The tempest brought us home!

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Sab Abr 23 2016, 11:55


Comemos e depois fomos dormir. Pelo menos eu estava cansado e Emily estava um pouco também, mas isso não a impediu de ficar mais algumas horas acordadas conversando com as meninas. Dormir no meu quarto era muito agradável. Por mais que os centros pokemon no quais eu havia dormido fossem bem confortáveis, nada era melhor do que nossa própria casa. No dia seguinte ao acordar, desci e encontrei com as meninas, juntos fomos a mesa do café, mas antes parei a frente da geladeira para ler o bilhete que havia sido deixado para mim. Como pude notar a transferência do Storage para minha casa havia sido bem-sucedida. Estávamos todos muito bem, mas a notícia do bilhete provavelmente não agradaria muito Emily. Começamos o café e procurava por um momento ideal para introduzir o delicado assunto com Emily, mas antes que pudesse falar algo Ame pôs se a falar.

- Ame, eu queria muito! Mas infelizmente não posso. Preciso terminar tudo por aqui hoje até o anoitecer. Preciso ir para Vendaturf o mais rápido possível. Mas espero podermos nos enfrentar lá.

Assim terminaria meu café. Depois iria novamente para meu quarto, onde organizaria toda minha mochila. Sem o ovo nela o espaço era maior. Os TMs coloquei bem ao fundo da mochila, junto de uma troca de roupas básica e algumas berries que tinha. Itens básico viriam a seguir e no topo ficariam minhas pokebolas, já que geralmente usá-las-ia com frequência. Peguei também uma pokebola normal e a coloquei no meu bolso para que pudesse carregar Budew comigo. Trocaria de roupas. Pegaria uma calça jeans preta, e uma camiseta branca de manga curta como de costume. Além pegaria um novo sinto para colocar minhas pokebolas em uso. O cinto possuía como se fossem suportes magnéticos que prendiam as pokebolas nele. Prenderia meu cabelo como sempre em um rabo de cavalo e por fim pegaria um colete de couro preto liso e o vestiria.

Voltaria para onde as meninas estavam. Colocaria todos os pokemons que iria carregar comigo de volta em suas pokebolas e uma por uma prendê-las-ia em meu cinto. Com tudo preparado voltaria a seguir minha jornada. Ao encontrar as meninas novamente diria.

- Ame, adorei te conhecer. Espero encontra-la no contest de Vendaturf – virar-me-ia para Emily. Era hora de informa-la o que li na carta. – Emy... Seus pais querem te ver. Eles querem almoçar contigo. O que acha? Eu posso lhe acompanhar se quiser. E acho que Lissa também faria o mesmo.

Esperaria por sua resposta e decisão. Ela não estava mais tão nervosa como no dia anterior, mas não estava tão confortável com a ideai, por fim a garota dirigiu-se a mim com olhar firme e decidido, mesmo que mostrasse ainda nervosismo e inquietação em seu olhar.

- Sim... Irei almoçar com eles hoje. E quero que você me acompanhe.

Ela pegou minha mão e puxou-me para a saída. Olhei para trás e acenei para todos os meus pokemons, incluindo meu querido Eevee, que não voltaria a ver por algum tempo.
off:
Ame, eu adoraria batalhar, porém eu preciso terminar essa rota aqui o mais rápido possível, por causa do contest e talz. E ainda existe parte da Plot que quero cumprir que não foi cumprida ainda. Espero poder enfrenta-la no contest.


Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Sab Abr 23 2016, 19:35

off:
Pois bem, acho que com isso chegamos a uma despedida nessa rota. Ame e Lissa se separam de Fonseca e Emily. A Lissa inclusive é uma NPC que eu introduzi nessa rota justamente para participar do próximo Contest.
Ame, se quiser permanecer em Slateport para treinar os TMs e batalhar com Lissa, me avise que eu crio um tópico a parte para você prosseguir com seus treinos.
Fons, a partir daqui chegamos na parte final do que eu havia planejado pro seu plot. Espero que tenha gostado dele num geral. ^^


Após desfrutarem de um apetitoso café da manhã, havia chegado então o momento da despedida. Gus estava preocupado com as pendências que tinha que Emily tinha que resolver com seus pais, achando que seria mais oportuno para ele e Ame se enfrentarem apenas no Contest de Verdanturf, se a sorte assim permitisse.

O rapaz esperava e previa que Lissa iria acompanhá-los, mas a jovem de Sinnoh já havia se aproveitado demais da companhia dos dois e não queria se intrometer em mais um momento dos dois. Sorridente, agradeceu aos dois treinadores de Slateport e os abraçou, numa breve despedida.


- Pretendo me organizar para participar também do Contest de Verdanturf. Já tenho um time pronto, mas como vocês viram ontem antes do jantar, temos muito o que treinar ainda!

Lissa então aproximou-se de Ame e ofereceu o braço para ela, convidando-a para acompanhá-la numa breve caminhada pela cidade de Slateport.

- Você também pretende ir para Verdanturf? Se você quiser, podemos treinar nossos pokémons juntas!

Enquanto isso, Gus e Emily preparavam-se para o tão temido almoço na casa dos pais da jovem. Ela, assim como seus pais, era uma pessoa muito orgulhosa e ter que reencontrá-los tão cedo poderia ser algo bom ou extremamente ruim. Seria uma boa ideia chegar cedo? Deveriam se vestir de forma casual ou formal? O que parecia ser um almoço tão simples na cabeça de Emily parecia um tanto quanto complexo.

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Ame em Dom Abr 24 2016, 03:50

off:
Off: Eu me empolguei e acabei propondo essa luta sem pensar, foi mal. Então Vou me despedir então, foi legal fazer uma rota assim, Fons.
Artie, aceito sua ideia, quero estar com os moves prontos para o contest. Artie, pode criar esse novo tópico em Verdanturf já, como Lissa vai participar do contest, já podemos ir para lá agora e treinar na cidade mesmo, teria como?

The tempest brought us home!

Entendendo que se deixou levar pela sua animação (novamente a coordenadora deixava de pensar antes de agir) ela rapidamente pediu desculpas e se levantou para sair enquanto se despedia de Gus e Emily. Nisso Ame também se apressou em responder á Lissa sobre sua proposta.

_Acho que me deixei levar quando fiz a pergunta, mas eu aceito treinar com você, Lissa, mas acho que, é melhor nos apressarmos para ir para Verdanturf o quanto antes, vamos treinar lá para evitarmos ter de viajar encima da hora, o que acha, Lis?

Haruya, impaciente com sempre, já decidia pela garota,  já empurrando levemente tanto ela quanto Ame rumo a porta da frente, se iriam viajar que fosse logo, ele estava ansioso para ver as paisagens pelo caminho até Verdanturf.

Ame
Ame
Treinadora

Treinadora

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Dom Abr 24 2016, 18:08


Na cabeça de Emily as coisas estavam mais complicadas do que realmente eram. Ela não sabia ao certo se estava bem vestida ou não, se chegaria muito cedo ou não. Além disso o orgulho dela faria com que ela não pedisse desculpas por ter abandonado a sua casa e saído para viver seus sonhos. Na última vez que se falaram seu pai estava bravo com ela e sua mãe preocupada. Típicos pais? Não. Sua mãe era quem colocava ordem na casa, sendo assim se seu pai estava bravo com ela, o motivo era mais pelo fato de boa parte da raiva de sua mãe ter sido descontada nele. Sua mãe era ótima em fingir, afinal já havia trabalhado como atriz a muito tempo atrás.

De mãos dadas caminhamos juntos pela cidade. Emily decidiu por tomar o caminho mais longo para sal casa, queria tomar a maior parte do tempo para tentar se acalmar para o momento da verdade. Fiquei calado o tempo inteiro. Não quis atrapalhar seus pensamentos, mas apertava minha mão na dela, cada vez que ela diminuía o passo, lembrando-a que ela não estava sozinha e dando-lhe mais forças para continuar sua trajetória. Eu obviamente sabia o caminho para a casa de Emily já que vivi por um bom tempo naquela cidade, mas deixaria que ela me Guiasse e tomasse o tempo necessário até que estivesse pronta para chegar no local.

Assim que estivéssemos a porta do recinto esperaria para ver se Emily tomaria a iniciativa de bater na porta deles ou tocar a campainha, se ela não o fizesse eu o faria, o que provavelmente a deixaria mais nervosa, por esse motivo evitaria o fazer o máximo de tempo possível.
off:
Artie. Bom… eu vou terminar a plot planejada e depois ainda foi treinar os golpes que aprendi, já pretendia fazer isso mais uma batalha iria atrasar meus planos (sorry Ame), Enfim... Mostrarei interesse na pratica dos novos golpes depois da plot com a Emily acabar.
Acha que da tempo de acabar essa rota e passar no Holi antes do contest

Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Dom Abr 24 2016, 23:27

O caminho até a casa de Emily mais parecia ter durado uma eternidade. Mas finalmente o momento em que ela tanto temia aconteceu e o reencontro dela com seus pais chegou. Ela e Gus agora estavam de frente para a casa dela e era possível ver que ela estava nervosa. Suas mãos tremiam, a jovem estava levemente pálida e suava frio. Antes de seguir para a entrada, ela abraçou Gus mais uma vez e fez um último desabafo.

- Gus, só o fato de você me acompanhar e me apoiar já é o bastante para mim. Não preciso que você me defenda lá. Eu sei que eu errei ao sair de casa da forma como eu saí, mas meus pais também estavam errados. Hoje eu quero que eles entendam isso de uma vez.

Ao falar aquilo, foi possível perceber uma certa raiva e rancor na voz da jovem, o que tornou o beijo delicado que ela deu em Gus logo em seguida um tanto quanto estranho. O sentimento dela por Fonseca era sincero e puro, mas estava bem claro que ela não estava em um bom estado de espírito. A jovem então seguiu adiante e bateu na porta. Não demorou muito para que sua mãe abrisse a porta.

Alguns segundos de silêncio tomaram conta do ambiente enquanto Emily e sua mãe trocavam olhares. Era uma grande confusão de sentimentos que rolava ali. Por mais que houvesse desavenças entre elas, havia também amor e saudades.


- Oi filha! Que bom que você veio!

Disse a mulher, num tom de voz confuso. Não era possível captar se aquilo havia sido irônico ou sincero, mas a progenitora de Emily logo abriu os braços, esperando um abraço de sua filha. Como Emily reagiria? Provavelmente o primeiro contato daquele encontro já poderia fazer toda a diferença.

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Seg Abr 25 2016, 01:48


Depois do beijo, a garota bateu na porta e não demorou muito para que a mãe dela aparecesse para abri-la e encontrar a própria filha. Emily abraçou-a sem pensar duas vezes, ela estava feliz de ver sua mãe, mas ao mesmo tempo brava com sua atitude e de seu pai sobre todos os acontecidos.

- Mãe... Gus vai entrar comigo.

Ela não esperou que a mulher concordasse, apenas voltou agarrou minha mão e correu para dentro da casa. Assim que chegasse lá dentro a garota olharia ao redor, para ver se tudo estava igual a quando ela saiu, mas mais do que isso, ela procurava por seu parceiro Pikachu e por seu pai. Ela queria encontrar ambos. Mas mesmo se eles não estivessem por ali, ela viraria para sua mãe e diria:

- Podemos sentar..? temos muito a conversar... não importa onde, apenas precisamos sentar para conversar.

Ela procuraria por um local onde pudesse se sentar e pudesse estar de frente a sua mãe. Procuraria uma cadeira para sentar ao lado dela e segurar sua mão. Não falaria nada. Apenas ficaria lá dando apoio.

- Olha.... Eu sei que foi idiotice usar Pikachu para acabar com a luz de toda a rua... isso com certeza te deu muito trabalho com a polícia. Peço desculpas... – Ela abaixou a cabeça envergonhada, mas em seguida levantou-a de forma bem determinada e um pouco irritada – Mas não tivesse feito isso, nunca poderia ter ido para minha jornada. Nunca poderia ter ido a kanto viver meu sonho, conhecer pessoas novas, pokemons novos e enfrentar desafios novos.  – Depois de ter botado tudo para fora, suspirou e um pouco mais calma, mas ainda objetiva continuou – Eu só vim aqui hoje para pedir perdão pelo modo que sai de casa. Mas não vou ficar aqui presa de novo. Agora que vi o mundo. Irei continuar a explora-lo. Eu amo você e o papai, mas não ficarei mais presa nessa cidade. Por maior que ela seja, o mundo e maior que isso.

off:
Deixa eu perguntar. Se eu me separar dela aqui, depois posso reencontra-la em outra cidade ou teria que esperar um tempo tipo alguns dias até poder encontrar com ela novamente ingame?

Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Seg Abr 25 2016, 05:36

off:
Sim, vocês podem se separar agora e se reencontrar em outra cidade. Mas isso vai depender do seu narrador. As vezes o plot pode acabar ficando forçado, então é bom dar um tempo ou ao menos um bom contexto para que o reencontro soe natural, entende?

Agora pergunta de narrador: quais são os nomes dos pais da Emily? Me lembro também que o Pikachu dela tinha um apelido, não? Qual era?


O reencontro de Emily e sua a mãe a princípio foi mais agradável do que o planejado. As duas trocaram um longo e caloroso abraço, além de deixarem escapar sorrisos em seus rostos. Emily então entrou acompanhada de Gus. Sua mãe não precisava dizer nada, afinal, a jovem estava em sua casa.

- Gus, fico feliz que tenha vindo também. Conversei com sua mãe ontem e ela disse que está orgulhosa de você! Soube da situação do restaurante e que você salvou o dia. Você foi muito corajoso!

A progenitora de Emily tentava puxar assunto com a dupla assim que os dois entraram. Em seu rosto, havia um sorriso e um certo ar amigável, dando a clara impressão de ser uma dona de casa perfeita. Porém, como Emily conhecia sua mãe, sabia que havia alguma ironia e talvez uma alfinetada por trás de tudo aquilo. Ela então decidiu ir direto ao ponto. Não esperaria o almoço e conversaria com sua mãe.

O trio então foi até a sala e Emily então colocou tudo que sentia para fora. Sua mãe observava toda aquela cena com aquele mesmo sorriso de antes, mas era perceptível em seus olhos que ela estava pegando fogo por dentro, estava furiosa. Ainda assim, ouviu tudo até o final, levantou-se e abraçou sua filha.


- Que bom que você reconheceu o seu erro, meu amor. Quando nós somos jovens nós cometemos atos irresponsáveis, mesmo que no fundo eles sejam bem intencionados. Sinto muito que tenha se sentido magoada comigo e com seu pai, mas tudo o que fizemos foi para proteger você.

Teria sido simplesmente isso? A briga teria acabado por aí? A forma como ela ignorou a parte final da conversa, onde Emily disse que continuaria sua viagem foi meio que ignorada. Pelo menos a princípio, pois ela logo tocou no assunto de forma delicada, fazendo questão de que sua filha permanecesse em casa para almoçar:

- Você está perdoada pela forma como agiu, filha. Mas o almoco já está pronto e seu pai chega logo. Você poderia me ajudar a arrumar a mesa? - Disse a mulher, Simulando um suspiro. - Quase esqueci de mencionar! Fiz seu prato favorito para o almoço!

Logo Emily ouviu um som vindo do corredor. Sons de passos leves e rápidos, que logo revelaram ser de seu Pikachu, que sorridente saltou no colo da treinadora, dando uma lambida carinhosa no rosto dela. O que será que a jovem poderia esperar daquele almoço?

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Seg Abr 25 2016, 09:34


A mãe dela parecia estar sendo muito compreensiva e amigável. Um pouco até demais. Porém Emily havia percebido isso, mas preferiu se calar e manter o clima agradável como antes. A garota então balançou a cabeça de forma afirmativa para a mãe, simbolizando que iria ajudar sim a arrumar a mesa. Mas antes de poder se levantar, passos rápidos foram ouvidos vindos do corredor. Era pikachu o pokemon de Emily deixado para trás no passado devido as circunstâncias.

- Sparky!  - Emily levantou-se e correu ao encontro de seu pokemon - Que saudades! Me perdoe por ter lhe forçado escolher entre ir e ficar. Me perdoe!

Algumas lágrimas eram visíveis em seu rosto. Por mais que amasse seus pais, não chorava por eles pelo fato de precisar se manter firme e forte em sua decisão, porém com seu pokemon de infância ela não mentia seus sentimentos. Com Sparky ela era muito sincera, mais até do que era comigo e Ryan. Ela levantou-se e limpou as lágrimas.

- Vamos arrumar a mesa e comer?

Diria ela para sua mãe forçando um pouco o sorriso. Levantaria me para ajudar, mas continuaria sem me intrometer no assunto. Emily parecia ter tudo sobre controle. Se me perguntassem algo, responderia com respostas curtas, não forçadas, mas que não continuassem o assunto. Queria parecer o mais invisível possível, para não atrapalhar em nada.

OFF:
Sim eu tinha dado um Nick. Não sei se comentei em Off ou em In game o nick. Mas era Raio ou Sparky. Enfim deixei o que gostei mais decidido ai.
Sobre os pokemons deles, não sei. Fica a sua escolha. Como nunca me aprofundei na história dos NPCs e muito menos na minha nas fichas, meio que fica meio em aberto. Mas para os pokemons da mãe acho que seriam pokemons que passem um ar de ordem, superioridade e seriedade, mas como ela já foi atriz, poderia usar algum pokemon que pareça um ator ou que aja de tal forma. Quanto ao pai, ele é mais submisso a sua mulher, não totalmente, mas pouco opinativo em tomar atitudes. Algum pokemon que espelhe a personalidade dele ou que seja o oposto também poderia ser legal. Mas como disse fica a seu critério, já que nunca me aprofundei na história deles.

Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Seg Abr 25 2016, 22:52

off:
Erm... Acho que você leu meu off errado. Eu perguntei quais eram os NOMES dos pais da Emily. Hahahaha
Não acho legal eu mesmo dar nomes para eles, já que são os pais da sua personagem. Sabendo o nome deles a narração e os diálogos já ficariam com um ar mais pessoal, sei lá.


O reencontro de Emily com sua mãe havia sido agradável, mas o da treinadora com Sparky havia sido emocionante. O pequeno amarelo não conseguia conter sua emoção, deixando algumas faíscas de estática escaparem de suas bochechas, mas nada que machucasse Emily. Logo eles seguiram para até a cozinha e a belíssima sala de jantar, onde havia uma grande mesa ao lado de uma belíssima cristaleira.

Fonseca e Emily prontamente arrumaram as mesas, mas a mãe da jovem acabou palpitando e deixando alguns detalhes finais por conta própria. A mulher fazia questão de passar a impressão que era a perfeita dona de casa e cuidava milimetricamente de cada mínimo detalhe da decoração de sua casa e de seu jantar. Mesmo que fosse apenas entre íntimos, ela fazia questão de parecer que tudo estava perfeito e que eram uma família feliz.

Não demorou muito para que o pai de Emily também chegasse. Estava com um traje formal e uma pasta debaixo de seu braço. Por sua expressão cansada, claramente havia sido uma manhã cansativa em seu trabalho. Cumprimentou Gus com um aperto de mão forte e um breve sorriso e então ficou observando sua filha em silêncio por alguns segundos. Claramente não sabia o que dizer para ela, principalmente porque sua esposa a fuzilava com o olhar, provavelmente já esperando alguma reação indesejada do homem. Tudo que saiu foi um simples...


- Bom dia, filha. Fico feliz em saber que voltou.

Deu um abraço desajeitado em sua filha e então se retirou por alguns instantes. Havia ido até seu quarto deixar sua pasta e seu paletó, além de lavar o rosto, já que o mesmo estava suado. Quando retornou, a mesa já estava pronta e a mãe de Emily servia um assado e vários acompanhamentos. Era uma refeição farta e com uma qualidade e sabor quase tão bons quanto os da mãe de Fonseca.

O início da refeição seguiu em um silêncio desagradável. mas logo a mãe de Emily exibiu seu típico sorriso irônico e começou a puxar assunto. Estranhamente queria saber sobre a jornada de sua filha. Talvez quisesse chegar a algum lugar.


- E então filha... Conte-nos mais a respeito dessa sua jornada. O que você tem feito ultimamente?

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Qua Abr 27 2016, 00:55


O pai de Emily, o senhor Eduardo havia chegado do trabalho. O Homem estava cansado, mas não sabia ao certo o que fazer ou dizer para a filha, então sem ir muito a fundo apenas disse algo simples. Ele foi para o quarto trocar-se e voltou para que pudéssemos dar início ao almoço. A refeição iniciou-se com um desconfortável silêncio que foi apenas quebrado quando a mãe da garota desejou perguntando algo. O sorriso da mãe de Emily parecia estranho, mas não questionei, apenas continuei quieto e deixei que minha amiga falasse sobre o assunto.

- Bom... Eu quando fugi daqui fui até Pallet em kanto, onde peguie minha inicial do tipo fogo Lili, uma charmeleon muito charmosa. Depois juntas nos percorremos a região, reunindo alguns pokemons para nos acompanhar e também tentamos desafiar alguns ginásios e contests, mas não conseguimos nada além experiência. Depois encontrei Gus e juntos viemos para Hoenn novamente devido ao... incidente nas regiões.

Emily não entrou muito em detalhes, mas ao meu ver ela tinha dito algumas coisas que seria melhor ter escondido, como ter perdido todos os desafios até o momento. Porém apenas continuei a comer. Emily voltaria a comer, ela ainda estava nervosa e não sabia ao certo o que fazer. Se estivesse a meu alcance seguraria a mão dela por debaixo da mesa e tomaria a dianteira para tentar descontrair um pouco as coisas.

- Foi muito bom encontra-la. Com certeza foi divertido. Viajar sozinho é um saco. As vezes ficar em rota é tão desconfortável. Por mais que tivesse meus pokemons, uma companhia humana sempre é bom, não acham?

Soltaria uma risada, porém Emily não estava a rir o que me deixou meio envergonhado e voltei apenas a ficar sério. Querendo ver onde essa conversa iria chegar. Onde a senhora Ema queria chegar.
off:
MIL DESCULPAS. Li o off totalmente errado. Desculpe estava cansado e com muita coisa na cabeça nesse dia, não prestei muita atenção. Enfim... Eu quero acabar a rota logo, mas ultimamente minha frequência tem sido tão pouca. Vou tentar voltar a ser mais frequente novamente.


Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Qua Abr 27 2016, 09:30

off:
Hahaha! Acontece.
Quanto a sua rota, acredito que o plot dela chegou no auge dela. Assim que o destino da Emily for definido, acho que você poderá treinar os moves e seguir adiante.


Ao ouvir a história de sua filha, Eduardo exibia um sorriso tímido, mas havia algo que o deixava tenso por alguma razão. Ema, por sua vez, exibia uma animação forçada, tentando fazer questão que apesar do erro de Emily, a vida seguia perfeita. Eventualmente a mãe da garota olhava os pratos de todos para verem se estavam se alimentando bem e ficava repondo os pratos o tempo todo.

Aproveitando as palavras de Gus e Emily, a mulher então encontrou a oportunidade perfeita para passar a mensagem que tanto queria. Sorridente, ela começou a falar enquanto se servia com mais uma porção de maionese caseira. Sabia que agora que Emily havia começado sua jornada nada iria pará-la, então acabou preparando uma proposta que talvez fosse generosa ou talvez fosse um castigo.


- Vejo que em pouco de jornada você já amadureceu muito e conquistou vários feitos, minha filha. Todos nós já tivemos um ato de rebeldia durante a juventude e não podemos negar que essa sua fuga e essa sua jornada acabaram sendo um deles.

A forma como Ema falava a princípio dava a entender que estava elogiando sua filha, mas o final dela ficou bem claro com o quanto a mulher estava furiosa. Mas ela já havia sido uma atriz e, por isso, conseguiu disfarçar bem e continuou o seu monólogo:

- Infelizmente você não vai seguir a carreira que eu havia planejado para você e deixou bem claro que prefere fazer algo relacionado a pokémons. Você já deu a entender que apesar de ter gostado da carreira, teve suas dificuldades. Não ter nenhuma insignia e ter voltado para cá após as chuvas mostram o que você ainda precisa melhorar e foi por isso que... Eduardo, quer contar a novidade?

Eduardo que até então permanecia calado se assustou ao ser chamado. Cabisbaixo, ele então revelou a surpresa para sua filha:

- Sua mãe tem a lábia perfeita e no meu trabalho no escritório da Devon eu consegui o contato do Sr. Stone, o presidente da companhia e pai do ex-campeão de Hoenn, Steven. Sua mãe conversou com ele e descobriu que antes de Steven ter começado sua jornada, ele estudou por vários anos num internato. Lá ele aprendeu muito sobre pokémons e também sobre geologia, que é a sub especialidade dele.

- Nós conseguimos uma bolsa para você, filha! Início imediato! Portanto, quero que arrume suas malas e se prepare! Pois essa semana mesmo você começará seus estudos! Não é incrível sua mãe lhe deixar continuar na carreira pokémon?

Apesar de parecer uma proposta interessante estudar na mesma instituição que Steven, o nome deixava bem claro: internato. A jovem ficaria num colégio interno, fechado. Estudaria sobre pokémon, mas provavelmente não teria a menor liberdade. E, a julgar pela expressão de Eduardo, a ideia não parecia ser tão boa assim. Diante dessa situação, qual seria a reação de Emily?

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Qua Abr 27 2016, 10:17


A proposta dos pais dela era no mínimo ridícula. Tudo bem que Steven o famoso treinador havia feito o mesmo, mas nem sempre o que serve para um serve para o outro. Não consegui evitar e me levantei. Eu estava furioso. Como podiam dois pais não apoiarem a filha em seu sonho? Como podiam achar que podiam escolher o futuro dela? Emy tinha idade suficiente para decidir isso por si só.

- Isso é ridículo, internato? INTERNATO? Acha mesmo que ela va...

Foi interrompido por Emily que colocou a mão na minha frente. Olhei para ela e a garota fez com a cabeça para que eu me sentasse. Eu o fiz. Ela possuía um olhar triste no rosto, mas sua determinação e foco eram perceptíveis. Pela primeira vez a Emily não estava com medo. Ela estava nervosa, mas não com medo. Sem tirar os olhos de sua mãe ela disse tentando imitar o sorriso da atriz.

- Não.

Uma palavra que deixava muito claro seu desejo. Ela não seria mais obrigada a nada por seus pais. Pela primeira vez, Emily havia se posto contra a sua mãe. E ela não estava disposta a voltar atrás, por mais que nervosismo pudesse ser notado nela.

- Claramente não vou mais desafiar ginásios e muito menos contests. Esse não é meu talento, percebi isso. Realmente preciso estudar, mas não será em um internato - a pausa que ela quis criar foi um pouco longa, mas a troca de olhares não parava - Vou me tornar uma Criadora. Vou estudar e cuidar de pokemons. Mas do meu jeito, em meus termos, não do jeito que vocês acham certo.

Emily tomaria uma última garfada de sua prato e levantava-se da mesa. Eu estava feliz, não consegui esconder o sorriso enorme que estava em meu rosto. Emily fez uma reverência forçada. Agora ela estava debochando um pouco de sua mãe, visto que isso lembrava Ema sobre uma personagem que ela havia feito a muito tempo atrás, onde ela fora uma senhora que apenas aceitava ordens de seus senhores. Isso acontecerá a muito tempo atrás. Emily tinha apenas 12 anos quando ouviu esse história, mas lembrava-se dela e sua mãe também.

Minha melhor amiga havia mudado. Ao olhar para ela indo para seu quarto, percebi a existência de uma distância enorme entre nós. Da mesma forma que sentia a distância com relação a Ryan. Eles eram muito mais maduros do que eu e eu precisava alcançá-los.
OFF:


Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Qua Abr 27 2016, 19:10

Ao invés de planejar uma nova fuga ou fazer uma cena desnecessária, Emily agiu com maturidade. Ela sabia que ir para o internato não era o certo para ela e a jovem deixou bem claro quais seriam suas verdadeiras intenções. Se tornar uma criadora era uma carreira de fato interessante e com a universidade de Rinshin recém inaugurada, oportunidades não faltariam para ela. Assim que ela levantou e se retirou da mesa, Ema enfim deixou escapar, mesmo que por alguns segundos, sua verdadeira face. Chamou a atenção de seu marido ao puxar a manga de sua camisa com um pouco de brutalidade, exigindo alguma atitude dele.

- Você vai deixar sua filha agir assim? Nós tivemos muito trabalho para conseguir essa bolsa e você sabe muito bem disso! Suba e converse com ela!

Eduardo ficou em silêncio por alguns segundos, tentando ignorar sua esposa e terminando de mastigar sua última garfada do almoço. Sem olhar nos olhos de sua esposa, colocou as talheres de volta na mesa, levantou-se e se retirou com um tom de voz irritado e firme.

- Perdi meu apetite. Deixe a sobremesa na geladeira, vou querer um pedaço mais tarde.

Depois disso, o homem simplesmente se retirou da mesa e foi até seu quarto. Ema estava com o rosto mais vermelho que um pimentão naquele momento. Ao ver que restava apenas Gus na mesa, ficou claramente irritada e, pela primeira vez em muito tempo, foi grosseira com alguém:

- O que você ainda tá fazendo aqui? Não tem que continuar com sua aventurinha pokémon idiota e sem sentido?

A mulher então pegou todos os pratos que estavam na mesa e os levou até cozinha. Ela então começou a lavar a louça enquanto resmungava algumas palavras de baixo calão que é melhor não citar. Lavar a louça provavelmente deveria ser uma boa terapia para ela. Enquanto isso, Sparky reaparecia e puxava a calça de Fonseca para lhe chamar a atenção. Provavelmente ele queria entrar no quarto de Emily, mas a porta estava fechada. O jovem deveria interromper sua amiga?

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Fons em Qua Abr 27 2016, 23:47


Fiquei feliz com o desenrolar de tudo. Emily havia feito o que achava melhor, sem ligar para o que seus pais iriam dizer. Felizmente o pai dela parecia estar ao lado dela, não contra como a mãe estava. Sparky então correu para meus pés e puxou minha calça chamando minha atenção. Levantei-me e segui o pequeno Pikachu até o quarto de Emily. Depois da grosseria que havia recebido da mãe de minha melhor amiga, não ficaria naquela cozinha e muito menos naquela casa por muito mais tempo. Cheguei a porta do quarto de Emily, mas a mesma estava trancada, então decidi apenas bater na porta duas ou três vezes e esperar por alguma resposta. Caso ela não viesse abrir a porta, começaria a chama-la.

- Emily! Emily! Você esta ai? Tudo bem contigo? Deixe-me entrar... preciso conversar contigo, antes de ir embora!

Esperaria que ela abrisse a porta. Realmente precisava ir embora rumo ao contest, porém não precisava falar isso naquele momento, só o fiz pois acreditei que dessa forma ela abriria a porta mais rapidamente.

off:
Não sabia muito bem o que fazer nesse post, mas ta ai. Ela pode ganhar uma subclasse, minha NPC? Ela poderia de fato virar uma criadora ou seria impossível? Os sistemas e talz são apenas para players?

Fons
Fons
Treinador

Treinador

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Artie em Qui Abr 28 2016, 21:43

off:
Poder mudar de classe ela pode. Só que você não poderá tirar vantagem das futuras skills e derivados dela como se ela fosse seu personagem primário. Ou seja: ela até poderá ter uma fazenda um dia. Mas seu personagem não poderá deixar pokémons lá ou plantar berries por lá. Emily até poderá ter uma skill de fazer itens, mas ela não poderá fazer itens para você.
Você só poderá usufruir das vantagens que o narrador limitar para você, entendeu?


Ao ouvir o som da batida na porta, Emily prontamente abriu. Sabia que nenhum dos seus pais iria ter a gentileza de bater em sua porta antes de entrar depois da situação que se passou lá em baixo. Ao ver Sparky, a garota prontamente pegou o elétrico em seu colo e o acariciou.

Apesar de exibir um semblante triste , a jovem não havia chorado e nem parecia demonstrar que o faria. Estava apenas desapontada com seus pais, que pareciam que nunca iriam mudar. Não tocou no assunto com Gus, mas estava imensamente agradecida por ele estar ali, lhe fazendo companhia. Exibiu um sorriso tímido e então o abraçou, esmagando um pouco o pequeno Sparky no processo, que logo saltou para cima da cama da jovem.


- Obrigado por tudo nesses últimos dias. Você tem me dado motivos de sobra para sorrir.

A jovem deu mais um beijo carinhoso no rapaz e começou a separar alguns de seus pertences para então ir embora. Sparky dessa vez sentia que sua treinadora não voltava mais e, por isso, estava um pouco ansioso e fazendo várias gracinhas para chamar sua atenção. Não demorou muito para que o trio então fosse surpreendido por mais uma batida na porta. A jovem abriu a porta e se deparou com seu pai.

O rapaz olhou sua filha nos olhos por um tempo. Estavam marejados, provavelmente ele havia chorado, coisa que a jovem nunca havia visto ele fazer. Ele foi direto ao ponto, deu um beijo delicado na testa de sua filha, a abraçou firme e então entregou um envelope em suas mãos. Sorridente, fez um pedido para a jovem e então se retirou.


- Filha, fiquei muito feliz de poder ver você depois de nossa última briga. Espero que você me perdoe por tudo, ok? Peço para que abra esse envelope apenas depois que você sair daqui. Só quero que saiba que eu te amo muito. - Após dizer aquilo, o homem ficou pensativo por alguns segundos e então retirou uma pokébola de seu bolso e o entregou para sua filha. - E leve o pequeno Sparky com você. Um pouco de ar fresco vai fazer bem para ele.

Após a retirada de Eduardo, não havia muito o que fazer. Emily precisava apenas escolher os últimos pertences que levaria consigo e, se quisesse, se despedir de sua mãe.

_________________
The tempest brought us home! - Página 7 ZefdeCE
The tempest brought us home! - Página 7 AqBBAGQ


Hall da Fama:
The tempest brought us home! - Página 7 OHHVZarThe tempest brought us home! - Página 7 GwgKTzNThe tempest brought us home! - Página 7 MNDnG6pThe tempest brought us home! - Página 7 HLlz7A0The tempest brought us home! - Página 7 IIs2sihThe tempest brought us home! - Página 7 8gzktHjThe tempest brought us home! - Página 7 XsP5RwP


The tempest brought us home! - Página 7 WkE8NFc
The tempest brought us home! - Página 7 ORIry71
The tempest brought us home! - Página 7 VIjy66Q
The tempest brought us home! - Página 7 XOulu7k


The tempest brought us home! - Página 7 WQTIOUX
The tempest brought us home! - Página 7 OinUoEd
The tempest brought us home! - Página 7 FGENpG0
The tempest brought us home! - Página 7 PZ16T9O
The tempest brought us home! - Página 7 XfMpn4h
Artie
Artie
Arquiteto

Arquiteto

Alertas :
The tempest brought us home! - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10The tempest brought us home! - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

The tempest brought us home! - Página 7 Empty Re: The tempest brought us home!

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum