Pokémon Mythology RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

O cabaré das fadas

Página 7 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7

Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Mathito em Qua 17 Jun 2020 - 0:55

Dançando no Brilho das Estrelas
Performance 1!


  Assim como pedido, as luzes do salão eram rebaixadas lentamente para que o show começasse. O Sylveon estava posicionavo acima do palco. O Alolan Vulpix na lateral esquerda e o Pink Cottonee na lateral direita, todos longe dos olhares de quem não tinha acesso aos bastidores. Com o sinal para iniciar, Eros, aos poucos, transformava o espaço destinado à performance num cenário de mistério com uma neblina azulada meio rosada, cheio de brilho e esplendor. Junto do movimento das nuvens descendo sob o palco, tomando o terreno, um som ambiente de cristais davam um charme à introdução.

  Quando o Misty Terrain já tinha tomado a plataforma e apenas a silhueta de um homem era vista. Dois segundos depois um holofote de teto iluminava o mascarado que segurava uma espada fina (não muito realista, mas o bastante para a apresentação) com as duas mãos juta ao peito. O rosto era dividido pelas lâmina prateada. Logo um som instrumental iniciava a tocar no sistema de som do cabaré (link) e com isso o primeiro movimento com o objeto falso cortante. Era simples, mas elegante. Um abaixar de braços com um giro da espada em 360 graus, mudando o corpo de posição. Ao invés de frontal, agora Thito se mostrava de perfil, fazendo não só um belo movimento formando um aro ilusório com a espada, mas também um charme com a capa esvoaçando e levando parte da névoa mágica do Sylveon. Contudo, o movimento tinha uma segundo parte que era um tanto quanto complicada, pois haveria uma troca de bases! Sim, o peso de um pé para o outro, dando as costa para o espectador propositalmente, pois o braço que girou a espada anteriormente a baixaria até tocar no chão para que com a ponto dos pés o coordenador pudesse impulsionar o objeto para cima. O golpe não fora forte, mas também não foi falso. Com uma ajuda dos membros superiores, principalmente ombros e costas, a espada girava sozinha como se fosse uma bola de basquete até chegar do outro lado e ser erguida aos céus em triunfo!

  Era de se esperar algum burburinho da publico, mas nada como o que vinha a seguir. Ainda sentindo uma leveza do movimento anterior, o braço livre flutuava no terreno misterioso, subindo lentamente a perna de apoio, deixando a espada cair! De propósito! Com um movimento veloz, o cabo era recuperado, pois caíra verticalmente e em seguida a perna que já estava erguida era transportada para o outro lado numa passada rápida de fora para dentro. O corpo do performer se contorcia para realizar o giro e levantar não só a poeira mágica, como também aplausos dos que assistiam.

  Agora com o corpo todo voltado para a esquerda do palco, a espada dançava nas costas da mão direita como se brincasse de gangorra, enquanto a esquerda tomava conta de tacar o chapéu longe, pois no mesmo instante que o objeto cortante tomou impulso circular e subiu braço acima, um vento azulado cheio de cristais brilhantes empurravam coordenador para um giro com a lâmina dançando entre os giros do rapaz. A troca de pesos determinava quando a espada rodopiava nas costas das mãos dele e quando desciam para o ombro e trocavam novamente, ganhando o impulso necessário para continuar por mais alguns rodopios.

  Não tardou muito e um outro vento surgia, agora rosado e da lateral direita, também cheio de brilho como se mini estrelinhas cósmicas quisessem bailar com o loiro agora que os braços estavam recolhidos e o movimento era restringido a cabeça, pescoço e ombos, enquanto as mãos eram unidas em sinal de prece! Ainda no mesmo eixo, o coordenador mascarado girava sua base, independente da dança da espada! Era um movimento sensual e elegante de se ver. Dois corpos diferentes salvando a mesma balada. Isto até Thito abria os braços e seu eixo giratório aumentar, movendo ainda mais o pescoço como se uma orelha dependesse disso até que a espada parou sobre o ombro esquerdo e, segurando pelo cabo, o coordenador, interrompia o movimento com o corpo inclinado para a lateral direita do palco, estendendo-se para cima, como se quisesse capturar algo distante nos céus, erguendo assim a mão direita, enquanto a esquerda, que empunhava a espada, era jogada para trás, com a lâmina subindo as costas do jovem.

  Eis que o show continuava com outra passada de pernas para o centro do palco, erguendo espada e ambas as mãos para cima, dando basta nos ventos. Todavia, um novo fenômeno era iniciado. Na mesma medida que o coordenador girava o acessório como uma hélice sobre a cabeça, pequenos astros começavam a descer sobre o palco. Eram estrelas cadentes! Agora mais de uma estrela poderia brilhar naquele palco. Thito se entregava totalmente à performance de abertura, evitando de reclamar do frio ou das estrelas cadentes que o atingiam. Ele apenas desempenhada o melhor que podia com aquele balé que unia o melhor dos mundos naquele cenário fantástico.

  Entre alongamentos e piruetas, mostrando que homem e arma eram corpo e alma, bailarino e bailarina, extensão um do outro, o coordenador mascarado continuava sua dança com as estrelas até que uma grande lua cheia, tão brilhosa e cheia de vida como o próprio satélite, tomava conta de boa parte do cenário. Ameaçando um grand finale, o coordenador agachou, abrindo sua base para uma melhor execução do que viria a seguir. Ele empunhou a lâmina do espetáculo com a mão direita, alinhando-a na horizontal, próximo dos olhos. A mão esquerda aninhou a espada do cabo à ponta para só então abrir ambos os braços e subir a perna esquerda para ter impulso se realizar um giro quíntuplo para só então lançar a bendita para o astro. Do encontro? Uma gigante comoção! O poder acumulado da lua se irrompeu em luz e pura energia, com a visão de uma galáxia estrelar no meio do palco! A espada? Sumia de vista (com Eros a capturando com um de seus laços, escondido aos olhos de todos).

  Nesse momento, o instrumental também se encerrava, junto da apresentação, com uma reverência do bailarino que por fim batia palmas, chamando para o palco os Fairy que, muito bem coordenados, auxiliaram na execução daquele espetáculo de abertura. Foi após dar os créditos aos companheiros que Thito se despedia sem dizer uma só palavra, apenas tirando a flor vermelha da lapela e jogando na direção de Ame, sumindo nas sombras da capa.

O cabaré das fadas - Página 7 WLTDK0a


OFF: Titos Swords' Dance as ref.: https://www.instagram.com/p/CAsrld_Dc3-/
Sylveon - Misty Terrain
Alolan Vulpix - Icy Wind
Rose Cottonee - Fairy Wind
Sylveon - Swift & Moon Blast


_________________
O cabaré das fadas - Página 7 W5hlBHq O cabaré das fadas - Página 7 NlM6DDG O cabaré das fadas - Página 7 Gmru5YM O cabaré das fadas - Página 7 YBCZFBe O cabaré das fadas - Página 7 JGaVm8I
O cabaré das fadas - Página 7 Jm9antl O cabaré das fadas - Página 7 GPrrVl7 O cabaré das fadas - Página 7 PIqk3hZ O cabaré das fadas - Página 7 M0fV8si
THITO É UMA MÁSCARA/PERSONA CRIADA PARA ESCONDER A IDENTIDADE DO MATTHEW. SE ELE NÃO CONTOU PARA VOCÊ OU NÃO DEIXOU PISTAS, POR FAVOR, EVITE AS RELAÇÕES ENTRE AS PERSONALIDADES, GRATO.
Mathito
Mathito
Ace Trainer II

Ace Trainer II

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Ame em Qua 17 Jun 2020 - 17:36

La Casa de las Florges
O grande dia!
  A informação de que Lisia havia enfim aparecido chegou até Ame bem quando ela estava saindo do camarim através de mensagem de Lilith. Aquilo era um problema! Havia gente demais no caminho até as escadas, a primeira apresentação já iria começar, Ame não tinha tempo pra isso.

  Em panico por dentro, Ame olhou para o teto cheio de balões de estrelas como se algo fosse vir do céu pra ajuda-la.

  — O teto aberto... Pra ver o palco desde a entrada... Mime! — Ao ser subitamente chamado, Mime se endireitou como um soldado. — Me faça passar por cima do palco até a entrada, entendeu?

  Como se fosse algo simples que fez varias vezes, Mime fez tanto Ame quanto a si próprio flutuarem até estarem realmente voando. Uma aura rosa mistica os envolvia e como as luzes estavam sendo diminuídas em preparação para a apresentação de Thito, quando a dupla passou voando por cima do palco até chegarem no andar principal pareceu algo magico.

"Ui, espero que não fique bravo" pensou Ame vendo que chamou um pouco de atenção. Mas isso era o de menos naquele instante.

  Quando seus pés tocaram o chão da recepção fizeram um leve "tuc", Ame só olhou para frente quando estava firme que não iria cair ou continuar levitando por ai, Mime tinha mais graça que ela, ele pousou e tirou a cartola branca para cumprimentar a grande convidada da noite na sua frente. Quando a coordenadora de cabelo azul enfim decidiu olhar para frente, Ame prendeu a respiração antes de finalmente falar sem soar eufórica.

  — Seja muito bem vinda ao Senkyu Cabaret! Sou a anfitriã de hoje, meu nome é Ame. E a senhorita chegou bem na hora do nosso show de abertura, teremos mais um ainda e depois a pista de dança estará liberada.

  Mime ao fundo parecia bem decepcionado com sua treinadora nervosa, Ame soava robótica e formal demais pro seu gosto.



Off: Vou só narrar minha ida até a recepção pra receber a Lisia neste post, ta? =x=
Ame
Ame
Treinadora

Treinadora

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Mathito em Qua 17 Jun 2020 - 20:41

La Casa de las Florges
Prestigiando o grande dia!
  Tão veloz quanto um Dedenne, me lancei no camarim e já me despia, pedindo ajuda de Eros com os sapatos e demais acessórios. A Cottonee e Ymir estavam tomando conta da porta para que ninguém me visse desnudo. Como fora uma aparição surpresa, não deveria ter tantos jornalistas ou paparazzi no local. Não tinha a confirmação de nenhuma outra celebridade, ao menos Ame não fez questão e anunciar.

  Em segundos aquele terno já não era mais meu. Eros me ajudava a retirar a maquiagem e qualquer vestígio que pudesse entregar minha identidade enquanto eu vestia minhas roupas de antes. Em tempo recorde me vestia e tomava alguns segundos para me olhar no espelho, pentear o cabelo e passar um brilho labial.

  Retornava todos e deixava o camarim pela mesma porta que entrei, dando a volta o mais rápido que pude, para então acessar a rua principal e -agora- com calma entrar num táxi, jogar 10pk pra ele andar duas construções a frente e comprar minha história de que tinha vindo de carro. Saía do veículo com um sorriso estampado no rosto dando boa noite a quem estava na fila. Eu furava na maior cara lisa, dando boa noite aos empregados. Era importante que eles também marcassem minha entrada atrasada.

  Logo que pude, peguei uma bandeja com seis taças de champanhe no bar. Isto porque via algumas pessoas na área vip e aquilo me enxia de energia e curiosidade. Com a bandeja em mãos, como se fosse um garçom casual, me aproximava e para a minha surpresa...

  — GWEN! - Um grande sorriso se formou no meu rosto. Apoiava a bandeja na mesa dela e estendia os braços aguardando um abraço. - Estou surpreso que conseguiu vir. Você ta sempre tão atarefada que...

  Não conseguia terminar de falar porque notava Flannery. A ruiva tinha me dado uma resposta tão "profissional" quando a convidei para o evento na oportunidade que tive dias atrás (após derrotá-la numa batalha quente) que tinha secado minhas expectativas. Mas ver ela aqui me deixava... molhado?

  Eu ainda estava tentando processar as coisas ali, mas dava as boas-vindas às duas com um sorriso alegre sincero e uma boa bebida. Não era sempre que tínhamos essa oportunidade. Lembrava bem da vez que conheci Gwen numa exploração no Vale do Aço. Deixei minha busca para trabalhar com ela e acabei me acidentando, tendo que deixar aquele lugar misterioso. Ela ficou me devendo uma nova exploração. Conversamos um pouco mais no ginásio dela (que também venci) e fiquei feliz por ter criado uma relação, mesmo que mínima, com um líder de ginásio. Gwen era simples e aventureira, sem contar que era bem divertida! Mas quando tinha de ser séria, ela e seu Sandslash metiam medo!

  — Hm.. mês que vem talvez eu passe em Mountrouck pra trocar uma ideia contigo. Quero mostrar uma estratégia de exploração antes de voltar ao Vale do Aço e queria sua opinião. Organizar uma agência não é fácil, mas depois da festa de hoje acredito que as coias devam começar a caminhar sem a necessidade de tanta supervisão. - Eu sorria, mas na verdade estava com medo de estar errado.

  A Senkyo era realmente um sonho, mas para se tornar um pesadelo administrativo não precisava muito. Meu maior desejo era voltar a focar na minha evolução pessoal e continuar a desafiar os líderes de Hoenn antes de voltar para Johto.


_________________
O cabaré das fadas - Página 7 W5hlBHq O cabaré das fadas - Página 7 NlM6DDG O cabaré das fadas - Página 7 Gmru5YM O cabaré das fadas - Página 7 YBCZFBe O cabaré das fadas - Página 7 JGaVm8I
O cabaré das fadas - Página 7 Jm9antl O cabaré das fadas - Página 7 GPrrVl7 O cabaré das fadas - Página 7 PIqk3hZ O cabaré das fadas - Página 7 M0fV8si
THITO É UMA MÁSCARA/PERSONA CRIADA PARA ESCONDER A IDENTIDADE DO MATTHEW. SE ELE NÃO CONTOU PARA VOCÊ OU NÃO DEIXOU PISTAS, POR FAVOR, EVITE AS RELAÇÕES ENTRE AS PERSONALIDADES, GRATO.
Mathito
Mathito
Ace Trainer II

Ace Trainer II

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Haruki em Qui 18 Jun 2020 - 0:20




Faerie Cabaret



Senkyo Cabaret - Sábado - 20:30 - Inauguração


A cada minuto que passava o Senkyo começava a ficar cada vez mais cheio, em breve não haveria mais lugares disponíveis e as pessoas precisariam aguardar as mesas liberarem. Como o foco ainda não era a pista de dança, clientes além da capacidade máxima não puderam entrar, mas recebiam um horário aproximado de quando o estabelecimento abriria em sua totalidade.

Os pedidos que chegavam ao restaurante colocavam os chefes sobre pressão, mas até o momento eles davam conta de libera-los em quatro a dez minutos, dependendo do tempo de preparo e da complexidade de cada prato. A equipe da limpeza fazia revezamento de turnos para limpar os banheiros, a cozinha e as mesas, além do chão quando algum alimento caía.

Movida por forças maiores, Lilith corria de um lado para o outro, cumprindo o seu papel de garçonete e de supervisora. O empenho da jovem era comentário de muitos clientes, pois ela era simplesmente perfeita em tudo o que fazia: ágil, simpática, cuidadosa e organizada. Talvez um pouco pragmática demais, mas era compreensível pela sua carga de trabalho.

No primeiro andar do cabaré, Lisia era surpreendida pela chegada da anfitriã. Ao lado dela estava um rapaz loiro, de bom gosto e simpático, uma mulher loira usando um vestido preto curto, mas elegante e belo, e um casal adolescente composto por uma morena de cabelo encaracolado e punk, raspado nas laterais, e um loiro de undercut e roupas pretas. Lógico que a Top Coordenadora se destacava: trajava um vestido bem ajustado, azul marinho com pedras brancas, elegante e confortável, os seus cabelos azuis estavam soltos e o salto branco a deixava com ainda mais cara de alguém importante, assim como o da sua acompanhante mais madura.

- Muito obrigada! Amei cada detalhe na decoração, fizeram um trabalho bem caprichoso. Esses são meus amigos: Chaz, Cassie, Cass e Eustace. Sim, muitos C’s. – Riu, simpaticamente. – Queremos uma mesa que dê para ver o espetáculo, por favor.

Os demais treinadores do grupo de Lisia cumprimentaram a treinadora com a mesma educação, embora o casal punk aparentasse ser mais travado para falar. Ela olhava para tudo com encanto, principalmente quando o Misty Terrain de Eros transformou o palco em um dos seus cenários preferidos. De certo modo, a jovem era muito mais simples do que o seu estereótipo pregava e não precisava de um show complexo para fazê-la vibrar. Por outro lado, Chaz, o loiro que a acompanhava, observava a dança em um silêncio inquietante, qualquer um conseguiria dizer que ele estava tão entretido que havia se perdido da realidade momentaneamente. Os demais não demonstravam tanta imersão na apresentação de Thito, mas os seus olhos não desviavam do palco, assim como a maioria dos outros expectadores.

O fim da performance do coordenador rendeu uma salva de palmas que poderia ser escutada pelos restaurantes próximos, só não aplaudia os funcionários que tinham suas mãos extremamente ocupadas com bandejas, utensílios de cozinha e etc.

Levou algum tempo para que o loiro conseguisse disfarçar a sua identidade dupla, mas assim que voltou como Matthew foi direto para as duas líderes de ginásio, que estavam jogando conversa fora e rindo abobadas. Flannery tomava um drink e, de vez em quando, mordiscava o canudo vermelho, reutilizável e devidamente esterilizado após cada uso, e roubava as batatas fritas que Gwen tentava comer. Óbvio que a menina revidava, pegando o copo da amiga e tomando goles da bebida de morango e cereja. O que a aventureira não esperava, era que havia álcool na mistura, reagindo com uma careta que quase fez a ruiva cair no chão de tanto rir.

- Sabe, eu não sei como lidar com esse tipo de negócio. Lidar com máquinas de escavação, cair em ruínas e, vez ou outra, acionar umas armadilhas de civilizações antigas é muito mais o meu lance. – De tom bem humorado, a jovem elogiou, indiretamente, a capacidade do treinador de lidar com o Senkyo Cabaret.

- Você ainda tá no lucro, eu só cuido do Ginásio, das fontes termais e, vez ou outra, de alguns problemas no Mt. Chimney. Qualquer dia desses eu vou numa dessas explorações com você, só não prometo ser útil! – Brincou a moça, trocando um olhar com Gwen antes de tomar um gole da sua bebida. – Oh, nós devíamos ir falar com a Lisia né?

- Quase que eu me esqueço, obrigada por lembrar. Você vem também? – Perguntou a morena, percebendo que o loiro poderia não ter terminado a conversa.

Off:
É TEXTO QUE VOCÊS QUERIAM? Q

Surtei

Posts de Ame: 4


(C) soph

Haruki
Haruki
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Mathito em Qui 18 Jun 2020 - 1:18

La Casa de las Florges
Prestigiando o grande dia!
  Entre risos e bebidas, tentava tornar agradável não só a noite das duas, mas a minha também, mas falei miseravelmente falando de negócios... Bem, ao menos elas se divertiam reclamando da vida e eu as acompanhava mais uma vez.

  — Obrigado. Eu quero que seja um espaço legal pra reunir os amigos e dar uma oportunidade para artistas em ascensão. Particularmente não sou muito fã de brilhos, mas me surpreendi com o coordenador que se apresentou hoje. Ame ficou encarregada de organizar toda a festa, que está incrível, se posso dizer.

  Ta bem, o narrador também tinha seus créditos! A festa estava badaladíssima... Bem, talvez até demais. Foi só Flannery mencionar um nome que quase engasgo com o espumante. Sentia um arrepio na espinha e meu corpo inteiro paralisar. Lisia tinha vindo? Eu era obrigado a encará-la? Bem, Gwen me convidava para ir junto. Pus um sorriso falso no rosto e não deixei transparecer que tinha ficado mexido com a informação.

  — Claro! Por que não? - disse afinal, acompanhando as duas.

  Não era como se a top coordenadora tivesse optado por um aprendiz qualquer no concurso onde Thito não só venceu, mas usou 2 Fairy-Type, Eros na fase de apresentações artística e visual e Sakura na de combates. Ok. Ruby não tinha culpa daquele infeliz episódio para a saga do coordenador mascarado, mas contribuiu para um longo bloqueio criativo e inúmeros questionamentos de identidade.

  De toda forma era o Matthew que estava ali e por mais que Lisia representasse algum distúrbio na outro personalidade, nada seria dito ou sentido. Afinal, eles não se conheciam. Então abriria um sorriso gentil e receberia ela como faria com qualquer outro, me apresentando não só como dono do cabaré porra, mas também administrador da sociedade que dominava em Slateport e que incentivou tudo aquilo. Sem a AVENGERS, a Senkyo nunca teria saído do rascunho. Por sorte, Ame estava junto da pop star para me dar algum conforto, mesmo que na companhia silenciosa. E não só ela, mais gente seguia Lisia... Mas não os conhecia.

_________________
O cabaré das fadas - Página 7 W5hlBHq O cabaré das fadas - Página 7 NlM6DDG O cabaré das fadas - Página 7 Gmru5YM O cabaré das fadas - Página 7 YBCZFBe O cabaré das fadas - Página 7 JGaVm8I
O cabaré das fadas - Página 7 Jm9antl O cabaré das fadas - Página 7 GPrrVl7 O cabaré das fadas - Página 7 PIqk3hZ O cabaré das fadas - Página 7 M0fV8si
THITO É UMA MÁSCARA/PERSONA CRIADA PARA ESCONDER A IDENTIDADE DO MATTHEW. SE ELE NÃO CONTOU PARA VOCÊ OU NÃO DEIXOU PISTAS, POR FAVOR, EVITE AS RELAÇÕES ENTRE AS PERSONALIDADES, GRATO.
Mathito
Mathito
Ace Trainer II

Ace Trainer II

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Ame em Qui 18 Jun 2020 - 16:27

La Casa de las Florges
O grande dia!

  Ame estava surtando por dentro, mas ela tinha uma expressão sorridente por fora e isso era oque importava. Ela conduziu o grupo de coordenadores até a área vip do andar inferior, seria muito mais privativo e menos lotado do que se arrumasse uma mesa no restaurante já lotado, fora que teriam uma vista completa do palco dali.

  No meio do caminho, Ame falava e mostrava a decoração, comentava sobre como foi muito esperto da parte do dono ter janelas espelhadas no andar superior, de conseguir ter praticamente dois estabelecimentos em um e tal.

  — Falando dele, Matthew deve aparecer logo pra conhece-la, Lisia. — Ame disse para a top coordenadora.

  As pessoas se viram para Lisia e seu grupo enquanto cruzavam o lugar. Assim que chegaram na área vip, já tinha um balde de gelo com champanhe e petiscos esperando por eles. Ame supos que foi Lilith. "Lilith é incrível!" ela pensou imaginando o quanto essa garota devia estar correndo hoje.

  Matthew deu as caras logo em seguida, e junto trazia Gwen e Flanery. Agora a área vip estava cheia de celebridades (excluindo Ame e seu Mime). Ame esperou uns cinco minutos antes de, discretamente, cochichar para Matthew que ela tinha de sair, já estava atrasada para se apresentar.

  Tentando ser o mais discreta possível, a coordenadora saiu da área vip e, de novo, voltou a correr a para preparar seu show. Depois que acabasse, enfim podia abrir a pista, isso iria desafogar um pouco o tanto de gente no andar de cima, o que iria liberar mesas para quem estava esperando pra entrar no restaurante.

  Ame teve de passar pelas pessoas pra poder chegar até o camarim atrás do palco. Ela não tinha de se arrumar, mas Rui tinha de ser arrumado e Hoshino precisava ser colocado no palco sem ninguém notar.

---

  Por mensagem, Ame disse a equipe no controle da iluminação como deviam operar as luzes durante seu show. Era algo simples, só tinham de apaga-las no inicio para a coordenadora subir no palco, posicionar seus pokemons e então deviam acender somente um holofote sobre Ame. E assim aconteceu.

  — Boa noite, pessoal! Eu sou Ame e quero apresentar a vocês o ultimo show de hoje. Depois vocês podem dançar até não aguentar mais, ok? Bom, eu tenho um pequena história para lhes contar.

  Assim como foi na primeira apresentação, as luzes foram diminuindo até ser um breu total no andar inferior. Só a voz de Ame existia na escuridão.

  — Há muito tempo atrás, um Pikachu que amava o mar desejou ser capaz de surfar como os pokemons aquáticos. Ele esperou por noites e dias setando na praia junto da sua prancha até que, numa noite escura sem lua ou estrelas, algo brilhou no céu.

  E certinho como a coordenadora disse, algo surgiu sobre o palco. Usando o brilho gerado por Harden, uma Staryu apareceu entre os balões prateados e caiu do meio deles. Em sua queda ela começou a girar e do núcleo do seu corpo surgiram estrelas mais brilhantes e pequenas que encheram o céu sobre o palco (Swift).

  A iluminação aumentou um pouco só para permitir que o publico conseguisse ver um Pikachu sentado no palco junto de uma prancha, exatamente como Ame contava. O brilho de Staryu e suas estrelas ainda eram as luzes mais chamativas no espaço. Pikachu olhava fascinado para tantas estrelas, mas seu olhar estava mais concentrado na própria Staryu em queda do céu.

  — Assim o céu vazio daquela noite escura se encheu de estrelas e a mais brilhante cruzou o céu até cair na praia, bem do ladinho daquele Pikachu. Staryu, de uma forma inexplicável, com seu poder atendeu ao desejo daquele pequeno pokemon.

  Novamente usando Swift, Staryu atirou estrelas contra Pikachu que invés de ser golpeado, foi circulado por essas estrelinhas douradas. Usando o glitter powder dado por Brianna para tornar o momento ainda mais brilhante e magico, Pikachu pareceu estar evoluindo de tanto que brilhava, ele até fechou os olhos.

  Fora de cena, escondido atrás das cortinas, Mime, que foi instruído a dar auxilio de fora por Ame, usou seu Psychic para fazer Pikachu flutuar um pouco naquele momento.

  — Do fundo do seu ser, aquele Pikachu pode sentir algo mudando em si. Quando ele percebeu, sabia que era capaz de ser como os pokemons aquáticos que tanto invejava. Ele teve seu desejo atendido!

  Pikachu abriu os olhos como se tivesse saído de um transe e encarou a plateia antes olhar para suas mãozinhas, então para seu corpo e por fim para staryu no céu. A estrela do mar brilhou sua joia como quem diz "vá em frente", foi neste momento que Pikachu sorriu e ergueu suas mãos para o alto onde bem sobre elas, as partículas de água do ambiente começaram a se juntar e formar uma grande esfera azul que Pikachu instintivamente arremessou contra o chão embaixo de si e assim ela explodiu numa grande onda!

  Por um breve momento pareceu que todo o andar do pub iria ser inundado. Mas não aconteceu. A onda estancou como se congelada antes que pudesse se quer encostar na primeira fileira de convidados. Ela tinha uma aura rosa cintilante a envolvendo e no momento seguinte, a onda se moldou como se fosse uma grande linha que circulou por todo o palco até passar pela pista de dança e até dar a volta pelo topo do palco, passando entre os balões de estrelas e até passando perto das janelas do restaurante.

  Ame sorria muito feliz por Mime ter poder o bastante para fazer aquilo por trás das cortinas. Toda a atenção caiu sobre Pikachu que com sua prancha surfava pelo lugar todo seguindo o rio magicamente suspenso.

  — Daquele dia em diante, todo Pikachu se tornou capaz de aprender surf. Tudo graças a uma estrela caída dos céus.

  Pikachu usou seu Double Team para criar varias copias de si mesmo que o imitavam fazendo manobras pela água, tudo para ilustrar a história. No fim, os caminhos de água convergiram até o centro do palco e quando todos os pikachus se encontraram, colidiram, deixando somente um único Pikachu sobre sua prancha. A água toda que flutuava pelo lugar, voltou a ser só uma bolha azul que, num segundo, desapareceu do palco.

  Ao fim, assim como começou, restavam no palco um pikachu setando ao lado da sua prancha, mas agora ele sorria para a estrela que lhe condeceu seu desejo. As luzes se apagaram, deixando tudo no mais escuro breu de novo por um breve momento antes de voltarem, agora coloridas e mais intensas.

  Como dito pela coordenado, a pista de dança enfim estava aberta para quem quisesse aproveitar o resto da noite nela. As ultimas palavras de Ame ao publico foi meramente um agradecimento por terem vindo a abertura.

  — Em nome de toda a staff, muito obrigada por terem vindo a nossa festa. Divertam-se! — Ame enfim deixou o palco.

---

  Ao fim do show e fora do palco, Ame estava novamente no camarim. Rui estava animadíssimo, pelo visto ela adorava se apresentar mesmo. Já Hoshino parecia uma pedra, estava estática, Ame supos que a estrela do mar não gostava de atenção tanto quanto Pikachu. Assim que tinha colocado Pikachu e Staryu em suas pokeballs, Ame se voltou para Mime que se mantinha sorridente, mantendo uma bolha de água flutuando entre suas mãos.

  Usando o poder de Mime pra manter a água comprimida naquela bolha, Ame se desfez daquilo da forma mais eficiente possível: jogando toda a água pela descarga do banheiro do camarim. Levou um tempinho. Mas assim que tinha terminado, ela estava livre para continuar seu trabalho como anfitriã!

  Ame circulou um pouco para ver como tudo estava indo pelo Cabaret (Ame praticamente era desnecessária, Lilith tinha tudo sob o seu mais firme controle). Sem muita preocupação, ela então seguiu para a área vip para ver como estavam, se Matthew queria ajuda com algo ou se alguns dos convidados especiais precisava.



Off: Acho que o Haru nunca mais vai querer narrar rota assim. =x= (Mas você esta sendo ótimo, Haru!)
Eu estou nas ultimas aqui, não sei o mais que fazer agora! Encerramos depois disso?
Ame
Ame
Treinadora

Treinadora

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Haruki em Sex 19 Jun 2020 - 0:59




Faerie Cabaret



Senkyo Cabaret - Sábado - 21:34


Gwen não se estendeu na conversa sobre a apresentação do coordenador, apenas a elogiando e reafirmando a sua incapacidade de diferenciar uma bela apresentação de algo a mais, Flanney menos ainda, apenas concordou, liderando a ida até a mesa de Lisia. Ela tinha uma intuição muito boa, pois ia direto para a área VIP.

- Eaí Lis, como vai? – O modo despojado, sem restrições, da jovem era icônico. – Oi amigos da Lis. – Incluiu o restante do grupo, abrindo um sorriso descontraído.

- Boa noite. Quanto tempo Lisia, espero não estar sendo inconveniente. – Um pouco mais preocupada, a aventureira também interagiu arrancando uma risada da artista de cabelos azuis.

- Vocês continuam duas figuras! Aliais, vivi para ver vocês duas em um lugar assim. Já estava achando que eram alérgicas à Contest, de tantos convites meus que recusaram. – Sorrindo, a Top Coordenadora continuava a conversa de forma agradável. – Então você que é o dono daqui? Parabéns pela iniciativa. Lilith me contou tudo.

Sim, a garçonete tinha dado atenção especial à mesa da celebridade, percebendo que o objetivo do seu patrão era impressionar a coordenadora. Infelizmente, para o rapaz, o diálogo teve que parar para todos poderem assistir à apresentação de Ame. Gwen, que fez questão de trazer o resto das suas batatas fritas, foi a única que conseguiu tirar os olhos da performance da treinadora, enquanto terminava de forrar o estômago.

A narrativa construída em torno de Pikachu e Staryu, com o desejo do roedor por conseguir fazer algo considerado impossível para a sua espécie, foi brilhante, uma fórmula já conhecida, mas que não perdia a mágica. Principalmente as crianças, como o irmão de Brianna, ficaram tão empolgados com a apresentação de Ame que um silêncio quase absoluto se estabeleceu do início ao fim.

O fim, muito similar a um Conto de Fadas, era marcado por uma salva de aplausos tão longa e empolgada como a de Thito, a coordenadora conseguiria sentir a energia das criancinhas por mais alguns dias. Brianna também estava tocada, pois era mais sensível a histórias como essa, apesar da pose de durona.

As pessoas voltavam para as suas atividades, algumas iam embora, pois só queriam comer e assistir as apresentações, mas elas apenas abriam mais espaço para tantas outras que entravam no estabelecimento, agora que a pista de dança estava livre. Os convidados não demonstravam vontade de ir embora, queriam se despedir da treinadora que os convidaram, mas estavam comendo e conversando, todos em uma mesa só.

Off:
Eu amei narrar, mas post grande não é comigo sauhsahusahusahuhsau. Ultimamente minha criatividade foi para o ralo e o que sobrou é isso, só aceitem Q.

Postem as suas despedidas bb's que eu encerro a rota.

+25 de fama e 5 de reputação em Slateport para AVENGERS (vou atualizar no fim)

Posts de Ame = 5


(C) soph

Haruki
Haruki
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Mathito em Sex 19 Jun 2020 - 1:31

La Casa de las Florges
Prestigiando o grande dia!
  É isto pessoal. Sobrevivemos à Lisia sem ser antipáticos e não ficamos embriagados. Vitória!

  Ame como sempre dava um show. Eu tinha dito uma verdade, brilho não era muito meu forte, mas gostava do marco na treinadora e eu nunca tinha visto um Pikachu usando aquele movimento! Realmente encantador. Bem, após o espetáculo e depois de mais uns comes e bebes, os convidados só aguardavam Ame retornar para se despedirem. Eu também iria e já dava meu adeus e muito obrigado pela presença de todos.

  Só aguardei a coordenadora retornar, se despedir e me dar uma resposta de estar tudo certo para chamá-la no escritório e acertar os pagamentos do contrato.

OFF: Obrigado pela narração e paciência Haru, e me desculpa de te aporrinhei. Como comentei, eu realmente esperava mais das recompensas, porque uma rota administrativa está dando 50 de Fama +5 de Reputação (sem contar nos eventos que foram feitos e iniciados antes das regras e tabela). Digo isso não só pelo esforço da Ame, mas como pelo meu que ainda reservei um tempo para comparecer e realizar uma boa presença.
Fiquei um pouco frustrado sim e provavelmente não abrirei mais espaço para tarefas do gênero, uma pena, pois fiz isso também pensando em dar mais espaço para os coordenadores do fórum (não fiz questão de ser alguém interno realizando a missão).
adendos escreveu:+ PK$ 1.000,00 retirados do caixa da sociedade + 1 Green Apricorn do depósito da sociedade para Ame pela conclusão da tarefa;
+ PK$ 1.000,00 retirados do caixa da sociedade para mim pelo empenho aqui e no festival wish! (porque eu mereci)

- 2 últimos Pick Up!
- devolver Rose Cottonee para Ame
- mover este tópico para o fórum "SENKYO CABARET"
- não esquecer de atualizar a aba de tarefas para concluído
- depois que me liberar e atualizar o tópico da sociedade, por favor deposite a próxima renda: link

_________________
O cabaré das fadas - Página 7 W5hlBHq O cabaré das fadas - Página 7 NlM6DDG O cabaré das fadas - Página 7 Gmru5YM O cabaré das fadas - Página 7 YBCZFBe O cabaré das fadas - Página 7 JGaVm8I
O cabaré das fadas - Página 7 Jm9antl O cabaré das fadas - Página 7 GPrrVl7 O cabaré das fadas - Página 7 PIqk3hZ O cabaré das fadas - Página 7 M0fV8si
THITO É UMA MÁSCARA/PERSONA CRIADA PARA ESCONDER A IDENTIDADE DO MATTHEW. SE ELE NÃO CONTOU PARA VOCÊ OU NÃO DEIXOU PISTAS, POR FAVOR, EVITE AS RELAÇÕES ENTRE AS PERSONALIDADES, GRATO.
Mathito
Mathito
Ace Trainer II

Ace Trainer II

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Ame em Sex 19 Jun 2020 - 4:40

La Casa de las Florges
O grande dia!
  Sua entrada na area vip foi recebida com muita atenção, Ame era esperada por todos, o que a deixou um tanto nervosa e vermelha.

  — Gostaram? — Foi tudo que conseguiu dizer antes de ser puxada para a mesa e receber comentários sobre sua apresentação.

  A conversa não durou muito, ela não pode aproveitar estar na companhia daquelas pessoas, pois já estava ficando tarde. A festa estava ficando morna e o movimento estava diluindo.

  — Ah! Será que não seria ousadia minha pedir pelo contato de vocês? É pra futuros eventos assim, digo, para quando eu for responsavel por organizar eventos assim no futuro, poder convida-los, juro que é só isso! — Ame enfim conseguiu dizer olhando tanto para Lisia quanto para Gwen, Flannery e os demais presentes.

  Era tanto abuso pedir algo assim tão do nada, mas quando ela teria uma oportunidade assim novamente? Talvez nunca! Assim que obteve respostas ao seu ousado pedido, Ame respirou fundo e sorriu, novamente agradecia por terem vindo honrar a abertura do Senkyu Cabaret.

  — Hoje foi a experiência mais estressante que já tive, mas ainda assim, eu gostei muito de fazer isso. — Ame comentou durante a conversa.

  Conforme o tempo passou, chegou a hora de se despedir dos seus ilustres convidados famosos e como boa anfitriã, Ame os conduziu até a entrada. De novo agradecia e finalmente dizia adeus com um desejo de voltem sempre.

  Ame permaneceu no Cabaret até que os últimos clientes tivessem deixado o restaurante e o pub. Ela ficou pra ajudar na limpeza e também pra agradecer pelo esforço da equipe, principalmente de Lilith. No fim, Ame foi até o escritório encontrar Matthew para receber seu pagamento. E a sua cottone de volta também! Lá, ela acabou por ficar um tempinho porque desatou a falar sobre como foi divertido participar daquilo, de conhecer Lisia e as lideres e seus amigos coordenadores, de se apresentar para um publico diferente.

  — Me contrate mais vezes! — Ame disse contente sem se dar conta enquanto aceitava o pagamento. Ela nem contou o dinheiro, só guardou tudo antes de se despedir. Só que antes de sair da sala, ela se virou pra Matthew e falou — Ei, amanhã eu venho aqui pra ensinar alguns dos seus TMs pra alguns dos meus pokemons, hoje foi muito corrido pra fazer isso devidamente. Ta bom?

  Ame confiava que não tinha problema isso, então foi embora pro centro pokemon ter uma boa e merecida noite de sono pesado.

  Na manhã seguinte, tudo que a coordenadora conseguia lembrar direito era que ela correu muito ontem. As lembranças da festa foram voltando durante o café e durante o caminho até o Senkyu. Como tinha dito, Ame voltou para ensinar seus pokemon, se Matthew ali estivesse obviamente.

  A coordenadora trouxe consigo Flareon, Staryu, Sealeo, Eevee e sua dupla de plantas, cottonee e Petilil. A "sessão de TMs" aconteceu ali mesmo no escritório, foi algo rápido, Ame só rodou o vídeo dos TMS na sua dex para cada pokemon e confiou que eles entenderam.

  — Valeu de verdade por isso, Matthew. Você é legal até demais, sabia? — Ame comentou enquanto recolhia seus pokemon. Ela iria voltar ao centro agora e arrumar sua equipe para partir rumo á Goldenrod em Johto.



Off: Conseguir os contatos de Lisia, Gwen e Flannery se possível. >x<

- Ensinar Overheat pro Flareon, substituir Bite.
- Ensinar Surf pra Staryu, substituir Water gun.
- Ensinar Surf pra Sealeo, substituir growl.
- Ensinar Rain Dance pra Eevee, substituir sand attack.
- Ensinar Toxic e Double Team pra Petilil.
- Ensinar Psychic, Double Team e Toxic pra Cottone, substituir worry seed, stun spore e mega drain.

Aprender tudo automaticamente, por favor.

Já vou deixar minha equipe pronta pra Tohjo: Flareon, Galvantula, Mime, Froslass, Cottonee e Eevee vem todos pra box!
Ame
Ame
Treinadora

Treinadora

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Haruki em Sex 19 Jun 2020 - 18:19




Faerie Cabaret



Senkyo Cabaret - Sábado - 23:00


Os convidados recebiam a coordenadora com sorrisos e elogios, além de agradecerem o convite. As três líderes de ginásio não viam problema em dar os seus números à treinadora, apenas pediam para evitar ligações atoa e para não divulgar os números com mais ninguém. Os demais não estavam mais ali para ouvir, aproveitando as suas bebidas e curtindo o som tocado com a abertura da pista de dança.

Com isso, Ame e Matthew se despediam e tratavam de ir resolver as pendências do contrato. Lilith anunciava sucesso nas vendas, apesar dos gastos extras com decoração, iluminação, ingredientes especiais e outras despesas menores, a movimentação do Senkyo arrecadava o suficiente para pagar todos os funcionários e gerar um bom lucro.

Off:
Post ainda menor por causa do tanto de att que vem agora. Foi legal de narrar a rota, mas eu não posso negar que deu mais trabalho do que eu imaginei. Espero que tenha dado para aproveitar. Posts totais de Ame = 6.

Correção do que foi obtido pela sociedade:

+50 pontos de Fama,  +5 de reputação (100 é o máximo com uma cidade e estava em 95) e +1200 P$ para o Caixa da Sociedade

____ Parte para eu me guiar ao fazer a Att do Caixa e das fichas, ignorem _____

Ame: + 1000 P$, 1 Green Apricorn, ficha mudada, TM's ensinados, contado das GYM leaders

Thito: + 1000 P$, +1 Pecha Berry e +1 Oran Berry por Pick Up, devolveu Cottonee pra Ame

AVENGERS: + 50 pontos de fama, + 5 pontos de reputação com Slateport, tarefa de Ame completada, -1 Green Apricorn

Caixa:  9825 - 800 [1200-2000] + 4000 [base do restaurante grande] + 4760 [4*1190 Fama] = 17 785

Liberados @Ame e @Mathito


(C) soph

Haruki
Haruki
Ace Trainer I

Ace Trainer I

Alertas :
O cabaré das fadas - Página 7 Left_bar_bleue0 / 100 / 10O cabaré das fadas - Página 7 Right_bar_bleue


Voltar ao Topo Ir em baixo

O cabaré das fadas - Página 7 Empty Re: O cabaré das fadas

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado



Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 7 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum