno abandonado, onde pudesse houver alguns alvos, ou mesmo em algum campo aberto, onde não precisasse se preocupar com outros civis servindo como alvo. Ao chegar no local em que conseguisse achar mais apropriado, voltar-se-ia para Gastly, o rasgo sombrio em sua face, servindo como um sorriso maligno.

O seu primeiro movimento vai ser um que você mais tem facilidade para aprender. O Toxic será sua primeira tarefa. Como você é um Poison, não deve ser tão difícil para você. Enfim, concentre toxinas em sua boca ou em algum lugar que ache mais fácil e apropriado, e então a atire em algum lugar, onde eu não esteja, obviamente. — Diria Johan ao seu fantasma, instruindo como utilizar o movimento. — O objetivo é criar uma fumaça tóxica ou mesmo fazer com que o líquido possa causa um status de Badly Poison. Não pense em ser esperto, vamos ficar aqui o quanto for necessário até que você tenha aprendido com sucesso todos os movimentos. Pode iniciar.

Dito isso, Johan se afastaria do fantasma, dando espaço para que o mesmo treinasse, mas próximo o suficiente para avaliar como o seu treino devesse prosseguir, observando o que Gastly pudesse estar fazendo de correto ou de errôneo. Não se importava de ficar ali o tempo que fosse necessário, não se todo o tempo que estivesse passando ali fosse para fortificar o potencial de Gastly em várias vezes, até que ele venha a masterizar todos os seus movimentos. Os olhos vidrados e gananciosos de Johan mostravam que eles não estava ali para brincar, mas sim para vencer.





Ran - Cupcake Graphics






Atualização de Box > Scizor.
Altura/Peso: Padrão
Personalidade: Nervosa e feroz em seu estado mais normal. Scizor é uma Pokémon muito agressiva, não sendo muito aberta socialmente para com outros Pokémon que não sejam os da equipe de seu treinador. É muito individualista, sendo de difícil maleabilidade quando se trata de trabalhar em equipe, relutantemente seguindo ordens, acreditando ser o suficiente na maioria das vezes para que vencer algum desafio ou fazer alguma atividade. Tem uma enorme ferocidade em seu olhar, e um enorme desejo voltado para as batalhas, sentido-se viva durante as mesmas e utilizando seu poder para vencer e ultrapassar o que estiver em seu caminho. Pouco se envolve em convenções sociais, preferindo ficar sozinha e quieta enquanto fora de sua Poké Ball, numa presença e olhar intimidadores, aguardando ser requisitada para algo. Vê em seu treinador a oportunidade de mostrar o seu poder e de fazer com que ele cresça por meio do treino do mesmo, então dificilmente se nega a fazer algo que ele requisita, por ter em sua mente a ideia de que seu treinamento é valioso e ele sabe o que é melhor para que ela cresça continuamente.

obs: narrei a ida ao correio para contar o que fiz durante o post em q pedi a retirada da Scizor. Favor informar o tempo atual (noite, dia, manhã, tarde) para melhor narração.
Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Hitman em Qua Jan 31 2018, 19:41

OFF:
Hey, Guy ! Estarei assumindo sua rota a partir de agora.
Espero que possamos nos divertir, e que você possa concluir seus treinamentos e objetivos para esta rota.

No mais, acho que é isso.
Então, vamo nessa !



—  Mu Island.  —

Após finalizar suas negociações e o ensino dos TMs que havia combinado com a jovem que havia conhecido, o rapaz de comportamentos que beirava a insanidade partia até os correios da cidade onde se encontrava, tendo uma estranha intuição de algo poderia estar esperando pelo mesmo naquela central de entregas.
Assim, realizando os procedimentos padrões de pagamento e retirada da encomenda que - surpreendentemente - esperava pelo jovem naquele local, o mesmo partia ao lado de fora e buscava conhecer o conteúdo daquela estranha Pokébola de coloração diferenciada. E assim, chamando para fora do dispositivo de captura e armazenamento o Pokémon que se encontrava ali dentro, o treinador selvagem podia conhecer a criatura com a qual havia sido presenteado, seja lá por quem estivesse enviado aquela encomenda.
Após ter contato com a mais nova aquisição de sua equipe, reconhecendo as características da Pokémon que chamavam sua atenção, o rapaz de cabelo levemente esverdeado deixava claras as suas intenções para com aquela Scizor que havia recebido. Aliás, eram pokémons bem conhecidos por sua capacidade combativa, e isso era o que mais parecia agradar a mente maníaca do ex-contrabandista.
Desse modo, após a breve conversa com sua nova companheira de jornada, Johan trazia a Pokémon metálica de volta à sua Great ball e tornava a focar seus pensamentos no fortalecimento de seu Fantasma Venenoso, buscando por alguma região mais afastada em Mu Island para que pudesse realizar os treinamentos dos TMs que havia ensinado ao mesmo.
Era em torno das 2 da tarde quando, buscando por um lugar mais calmo, o rapaz acabava por encontrar uma espécie de terreno baldio, um pouco mais afastado do centro da cidade. Este parecia ser o local ideal para realizar alguns treinamentos, já que o terreno por si só já estava um tanto quando bagunçado, e não haviam pessoas próximas dali, evitando que acidentes pudessem ocorrer ou que o treinador selvagem fosse interrompido por alguém.
O terreno em si era um espaço quadrangular largo, localizado entre dois grandes muros de concreto, e aos fundos de uma construção mais alta. A vegetação que crescia do solo estava um pouco alta, já acima dos tornozelos do rapaz, e alguns objetos estavam espalhados por lá, como escorregadores enferrujados, alguns outros brinquedos abandonados e mal cuidados, e duas arvores que cresciam por ali, cada uma possuindo um balanço pendurado em seu galho mais forte. Outras plantas menores também cresciam por lá, espalhadas, como algumas flores e pequenos arbustos que não pareciam ter sido plantadas propositalmente.
Ao resolver que ali seria o lugar ideal para treinar, o jovem Johan instruía seu Gastly sobre como pretendia que o mesmo iniciasse seu treinamento, começando pelo movimento conhecido como Toxic, o qual infligia um status de envenenamento severo ao atingir seus alvos, e por conta de sua tipagem - que combinava com a do Pokémon venenoso -, provavelmente seria o mais simples para que o mesmo aprendesse.
Já o Pokémon gasoso se concentrava em executar as ordens de seu treinador, e concentrava as toxinas de sua nuvem venenosa dentro da esfera negra que formava seu rosto, e de sua boca deixava que aquele gás tóxico escapasse, assoprando-o para fora.
A técnica parecia ser, basicamente, aquela. Mas como Johan teria certeza que aquela nuvem venenosa criada por seu Gastly teria o potencial entoxicante o suficiente para causar o status de envenenamento severo em seus adversários ? Como descobriria se o movimento de nome Toxic havia sido aprendido completamente por seu Pokémon ?
Hitman
Hitman
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Qua Jan 31 2018, 20:27


Hell Kaiser


O entardecer já caía em Mu Island enquanto Johan procurava o lugar perfeito para poder treinar o seu Gastly junto de seus novos Technical Machines. Porém, por mais que procurasse, os lugares costumavam estar movimentados e o homem ficava um pouco incomodado com isso. Não pelo fato de haver pessoas ali para tomarem dano, mas sim porque desejava algum lugar reservado onde poderia treinar o seu fantasma com o seu próprio método, e sem interrupções. Precisava aprender esses movimentos cedo para poder sair em busca de atividades que poderiam fortalecer os seus Pokémon, mas antes precisava de uma boa gama de movimentos para conseguir ser deliberadamente rápido com as batalhas e não perder mais tempo do que esperava como perdeu com aquele Grimer inicial. A sua busca durou algum tempo, até que finalmente encontrou o local correto.

Havia chegado até um terreno baldio, fechado por muros e uma construção ao fundo, o concreto cinzento apenas deixando um ponto de fuga que dava para a calçada. A vegetação naquele local era um tanto quanto alta, a grama crescia de maneira selvagem enquanto o lixo da população deveria estar se espalhando ali sem muitos problemas para se decompor caso pudessem fazer isso em pouco tempo. Além disso, não havia uma alma viva ali. Talvez algum Pokémon selvagem escondido, mas nada que pudesse ser visto que fizesse o rapaz se importar. Duas árvores com balanços cresciam, espalhando seus galhos pela paisagem urbana muito comum em Mu Island, talvez algumas crianças viessem ali vez ou outra para se divertir. Mas, estando vazio, Johan poderia fazer seu trabalho.

Deu instruções à Gastly e o mesmo aprendeu de prontidão. Criando uma esfera venenosa à frente de sua boca, reunindo tudo facilmente pela suas características gasosas, até o momento que decidiu que a concentração estava boa o suficiente e então soprou a nuvem de fumaça à frente, tentando envenenar rigorosamente qualquer um que aspirasse aquele gás venenoso que se espalhava à frente do Ghost. Contudo, não havia confirmação de que o movimento estava correto. Johan observou a execução correta, mas não se sentiria satisfeito até que confirmasse que aquilo poderia ser um movimento de sucesso.

Certo, Gastly, sopre isso contra as plantas à sua frente. Elas irão absorver o veneno e provavelmente começarão a morrer por conta do teor de toxidade. Isso vai me mostrar se o movimento vai ser correto ou não. Se tiver problemas com isso, tente concentrar em líquidos, será tão efetivo quanto fumaça. — Instruiria Johan, observando com seus olhos vidrados, de maneira bem analítica. — Após seu sucesso, vamos treinar o Double Team.

Johan aguardava execução dos movimentos e o sucesso de seu Pokémon. Não se importaria se algumas plantas morressem para que ele garantisse o seu progresso. Não tinha outro Pokémon para servir de cobaia para testes de envenenamento, afinal, Scizor era um Steel-Type, e Grimer não era afetado por veneno por ser um Poison. Mas não faria muita diferença. Era apenas o primeiro de 5 que deveria aprender, masterizar e utilizar para se tornar uma máquina de batalha. Tendo completo o seu treinamento, o treinador selvagem logo começaria o treinamento de seu segundo movimento.

Muito bom Gastly, muito bom... Isso realmente me deixa animado. Bem, agora quanto ao Double Team, é bem simples. Comece a se concentrar para tentar criar cópias de seu corpo. Existem duas maneiras de fazer isso. Ou você pode se mover rapidamente para que as cópias sejam criadas, enquanto emite sua energia e elas apareçam, enganando seus oponentes, ou você pode utilizar de seu gás para criar cópias mais facilmente. — Instruiria Johan, observando com gosto. — Ou encontre alguma maneira de fazer isso, eu não me importo contanto que funcione. Aliás, a meta mínima são pelo menos 3 clones, e eu espero que pelo menos crie alguns a mais do que isso. Deve ser fácil para um fantasma, eles são responsáveis por assombrar, não é?

Dado as instruções, Johan iria em direção aos balanços e sentaria num deles, descansando seu corpo enquanto analisasse o treinamento do Pokémon gasoso. O sucesso dele era a chave para levar Johan para várias vitórias, e por mais que aquele fosse o segundo, ainda tinha muito o que fazer para que ele conseguisse aprender todos e ser um mestre nos mesmos. A cada momento, Johan ficava cada vez mais satisfeito com o progresso.


Ran - Cupcake Graphics




Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Hitman em Qui Fev 01 2018, 02:07


—  Mu Island.  —

O jovem dos cabelos esverdeados ficava a observar como seu Gastly executaria suas instruções, após explicar para o mesmo como o movimento deveria funcionar, e a forma mais fácil para que o fantasma pudesse aperfeiçoar a tal habilidade.
O Pokémon Fantasma conseguia criar uma espécie de nuvem tóxica, que até se assemelhava à névoa que rodeava seu próprio corpo. Mas, o treinador ainda necessitava de saber se a quantidade de toxinas que o fantasma expelia junto do gás venenoso que criava era forte o suficiente para causar o status de envenenamento severo em seus adversários.
Para obter tal informação, o jovem Johan instruía que seu Pokémon utilizasse aquela mesma névoa tóxica contra algumas plantas daquele terreno baldio. Assim, testando em organismos vivos, o mesmo poderia confirmar se o veneno tinha realmente a capacidade letal que necessitava para que a técnica estivesse desenvolvida por completo.
Assim, o fantasma venenoso se dirigia até próximo de um pequeno arbusto que havia próximo de onde estava , e novamente expelia a nuvem tóxica de sua boca - nuvem esta que dessa vez parecia até mesmo mais densa que antes -, e não tardava até os efeitos da mesma começarem a ser vistos na pobre planta. As folhas do arbusto começavam a murchar, tomando uma coloração escura e feia, caindo dos frágeis galhos, que também ressecavam algum tempo após a planta ser envolvida pelo movimento de nome Toxic.
Aquela era uma clara demonstração de que o TM Toxic havia sido aprendido com sucesso. Aliás, sendo o Gastly um Pokémon venenoso, tão como era o tipo daquele movimento, as coisas não se tornavam tão complicadas para o Pokémon. Mas, o próximo movimento talvez não fosse tão simples assim.
Desta vez, a técnica a ser treinada seria o Double Team, que basicamente é a capacidade do Pokémon "se multiplicar". Na verdade, a ideia seriam criar cópias de si mesmo, seja por meio de ilusões ou pela velocidade do mesmo, e com isso, confundir seus oponentes, de modo a fazê-los errar seus ataques, atacando as cópias e não o Pokémon verdadeiro.
Realmente, talvez aquela não fosse a técnica mais difícil de se aprender para um Pokémon como um Gastly, que naturalmente já possuem as capacidades de criar ilusões, normalmente utilizando as mesmas para pregar peças ou fazer travessuras. E era levando esse tipo de coisa em consideração, que o fantasma começava a tentar realizar aquela técnica.
As cópias começavam a se formar ao redor do mesmo, e como seu treinador pedia, eram justamente três cópias que se formavam ao redor do fantasma venenoso. Assim, o mesmo se voltava para seu treinador, que estava sentado em um dos balanços daquele terreno, e demonstrava para o mesmo como havia conseguido realizar a técnica com sucesso.
Mas... Talvez não tanto sucesso assim. Ao olhar para as ilusões criadas por seu Gastly, o treinador selvagem poderia perceber que as mesmas tinham certos "problemas": uma tinha duas bocas na parte superior do rosto, e um enorme olho na parte de baixo. Outra não possuía boca, apenas três olhos. E a última, nem mesmo tinha face, tendo apenas uma enorme língua saindo de onde seria a testa do Pokémon.
Como o treinador havia sugerido, talvez aquilo pudesse até assustar, mas não era o que se esperava de um Double Team. O movimento estava quase completo, mas com certeza não seria o suficiente para enganar um oponente.
Agora, quais seriam as instruções de Johan para tentar corrigir a técnica de seu Pokémon Venenoso, e ajudá-lo a aperfeiçoá-la com sucesso ?
Hitman
Hitman
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Qui Fev 01 2018, 03:14


Hell Kaiser


Johan observava com seus olhos vidrados cada movimento de Gastly. Não estavam desafiadores, e sim analíticos. Mesmo assim, o brilho de loucura cobria as suas íris amarelo vivo como sempre. Ele parecia estar muito satisfeito com o treinamento de seu fantasma, pois logo deu um sorriso deturpado, observando a o treinamento bem sucedido de Gastly. O Pokémon gasoso concentrou uma grande quantidade de toxinas em sua boca e então assoprou tudo, em uma densa nuvem venenosa, uma fumaça de aparência letal, muito mais bem constituída do que a sua primeira. Johan ficou ainda mais satisfeito ao ver o resultado. As plantas absorviam aqueles gases e aquilo as fazia morrer. As folhas ficavam amareladas, acinzentadas, e então murchavam e começavam a se despedaçar, mostrando a letalidade daquele Toxic bem utilizado. O gramado afetado já parecia sem vida, e os arbustos mostravam pelos amontoados de morte.

Johan ficava satisfeito com aquele resultado. Ver aquelas plantas recebendo uma dose letal de veneno o fazia ficar excitado. Em sua mente, aquilo era uma arma perfeita, que poderia ser muito bem utilizada pelo treinador sádico. Ele já imaginava as possibilidades daquilo nos humanos, caso fosse necessário utilizar. Ou mesmo em um concentrado líquido... mas Johan não possuía habilidades muito boas em química, não sabia fazer esses tipos de preparados. De qualquer forma, logo mandou que Gastly começasse a fazer seus clones para Double Team. Não foi um problema para o fantasma, todos os 3 clones estavam ali, e ele os fazia rapidamente, criando ilusões. Aquilo já mostrava um resultado. Contudo, eles vinham deformados, como aberrações. As faces vinham desorganizadas, eram apenas bolas de gases com aparência distorcida, como se estivesse sido produto das deturpações dos pensamentos do treinador. Ele fez uma expressão de nojo, mas sabia muito bem que aquilo era comum.

Isso está errado. A quantidade está certa, mas eles estão imperfeitos. Quero que você faça clones perfeitos, idênticos à sua aparência, e de maneira rápida. Pratique isso até que eles saiam perfeitos e o mais rápido que você conseguir que eles se mostrem. — Diria Johan, friamente, analisando as aberrações que logo desapareciam da vista do mesmo. — E também,
quero um aumento nos clones. Continue praticando até que eles saiam perfeitos e consiga criá-los rapidamente, ou não servirão para um combate real. Será fácil para você, afinal, é meu Pokémon. Após isso, vamos aprender o Taunt. Scizor vai ajudar.


Enquanto esperava que Gastly pudesse concluir seu treinamento com êxito, Johan liberaria Scizor de sua Great Ball. A grande inseto de cor rubra, alta, apesar de não tanto quanto Johan, já ficava ao lado de Johan, no balanço, aguardando o treinamento de Gastly acabar e ele conseguir fazer um Double Team bom o bastante para os parâmetros de Johan. Após o feito, Johan levantaria do balanço e faria sinal para que Scizor o seguisse, indo em direção à Gastly. Daria um sorriso de escárnio, e logo começaria a falar, dando instruções para ambos os Pokémon.

Gastly, você vai usar o Taunt. É um movimento que impede a utilização de movimentos status, e faça o Pokémon ser bem mais ofensivo e só consiga atacar caso cause algum dano. O que você tem que fazer está no nome. Use de sua persuasão e seu poder como fantasma para irritar Scizor ao extremo e fazer com que ela não consiga mais executar nenhum movimento de status. Você precisa transferir sua energia negativa para ela para que o efeito ocorra e seja inevitável. — Diria Johan, sorrindo, já imaginando a cena de ambos. — Scizor, você ficará utilizando Agility e Focus Energy até que não seja mais capaz de utilizá-los por conta das implicâncias de Gastly. Terá que resistir ao máximo e só irá parar quando realmente não conseguir mais focar em fazer status e só quiser atacá-lo para causar dano. Não utilize nenhum movimento que vá feri-lo, apenas limite-se a vir até mim quando não conseguir fazer mais nada.

Dito isso, o rapaz iria em direção ao balanço novamente, sentando-se e analisando a situação. Não se preocupava muito com ambos. Eram suas ordens, e ele esperava que elas fossem executadas com êxito. Sabia que talvez Scizor pudesse utilizar algum movimento que pudesse ferir Gastly, mas apenas os olhares do treinador e sua aura deveriam ser o suficiente para que a Bug-Type não fizesse coisas idiotas para não sofrer as consequências. A instruções de Johan eram diretas e objetivas. Ele não mudava sua opinião, seus gestos, ou mesmo a análise calculista em seus olhos, pinceladas com brilhos de loucura. Parecia que nunca iria piscar, estava obcecado com os movimentos de Gastly serem corretos e poderosos para serem usados em lutas. Não se importava com perfeição, longe disso, mas seus padrões eram altos. Sabia que não havia perfeição no poder. A pura e simples demonstração de poder. Era impossível não ser reconhecida. Era impossível ser perfeita. E também, era impossível ser imperfeita. A existência de uma força tão forte quanto o poder fazia com que Johan tremesse de excitação. Quem sabe o que o futuro guardava para ele?


Ran - Cupcake Graphics




Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Hitman em Sex Fev 02 2018, 02:54


—  Mu Island.  —

Após realizar sua primeira tentativa de executar o Double Team, o Gastly do rapaz acabava apresentando a técnica de maneira incompleta para seu treinador, criando a quantidade de clones pedida, mas todas as cópias possuindo alguma espécie grave de defeito, não sendo suficiente para camuflar o verdadeiro.
Em seguida, Johan acabava pro repreender um pouco a maneira como o fantasma havia apresentado suas ilusões de maneira imperfeita, e logo explicava como esperava que o mesmo pudesse aperfeiçoar a habilidade que estava praticando, também indo além e fazendo algumas exigências maiores e mais complexas, como criar mais cópias do que antes, e de maneiras mais rápida.
Talvez não fosse a melhor forma de treinar uma técnica para um Pokémon que havia acabado de realizá-la pela primeira vez, mas ainda assim, o Gastly tentava cumprir com o que lhe era proposto, mas, novamente, não conseguia atingir as metas estabelecidas por seu treinador. Provavelmente já seria o suficiente para usar em batalha, mas não da maneira que o ex-contrabandista esperava, já que o Fantasma conseguia criar apenas três cópias perfeitas, mas ainda não de maneira tão veloz. Talvez um pouco mais de treino e poderia criar a quantidade de cópias que o jovem Johan gostaria, na velocidade exigida pelo mesmo.
Mas, ainda assim, por enquanto já era o suficiente para se dizer que havia conseguido aprender o TM Double Team, tendo em vista que já seria capaz de utilizá-lo contra um oponente em uma batalha de verdade, apesar da possibilidade de ainda melhorar a forma como executava aquela habilidade.
Porém, desta vez chamando para fora de sua Great Ball a sua Scizor, o jovem dos cabelos esverdeados tinha novos objetivos para o treinamento de seu Fantasma Venenoso: a técnica a ser treinada desta vez seria uma que não possuía fins ofensivos - ou que pudessem causar danos aos seus adversários -, mas sim, provocá-los à ponto dos mesmos não conseguirem se concentrar em seus movimentos, podendo apenas atacar agressivamente o usuário da técnica.
E era exatamente pra isso que a Scizor do rapaz de olhos amarelados fora acionada naquele momento: para servir de cobaia de testes para a técnica do Gastly. A ideia por trás daquilo era bem simples até, já que caso a mesma não conseguisse executar seus movimentos passivos - como Focus Energy ou Agility -, indicaria que, provavelmente, o Taunt havia causado efeito.
Sendo assim, o Pokémon Gasoso se colocava a tentar provocar a metálica avermelhada, mas talvez por sua personalidade mais observadora e menos debochada, o Gastly acabava sentindo um pouco de timidez ou dificuldade ao tentar realizar ações que pudessem despertar aquele tipo de sentimento na Scizor de seu treinador.
Enquanto isso, a tipo Inseto continuava a encarar o fantasma com a mesma expressão que saíra de sua esfera bicolor, fitando-o com um olhar penetrante, enquanto parecia demorar um pouco a executar os comandos de seu recém-conhecido treinador, Johan. Porém, logo começava a executar o Focus Energy, conforme o Gastly prosseguia pensando no que fazer, tentando fazer algumas caretas, mas não obtendo sucesso, tendo em vista que a Inseto metálica continuava a executar seus movimentos passivos sem demonstrar estar sendo afetada por aquele tipo de provocação.
Agora, qual seria a estratégia do Fantasma para tentar assimilar melhor aquele TM que estava tentando aprender ? Ou qual seria a reação do treinador selvagem quanto àquilo ? Quais seriam suas novas instruções para auxiliar seu tipo venenoso a aprender aquela técnica ?
Hitman
Hitman
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Die Hard Guy em Sex Fev 02 2018, 04:01


Hell Kaiser


Gastly logo iniciava seu treinamento novamente. Johan o observava de longe, criando seus mais novos clones. Utilizando de seus poderes, o fantasma conseguia criar 3 clones, todos perfeitos, de aparência idêntica ao original. Contudo, não havia conseguido criar os clones de maneira rápida o suficiente, tampouco havia conseguido criar mais do que 3 deles. Apesar de estarem perfeitos e utilizáveis para uma batalha real, Johan exibia uma expressão de desgosto. Sabia que aquilo era o suficiente para ser utilizada, mas não chegava exatamente aos seus critérios. Apesar de tudo, engoliu em seco aquela atitude, e vendo que ainda precisava aprender outros movimentos, deixou aquela falha passar para ser treinada novamente depois, logo passando para a próxima etapa.

Liberou a Scizor e esperou que fizessem o seu trabalho, trabalhando em conjunto para que Gastly conseguisse executar com perfeição o Taunt, um grande problema nas batalhas que Gastly viria a percorrer. Logo começaram, e Gastly fazia suas tentativas de assombrar aquele inseto rubro, de olhos penetrantes, presença avassaladora. Não havia conseguido. A inseto começava a utilizar um movimento de status para poder aumentar seu Critical Hit Ratio. Gastly parecia estar tendo problemas com o olhar penetrante de Scizor. A Steel não parecia se deixar ser assombrada facilmente, e mantinha sua postura firme, enquanto intimidava a natureza observadora de Gastly.

Johan fez outra expressão de desgosto ao ver a cena, vendo o fracasso de seu Pokémon. Mesmo assim, já sabia reconhecer qual era o problema. Gastly estava tentando assombrar, e não irritar e enraivecer Scizor, como deveria ser feito desde o início. Aquilo não iria ajuda muito. Gastly precisava atingir o ponto fraco na psicologia de seu oponente para desencadear sua fúria e fazer com que não conseguisse se concentrar em utilizar movimentos que não fossem ofensivos. Provocar a ira de seu oponente de alguma forma para ganhar a vantagem em uma luta. Johan então se aproximaria de ambos, com um sorriso no canto de sua boca, a face um tanto quanto provocativa, os olhos vidrados penetrando na mente de qualquer um que o observasse. Assim que se aproximasse, retornaria Scizor, para conversar com Gastly em particular. Logo, sua expressão se tornaria dura, rígida, os olhos mostrando desprezo.

Gastly, você está executando o movimento de forma errada. Observar você não conseguir enxergar o ponto fraco de Scizor me faz ficar um pouco intrigado quanto às suas capacidades. Você deve enxergar por trás de seu oponente. Não sei o que você disse, mas certamente não foi o suficiente. Vou trazê-la novamente e lhe mostrar como é feito. — Instruiria Johan, estático, sua face agora inexpressiva, apenas mostrando o que deveria ser feito. — Infelizmente, sou apenas um humano, então não posso impedir que os movimentos dela sejam limitados. Isso é com você aplicando o seu poder nas palavras ou gestos. Diga coisas fortes e difíceis de serem ouvidas, que possam facilmente desencadear a ira de alguém. Ou gesticule, provoque fisicamente seu adversário por mostrar sua língua, fazer caretas, irrite-a de forma simples, talvez funcione contra Scizor. O método não importa, desde que funcione.

Dito isso, Johan, libertaria o segundo Pokémon de sua equipe. O inseto imponente se mostraria diante do imperador do inferno e de seu "inicial", seus olhos ainda penetrantes, passando a sensação de ser um ser inabalável, que dificilmente seria provocado, enganado ou mesmo menosprezado. Johan então começaria suas aulas. Daria um largo sorriso de escárnio, louco, com seus olhos selvagens agora mostrando uma expressão de provocação. Era a melhor expressão que conseguia executar, era a que possuía durante a maior parte do tempo. Usar de suas habilidades para mostrar a Gastly como se faz da maneira correta poderia ajudar que o fantasma gasoso pudesse finalmente entender o que fazer e então desencadear a fúria daquela Bug-Type agressiva.

Então, Scizor, estava conversando com Gastly sobre você. Você realmente se acha poderosa, não é? Acha realmente que pode fazer diferença em alguma luta contra qualquer oponente, certo? Bem, eu tenho que informar que você não pode estar mais errada. Você não vale o que é, passando a impressão de ser durona quando na verdade não consegue encarar a realidade e aceitar que é fraca. — Provocaria Johan, sua face trincando com insultos e provocações mais variadas para fazerem com que Scizor ficasse cada vez mais enraivecida. Risadinhas passariam pela sua voz, aumentando o grau de provocações. — E, bem... espero que a senhorita Scizor não tente fazer nada contra mim. Sabe, se tentar fazer algo, você nunca mais irá lutar. Nunca em sua vida conseguirá novamente exercer o papel para qual você foi criada neste mundo. Por mais que você seja fraca e queira lutar, eu, como Hell Kaiser, irei lhe permitir que faça isso. E, bem... você, de alguma maneira  se tornará forte por minha causa. Então não acredite por 1 segundo que você tenha algum crédito, a menos que eu realmente decida creditar você pelos seus feitos... Bem, volte ao treinamento.  Comece a utilziar Focus Energy e Agility enquanto Gastly tenta utilizar os Taunt em você e consiga fazer com perfeição. Boa sorte para ambos.

Após dizer tais palavras e proferir tamanhas provocações, voltaria tranquilamente para o balanço e aguardaria que resultados fossem mostrados. Johan era um mestre na arte de provocação, e sabia o que realmente atingia seus alvos. Além disso, usara uma tática muito efetiva. Ao mesmo tempo que mostrava para Gastly a maneira correta de provocar um alvo, ainda estava impondo sua superioridade para Scizor, e incentivando com o discurso de que ela precisaria dele para ser realmente poderosa fazia com que ela entrasse em conflito e não se voltasse contra seu mestre, apenas recebendo toda aquela provocação para servir de exemplo para Gastly. Provavelmente, após aquela aula, o Ghost-Type conseguiria sem mais problemas causar aquelas sensações contra Scizor. Além disso, o fato de ter uma personalidade observadora o ajudava em batalha, fazendo com que pudesse rapidamente identificar o ponto fraco de seus oponentes, como era o caso de Scizor. Johan só se preocupava em ser forte, não importando os métodos, e seria abusivo se isso fosse realmente necessário.



Ran - Cupcake Graphics




Die Hard Guy
Die Hard Guy
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Hitman em Sab Fev 03 2018, 17:04


—  Mu Island.  —

Ao ver o modo como seu Gastly possuía algumas dificuldades ao tentar executar o Taunt, não conseguindo encontrar a melhor forma de provocar seu alvo - que atualmente era a própria Scizor do rapaz -, o treinador selvagem resolvia intervir no treinamento, em prol de realizar uma pequena demonstração para o Fantasma Venenoso.
Assim, o mesmo chamava sua Pokémon metálica de volta ao seu dispositivo de captura, e então passava alguns conselhos e instruções ao tipo venenoso, de modo que o mesmo pudesse pegar algumas "referências" da melhor maneira para se provocar alguém. E, em uma demonstração "ao vivo" de como realizar tal façanha, o jovem dos cabelos esverdeados - confiante nas capacidades que aprendera durante sua vida envolvido no mundo do crime -, provocava sua tipo Inseto com suas palavras e expressões que transbordavam a loucura do mesmo, sendo um tanto quanto abusivo em suas atitudes.
A Scizor o fitava de forma estranha. Seu olhar penetrante, agora exibia um misto de medo, confusão e raiva ao ver as atitudes do rapaz, e ao ser coordenada para que continuassem o treinamento, a mesma parecia hesitar por uns instantes. Conforme o mesmo se afastava, a metálica vermelha tornava a utilizar seu Focus Energy, mas era óbvio o estado de ansiedade e raiva que a mesma passava naquela situação, mal conseguindo executar a técnica de maneira correta.
Já o Fantasma Venenoso também parecia esperar o rapaz dos olhos amarelados se afastar para poder retornar aos seus treinamentos - tentando novamente praticar aquilo que havia aprendido com as atitudes de Johan -, começando a rodear a mesma flutuando, exibindo sua enorme língua e gargalhando de maneira irritante, com a expressão de quem estava a implicar com a Inseto metálica por conta da forma como seu treinador havia agido com a mesma, tratando-a daquela forma.
A tática do "inicial" do ex-contrabandista poderia estar bem próxima de estar completa, e talvez até estivesse pronta. O problema é que a própria Scizor parecia não se importar com o mesmo, já que continuava a encarar o treinador, realmente demonstrando não ter concordado com aquela sua atitude, provavelmente ainda remoendo um misto de medo de tentar enfrentá-lo e sofrer as consequências, mas também desenvolvendo certa raiva por conta daquilo.
Os atos insanos e abusivos de Johan realmente haviam auxiliado pelo ponto do Pokémon Gasoso compreender algumas formas de atingir um outro Pokémon, provocando-o e praticamente conseguindo executar o Taunt. Mas, a parte ruim é que a Scizor não se importava muito com o que o Gastly fazia, e acabava não sendo afetada, ainda conseguindo executar - por mais que tivesse dificuldades - seu Focus Energy, enquanto continuava a fitar o ex-contrabandista que se afastava.
Então, qual seria a próxima saída do mesmo para resolver aquilo ? Ou apenas esperaria que a mesma "se conformasse" com seus atos e sua posição, e o treino pudesse prosseguir ?


Off:
Cuidado com essas paradas, bro.
Lembre-se que aqui no fórum tem o sistema de "Felicidade", e Happiness negativa acarreta em Pokémons que não te obedeçam, não gostem de você,
etc. E o ganho ou perda de Happiness é baseado no próprio jeito do treinador lidar com seu próprio Pokes.
Atitudes abusivas, negativas, maldosas, descuidadas, tudo isso pode influenciar nesse quesito (ainda mais levando me consideração que você meio que "acabou de conhecer" esse Pokémon, e ele não saberia que seu personagem é assim naturalmente).

Scizor perdeu 5 de Happiness.
Hitman
Hitman
Treinador

Treinador

Alertas :
n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Left_bar_bleue0 / 100 / 10n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

n.1 Jeepers Creepers - Página 2 Empty Re: n.1 Jeepers Creepers

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum