Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

#003 — Uma turminha do barulho

Página 1 de 9 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por BigDaddy em Sab Nov 30 2019, 13:50

off:
Olá narrador, essa vai ser uma rota junto com o TH e o Ryousuke. Vamos pro swarm, capturar outros pokemons também, fazer uns treinos, talvez plot e a dungeon. Enfim é contigo, fica a vontade e vamos se divertir.



No primeiro momento dentro do navio de Forina até Lilycove, Joe ficava trocando uma idéia e fortalecendo laços com seu mais novo amigo nesse mundo de fantasias, que era nada mais e nada menos que Dominic Baresi. Yokosuka acima de tudo era uma pessoa altamente sociável e misturando com bom humor diferenciado de Dom acabavam formando uma boa dupla. Tal dupla que se provou forte anteriormente quando participavam de uma peça no teatro de Forina, peça no qual ficará marcado pra sempre na memória do rasfari; pela primeira vez ele atuava e ainda por cima interpretava uma pessoa totalmente diferente de sua personalidade, mesmo assim a partir do momento que vestia a peruca, uma outra personalidade assumia seu corpo e conseguia fazer sua atuação muito bem. Sendo uma peça que acabava sendo muito ovacionada pela a platéia presente no espétaculo, que aplaudiam de pé e pediam bis em uma outra data. Não só a platéia ficava encantada, como o diretor da peça que também adorava a atuação de ambos os jovens e presenteava com uma série de itens como recompensa.

Cada vez que Joe lembrava da peça, sentia um misto de emoções. Mesmo tendo a parte divertida já relatada, também teve a parte "pecadora". O devoto por ter interpretado um personagem "mundano" acabava por cometer uma série de pecados, sendo eles: exagero nas palavras de baixo calão, uso de substâncias não naturais, atitudes mesquinhas e egoístas, entre outros. Com isso iria acabar aproveitando a exploração no monte para poder orar e se confessar, no monte essas práticas iriam ser uma forma de estar mais perto de seu Deus.

Após momentos de reflexões, conversas longas e um merecido sono, finalmente chegava até o seu destino. Joe se levantava se espreguiçando e soltando um longo bocejo, estava pronto para inicializar sua mais nova aventura. Com os pés na cidade de Lilycove, o rastafari não perdia tempo e juntamente do menino zumbi já se direcionavam para a rota 121.

O clima naquela rota era algo assustador, com o céu escuro com nuvens carregadas de chuva e com ventos fortes que bagunçavam ainda mais os dreadlocks do jovem. A dificuldade em seguir pela a rota era notória, caminhava com passos curtos tomando o máximo de cuidado para não escorregar e também se protegendo de baixo da copa das árvores, fazendo as mesmas como uma espécie de guarda-chuva. Por ainda ser um "novato" nesse mundo, estava claramente perdido e sem saber o caminho de fato até o topo do monte, buscava sempre olhar ao redor para encontrar algum treinador ou sinalização que pudesse indicar para qual caminho seguir.

— Meu deus, não sei nem pra onde ir. Esse clima também, hein... — Deu um suspiro de insatisfação e retornou a falar. — Se eu tivesse tido contato com minha mãe, era certo dela falar pra trazer um casaquinho e um guarda-chuva. Qualquer um dos dois nesse momento seria bem vindo, estamos na merda. — Ao final de sua fala, soltou uma breve risada de nervoso.

BigDaddy
BigDaddy
Designer

Designer

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por THVeiudo em Sab Nov 30 2019, 16:00

Off:
Big ja resumiu ai o que vai ser. Desculpe o post fraco, eu tava com pressa e com o tempo vai melhorando. Muito obrigado a quem assumir!


Com o fim do evento, Dominic junto com seu mais novo amigo Joe, decidiam seguir para o Mt. Pyre após ver no noticiário de que o lugar estava enfrentando uma forte tempestade. Era uma decisão bem imprudente, mas bem comum para treinadores. Embarcando para Lilycove, a dupla não perdia tempo e assim que chegava, já avistava a rota 121 que estava marcada pela tempestade noticiada.

Chuva e vento forte, raios e trovoes faziam o lugar se tornar um ambiente bastante hostil. Mas era isso que ambos procuravam, meios deste tipo os tornariam mais fortes. Dominic assoprava e esfregava as próprias mãos enquanto seu nariz já dava sinais de uma inevitável sinusite.


- Mas que merda, olha como tá esse lugar. Vamos andar um pouco mais depressa, procurar alguma copa de arvore grande, ou procurar alguém da região para pelo menos nos dar alguma direção. – Rawwwar A símia soltava um pequeno grunhido a cada trovão que ecoava. A macaquinha não gostava dos raios e ficava abrigada, encolhida, dentro do casaco do treinador, apenas com sua cabeça de fora para ver o ambiente. – Para de frescura, Rockie. Essa marra toda e tem medo de trovãozinho? Poarr.  – A símia não respondia com agressividade como o habitual e ficava resguarda em seu pequeno abrigo.

- Bora mlk, esse dread vai ficar fedidaço quando secar. Não pode molhar muito essa porra não. Vai ficar igual uma lata de lixo do meu lado? Mama! – O garoto zumbi apressava seu parceiro que era um pouco lento, devagar demais, para encontrar algum modo de se abrigarem e irem prosseguindo pouco a pouco durante a rota.

THVeiudo
THVeiudo
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Ryousuke em Sab Nov 30 2019, 19:46

Trajando uma humilde capa de chuva amarelada, o ruivo dava seus primeiros passos no início do caminho, arrependendo-se amargamente de ter tomado a decisão de sair da cidade. O clima não estava lhe facilitando em nada, e ele certamente iria piorar conforme fosse subir o Mt. Pyre. Talvez devesse ter continuado em Lilycove e desistido de explorar a anomalia.

Mas Youma impedia Ryousuke de dar meia-volta, dando breves batidas com seu corpo no ombro do rapaz assustado. Parecia querer encorajá-lo de todas as formas possíveis, mas o ruivo não estava tão confiante. Se um Pokémon havia causado essa tempestade, fraco ele não era. E aquilo fazia o jovem suar, misturando seu líquido corporal com as gotículas de chuva que batiam em seu rosto.

Olhando aos arredores com a maior atenção o possível, ele analisava alguma possibilidade de haver um local, evento ou seres vivos interessantes para se dar uma olhada.
Ryousuke
Ryousuke
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Karinna em Dom Dez 01 2019, 00:30

Olá bebês.

Estarei assumindo sua rota e espero que gostem do plot que reservei pra vocês.

Qualquer reclamação ou pergunta favor fazê-la diretamente a meu secretário Milton.

P.S.: Sério agora, o que precisarem pode mandar MP ou chamar no discord <3

Uma turminha do barulho.


Hoenn nunca esteve tão... molhada?

Apesar de no meio da tarde, o característico forte sol da região se escondia timidamente atrás das centenas de nuvens carregadas que flutuavam sobre o céu. A chuva de pingos grossos era incessante e trovões conseguiam ser escutados a poucos metros de distância, bem como era possível visualizar raios atingindo as mais altas copas de árvores de tempos em tempos. Lá do alto, a seleção natural fazia seu trabalho: a eletricidade atingia alguns dos pássaros que voavam em desespero, praticamente cozinhando-os em pleno ar; pobres Wingulls, que com uma fraqueza dupla a correntes elétricas, era de se duvidar que saíssem dali inteiros.

E assim entrava nossa dupla, Joe e Don, ainda que com certo receio, para explorar o ambiente — agora — hostil. A rota cento e vinte um era conhecida pelos seus diversos biomas e percursos a serem seguidos até o famoso Mt. Pyre, mas talvez essa não fosse a situação: a estrada principal estava bloqueada, com duas árvores gigantes que a tempestade e o forte vento marítimo fizeram questão de derrubar poucos minutos atrás. Inclusive, uma terceira estava para cair mais a frente, o que indicava que talvez aquela direção não fosse a mais sábia a se seguir.

Não muito longe da dupla e a poucos metros de distância, Ryousuke surgia com sua capa amarela de chuva, tendo pensamentos duvidosos se fizera a escolha certa de enfrentar o temporal. Com Duskull flutuando ao seu lado, o treinador parecia assustado com a possibilidade de um Pokémon ser o causador de toda essa anomalia, o que não tinha como saber a não ser que prosseguisse e enfrentasse seus medos. Se apertasse o passo, talvez até encontrasse Baresi e Yokosuka, conseguindo até mesmo vê-los no limite de seu campo de visão mais à frente.

A rota era deserta: o medo do ruivo parecia ser comum dentre a população e os treinadores que habitavam a região. Não acostumados com um clima tão furioso em seu país tão ensolarado, eram poucos os que se aventuravam, mas nenhum à vista dos nossos heróis. Algumas pegadas não só de pessoas como de Pokémon não característicos da rota desenhavam a terra molhada, sendo bastante evidentes independente do caminho que decidissem seguir.

Com o trajeto principal bloqueado, restavam somente dois percursos disponíveis.

Caso decidissem descer pela direita por uma pequena rampa de areia, nosso heróis chegariam à praia. A costa arenosa acompanha toda extensão da rota e apesar do violento vento e do impetuoso mar, possuía poucos coqueiros que não pareciam muito inclinados a cair, dando mais segurança à caminhada. Por outro lado, a força das correntes de ar que vinham do oceano eram impressionantes, diminuindo drasticamente a temperatura do local. Ah! E com a maré alta, caminhar seria um tanto quanto complicado, mas não impossível.

Seguindo pela esquerda e entrando pelos arbustos, os rapazes enfrentariam a floresta. Não muito convidativa já que não estava tão bem iluminada graças às altas copas das árvores que escondiam os — já escassos — raios solares, mas sem dúvidas menos molhada e mais quentinha que a alternativa anterior. No entanto, os raios não paravam de cair e ficar parado muito tempo em um único lugar sem dúvidas poderia ser bem perigoso.



Progesso da rota — Joe:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Haunter — lvl 25 — HP: 57/57 — Status: Normal.
Nincada — lvl 10 — HP: 26/26 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 19 — HP: 51/51 — Status: Normal.

Progesso da rota — Don:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Aipom — lvl 23 — HP: 58/58 — Status: Normal.
Nincada — lvl 14 — HP: 32/32 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 18 — HP: 49/49 — Status: Normal.
Nuzleaf — lvl 17 — HP: 50/50 — Status: Normal.

Progesso da rota — Ryousuke:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Duskull — lvl 22 — HP: 40/40 — Status: Normal.
Minun — lvl 20 — HP: 54/54 — Status: Normal.
Beautifly — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Lombre — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Zigzagoon — lvl 02 — HP: 13/13 — Status: Normal.



Última edição por Karinna em Sex Jun 12 2020, 21:43, editado 1 vez(es)

_________________
#003 — Uma turminha do barulho LIDc0c8
#003 — Uma turminha do barulho QDSjLGH

Off:

#003 — Uma turminha do barulho Ihjnzau
#003 — Uma turminha do barulho EAHKxXN
Karinna
Karinna
Mestre

Mestre

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por BigDaddy em Ter Dez 03 2019, 08:52

off:
Olá KB, muito obrigado por assumir <3
UHAEUHEAUAEHEAU, pode deixar. qualquer coisa falo com seu secretário.

Fiz um post rapidinho só pra começar uma interação com o Gyu.



O clima estava mais louco do que podia imaginar, nem parece aquela Hoenn que conheceu nos primeiros passos de sua jornada. Realmente, quem tivesse ocasionando tudo isso era alguém muito poderoso. A situação ia piorando a medida que Joe ia adentrando na rota 121, conseguindo ver trovões e mais trovões. Um verdadeiro show de luzes e que acertavam alguns pássaros que sobrevoavam o local, aquilo de certa forma afligia o coração do bom garoto.

Após alguns minutos de caminhada pela a rota, nossos heróis eram surpreendidos novamente; A estrada principal ficava bloqueada com duas árvores caídas, impossibilitando passar para o outro lado e chegar no Monte Pyre. Provavelmente porque demoraram muito para terminar a peça de teatro, visto que não existia mais nenhum treinador ao redor seguindo para o monte, bem capaz de todos já estarem lá em cima. O rastafari não conseguia esconder sua decepção, dava alguns chutinho naquelas árvores e retornou a observar o seu redor em busca de outras possibilidades, o que não seria difícil de encontrar devido a diversidade do local.

— Que merda... — Esbravejou. Ao olhar para o caminho que tinha passado, conseguia localizar alguém vestido todo de amarelo, impossível aquela forte cor não chamar a atenção. — Olha, Dom. Parece que é outro treinador, vamos tentar algum contato. Três cabeças pensam melhor que duas. — Assim que terminou de falar, esticou seu braço direito para o alto e balançou repetidamente, sinalizando para o menino de amarelo. — EEEEEI! VOCÊ! — Gritou.

BigDaddy
BigDaddy
Designer

Designer

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por THVeiudo em Ter Dez 03 2019, 08:54

Off:
E aeeeeee, finalmente serei narrado por voce hahahhahaha. Tava ansioso esperando! Pode tocar o plot fi, que a gente abraça, só vamo!




O tempo seguia como o previsto. Uma forte tempestade que afastava todas as almas daquele recinto. A trilha, talvez por conta da baixa visibilidade causada pela chuva, seguia inóspita. Parecia que apenas a dupla de esquisitões tivera coragem, ou demência, suficiente para sair e desbravar aquela área naquele momento.

A parte da rota mais "trilhada" estava bloqueada com arvores caías oriundas da tempestade. Dominic olhava para a trilha bloqueada e para Joe, mesmo sem dizer nada no momento, o garoto de dread conseguia fazer uma leitura do que se passava em sua cabeça.


- É.. como sempre, estamos pouco fudidos. Mal da pra ver alguns metros a frente. Por mais perigoso que seja a tempestade com raios, acho melhor seguirmos embaixo da copa das arvores. Ali pela praia, olha lá. Ta uma merda, o vendo frio vindo do mar vai acabar com a gente.

Esperando uma resposta de seu parceiro, Dominic seguia olhando de um lado para outro procurando melhores oportunidades para seguirem o caminho. Ate que ao olhar para trás, avista, em meio toda aquela chuva, um ponto amarelo. Pelo tamanho e dimensão, notava-se que se tratava de um ser humano trajando uma vestimenta que parecia iluminar o caminho naquele alvoroço.

- Ala Joe, tem algum otario vindo pelo caminho tambem, vamos perguntar se ele conhece a area. - Dominic colocava suas duas maos proximas a boca e fazia uma especia de "corneta", tentando propagar mais o som de seu grito. - OOOOOOWWWWWWWWWW! AQUIIIIIIII!! AJUDAAAAA! - Apos berrar, o garoto balançava seu braço afim de ajudar a pessoa visualmente.


_________________
#003 — Uma turminha do barulho 9ibJsnl
THVeiudo
THVeiudo
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Ryousuke em Ter Dez 03 2019, 16:31

OFF:
Finalmente vou ser narrado por você, KB! Altas expectativas pro plot.

Parando por breves momentos para analisar bem a situação atual do clima, o ruivo acabava arrependendo-se amargamente de ter decidido explorá-la. Aquela cena parecia uma verdadeira obra de Giratina; os raios na chuva eram constantes, atingindo tudo o que via pela frente; Ryousuke quase deixava gritos escaparem a cada trovoada que via e/ou ouvia.

Encarando um pouco mais à frente na trilha, o esguio notava que a estrada principal parecia ter sido bloqueada por árvores gigantescas que haviam sido derrubadas. Num olhar que parecia aliviante, o jovem encarava a criaturinha que lhe acompanhava.

O-olha, Youma. A estrada está bloqueada. Q-q-que pena, n-né? Vamos vol-- — Sua sugestão foi interrompida ao ouvir gritos vindo logo à frente, de duas pessoas cujas presenças ele não havia percebido; talvez devido à chuva ou por estar preocupado em morrer ali mesmo. Num suspiro com um misto de ansiedade e preocupação, ele apressava o passo para alcançar os dois.

Acabava deparando-se com três figuras já bastante familiares; os dois treinadores que havia conhecido no Centro Pokémon de Forina e a Aipom de um deles. — J-Joe? Dominic? O que estão fazendo aqui? — Ele perguntava, surpreso. Se os outros dois vissem a face aterrorizada do garoto, provavelmente pensariam que tinha sido arrastado até ali à força.
Ryousuke
Ryousuke
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por BigDaddy em Ter Dez 03 2019, 18:26



A medida que o jovem da capa amarela ia se aproximando, ia surgindo o semblante de um já conhecido treinador. Se tratava de Ryousuke, um jovem que Joe tinha encontrado em seu treinamento pré teatro, juntamente com Dominic. O rastafari se sentia aliviado por ser uma pessoa já conhecida, o que poderia facilitar ainda mais o processo de chegar até o monte.

— Ryousuke! Aconteceu alguma coisa, cara? — Disse por causa da face aterrorizada do rapaz. — Ah, então. Vimos no noticiário sobre a tempestade, como não vimos o pessoal no centro pokémon depois do teatro, resolvemos partir pra cá. Certamente estaria geral aqui. — Sorriu. No meio da conversa, se arrepiou todo devido ao frio e a chuva do local. — Vamos meter o pé daqui, tá muito frio. Não trouxe nenhum casaco, pra lá tem uma floresta. Acho que é melhor do que seguirmos pela praia, eu iria acabar tendo uma hipotermia ou uma pneumonia indo por lá. — Apontou para a floresta próxima, indicando pra qual lugar deveriam seguir.

BigDaddy
BigDaddy
Designer

Designer

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por THVeiudo em Ter Dez 03 2019, 21:54



Tendo a mesma ideia sem ne combinarem nada, Don e Joe gritavam chamando o ser que usava a capa de chuva amarela. Logo que se aproximava, a dupla percebia que se tratava de um conhecido. Nada mais nada menos do que Ryosuke, o menino que transpirava demais. O garoto se aproximava com uma feição pavorosa, como se não quisesse estar ali, mas já estava.

- Não. Não somos Dominic e Joe, não. Aqui é a porra do Palhaço Pennywise, doido pra te dar uma balãozin vermelho, Geeeeooorgiie – O garoto zumbi tentava fazer uma cara assustadora com ironia. - KKKKKKKK. Que porra de capa amarela é essa, Ryo? Tá ridículo mlk. Vamos logo sair do campo aberto, próximos das arvores a gente consegue se abrigar melhor. Abre essa capa ai, divide pra nos três, só para cortar um pouco a chuva. Só colocar sobre a cabeça segurando com as mãos, aberta e andarmos em fila. Assim todo mundo fica menos molhado, o que acham? – Dominic não esperava uma resposta de Ryosuke e já ia desabotoando a capa a amarela e distribuindo para os três andarem em fila com ela sobre suas cabeças.


THVeiudo
THVeiudo
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Ryousuke em Sex Dez 06 2019, 15:06

Ryousuke recuava brevemente com as provocações vindas de Dominic, exibindo um sorriso torto e forçado enquanto o encarava com um olhar de susto. Demorou um tempo para voltar ao normal, após escutar a risada do jovem de cabelos roxos; seu suor característico mesclava-se com as gotas grossas de chuva que machucavam o rosto.

Também quis vir pra cá por causa da tempestade, mas... — Coçou o próprio braço, um pouco receoso — n-não sei se quero mais — completou o próprio pensamento, quase inaudível.

Quando foi abordado novamente por Dom, deu uma breve olhada nos próprios braços, esticando-os para ver como estava com a capa de chuva. — Ridículo, mas seco! — Ele respondia, num sorriso sincero que acabava se dissipando aos poucos. — Na verdade... n-nem tanto. A capa é meio ruim. — Depois, assustou-se quando o garoto zumbi tentava arrancar a capa do corpo do ruivo, mas acabava o ajudando no final. Não era lá a pior das ideias.

Eu não quero ficar numa área aberta e ter mais chances de ser alvejado por um raio, e-então... é melhor a floresta mesmo, Joe. — Ele concordava, indo para o centro da capa por ser o mais alto, e logo preparava-se para - tentar - acompanhar os outros três em pé igual.
Ryousuke
Ryousuke
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Karinna em Sab Dez 07 2019, 21:09

Uma turminha do barulho.


A capa amarela de Ryosouke rapidamente se tornava comunitária: com a ideia de Don, todos os três mosqueteiros se encolhiam juntos embaixo do tecido e caminhavam para o que pensavam ser o caminho mais tranquilo dentre os disponíveis.

Não poderiam estar mais enganados.

15:15h, zona sul da floresta.


A vegetação da rota cento e vinte um não era nada incomum se comparada ao restante de Hoenn: árvores de copas altas e raízes aéreas com bons intervalos entre uma e outra enfeitavam o bioma, com arbustos e pequenas plantas ornando a distância entre os vegetais antes mencionados e o chão composto de folhiço encharcado. Como dito anteriormente, a iluminação presente não era das melhores, afinal, a tempestade era tanta que seria praticamente impossível as nuvens se dissiparem.

O solo era um tanto quanto desnivelado, já que a rota funciona como a base de uma montanha, terminando um pouco antes da principal subida de fato para o Mt. Pyre. Por isso, ter bastante cuidado onde pisa é fundamental; apesar de não ser tão íngreme ao ponto de fazer uma pessoa despencar, pode ser um tanto quanto desagradável para se colocar de pé novamente.

A floresta parecia deserta e certamente estava silenciosa, com trovões compondo repentinas melodias de minutos em minutos, assim como árvores que caíam logo em seguida em virtude dos raios e do vento. O padrão era exatamente esse, salvo quando nenhum vegetal caía por sorte. Assim sendo, o que viria logo a seguir seria, no mínimo, estranho.

À direita dos rapazes um estrondo semelhante ao que já estavam acostumados a ouvir ecoou por toda floresta, dessa vez bem próximo. O problema era que nenhum raio fora visto ou sequer iluminou a copa das árvores como de praxe. Para melhorar ainda mais a situação, caso dessem mais alguns passos, chegariam a uma enorme lareira, marcada por diversas árvores abatidas, todas com marca do que parecia ser uma enorme garra, cortadas ao meio — sem dúvidas não sendo obra do fenômeno natural. Mais bizarro do que isso era um leve choro bem fino que vinha de trás de uma das árvores na mesma direção que o barulho fora escutado... Será que algum dos três seria corajoso o suficiente para investigar?



Progesso da rota — Joe:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Haunter — lvl 25 — HP: 57/57 — Status: Normal.
Nincada — lvl 10 — HP: 26/26 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 19 — HP: 51/51 — Status: Normal.

Progesso da rota — Don:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Aipom — lvl 23 — HP: 58/58 — Status: Normal.
Nincada — lvl 14 — HP: 32/32 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 18 — HP: 49/49 — Status: Normal.
Nuzleaf — lvl 17 — HP: 50/50 — Status: Normal.

Progesso da rota — Ryousuke:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Duskull — lvl 22 — HP: 40/40 — Status: Normal.
Minun — lvl 20 — HP: 54/54 — Status: Normal.
Beautifly — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Lombre — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Zigzagoon — lvl 02 — HP: 13/13 — Status: Normal.


_________________
#003 — Uma turminha do barulho LIDc0c8
#003 — Uma turminha do barulho QDSjLGH

Off:

#003 — Uma turminha do barulho Ihjnzau
#003 — Uma turminha do barulho EAHKxXN
Karinna
Karinna
Mestre

Mestre

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por BigDaddy em Seg Dez 09 2019, 08:43



Dominic nem esperava o Ryousuke responder e rapidamente tirava a capa de chuva do jovem, "distribuindo" para os três heróis; que se encolhiam naquela capa e em passos sincronizados caminhavam em direção da floresta.

Assim que adentravam na floresta, Joe saía de baixo daquela capa de chuva, era um lugar apertado demais para seguir junto por toda rota. Correu para se proteger de baixo da alta copa daquelas árvores, aproveitava também para desprender seus dreadlocks e ficava balançava sua cabeça, a fim de "secar" seus cabelos que estavam encharcados. Voltava a prender seus cabelos e a caminhar juntamente de seus parceiros, sempre com passos curtos e tomando cuidado para não pisar em algum errado, todo aquele ambiente de raízes aéreas, chão desnivelado e uma florestava acabava despertando um flashback na cabeça do rastafari, que lembrava de sua primeiro rota em que passava momentos de tensão quando pisava em falso em um buraco, ficando preso por algum tempo.

— Ei, pessoal. Tomem cuidado por onde pisam. Já fiquei preso em um buraco nessas raízes aéreas e não é nada bom... Acreditem em mim. — Disse para Dominic e Ryousuke.

Após alguns minutos de caminhada, a floresta que parecia silenciosa logo se revelava o contrário disso. Um forte estrondo invadia o local, mas o curioso era que nenhum raio era acompanhado junto. Certamente era alguma criatura raivosa e pelo jeito era bem perigosa. Aquilo fazia o jovem ficar preocupado, praticamente com medo da aonde estava se metendo e com as mãos trêmulas puxava de sua mochila um baseado de cannabis misturado com outras ervas relaxantes.

— Desculpem, mas essa situação não tá tranquila não. — Ao final de sua frase, colocou o baseado na boca e acendeu com seu isqueiro, dando duas tragadas conforme diz a tradição. — Servidos? — Perguntou soltando junto a fumaça pela a boca e estendendo a mão para quem quisesse. Logo continuou a caminhada com o grupo até que chegavam a uma enorme lareira, marcada por diversas árvores com marcas de uma enorme garra. Deixando a situação mais bizarra ainda.

— Eita! — Disse assustado e dando mais dois tragos em seu cigarro para conseguir manter sua sanidade. — Vocês estão percebendo essa merda toda? O rugido de antes e agora essas garras... Acho que escolhemos o caminho errada, pegar um resfriado na praia nem seria tão ruim assim... — Soltou uma risadinha forçada, para tentar acalmar a situação. Porém tudo estava prestes a piorar quando um choro era possível de ser escutado. E é claro, como Joe tinha um coração bondoso, ele iria querer ajudar. — Bem, eu ia falar pra gente voltar, mas agora não dá mesmo. Precisamos ajudar seja lá quem estiver precisando de ajuda. — Apagou seu cigarro e guardou na mochila, tomou a frente da situação indo em busca do desconhecido, esperando que seus amigos também fossem junto.

BigDaddy
BigDaddy
Designer

Designer

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Ryousuke em Seg Dez 09 2019, 09:10

Aproveitando do "teto" que a floresta proporcionaria para o trio, Ryousuke julgava que estaria seco o suficiente para retirar-se da proteção da capa de chuva dividida entre os três, pegando-a para si e a chacoalhando algumas vezes para tentar secá-la. Quando visse que estaria seca o suficiente, vestiria-a mais uma vez.

Ele ouvia o aviso de Joe e mantinha seus olhos focados na sua trajetória, mostrando que ainda conseguia raciocinar medianamente diante daquela situação, apesar da cara do ruivo não estar nada tranquila. Exibia um olhar arregalado de medo e um sorriso torto, como se tentasse convencer a si mesmo, mentalmente, de que estava tudo bem. Mas o suposto "trovão" sem flash de luz acabava-lhe mostrando que poderia não estar, fazendo seu coração bater aceleradamente.

Apesar de tentar lidar com o medo através de murmúrios para acalmar-se, Joe parecia ter um outro jeito de relaxar na situação, oferecendo aos colegas. Ryousuke fazia um sinal negativo com a cabeça. — D-Desculpe. Não gosto de cigarros... apesar desse ter um cheiro bem diferente. É coisa de marca? — Ele perguntava, inocente.

Apesar de inicialmente distraído por conta da curiosidade em Joe, ele acabava deparando-se com a cena da lareira; Inúmeras árvores assassinadas, com marcas de garra pelos troncos. O esguio pulava de susto, puxando Youma para si e lhe apertando fortemente; o fantasma, apesar de incomodado, era a única forma de proteção de Ryousuke no momento.

A-a-ainda dá tempo de v-volta-- — Ele começava a sugerir, mas interrompia a si mesmo ao ouvir os finos choros proveniente de alguma das árvores. Incapaz de ignorar aquilo que parecia ser um pedido, calou seu bico e passou a seguir Joe sem hesitação... Apesar de começar a suar nervosamente.
Ryousuke
Ryousuke
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por THVeiudo em Seg Dez 09 2019, 09:35




A ideia da capa de chuva era aceita, ou imposta, e ate que funcionava muito bem. Com o trio andando no mesmo passo, progrediam na floresta pouco a pouco. O caminho era difícil, galhos retorcidos e solo bem lamacento oriundo da chuva que castigava todo o ambiente.

Já acostumado com a acústica, os garoto seguiam sempre com o mesmo padrão de acontecimentos. Um flash forte, seguido de um descarga elétrica e após milésimos de segundos, o forte estrondo. Para cara flash que seguia, Dominic parecia se encolher junto com Rockie, esperando pelo forte barulho que parecia incomodar também o treinador.


- Chuva de merda. Que ideial genial a nossa. Vir para esse cu de lugar, cu de monte. Pra gente tomar no cu, né? Deve ser.. cu cu cu cu cu cu.. – De maneira irritante, Dom resmungava repetidamente enquanto andava.

Ate que, sem o aviso prévio, um enorme estrondo ecoava. –PORRA!–. Este causava um grande susto no garoto zumbi, que berrava um forte palavrão bem característico. Rockie se encolhia de vez e parecia sumir dentro do agasalho e seu treinador sentia um forte arrepio, sem saber se era de medo ou um mal pressagio. O tal barulho parecia diferente dos demais, aliando a paisagem recente com arvores derrubadas e marca de garras em todos os lugares, definindo que algo perigoso estava próximo.

- Essa porra tá parecendo uma zona de guerra e deixa-me perguntar: Para onde iremos??? Para o barulhoooo. Aeeeeee! Merda completada com sucesso, não é senhores? – Dominic continuava reclamando, a chuva com trovoes parecia mesmo incomodar o garoto.

Seguindo o caminho por mais alguns passos, era possível notar que uma clareira se formava mais a frente. Descampado este, que parecia ser o ponto de origem das atividades sonoras, além das marcas se intensificarem também nesta área. Para completar toda a problemática que estavam se metendo, um choro fino parecia ecoar em meio toda aquela confusão sonora e visual.


- Pfff.. Vocês sabem que isso é uma armadilha? Chorinho no meio da floresta? Pelo amor.. – Antes de completar sua frase, os dois integrantes do trio tendiam para averiguar o a fundo do que era aquilo tudo. – E lá vamos nós! Direto pra pica. Isso aí bonde. – Dominic andava e bicava o que via, pedras, galhos, sem controlar sua insatisfação.

Mesmo sem concordar muito com aquilo, Dominic estava no grupo e a democracia prevalecia. Se os dois gostariam de ver o que era e, possivelmente, ajudar quem estivesse precisando, o zumbi iria junto com seus companheiros nessa missão.



THVeiudo
THVeiudo
Treinador

Treinador

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Karinna em Seg Dez 09 2019, 19:10

Uma turminha do barulho.


Movidos por motivos completamente diferentes, nossos três mosqueteiros decidiam por caminhar diretamente até o barulho de choro que ouviam incessantemente atrás de uma das árvores. Enquanto Joe queria ajudar, Ryousuke tinha medo e Dominic estava puto com a situação, afinal, em um ambiente macabro como esse, será que seguir o berreiro fino e misterioso era a escolha certa a se fazer?

Os treinadores, com o rastafari seguindo na frente do grupo, caminhavam com certa precaução até atrás da árvore, somente para serem surpreendidos por um Minccino completamente amedrontado e com sua pelugem coberta de sangue. O roedor, ao ver que havia sido descoberto, tentava subir no tronco do vegetal o mais rápido possível, mas parecia que lhe faltava força, caindo quase que imediatamente de costas no chão. O Pokémon, então, começava a chorar ainda mais, balançando seu corpo de um lado para o outro, cobrindo o rosto e praticamente aceitando fosse lá o que os três quisessem fazer com ele.

O mais curioso disso tudo era que a fonte de sangue não parecia evidente... Até o monstrinho virar de costas. Minccino não possuía... cauda? Ao invés disso, o sangue pingava de onde deveria ter um rabo, ou melhor, a continuidade dele, já que havia somente um toquinho no lugar — quase como se o corte tivesse sido feito às pressas há alguns minutos. No final das contas não importava, dado que novamente o estrondo era escutado — sem sequer sinal de um dos raios — dessa vez a pouquíssimos metros dos treinadores.

#003 — Uma turminha do barulho DmA4L5R

O barulho fora suficiente para que Minccino, assustado, começasse a correr com certa dificuldade. Sem orientação nenhuma, pois seus olhos estavam cobertos de sangue, o pequeno disparava e batia no joelho de Dominic, escalando a roupa do rapaz logo em seguida. Não muito feliz com o acontecido, Rockie tentava empurrar o roedor de cima de seu treinador, mas o mesmo parecia estar segurando na blusa do rapaz como se sua vida dependesse disso.

E talvez dependesse.

Além desse fator preocupante, repentinamente o já cortante vento agora se tornava gélido, o suficiente para fazer qualquer espinha se arrepiar. As nuvens começavam a se organizar de forma que escondessem quase que completamente os tímidos raios de sol, deixando a floresta ainda mais escura e amedrontadora. Youma rapidamente agachava sua cabeça, com sua orbe vermelha balançando de um lado para outro, como se sentisse o perigo se aproximando.

Silenciosa, a floresta ecoava todo e qualquer barulho.

Ao longe passos leves conseguiam ser escutados pisando sobre galhos e folhiço, assim como uma voz feminina, que murmurava uma canção que ecoava por todo local.



Progesso da rota — Joe:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Haunter — lvl 25 — HP: 57/57 — Status: Normal.
Nincada — lvl 10 — HP: 26/26 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 19 — HP: 51/51 — Status: Normal.

Progesso da rota — Don:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Aipom — lvl 23 — HP: 58/58 — Status: Normal.
Nincada — lvl 14 — HP: 32/32 — Status: Normal.
Shroomish — lvl 18 — HP: 49/49 — Status: Normal.
Nuzleaf — lvl 17 — HP: 50/50 — Status: Normal.

Progesso da rota — Ryousuke:
Capturas:


Ganho de experiência e felicidade:


Itens:


Pokémon:
Duskull — lvl 22 — HP: 40/40 — Status: Normal.
Minun — lvl 20 — HP: 54/54 — Status: Normal.
Beautifly — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Lombre — lvl 17 — HP: 47/47 — Status: Normal.
Zigzagoon — lvl 02 — HP: 13/13 — Status: Normal.


_________________
#003 — Uma turminha do barulho LIDc0c8
#003 — Uma turminha do barulho QDSjLGH

Off:

#003 — Uma turminha do barulho Ihjnzau
#003 — Uma turminha do barulho EAHKxXN
Karinna
Karinna
Mestre

Mestre

Alertas :
#003 — Uma turminha do barulho Left_bar_bleue0 / 100 / 10#003 — Uma turminha do barulho Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

#003 — Uma turminha do barulho Empty Re: #003 — Uma turminha do barulho

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 9 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum